Circuito comutador com duas lâmpadas

Publicado em: 25/08/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 254 |

Dando seguimento ao estudo do circuito de lanterna, vamos nesta mini-aula complicar um pouco as coisas, estudando um circuito em que em vez de uma lâmpada, terá duas lâmpadas que poderá ligar alternadamente com um comutador. Qual a diferença entre um comutador e um interruptor?

Um circuito deste tipo, chama-se circuito comutador. Dá-se esta designação já que é possível comutar entre uma coisa e outra. Neste caso, podemos comutar entre ligar a lâmpada vermelha ou a lâmpada verde.

Num circuito em que existe um interruptor (e não um comutador), como é o exemplo do circuito de lanterna estudado na última aula, interrompe-se, ou não se interrompe, a corrente que vai para determinado dispositivo, naquele caso, uma lâmpada (a lâmpada apaga quando se interrompe a corrente e a lâmpada acende quando não se interrompe e se deixa circular a corrente).

As aplicações para um circuito comutador são várias, como por exemplo, assinalar se um aparelho se encontra desligado (luz vermelha) ou ligado (luz verde).

Esquema do circuito de uma lanterna com interruptor abertoEsquema 1- Circuito de LanternaEsquema de um circuito comutador com duas lâmpadas

Esquema 2 – Circuito comutador

(Poderá consultar a aula sobre Simbologia electrónica, afim de ser auxiliado no significado de cada símbolo dos esquemas)

Comparando os dois circuitos, o circuito de lanterna do esquema 1 e o circuito que estamos a estudar, o circuito comutador do esquema 2, constatamos duas diferenças:

  • No circuito de lanterna temos uma lâmpada e no circuito comutador, temos duas.
  • No circuito de lanterna temos um interruptor, enquanto no circuito comutador existe um comutador. São semelhantes, mas diferem, na medida em que um comutador permite comutar (ou trocar) a passagem de corrente de um circuito para outro, ou neste caso, da lâmpada vermelha para a lâmpada verde, e vice-versa, mas nunca para as duas ao mesmo tempo.

Há que relembrar que, tal como no circuito de lanterna, que a tensão da lâmpada vermelha e da verde, terá que ser sempre igual ou superior à tensão da pilha, para as proteger de sobrecarga e de ficarem inutilizadas (fundidas).

Tal como se estudou o interruptor, nas aulas de simbologia electrónica e do circuito de lanterna e foi possível saber mais sobre a sua função e simbologia, verifiquemos agora a símbologia do comutador, que se assemelha bastante à do interruptor:

Esquema 3:
Símbolo do comutador, nas duas posições que pode tomar – passando a corrente de A para B (na primeira imagem) e passando a corrente de A para C (na segunda imagem)
Circuito comutador na Posição B

Como se pode verificar no esquema 3, nas duas imagens, este comutador pode assumir duas posições. No terminal A é feita a entrada de corrente, sendo os terminais B e C os terminais de saída da corrente.

No primeiro esquema a corrente passa de A para B (ficando C sem corrente), enquanto que no segundo esquema a corrente passa de A para C (ficando B sem corrente).Circuito-Comutador-com-duas-lampadas-comutador-posicao-C

O circuito comutador, apresentado nesta aula, tem o inconveniente de estar sempre ligado, estando sempre alguma das lâmpadas acesas. Por essa razão, não será complicado, conciliar o circuito de lanterna e este circuito comutador, para podermos desligar o circuito, algo que será estudado numa próxima aula.

 

Esta e outras aulas disponíveis no nosso site Tecnologia do Globo

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ciencia-artigos/circuito-comutador-com-duas-lampadas-5161427.html

    Palavras-chave do artigo:

    circuito

    ,

    circuito comutador

    ,

    comutador

    Comentar sobre o artigo

    Ricardo Miguel

    Nesta aula, vamos estudar o que é um circuito aberto e o que é um circuito fechado, eléctrica ou electronicamente falando.

    Por: Ricardo Miguell Educação> Ciêncial 26/08/2011 lAcessos: 2,027

    Principais topologias com a sua descrição, anel, estrela e barramento

    Por: Bruno Celio Simomural Tecnologia> TIl 24/06/2009 lAcessos: 7,914 lComentário: 4

    A presente investigação teve como finalidade, realizar uma análise acerca da Teoria das Representações Sociais (TRS) e sua possível aplicação no âmbito de pesquisas em educação. Tratou-se, assim, de um texto especificamente teórico e de pesquisa qualitativa, o qual teve como embasamento teórico os textos em teoria das representações sociais de Prado e Azevedo (2011), Rateau et al (2012), Mazzotti (1994) e, a técnica de investigação empregada foi bibliográfica e documental.

    Por: Carla Anne Marques Fariasl Educação> Ciêncial 28/09/2014

    Este trabalho teve como proposta de estudo os Hidrocarbonetos, através deles a matéria-prima do plástico a nafta que é um subproduto do petróleo. Para compreender de que são feitas as sacolas plásticas e se elas podem ser substituídas por outro material biodegradável, que não polua tanto o meio ambiente e conhecer alternativas contra o uso excessivo de sacolas de plástico no Brasil e demais países, realizou-se várias pesquisas bibliográficas com a contribuição de autores.

    Por: Carmeli Caetanol Educação> Ciêncial 20/09/2014
    Paulo Azze

    Explicações sobre a corrente elétrica alternada (CA), seus os componentes (ativos e reativos) e o seu cálculo de forma simplificada.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014
    Paulo Azze

    Aborda aspectos relacionados ao comprimento das resistências de chuveiros, atendendo uma dúvida de amigo sobre questões do ENAD.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014
    Luddy Travassos

    Os indivíduos que sofreram lesão no Sistema Nervoso Central, que comprometeram os neurônios motores, na coordenação dos impulsos, demasias dos reflexos, espasmos, alterações da fala e conduções, também podem ser apercebidas pelos familiares do paciente através de alterações comportamentais cotidianas desde a sudorese, anestesia labial, tremor de mãos e pés, e qualquer anomalia derivada de distúrbios de estresses ou demais descargas de tensão.

    Por: Luddy Travassosl Educação> Ciêncial 31/08/2014

    Sugestões com técnicas de estudo e leitura. Texto destinado a estudantes do ensino médio. pode ser aproveitado por todo leitor

    Por: NERI P. CARNEIROl Educação> Ciêncial 10/08/2014

    Ensinar as crianças a ler, a escrever e a se expressar de maneira competente na língua portuguesa é o grande desafio dos professores das quatro primeiras séries do Ensino Fundamental. Existem mudanças importantes sendo realizadas: vários Estados estão remodelando seus currículos e investe-se mais na atualização dos professores.

    Por: Lecy Aparecida Martinsl Educação> Ciêncial 28/07/2014 lAcessos: 32
    Milene Macedo

    O mundo e os seres vivos não são constituídos por substâncias puras, no dia a dia a maioria dos sólidos, líquidos e gases aos quais se conhece são formados por misturas. Essas são constituídas por duas ou mais substâncias, e estão presentes no cotidiano de um laboratório e de indústrias. As misturas podem ser classificadas de diversas maneiras, por exemplo, como heterogêneas ou homogêneas. Muitas vezes os componentes de uma mistura são aplicáveis apenas quando separados.

    Por: Milene Macedol Educação> Ciêncial 15/07/2014 lAcessos: 54
    Ricardo Miguel

    Apesar da Internet e de muita informação, existem vários mitos e dúvidas sobre as mulheres, sobre a sexualidade e sobre o seu corpo. Descubra 10 verdades e mentiras sobre as mulheres.

    Por: Ricardo Miguell Lar e Família> Mulherl 21/04/2014 lAcessos: 35
    Ricardo Miguel

    Ninguém gosta de limpezas, muito menos quando chega a hora de limpar os seus sanitários. Neste artigo ensinamos as 5 dicas principais para limpar corretamente os seus sanitários.

    Por: Ricardo Miguell Casa & Jardiml 09/04/2014
    Ricardo Miguel

    Já conhece a stevia? Porque este novo açúcar não é prejudicial para a saúde? Conheça todos os benefícios e as diferenças que existem em relação ao açúcar convencional.

    Por: Ricardo Miguell Saúde e Bem Estar> Nutriçãol 02/04/2014 lAcessos: 40
    Ricardo Miguel

    Como surgiu a anestesia? Que tipos de anestesia existem? Para que serve e como é aplicada? Conheça a história e várias curiosidades sobre a anestesia.

    Por: Ricardo Miguell Ciências> Químical 31/03/2014 lAcessos: 28
    Ricardo Miguel

    Guia super completo com muitas dicas de como cuidar do seu bebé recem-nascido. Saiba com o alimentar, como cuidar dele, como reagir perante várias situações e muito mais.

    Por: Ricardo Miguell Lar e Família> Bebêsl 31/03/2014 lAcessos: 44
    Ricardo Miguel

    Conheça estas 8 dicas muito simples mas excelentes e bastante eficazes para perder peso e não engordar. Emagreça sem esforço e sem sofrimento, mudando pequenos hábitos do dia-a-dia.

    Por: Ricardo Miguell Saúde e Bem Estar> Nutriçãol 27/03/2014 lAcessos: 26
    Ricardo Miguel

    Sabia que com algumas dicas simples pode manter a sua casa sempre arrumada e organizada? Conheça várias dicas que vão ajudar a poupar tempo e trabalho.

    Por: Ricardo Miguell Casa & Jardim> Decoraçãol 24/03/2014 lAcessos: 33
    Ricardo Miguel

    Saiba o que é a massagem shiatsu, em que consiste, como é realizada e conheça os vários benefícios que pode trazer para a saúde.

    Por: Ricardo Miguell Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 14/03/2014 lAcessos: 25
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast