Acidentados no trabalho ou na estrada? - Como as testemunhas podem ajudar a exercer

Publicado em: 24/10/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 99 |

Para estar deprimido e impotente após um acidente que não foi sua culpa é normal e você pode sentir como você tem que reivindicar os benefícios para acidentes de sair do seu pântano. Muitas das vítimas de acidentes de viação e acidentes de trabalho, juntamente com os seus homólogos em outros lugares ao redor do mundo não é completamente certo depois de um acidente, como eles dizem. Mas se você tem um acidente que não foi sua culpa, então, para obter os melhores danos é uma boa idéia para instruir uma empresa reivindicação do acidente.

Mesmo se a sua lesão parece menor, você deve ter verificado, em pormenor, por duas razões. A profundidade da sua lesão pode não ser evidente na superfície e em segundo lugar, porque a empresa é acidente também vai precisar de suas anotações de peritos independentes sobre os ferimentos sofridos no acidente. Para enviar um pedido, seus advogados vão depois incluir uma cópia do relatório elaborado pelo seu médico especialista. Então, ficando este, enquanto elementos extra que você está ferido é vital para a sua prova em qualquer reivindicação.


Em muitos casos, os acidentes que ocorrem na estrada pode exigir uma acção por parte da polícia. Se este for o caso, então a melhor opção seria entrar em contato logo que o acidente ocorreu e dizer-lhes a sua versão dos acontecimentos. Uma pessoa ou um carro que é responsável pelo acidente deve, em sua opinião também ser mencionado.
 
É claro que, quando a exigência para o advogado de acidentes passa a compartilhar as provas com os advogados de terceiros, que você tem detalhes detalhada e precisa que você pode lhes dar. Este dado é muito importante para o seu caso. Você pode precisar de um número de testemunhas, se foi um acidente de trabalho ou acidente de trânsito que não é bem clara. Não se preocupem com as pessoas que presenciaram o incidente ser ofendido por você pedindo para ajudá-lo ou preocupado por apoiá-lo no local de trabalho, eles são protegidos por lei como você. Certifique-se que os detalhes do acidente são colocados em um livro do acidente se ocorreu no trabalho.

Você vai precisar de apresentar candidaturas nos três anos do conhecimento do acidente para reivindicar benefícios para a lesão.

Além disso, o caso dos menores, que reclamam para acidentes na infância, três anos após atingirem 18 anos de idade. Quando os detalhes obtenção das outras pessoas em acidentes de carro faturado certifique-se de que você obtenha informações sobre seu nome, endereço, número de telefone, marca e modelo e registro dos detalhes do veículo e seguro. Use uma câmera e tirar fotos, se possível.

Seja qual for o acidente, seja na estrada, os erros médicos ou ferimentos no local de trabalho, você precisa falar com as testemunhas possíveis. Lembre-se as testemunhas são muito valiosos se você precisar ir ao tribunal para reivindicar benefícios de compensação.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/automobilismo-artigos/acidentados-no-trabalho-ou-na-estrada-como-as-testemunhas-podem-ajudar-a-exercer-3536503.html

    Palavras-chave do artigo:

    compensacao do acidente de carro

    ,

    acidente de trabalho

    ,

    acidentes de viacao

    Comentar sobre o artigo

    Gol foi lançado no começo da década de 1980 para substituir a Brasília, que por sua vez substituiu o Fusca no mercado brasileiro. Com design específico à América Latina, primeiro modelo contou com motor refrigerado a ar. Por causa do grande sucesso, foram sendo lançados novos modelos até o fim da primeira geração, na metade da década de noventa do século XX.

    Por: Leolinol Automóveis> Automobilismol 07/09/2014 lAcessos: 16

    Carretinha para Barcos é a mais nova utilidade dos que procuram um jeito prático para levar seu passatempo de uma lugar para outro.

    Por: Fibralumil Automóveis> Automobilismol 08/05/2014
    Debora Soares

    A situação do campeonato mundial de Fórmula 1 está para ser decida. Assim, as atenções se voltam ao clima sempre muito instável.

    Por: Debora Soaresl Automóveis> Automobilismol 22/11/2012 lAcessos: 21

    Em tempos de crise económica poupar gasolina converteu-se numa prioridade. Neste artigo analisamos alguns fatores que lhe vão permitir consumir menos com o seu carro.

    Por: José Coutol Automóveis> Automobilismol 26/09/2012 lAcessos: 73
    Telma Gomes Souza

    Os amantes de velocidade com certeza estão aguardando ansiosamente pelo Grande Prêmio de Cingapura, que será disputado no próximo domingo, 23 de setembro. A corrida acontece desde 2008 e tem como diferencial o fato de ser realizada à noite.

    Por: Telma Gomes Souzal Automóveis> Automobilismol 19/09/2012 lAcessos: 26

    Com preço médio de R$ 53 mil, o Fiat 500 e o Smart Fortwo 2013 são os menores automóveis à venda no mercado brasileiro.

    Por: Sindy Molinal Automóveis> Automobilismol 12/09/2012 lAcessos: 1,056

    Quem pretende dirigir no exterior é recomendado que se tire a Carteira Internacional de Habilitação ou Permissão Internacional de Direção (PID) nome correto, já que na maioria dos países não é permitido que o motorista dirija com a habilitação de seu país de origem. Além disso, o documento vem com as suas informações em vários idiomas, o que facilita a comunicação com autoridades estrangeiras.

    Por: Ricardo Augusto Pintol Automóveis> Automobilismol 28/06/2012 lAcessos: 46

    Em pleno século 21 sabemos que o trânsito é insuportável, várias horas no trânsito (engarrafados) nos deixa mega estressados. Dirigir em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro, haja paciência.

    Por: Jéssica Nascimentol Automóveis> Automobilismol 28/03/2012 lAcessos: 61
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast