O Hominal

Publicado em: 17/09/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 541 |

O HOMINAL

O ser humano foi nominado de hominal para diferenciá-lo no reino animal. Por ser dotado de inteligência e livre-arbítrio, herdou por natureza o instinto, que é quase exclusivo dos animais irracionais. O hominal quando age pelo instinto arrepende-se de imediato, pois sua ação foi deletéria, e fora dos padrões humanos. Além desse velho hábito herdado, o ser humano é dotado do livre-arbítrio. Ele pode agir tanto pelo bem como pelo mal.

A decisão é puramente sua. Sendo o homem o produto do meio, ele se insere num ambiente auspicioso e salutar e com certeza será um homem de bem, mas se sua psicosfera for indolente se imantará no mal. A inteligência tem que ser bem avaliada e conduzida, pois com todo tesouro a ele destinado poderá haver o mau uso e a derivação tomará outra direção, fazendo com que ele ingresse no rol da imperfeição, transformando-se em escuso da sociedade.

O homem traz gravado em sua consciência vários aspectos do que foi no passado, de vez em quando quer colocá-los em prática, mesmo sabendo que sua ação daninha será direcionada a seus semelhantes. Como se estuda a história dos nossos antepassados? Pelos vestígios deixados por eles. Dos mais antigos aos chamados hominídeos. Pela história os hominídeos mais antigos que pisaram o solo terrestre são os Australopithecus e Homo habilis, esses seres somente foram encontrados em solos do continente africano.

Os pithecanthropus surgiram tanto no continente africano como no asiático. Os materiais de estudos dos arqueólogos são fósseis, pedaços de instrumentos, as formas de moradias, hábitos alimentares, vestimentas entre outros. O homem se caracterizava pela sua forma de viver, visto que a característica principal era a formação de grupos humanos. A comunicação entre eles era precária e na maioria das vezes rudimentar.

Gritavam, pulavam, faziam gestos, pois ainda não conseguiam ter uma língua para se comunicar e os sons estridentes eram comuns entre eles. O Homo sapiens neanderthalensis ou homem de Neanderthal surgiram na África, na Ásia e na Europa conhecida como o velho continente. Pelos aspectos inseridos e estudados aqui tiramos a conclusão de que o primeiro homem tenda surgido no grande continente africano.


Porém, como os estudiosos chegaram à conclusão de que seres humanos surgiram na Ásia e na Europa, podemos deduzir que a raça humana se originou de várias sementes. Quem nasce no continente africano tem uma postura diferente de quem nasce na Europa e na Ásia. Fica então a dúvida de como surgiram às diferentes raças humanas. Fala-se em grandes conflitos entre habitantes de uma mesma região para garantir seu território e sua sobrevivência. Nesta época a violência já fazia parte da imaginação humana, o poder da dominação pela força.

De choque em choque alguns grupos tenderam a exterminação, enquanto outros sobreviveram e mesmo aqueles considerados fugitivos foram a busca de novos espaços para viver. É a sina humana da dominação que se esticou até os dias atuais. A Terra passou por cataclismos (grande inundação, dilúvio. (Na Geologia - Grande revolução por que passaria a Terra, que lhe modificaria a superfície, qualquer que fosse a causa primordial).

Desastre e principalmente grande revolução alterou profundamente a organização de um estado, de uma sociedade. Palavra de origem grega vem de Kataklysmos. Aconteceu no ambiente terreno fortes chuvas, aumento substancial da temperatura, degelos, secas, enchentes alterando de forma consubstancial o ambiente da Terra e do planeta. Estes fatos segundo pesquisadores aconteceram entre 100000 a. C. e 10000 a.C., na calmaria ou estabilização climática, novos ambientes surgiram.

A forma atual da Terra vem desses cataclismos. A história do hominal é rica em detalhes bem como a dificuldade se estabelece pelo período em que ele mudava de feição e comportamento. Novos modos de vida surgiram. O Australopithecus tinha grande semelhança com os chipanzés atuais, o seu cérebro era um pouco maior do que os demais primatas, uma postura pouco ereta se deslocava usando com frequência os braços, por isso a habilidade em usar as mãos e construir instrumentos de defesas com ossos e pedras. A vida para eles ficava mais fácil a coleta de frutos para o sustento não tinha grau de dificuldade. O Neanderthal seus vestígios foram encontrados na Alemanha e supunha-se que os mesmos tenham vividos entre 200mil e 50 mil anos atrás. Seu aspecto já era muito diferente apresentando semelhanças do homem atual.

Nos primeiros fósseis foram encontrados restos de lanças e outros utensílios. Esses materiais fizeram com que os estudiosos afirmassem que eles eram grandes caçadores. Os vestígios do homem mais moderno foram encontrados no berço da civilização humana, na França. Data prevista de 40 mil anos atrás. A característica principal era a altura, visto que chegavam a medir 1, 80 metros de atura, com cabeça alongada e ossos bem delineados. Outros aspectos corporais: tinham testa alta, longa, dentes pequenos, e o queixo se elevava acima do que está em volta, e mais alto.

Sobressaindo-se as (feições proeminentes); salientes e era superior, notável, pelo poder, riqueza, inteligência, cultura, moral, já se afigurava uma grande transformação, esses predicados nominados aqui equivalem ao ilustre e preeminente. O homem moderno domina a linguagem e o fogo. A palavra proeminente é derivação latina de proeminens, entis. O homem se sobressaiu suplantou os outros animais pelo uso da inteligência, mesmo que em períodos anteriores ela estava ainda em formação. Pelo que denotamos, a presença do homem em diversos lugares, tais como Alemanha, França,  África e Ásia, haveremos de concluir que de certa forma pelos estudos, eles surgiram de modo diferenciado não como explicita algumas religiões, visto que o brotamento aconteceu em diversas regiões do planeta Terra. A conclusão final pode ser avaliada por estudiosos no assunto, mas se inserirmos a religião na formação humana a confusão estará formada e um grande nó será construído e para se desfazer esse nó será tarefa difícil e quem sabe incapaz e impossível. Pensem nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E DA ALOMERCE

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ciencia-artigos/o-hominal-1243102.html

    Palavras-chave do artigo:

    ancestrais

    ,

    brutais

    ,

    atuais

    Comentar sobre o artigo

    Luana Souza

    O presente artigo vislumbra apresentar discussões e esclarecimentos sobre a teoria das representações sociais, sua relevância enquanto instrumento de pesquisa, principalmente, no campo educacional. Para tanto, fundamenta-se teoricamente sob a égide de MOSCOVICI (2013), SOUSA et all (2012), GUARESCHI (1996), apresentando breve conceituação e argumentos que tornam relevantes sua compreensão em contexto educacional.

    Por: Luana Souzal Educação> Ciêncial 18/10/2014

    Vejamos casos de proporções em equações: (2,1) 2x+3y=7 3x+2y=8 Somasse as igualdades.7+8=15 Em seguida divide-se com a soma da equação . 15:5:2=6 será o cruzamento do 2. 15:5:3=9 será o cruzamento do 3.

    Por: Edvaldo morais dos santosl Educação> Ciêncial 09/10/2014 lAcessos: 21

    A presente investigação teve como finalidade, realizar uma análise acerca da Teoria das Representações Sociais (TRS) e sua possível aplicação no âmbito de pesquisas em educação. Tratou-se, assim, de um texto especificamente teórico e de pesquisa qualitativa, o qual teve como embasamento teórico os textos em teoria das representações sociais de Prado e Azevedo (2011), Rateau et al (2012), Mazzotti (1994) e, a técnica de investigação empregada foi bibliográfica e documental.

    Por: Carla Anne Marques Fariasl Educação> Ciêncial 28/09/2014 lAcessos: 18

    Este trabalho teve como proposta de estudo os Hidrocarbonetos, através deles a matéria-prima do plástico a nafta que é um subproduto do petróleo. Para compreender de que são feitas as sacolas plásticas e se elas podem ser substituídas por outro material biodegradável, que não polua tanto o meio ambiente e conhecer alternativas contra o uso excessivo de sacolas de plástico no Brasil e demais países, realizou-se várias pesquisas bibliográficas com a contribuição de autores.

    Por: Carmeli Caetanol Educação> Ciêncial 20/09/2014
    Paulo Azze

    Explicações sobre a corrente elétrica alternada (CA), seus os componentes (ativos e reativos) e o seu cálculo de forma simplificada.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014 lAcessos: 13
    Paulo Azze

    Aborda aspectos relacionados ao comprimento das resistências de chuveiros, atendendo uma dúvida de amigo sobre questões do ENAD.

    Por: Paulo Azzel Educação> Ciêncial 15/09/2014 lAcessos: 11
    Zilda Ap. S. Guerrero

    Atualmente a cidade de São Paulo passa por uma das piores crises de falta de água, todos os dias em diversos jornais do país, o mesmo jargão em torno da questão do consumo consciente da água é abordado de diversas chamadas à população. Sendo assim, urge a necessidade de orientar e conscientizar as crianças e a população em geral para o problema social que estamos enfrentando na cidade de São Paulo, e no mundo.

    Por: Zilda Ap. S. Guerrerol Educação> Ciêncial 10/09/2014
    Luddy Travassos

    Os indivíduos que sofreram lesão no Sistema Nervoso Central, que comprometeram os neurônios motores, na coordenação dos impulsos, demasias dos reflexos, espasmos, alterações da fala e conduções, também podem ser apercebidas pelos familiares do paciente através de alterações comportamentais cotidianas desde a sudorese, anestesia labial, tremor de mãos e pés, e qualquer anomalia derivada de distúrbios de estresses ou demais descargas de tensão.

    Por: Luddy Travassosl Educação> Ciêncial 31/08/2014 lAcessos: 11

    Uma das palavras mais badaladas nesse período eleitoral foi democracia. Passaram um pano na politicagem, esqueceram os desmandos, as falcatruas, o mensalão, o valerioduto, o propinoduto e o petrolão. Acusaram a "Revista Veja" de ter denunciado antecipadamente os escândalos da Petrobras, afirmando os aficionados de Dilma e Lula e sua quadrilha de que a mídia imprensa agiu de má fé

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 27/10/2014

    Numa decisão política, a ética, as boas propostas deveriam ser o ponto alto da democracia, mas nos parece que todos os candidatos a cargos eletivos trocaram a política pela politicagem. A dúvida para alguns é real na hora da votação, mas vá a urna dizer qual o Brasil que você deseja. É bom frisar que os próximos quatro anos dependem do seu e dos nossos votos. É seu, é nosso direito querermos um país melhor mais democrático, onde haja disciplina, hierarquia e amor à pátria.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 23/10/2014

    Assenta tua cabeça no meu ombro, descansa e relembra os momentos felizes que passamos. Esta assertiva faz parte da nossa vida, de nossos sentimentos e do rol de realizações, que planejamos para o futuro. Muitas vezes rememoramos com pensamentos diluidores, com ações um pouco cavilosas, sem descortinar a harmonia do concerto, que traçamos para o teatro da nossa existência. Deter, impedir de avançar nossos momentos de amor, não são medidas contributivas para a felicidade que reina em nossos coraçõ

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 20/10/2014

    Quando nos referimos à política, devemos fazer um paralelo, uma comparação entre duas palavras, política e politicagem. São sinonímias contraditas e que refletem diferenciais hercúleos, do que seja a verdade em sua plenitude. Sabemos, de antemão, que existe uma variedade enorme de políticas, desde a comercial, passando pela familiar e indo até a política monetária. Política é ciência, é arte, é a ciência dos fenômenos referentes ao Estado (ciência política).

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 15/10/2014

    A política brasileira além de ferver virou um inferno. Um inferno com muitos diabos que não têm medo da cruz. Deus, o nosso Pai morreu e Jesus não estão mais em seus corações. A caridade, a fraternidade e os bons princípios não foram sublimados, e sim exterminados juntamente com a ética. No coração do brasileiro só resta esperança, as forças já estão combalidas, vítimas de uma politicagem escarnecida. O encanto do Brasil antigo evaporou-se diante das aberrações e das corrupções eleitorais.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatural 13/10/2014

    A felicidade imanta o meu ser, entro em êxtase vibracional, no entanto, meu ego se altera para todo mundo ver, o meu corpo se altera meio descomunal. Quando um grande amor amadurece, os tremores constantemente se alternam o corpo não resiste e a rosa não floresce, o íntimo se refina e, os desejos jornadeiam. O imã do amor me aconchega delicioso, o carinho e o afago do meu amor se transformam, a minha amada transborda em carinho astucioso e uma entrega sem pudor nos delicia e ...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 08/10/2014

    Podemos afirmar que, muitas vezes, a verdade é mais interessante que a ficção. O Ciclo Cósmico pela qual a humanidade vem passando, ou pelo desenvolvimento intelectual do hominal, leva a um interesse maior pela vida do Grande Mestre, ou Grande Redentor, Jesus do que em qualquer outro período desde o início de cristianismo. Nunca na história humana, Cristo foi tão estudado, pesquisado por estudantes de psicologia, misticismo, metafísicas e ocultismo com sentido minucioso e analítico. Nesse estudo

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 07/10/2014

    A brisa suave nos acaricia e o sol envolto pelo arco-íris, encanta-nos no pingente solar. Buscamos a todo instante a incessante diretriz, altaneira e rediviva. Somos humanos imperfeitos, mas através do amor e do perdão, procuramos alcançar vencendo todos os obstáculos, entre suores, perfumes, barulho, pedras de tropeços, o que mais almejamos o dom de amar. O amor na feição extrema vive em seu próprio lugar e não encontra problema difícil de suportar.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 06/10/2014
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast