Psicologia e estetica

Publicado em: 14/05/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 1,375 |

Desde os tempos mitologicos que a auto-imagem , vem provocando uma visão erronea nas pessoas ,pois a decodificação estetica do seu corpo vem assumindo um parametro até certo ponto  anormal e falso.

O objetivo da estetica é a busca do belo.So que o meios de comunicaçao e a midia mostram modelos  padrões expecificos de beleza, que infelizmente são ditado as pessoas como uma realidade.

As cirurgias esteticas hoje estão em alta,sendo simplesmente para correçaões de deformidades como tambem para remodelamento do corpo.Dessa forma a canalizaçaõ da moda do corpo sarado esta virando uma  febre.

Diversas emoções e sentimentos negativos  são projetados na imagem fisica de  certas pessoas e, o resultado muitas vezes não são satisfatorios, provocando uma baixo-auto-estima.O sentimento de inferioridade  decorre   de uma fragilidade na personalidade e de uma inadequaçaõ no que voce vê,sente e quer.

Esse processo esta atrelado a problemas de rejeiçaõ associados aos sintomas de ansiedade vindas do organismo e do meio social. É o somatorio de experiencias de  vida ,desajuste com a propria imagem em relaçao as imagens que são projetadas pela midia como  corpo esteticamente perfeitos e bem delineado.

A dualidade entre mente e corpo compreende o homem como um ser que possui realidade fisica e mental.Essa relaçaõ dualista e a valorizaçaõ da aparencia nem sempre vem acompanhada de conteudo.

A negação do corpo e a sua valorizaçaõ exagerada acontecem simultaneamente.Os corpos moldados possuem um padrão de beleza distante da realidade concreta, e estão longe da perfeiçaõ.Por isso antes mesmo de modela-lo, uma avaliaçaõ psicologica deve ser feita e, um acompanhamento pos-cirurgico muitas vezes é aconselhavel para pessoas que apresentem padrões de estabilidade emocional.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/auto-ajuda-artigos/psicologia-e-estetica-4770431.html

    Palavras-chave do artigo:

    baixo auto estima

    ,

    sentimento de inferioridade

    ,

    estetica

    Comentar sobre o artigo

    Benedicto Ismael Camargo Dutra

    Em meio aos cenários de pânico e acontecimentos dramáticos de sofrimentos, a compaixão e a solidariedade vão aos poucos ficando frágeis, pois se avolumam as condições de emergência como pobreza, doenças, catástrofes. Semeia-se o medo da insegurança e da incerteza cuja origem se desconhece, e com o medo sobrevém o ódio.

    Por: Benedicto Ismael Camargo Dutral Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 16/09/2014

    Este artigo fala sobre os fatores que influenciam as dificuldades de aprendizagem, buscando compreender a interferência do sistema escolar, familiar e socioeconômico nos problemas de aprendizagem. A importância de pesquisar tal assunto estar em aprofundar o conhecimento sobre as dificuldades de aprendizagem, assim como ampliar a visão a partir da literatura sobre o tema, proporcionando entendimento das representações e compreensão sobre os problemas de aprendizagem.

    Por: Daniel Soaresl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 26/08/2014 lAcessos: 13

    Quando a Luz da Verdade resplandece na Alma do Ser Humano a sua meta é a ascensão no Bem, causando a morte de tudo o que é ruim.

    Por: ADRASTIA ABNARAl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 26/08/2014
    Escritorcampos

    Como adicionar o sonho à vida real "Sonhar é viver" A ciência afirma ser o sonho produto da imaginação inconsciente, o esoterismo se apega aos ícones e suas coincidências. A religião o tem como profecia das divindades.

    Por: Escritorcamposl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 15/08/2014

    É incrível a capacidade que o ser humano tem de humilhar o outro. Prepotência ? Orgulho? Arrogância? As palavras daquele que humilha se revestem do mesmo peso dos adjetivos acima. São ásperas, cheias de ódio e mesquinharia. Não acrescentam, não elevam, não dignificam. Desqualifica, destrói, ameaça a integridade moral, dilacera a alma daquele que se sente humilhado.

    Por: Renata Barcelosl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 13/08/2014

    De acordo com a visão de mundo as pessoas podem ser pessimistas,realistas e otimistas.

    Por: Eder Lima Affonsol Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 06/08/2014 lAcessos: 16
    Lilian Bendilatti

    Esses exercícios podem ser usados para aquecer um grupo para realização de uma atividade, curso ou treinamento ou para nós mesmos exercitarmos nossa concentração.

    Por: Lilian Bendilattil Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 05/08/2014 lAcessos: 11
    Pedro Rêgo

    Um dos grandes erros que muitas vezes cometemos é quando acreditamos na falsa verdade de que qualquer projeto pessoal ou profissional que idealizemos com objetivo de se tornar um sucesso, é necessário iniciar grande ou ter um grande suporte por trás, seja moral ou financeiro.

    Por: Pedro Rêgol Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 25/07/2014 lAcessos: 15
    Silvia Ramos

    O texto esclarece a utilização dos exercícios de Pilates como um recurso maior para a melhora da postura e alongamento da musculatura.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 29/07/2014
    Silvia Ramos

    O presente texto tem apretensão de enfatizar a Melancolia como sentimento patologico muito agregados aos poetas do seculo passado, e que destroi ate hoje as pessoas, que não sabem lhe dar com suas emoções.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 30/04/2012 lAcessos: 240
    Silvia Ramos

    O presente texto prioriza o desapego a objetos que são guardados por muito tempo dentro de armários ou dentro de nos mesmos sem utilidade real. Temos que nos desfazer dos sentimentos afetivos incluso dentro de ojetos que nos foram dados por avõs,pais,colegas e ate adquiridos em bincos e festinhas familiares.Ficamos guardando ,sapatos vestidos a espera de uma festa que por vezes é imaginaria,fruto de fantasias organizada durante um tempo de nossa vida inconscientemente.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 27/08/2011 lAcessos: 342
    Silvia Ramos

    O presente texto pontua uma nova mudança de vida no comportamento humano baseando-se numa nova direção e um novo comportamento.Mudança de script simplesmente mostra que as mudanças começaõ de dentro para fora e, por isso muitas coisas que deasejamos simplesmente não se realizam.Temos que vivenciar os sentimentos interiorizados no nosso coraçaõ. Temos que ficar atentos aos sinais que aparecem na nossa vida,pois eles vão nos guiar para a soluçaão dos mesmos.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 21/08/2011 lAcessos: 193
    Silvia Ramos

    O tema escolhido tenta nos mostrar como os sentimentos negativos modificam o comportamento dos seres humanos que não sabem lidar com suas emoções .Cada pensamento que criamos cada fantasia que desenvolvemos gera um sentimento no nosso corpo o qual fica gravado em nossa alma. Tudo o que somos é o resultado daquilo que temos pensado.Nossos pensamentos são os árbitros da nossa saude ou da nossa doença,sendo assim,nós nos frustramos , desiquilibramos e enrugamos o nosso emocional.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Redução de Stressl 13/08/2011 lAcessos: 109
    Silvia Ramos

    RESUMO Podemos repro-gramar nossa vida e exercer um auto controle se estamos decididos a melhorar a nossa vida,no aqui e agora. O nosso corpo apresenta doenças que se formam por aprisionamento de energias que nos desequilibram como: ódio, raiva, ciúmes baixa estima e a pior delas a rejeição. O nosso emocional guarda os pensamentos negativos e consequentemente o nosso corpo adoece. Comece a não se levar muito a serio,esqueça atitudes que talvez lhe tenham sido boa num passado e hoje se tor

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 27/05/2011 lAcessos: 114
    Silvia Ramos

    SINOPSE O PRESENTE ARTIGO PROCURA DAR UM ESCLARECIMENTO SIMPLES DO PODER DA ESCUTA DENTRO DE UM SETTING PSICOTERAPICO .PROCURA MOSTRAR ESSA FERRAMENTA COMO SENDO O CAMINHO POSSIVEL PARA A COMPREENSÃO DO SUJEITO, TRADUZINDO-SE NUMA MELHORA DE SUA AUTO-ESTIMA.

    Por: Silvia Ramosl Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 08/03/2011 lAcessos: 135
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast