Como Ser Exemplo E Manter Um Casamento Abençoado Por Deus!!!

15/10/2009 • Por • 2,243 Acessos

1º O casamento é um compromisso com alvos claros.

Há ocasiões no casamento em que um dos cônjuges questiona a existência de algum resquício de amor. A esposa pode começar a pensar nas formas em que a união falhou quanto às suas expectativas, ou nas vezes em que o marido a desapontou. Pode achar que não resta quase nada em que se segurar e que o relacionamento parece estar morrendo.

Mas, para muitos casais, ocasiões como essas são apenas um ponto baixo no ciclo de mudança das estações que marcam uma vida a dois. Enquanto achamos que essa é a norma, a idéia de um casamento sempre cheio de um amor e que não muda é irreal. Afinal de contas, homens e mulheres são seres humanos, com seus temperamentos, sentimentos e desejos variáveis. É natural que os relacionamentos sejam afetados pelas mudanças.

Quando os casais focalizam a atenção no compromisso feito diante de Deus, podem aguentar os tempos em que o amor parece se esvair. Ao construir um casamento, baseado no respeito por esse compromisso, marido e mulher podem ter a certeza de que sobreviverão aos tempos em que o amor não é suficiente.

Desafio: Como você lida com os "tempos baixos" do seu casamento?

Vale a pena lembrar: Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão a prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará. Heb.13.4

2º Não se apaixone pelo dinheiro.

Quantas vezes já falou para si mesma: " Se pelo menos eu tivesse mais dinheiro e mais posses, tudo estaria bem". Parece que nunca estamos satisfeitas com o que temos. Não importa quanto dinheiro ou as coisas que possuímos, sempre achamos que poderíamos ter um pouco mais.

Mas, mesmo quando conseguimos mais, ainda nos sentimos insatisfeitas. Quando teremos o suficiente?

De acordo com Hebreus (cap. 13. vers. 5,6) a resposta é nunca. Porquê? Porque dinheiro e coisas materiais são apenas temporários. Podem ser levados a qualquer momento. Condicionar nossa esperança de felicidade às posses materiais é viver insatisfeita.

Mas há um remédio para o círculo vicioso de querer sempre mais. Olhe para Deus que promete satisfazê-la para sempre. Ao colocar suas esperanças em Deus, já não precisará mais se preocupar em ter a quantia suficiente de dinheiro e coisas materiais. Em Deus, todas as suas necessidades são supridas - por toda a eternidade.

Desafio: Você confia no dinheiro ou em Deus para suprir suas necessidades? Avalie-se honestamente.

Vale a pena lembrar: Sejam vossos costumes sem avareza, contentando-vos com o que tendes; porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei. Heb. 13.5

 

 

 

Perfil do Autor

Jussara Trigueiro

"SEM MALDADE PARA COM NINGUÉM, COM CARIDADE PARA TODOS..."