Saiba Mais Sobre Suspensao A Ar

Publicado em: 11/11/2009 |Comentário: 2 | Acessos: 4,995 |

Qualquer carro pode receber um kit de suspensão a ar?

     Sim, qualquer tipo de veículo pode receber um kit de suspensão a ar, salvo algumas excessões, como carros que possuem suspensão c/ barras de torção. Mas mesmo assim, o kit pode ser adaptado, porém, o mecanismo de funcionamento da suspensão terá de ser alterado.

Como funciona o sistema da suspensão a ar ?

     Funciona através de bolsas de ar que são colocadas no local das molas originais do carro. Estas bolsas podem ser infladas (levantando o carro) e serem murchas (rebaixando o carro). Cada bolsa de ar é assistida por um par de solenóides (válvulas) que controlam a entrada e saída de ar das bolsas. No interior do carro, botões comandam os movimentos e manômetros indicam a pressão de ar de cada bolsa.


Com o carro em movimento a suspensão a ar pode ser acionada ?

     Sim, com o carro em movimento a suspensão a ar pode ser acionada. Muitas pessoas tem esta dúvida e pensam que a suspensão a ar só pode ser acionada quando o veículo estiver parado. Mas não, a qualquer momento (parado ou andando) a suspensão pode ser elevada ou rebaixada sem qualquer tipo de problema.

Há risco da bolsa estourar? Qual a durabilidade da bolsa? O carro fica mais duro?

     Bom inicialmente há risco da bolsa estourar sim. Mas calma a mola do seu carro também pode quebrar... mas é algo muito difícil ocorrer, desde que você tome alguns cuidados: como fazer manutenções periódicas no kit. Quanto a durabilidade, vai variar muito da utilização, clima, tipo de carro e tipo de suspensão, mas normalmente um kit de suspensão a ar dura anos. Em relação a maciez, ela pode ser controlada inflando ou murchando as bolsas, porém, os amortecedores utilizados na suspensão a ar são cerca de 30% mais duros.

O carro pode saltar (pular) quando possui
um kit de suspensão a ar?

     Bom, alguns carros aqui no Brasil já estão pulando através da suspensão a ar. Mas isto vai depender dos produtos/acessórios que compõem o seu kit de suspensão. Basicamente para este feito, as válvulas solenóides e as mangueiras do kit deverão ser maiores, assim, a passagem de ar é elevada, consequentemente a pressão que vai para as bolsas também, levando o carro com maior rapidez e força.

Como recarregar o ar que o sistema utiliza?

     O ar utilizado para o funcionamento da suspensão é armazenado em um ou mais cilindros geralmente instalados no porta-malas do veículo. A quantidade de ar para armazenamento varia de acordo com o tamanho do cilindro utilizado. Para regarrega-lo, basta utilizar um calibrador de pneus comum (aqueles de posto de gasolina) ou através de um compressor elétrico, vendido como acessório do kit de suspensão a ar.


Rebaixando o carro através da suspensão a ar ele ficará encostado no chão?

     Liberando todo o ar das bolsas o carro ficará no limite máximo de rebaixamento. Este limite vai variar de carro para carro, pois cada um possui um tipo de suspensão e um tipo de chassi/bloco. Ou seja, alguns carros irão ficar mais próximo ao solo, outros nem tanto. Para fazer o seu carro encostar completamente no chão, algumas adaptações terão de ser feitas como: o eixo traseiro ser retrabalhado, a longarina ser cortada, os paralamas serem rebatidos e os amortecedores serem encurtados.

Qual é o custo da suspensão a ar?
     
Quanto aos valores da suspensão a ar, os sistemas auxiliares simples começam em cerca de R$900 enquanto os sistemas 100% a ar pode ir de R$1.600 a até R$6.000 reais para sistemas mais sofisticados. Acessórios como controle remoto e compressor elétrico, são geralmente vendidos a parte e custam cerca de R$ 200 e R$ 1.000 reais respectivamente. Cada bolsa de ar, custa aproximadamente R$ 130 reais (nacional) e U$ 180 dólares (importada

Gasnag Suspensões Especiais - www.gasnag.com.br

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/automobilismo-artigos/saiba-mais-sobre-suspensao-a-ar-1448146.html

    Palavras-chave do artigo:

    suspensao a ar rosca e fixa

    Comentar sobre o artigo

    Nasa suspensões

    A Nasa Amortecedores está a mais de 10 anos no mercado, desde lá, sempre preparando seus próprios amortecedores, contando com uma vasta experiência de seus funcionários. A Nasa Amortecedores trabalha com estoque, ou seja, sempre terá peças a pronta entrega para atender seus clientes. Vale Lembrar que cada peça é submetida a uma inspeção minuciosa que garante a qualidade de seus Kits.

    Por: Nasa suspensõesl Automóveis> Carrosl 14/07/2010 lAcessos: 1,998 lComentário: 1
    Nasa suspensões

    A Suspensão de rosca é o sistema mais seguro e confiável em sistema de rebaixamento, além de proporcionar uma maior estabilidade e conforto para seu carro. Com a suspensão de rosca você pode andar com o carro na altura original ou na altura rebaixada.

    Por: Nasa suspensõesl Automóveis> Carrosl 01/04/2011 lAcessos: 484

    Você está querendo rebaixar seu carro para ganhar mais estabilidade, está em São Paulo e não encontra um especialista em suspensões perto da sua região? Retrabalhou a suspensão do seu carro e ficou ruim? você está no lugar certo. Aqui você vai encontrar tudo que precisa saber para não ser enganado, e não cair em armadilha de alguns mecânicos e suas gambiarras.

    Por: PisandoFundol Automóveis> Carrosl 13/01/2014 lAcessos: 55
    Consórcio de Automóveis

    Tem um carro rebaixado e quer legalizá-lo? É um processo simples, mas não tão rápido e barato. Para legalizar um carro rebaixado é preciso pedir, primeiro, uma autorização de modificação ao Detran. Com ela será possível trocar peças e peçar pela inspeção do InMetro.

    Por: Consórcio de Automóveisl Automóveis> Carrosl 25/05/2012 lAcessos: 5,299
    Busca Hoje

    Entre os principais tipos de veículos que existem no mundo, já não é de hoje que os separamos de acordo com o seu tipo de combustível. De maneira geral, os veículos movidos a gasolina e a álcool, que agora foi substituído pelo etanol, mas que acaba sendo a mesma coisa no final das contas. Em seguida, existem outras soluções um pouco menos populares, mas que ganham força tais como o gás natural e, mais recentemente e ainda bem pouco comercializado no mundo, os veículos movidos a eletricidade. Ain

    Por: Busca Hojel Automóveis> Automobilismol 13/11/2014

    Gol foi lançado no começo da década de 1980 para substituir a Brasília, que por sua vez substituiu o Fusca no mercado brasileiro. Com design específico à América Latina, primeiro modelo contou com motor refrigerado a ar. Por causa do grande sucesso, foram sendo lançados novos modelos até o fim da primeira geração, na metade da década de noventa do século XX.

    Por: Leolinol Automóveis> Automobilismol 07/09/2014 lAcessos: 18

    Carretinha para Barcos é a mais nova utilidade dos que procuram um jeito prático para levar seu passatempo de uma lugar para outro.

    Por: Fibralumil Automóveis> Automobilismol 08/05/2014
    Debora Soares

    A situação do campeonato mundial de Fórmula 1 está para ser decida. Assim, as atenções se voltam ao clima sempre muito instável.

    Por: Debora Soaresl Automóveis> Automobilismol 22/11/2012 lAcessos: 24

    Em tempos de crise económica poupar gasolina converteu-se numa prioridade. Neste artigo analisamos alguns fatores que lhe vão permitir consumir menos com o seu carro.

    Por: José Coutol Automóveis> Automobilismol 26/09/2012 lAcessos: 73
    Telma Gomes Souza

    Os amantes de velocidade com certeza estão aguardando ansiosamente pelo Grande Prêmio de Cingapura, que será disputado no próximo domingo, 23 de setembro. A corrida acontece desde 2008 e tem como diferencial o fato de ser realizada à noite.

    Por: Telma Gomes Souzal Automóveis> Automobilismol 19/09/2012 lAcessos: 29

    Com preço médio de R$ 53 mil, o Fiat 500 e o Smart Fortwo 2013 são os menores automóveis à venda no mercado brasileiro.

    Por: Sindy Molinal Automóveis> Automobilismol 12/09/2012 lAcessos: 1,060

    Quem pretende dirigir no exterior é recomendado que se tire a Carteira Internacional de Habilitação ou Permissão Internacional de Direção (PID) nome correto, já que na maioria dos países não é permitido que o motorista dirija com a habilitação de seu país de origem. Além disso, o documento vem com as suas informações em vários idiomas, o que facilita a comunicação com autoridades estrangeiras.

    Por: Ricardo Augusto Pintol Automóveis> Automobilismol 28/06/2012 lAcessos: 46

    Comments on this article

    2
    rodrigo 30/11/2009
    Suspensao a ar de pistao ela perde muito o conforto do veiculo!
    Suspensao a ar de bolsas ela é bem mais confortavel
    0
    mohamed 27/11/2009
    Boa Tarde !!
    Gostaria de saber qual tipo de problema ocorre com a suspensão a ar de pistão ??
    Obrigado..
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast