Necessidades de mudança: possibilidades no ensino de ciências nas séries iniciais

Publicado em: 26/07/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 426 |

A importância do ensino de Ciências é reconhecida por pesquisadores da área em todo o mundo, havendo uma concordância de temas relacionados à Ciência e à Tecnologia nas Séries Iniciais. Entretanto ainda hoje os alunos saem da escola com conhecimentos científicos insuficientes para compreender o mundo que a cerca. Com isso, podem ser formuladas questões como:

Qual é, afinal, a importância dos conhecimentos científicos para a vida dos educandos?

Quais aspectos devem ser enfatizados ao se ensinar Ciências?

Quais as demandas da sociedade em decorrência do desenvolvimento científico e tecnológico?

Como as pessoas e as escolas deveriam agir perante o amplo desenvolvimento da ciência e da técnica?

Levando em consideração que a Ciência e a Tecnologia desempenham um papel muito importante na escola  a UNESCO em 1983 destacou alguns critérios para a inclusão desses temas no currículo escolar:

·Ajuda a pensar de maneira lógica sobre o cotidiano e a resolver problemas práticos;

·Melhora a qualidade de vida das pessoas, sendo atividades socialmente úteis;

·Orienta a viver num mundo científico e tecnológico; 

·Promove o desenvolvimento intelectual das crianças;

·Ajuda positivamente em outras áreas, especialmente na linguagem oral e escrita e matemática.

·Pode ser realmente divertida. (UNESCO, 1983)

Conforme FRACALANZA; AMARAL & GOUVEIA (1986):

"... o ensino de ciências deve contribuir para o domínio das técnicas de leitura e escrita; permitir o aprendizado dos conceitos básicos das ciências naturais e da aplicação dos princípios   aprendidos   a situações   práticas;  possibilitar a compreensão das relações entre a ciência e a sociedade e dos mecanismos de produção e apropriação dos conhecimentos científicos e tecnológicos; garantir a transmissão e a sistematização dos saberes e da cultura regional e local"  (p. 26-27).

Assim, o ensino deixa de ser livresco, memorístico, acrítico e a-histórico ministrado, conforme praticado na maioria das escolas, sendo necessário um ensino de Ciências que tenha como foco, nas Séries Iniciais de escolaridade, onde o aluno tenha oportunidade de participação ativa no processo de ensino e aprendizagem por meio de atividades desafiadoras, desenvolvendo o pensamento lógico, capacidade de observação, reflexão, criação, discriminação de valores, julgamento, comunicação, convívio, cooperação, decisão, ação.

Além disso, deve propiciar conhecimentos e oportunidades para se orientarem na sociedade, compreendendo o que se passa à sua volta, tomando posição e intervindo na sua realidade, para que  exerça a cidadania, uma vez que o "corpus" do conhecimento científico das Ciências é parte constitutiva da cultura elaborada.

Entende-se que a aquisição do conhecimento científico se dá de diversas formas, e em diferentes ambientes, mas é na escola que a formação de conceitos científicos é introduzida explicitamente, oportunizando ao ser humano a compreensão da realidade e a superação de problemas que lhe são impostos diariamente.

Dessa forma, o ensino de Ciências com seus métodos, linguagem e conteúdos próprios deve promover a formação integral do cidadão, como ser pensante e atuante, e como co-responsável pelos destinos da sociedade, onde o educando é sujeito de seus conhecimentos.

Fumagalli (1998) destaca que é necessário valorizar a prática social presente nas crianças, pois quando se ensina Ciências, está-se formando o cidadão e não apenas futuros cidadãos.  "Enquanto integrantes do corpo social atual, podem ser hoje também responsáveis pelo cuidado do meio ambiente, podem agir hoje de forma consciente e solidária em relação a temas vinculados ao bem-estar da sociedade da qual fazem parte" (p. 18).

Com isso, os alunos precisam conhecer e interpretar os fenômenos naturais, situando-se no Universo em que estão inseridas e interpretando a Natureza, buscando entender a ciência como um elemento da Cultura, tendo em vista que os conhecimentos científicos e tecnológicos desenvolvem-se em grande escala na nossa sociedade, resultante do trabalho do homem, do seu esforço criador, estando relacionada com os diversos momentos históricos do seu surgimento, recebendo influências das instâncias econômicas, sociais, políticas, religiosas, bem como exercendo a sua influência.

Segundo Carmo (1991) pode-se pensar que o ensino de Ciências deva contribuir para o próprio crescimento da ciência, garantindo a formação inicial e o estímulo à posterior profissionalização dos cientistas e técnicos aptos a dar respostas às necessidades sociais.

Assim, deve proporcionar uma melhor compreensão não só  da ciência e de sua natureza, como também do papel da ciência na sociedade atual, podendo compreender o funcionamento de seu mundo, ao mesmo tempo pode incentiva-los a prosseguir seus estudos nos campos da ciência e da técnica, considerando que o modo de aprender das crianças deve se basear na construção de sua própria visão do mundo, da seleção, da atuação e das formas de pensar e das idéias úteis para sua vida.

As Ciências passam a ter significado à medida que permite melhor compreensão dos fenômenos e objetos científicos, da interação e das relações construídas com outros saberes,  numa sociedade democrática, permeada pela Ciência e Tecnologia.

Assim, espera-se que o ensino de Ciências possa contribuir na alfabetização científica, para que o aluno realize uma leitura inicial de mundo, compreendendo os significados dos conteúdos da ciência e de seus processos de produção, privilegiando sempre atividades docentes que possam atribuir significados, compreensão dos conteúdos e dos métodos.

REFERÊNCIAS

CARMO, José Manuel do.  As ciências no ciclo preparatório: formação de professores para um ensino integrador das perspectivas da ciência, do indivíduo e da sociedade. In: Ler Educação, nº 5, maio/ago. 1991. 

FRACALANZA, Hilário; AMARAL, Ivan A.; GOUVEIA, Mariley S. Flória.  O ensino de ciências no primeiro grau. São Paulo: Atual, 1986.   

FUMAGALLI, Laura. O ensino de ciências naturais no nível fundamental de educação formal: argumentos a seu favor.In: WEISSMANN, Hilda (Org.). Didática das ciências naturais: contribuições e reflexões, Porto Alegre: ArtMed, 1998. 

UNESCO, 1983.

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ciencia-artigos/necessidades-de-mudanca-possibilidades-no-ensino-de-ciencias-nas-series-iniciais-5066935.html

    Palavras-chave do artigo:

    ciencias cientifico conhecimento educando tecnologias

    Comentar sobre o artigo

    Antonio Carlos Machado

    Neste artigo discutiremos a presença das Tecnologias Educacionais de Informação e Comunicação para o eficaz processo de ensino-aprendizagem para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) no caráter de inclusão digital, cujo objetivo investigar as ações desenvolvidas no cotidiano escolar, que visem à inserção dos alunos da EJA dentro desse novo contexto de mudanças sociais e do avanço da tecnologia, de forma a garanti-lo sua inclusão no mundo digital e no mercado de trabalho.

    Por: Antonio Carlos Machadol Educação> Educação Onlinel 03/12/2011 lAcessos: 1,025
    shirleidy de sousa freire

    Este artigo enfoca informações referentes às práticas pedagógicas no âmbito da sociedade atual, a chamada sociedade da informação e do conhecimento, uma sociedade pautada no uso das novas tecnologias da informação. Faz referência ao papel do professor nesse contexto, como este profissional pode agir no sentido de aliar as novas tecnologias às metodologias utilizadas em sala de aula, como forma de melhorar os processos de ensino e de aprendizagem. Enfoca ainda o papel da família nesse contexto.

    Por: shirleidy de sousa freirel Educaçãol 16/06/2011 lAcessos: 2,635

    Para mim concordo com o autor que diz: Ciências naturais são um conjunto de actividades de pesquisa que visa à solução de um problema e busca de solução que permite que sejam desenvolvidas várias actividades: Experimentações, observações, entrevistas, visitas, excursões e pesquisas em livros, revistas e jornais CORREIA (1986:49).

    Por: lazaro joao kangelal Ciências> Biologial 24/08/2010 lAcessos: 1,258
    Andréa Aparecida Gouvêia

    Este artigo faz uma abordagem teórica quanto ao processo de construção do conhecimento, buscando compreender o desenvolvimento e valorização deste para a vida do ser humano, contextualizando um breve histórico sobre a teoria do conhecimento e na segunda parte discorremos sobre a gestão do conhecimento e a forma como este tem sido aplicado na vida do ser humano, a função da escola e sua influência na sociedade, sendo justificado pelo fato de ser um tema debatido e questionado na atualidade.

    Por: Andréa Aparecida Gouvêial Educação> Ciêncial 28/05/2010 lAcessos: 2,192

    Apresentamos um material didático concebido para o ensino de dinâmica dos fluidos, que inclui conteúdos em geral não tratados no ensino médio, produzido de forma a contemplar o contexto dos alunos de cursos técnicos em agricultura e zootecnia. O hipertexto utiliza recursos tecnológicos como vídeos, animações em Flash, Applets Java, figuras, textos e atividades práticas. Foi desenvolvido em dois módulos didáticos, cada módulo com três momentos pedagógicos distintos, que trataram de fluidos que...

    Por: Rafhael Brum Werlangl Educaçãol 02/12/2008 lAcessos: 18,660 lComentário: 1

    O presente trabalho tem como propósito apresentar um estudo através de uma análise bibliográfica sobre a incorporação das tecnologias da informação e da comunicação na educação básica. Apontando algumas reflexões e discussões acerca do uso das tecnologias no cotidiano e nas práticas pedagógicas dos professores de educação básica.

    Por: Patricia Coelhol Educação> Educação Onlinel 24/08/2010 lAcessos: 4,575 lComentário: 1

    O presente artigo tem como objetivo conferir uma alternativa metodológica, leitura de textos que contextualizam o assunto corpo humano proporcionando uma aprendizagem significativa. O trabalho foi desenvolvido em uma turma de sétima série de uma escola estadual do município de Rio Grande. Os resultados demonstram que os educandos eram acostumados a leitura tradicional do livro didático e se surpreenderam com os novos textos que foram entregues a eles, provocando um grande interesse dos mesmos.

    Por: Camila Fonsecal Educação> Ciêncial 14/02/2011 lAcessos: 2,999

    RESUMO Este artigo é uma proposta de reflexão sobre a prática e a valorização da atual sociedade, onde o professor precisa se adaptar as mudanças sociais. Nesse sentido, serão apresentados sugestões aos educadores e a todos que se interessarem a respeito da educação atual que se transforma a cada dia, devido às novas tecnologias que trouxeram benefícios à sociedade. O enfoque principal se dá em torno da escola e do professor e nesse cenário inovador causado pelos grandes fluxos de informações

    Por: Adriana Spindola De Ataidesl Educação> Ensino Superiorl 13/09/2009 lAcessos: 1,696 lComentário: 1
    Elizabete Rosa

    Este artigo apresenta um estudo sobre as Tecnologias da Informação no Ensino de História e Geografia. A sociedade do século XIX está inserida num contexto em que as novas tecnologias da informação se fazem presentes no cotidiano das pessoas. Entender que a preparação do aluno para exercer direitos e cumprir deveres nesse contexto, implica na formação adequada desse indivíduo, fazendo uso do que lhe seja disponível em termos de tecnologias.

    Por: Elizabete Rosal Educação> Ensino Superiorl 29/12/2011 lAcessos: 537
    Luana Souza

    O presente artigo vislumbra apresentar discussões e esclarecimentos sobre a teoria das representações sociais, sua relevância enquanto instrumento de pesquisa, principalmente, no campo educacional. Para tanto, fundamenta-se teoricamente sob a égide de MOSCOVICI (2013), SOUSA et all (2012), GUARESCHI (1996), apresentando breve conceituação e argumentos que tornam relevantes sua compreensão em contexto educacional.

    Por: Luana Souzal Educação> Ciêncial 18/10/2014

    A presente investigação teve como finalidade, realizar uma análise acerca da Teoria das Representações Sociais (TRS) e sua possível aplicação no âmbito de pesquisas em educação. Tratou-se, assim, de um texto especificamente teórico e de pesquisa qualitativa, o qual teve como embasamento teórico os textos em teoria das representações sociais de Prado e Azevedo (2011), Rateau et al (2012), Mazzotti (1994) e, a técnica de investigação empregada foi bibliográfica e documental.

    Por: Carla Anne Marques Fariasl Educação> Ciêncial 28/09/2014 lAcessos: 15

    Este trabalho teve como proposta de estudo os Hidrocarbonetos, através deles a matéria-prima do plástico a nafta que é um subproduto do petróleo. Para compreender de que são feitas as sacolas plásticas e se elas podem ser substituídas por outro material biodegradável, que não polua tanto o meio ambiente e conhecer alternativas contra o uso excessivo de sacolas de plástico no Brasil e demais países, realizou-se várias pesquisas bibliográficas com a contribuição de autores.

    Por: Carmeli Caetanol Educação> Ciêncial 20/09/2014
    Paulo Azze

    Explicações sobre a corrente elétrica alternada (CA), seus os componentes (ativos e reativos) e o seu cálculo de forma simplificada.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014 lAcessos: 11
    Paulo Azze

    Aborda aspectos relacionados ao comprimento das resistências de chuveiros, atendendo uma dúvida de amigo sobre questões do ENAD.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014
    Zilda Ap. S. Guerrero

    Atualmente a cidade de São Paulo passa por uma das piores crises de falta de água, todos os dias em diversos jornais do país, o mesmo jargão em torno da questão do consumo consciente da água é abordado de diversas chamadas à população. Sendo assim, urge a necessidade de orientar e conscientizar as crianças e a população em geral para o problema social que estamos enfrentando na cidade de São Paulo, e no mundo.

    Por: Zilda Ap. S. Guerrerol Educação> Ciêncial 10/09/2014
    Luddy Travassos

    Os indivíduos que sofreram lesão no Sistema Nervoso Central, que comprometeram os neurônios motores, na coordenação dos impulsos, demasias dos reflexos, espasmos, alterações da fala e conduções, também podem ser apercebidas pelos familiares do paciente através de alterações comportamentais cotidianas desde a sudorese, anestesia labial, tremor de mãos e pés, e qualquer anomalia derivada de distúrbios de estresses ou demais descargas de tensão.

    Por: Luddy Travassosl Educação> Ciêncial 31/08/2014 lAcessos: 11

    Sugestões com técnicas de estudo e leitura. Texto destinado a estudantes do ensino médio. pode ser aproveitado por todo leitor

    Por: NERI P. CARNEIROl Educação> Ciêncial 10/08/2014 lAcessos: 15
    SANDRA VAZ DE LIMA

    Empreendedores são pessoas que desejam participar ativamente da construção de um mundo novo, não apenas como expectadores, mas como atores das mudanças globais da atualidade. De modo geral a pesquisa busca conhecer as ações dos empreendedores nas organizações e dessa forma, saber como eles podem e devem contribuir para o crescimento e desenvolvimento. Especificamente buscou-se: diagnosticar o perfil "empreendedor"; identificar os desafios que a administração propõe ao gestor público.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 20/08/2013 lAcessos: 143
    SANDRA VAZ DE LIMA

    A Educação Especial é uma modalidade da Educação Básica, fundamentada no princípio da atenção à diversidade. Integram-se o Ensino Regular e a Educação Especial numa concepção da Educação Inclusiva, buscando a participação e permanência de todos os alunos na escola, numa educação de qualidade, onde o atendimento as pessoas com necessidades especiais não requer um ambiente especifico e único, mas sim necessita de recursos físicos, humanos e materiais para que seja possível atender a todos, adaptan

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 2,329
    SANDRA VAZ DE LIMA

    A Tecnologia Educacional é entendida como a área que estuda a aplicação das Tecnologias da Informação e Comunicação - TIC - na educação, a partir de um embasamento da didática, psicologia da aprendizagem e desenvolvimento tecnológico. Assim, as alterações no sistema educativo visam levar em conta as diferenças pessoais, estilos cognitivos, ritmos de aprendizagem, afinidades, áreas de interesse, estratégias de pensamento e motivação.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 164
    SANDRA VAZ DE LIMA

    Não existe uma única concepção sobre a EaD, pois o conceito evoluiu ao longo do tempo, influenciado pelo avanço das tecnologias da informação e da comunicação. Além disso, a concepção de educação a distância pode variar conforme o autor, sua base teórico-conceitual e sua concepção do que significam educação, ensino e aprendizagem.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 181
    SANDRA VAZ DE LIMA

    A expectativa é ao mesmo tempo ligada a pessoa e ao interpessoal, também a expectativa se realiza no hoje, e futuro presente, voltado para o ainda-não, para o não experimentado, para o que apenas pode ser previsto. Assim, percebe-se que a expectativa é um sentimento que surge diante de novidades, do diferente.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 87
    SANDRA VAZ DE LIMA

    Com os anos as análises históricas sofreram inúmeras mudanças, tendo historiadores como Jules Michelet que se preocupavam com histórias nacionais, espírito do povo, representando heróis. Tal autor chamou a atenção por identificar um agente sem rosto – o povo, as massas, como personagem da história e como protagonista dos acontecimentos.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 171
    SANDRA VAZ DE LIMA

    Conforme o texto "Correntes, campos temáticos e fontes", a escrita e a leitura são indivisíveis e estão contidas no texto, permitindo a comunicação e veicula representações, onde o historiador pergunta sobre quem fala e de onde fala, discutindo sobre ela. As relações entre essas instancias não são diretas nem reflexas, mas sim intermediadas pelo discurso narrativo, e para o entendimento da História Cultural pode ser o da metáfora, pois o discurso explica, fala de algo que se percebe e se entende

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 208
    SANDRA VAZ DE LIMA

    Entende-se que a História é construída conforme as práticas, as culturas de um determinado povo, uma organização social, onde o habitus integra os espaços de experiências, funcionando a cada momento vivido como matriz de sensações.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 24/07/2012 lAcessos: 69
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast