Rio + 20 e o que você precisa saber

Publicado em: 25/05/2012 | Acessos: 681 |

O que você precisa saber  sobre a Rio+20

A história das principais conferências sobre o meio ambiente já realizadas no mundo e o conceito de sustentabilidade.

É uma conferência da ONU que reunirá 178 líderes do mundo todo para discutir meios de viabilizar a chamada economia verde' no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza. O evento será entre 20 e 22 de junho no Rio de Janeiro.

Os objetivos da conferência são assegurar um comprometimento político renovado para o desenvolvimento sustentável e meios de erradicação da pobreza, será um espaço para a discussão dos problemas socioambientais que afetam todo o mundo e das soluções que podem ajudar a recuperar os estragos já feitos no planeta.

O evento recebeu o nome de Rio+20 porque acontecerá duas décadas depois da realização da Conferência das Nações Unidas sobre Ambiente e Desenvolvimento, conhecida por Eco-92 ou Rio-92 – considerado o mais importante evento ambiental mundial até hoje.

A primeira manifestação de preocupação mundial a respeito da poluição atmosférica e da intensa exploração dos recursos naturaisfoi realizada em Estocolmo, no ano de 1972. O evento contou com a participação de representantes de 113 países. Na ocasião, foi elaborado um relatório no qual foram listados os impactos ambientais provocados pelo modelo de desenvolvimento capitalista.

Vinte anos depois, o Rio de Janeiro foi sede do evento que ficou conhecido como Rio-92 ou Eco-92, cujo principal objetivo era discutir meios de conciliar o desenvolvimento socioeconômico com a conservação e proteção dos ecossistemas da Terra. A conferência consagrou o conceito de desenvolvimento sustentável e contribuiu para a mais ampla conscientização de que os danos ao meio ambiente eram majoritariamente de responsabilidade dos países desenvolvidos.

Em 1997, foi realizada a Conferência de Kyoto, cujo principal objetivo era chegar a um consenso internacional para limitar as emissões de gases estufa dos países industrializados. Ficou decidido que os países desenvolvidos reduziriam parte dos gases estufas emitidos por suas indústrias (em média 5%), enquanto os países em

desenvolvimento não precisariam fazer essa redução, em um primeiro momento. Os Estados Unidos não assinaram o acordo.

Apesar do nome, em 2002, foi realizada em Johannesburgo, na África a Rio+10, com a intenção de discutir o uso dos recursos naturais em todo o mundo e deavaliar as medidas ambientais que haviam sido tomadas no mundo durante os dezanos passados desde a Eco-92.

Nos 20 anos que se passaram desde a Rio-92, vários acordos já se converteram em ações reais de desenvolvimento. Os países desenvolvidos têm elaborado novos processos e tecnologias para reduzir o uso de matéria-prima e energia em vários setores produtivos.

O setor mais problemático continua a ser o de geração de energia. O mundo continua dependendo dos combustíveis fósseis, com 53% da energia proveniente de derivados do petróleo ou do gás natural e os outros 27% do carvão. A energia hidroelétrica representa apenas 2,3%, as energias solar e eólica, 0,8%.

Existem sete áreas prioritárias eleitas pelos países que vão participar da Rio+20 – o que inclui medidas para a erradicação da pobreza e trabalhos verdes; alternativas para a geração de energia; água; segurança alimentar; urbanização e desastres. Além disso, os participantes da conferência irão debater políticas ecológicas para a conservação de oceanos e mares, além de mudanças climáticas e biodiversidade.

Espera-se que, efetivamente que após a Rio+20 passe a vigorar um mecanismo internacional que permita aos países emergentes e mais pobres fazer a transição para uma economia verde, visando a manutenção da biodiversidade e o crescimento sustentável. Espera-se também  que haja uma articulação conjunta para a redução das desigualdades sociais, econômicas e ambientais.

Fontes: Organização das Nações Unidas, revista Veja e Planeta Sustentável

Publicado em Fevereiro de 2012.

Verifique se você entendeu o assunto

1. O que é a Rio+20, quando e onde vai acontecer ?

2. Quais os objetivos desta Conferência das Nações Unidas ?

3. Por que o evento possui este nome, Rio+20 ?

4. Que conferências ambientais mundiais precederam a Rio+20?

5. O que ficou decidido na Conferência de Kyoto em 1997?

6. Que país se recusa até hoje a assinar o Protocolo de Kyoto?

7. Que acordos já se converteram em ações reais de desenvolvimento

sustentável?

8. Explique por que o setor de energia continua sendo o mais problemático no mundo.

9. Quais serão os principais temas debatidos na Rio+20?

10. Que mudanças concretas podemos esperar da Rio+20?

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ciencia-artigos/rio-20-e-o-que-voce-precisa-saber-5935719.html

    Palavras-chave do artigo:

    rio 20

    ,

    rio

    ,

    20

    Comentar sobre o artigo

    Rio+20: Brasil e a sustentabilidade conservadora Rio+20: sustentabilidade conservadora – Governo Dilma tem postura antagônica aos que propugnam novos tempos de defesa do patrimônio ambiental. Rio+20: Governo Dilma

    Por: Cristina toorl Notícias & Sociedade> Polítical 13/06/2012 lAcessos: 96

    Rio +20: Governo Dilma faz ‘maquiagem verde' – Miriam Leitão diz que falta apoio para criar programa que estimule o desenvolvimento sustentável. Rio +20: Governo Dilma não estimula a economia verde

    Por: Cristina toorl Notícias & Sociedade> Polítical 13/06/2012 lAcessos: 84
    Welinton dos Santos

    O encontro RIO + 20, onde nos primeiros dias estavam 94 Chefes de Estado, mostra de forma clara que existe a consciência dos problemas ambientais no mundo, mesmo que documentos e discussões a princípio pareçam não atingir os seus objetivos, na prática impulsionam movimentos pelo planeta, provocam atores sociais com outros olhares, além de auxiliar em ações conjuntas futuras corretivas e preventivas.

    Por: Welinton dos Santosl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 26/06/2012 lAcessos: 318

    presente estudo sobre as causas do assoreamento do rio Paraguai, teve como ponto de partida a disciplina de estágio supervisionado I, o qual foi de grande importância para a escolha Foi feito um levantamento bibliográfico sobre caracteristicas do rio Paraguai que pertence a bacia do Alto Paraguai superior e entrevista com o pescadores da colônica Z-10 no municipio de Barra do Bugres

    Por: Marcela Cristina Linhares Pereiral Educação> Ciêncial 13/11/2012 lAcessos: 189
    Rodnei Vecchia

    A maior conferência mundial das Nações Unidas realizada no Rio de Janeiro em junho de 2012 parece ter retrocedido no tempo ambiental.

    Por: Rodnei Vecchial Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 28/08/2012 lAcessos: 56

    Na avaliação de Rolllemberg, a Rio+20 poderá ser um ponto de partida para os debates dos próximos anos, e o desafio é conduzir as discussões sobre a estrutura do sistema global de modo minimamente descolado da conjuntura atual O que esperar da Rio+20? Em junho, chefes de Estado estarão no Rio de Janeiro para a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20. Eles buscarão consensos sobre questões fundamentais para o futuro do planeta.

    Por: Rodrigo Rollembergl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 11/06/2012 lAcessos: 263
    Meio News RJ

    A luta contra a discriminação, pelos direitos civis e pela autonomia das mulheres passa também pela participação efetiva de setores sociais tradicionalmente excluídos das principais questões da sociedade moderna.

    Por: Meio News RJl Direitol 28/03/2012 lAcessos: 52

    Rio+20: Aécio e o desenvolvimento sustentável – senador diz que Brasil pode liderar modelo com foco em novos padrões de produção e consumo. Rio+20: artigo Aécio Neves

    Por: Cristina toorl Notícias & Sociedade> Polítical 11/06/2012 lAcessos: 98

    Paragominas: O PSDB, o município Verde e a Rio +20. Pacto para o Desmatamento 0 é referência – projeto sustentável gera novo ciclo econômico. Paragominas: referência em sustentabilidade

    Por: Cristina toorl Notícias & Sociedade> Polítical 05/06/2012 lAcessos: 97

    O presente texto fala sobre as diferentes classes de escolarização, assim como as dificuldades de ensinos, de aprendizados e as mudanças ao longo do tempo que a educação no país está sofrendo; também fala sobre as reformulações necessárias para melhorias no campo da educação, e desvalorização financeira e social do magistério.

    Por: Reginaldo Posol Educação> Ciêncial 16/12/2014

    o presente trabalho relata sobre a falta de etica em laboratorios de hospitais publico

    Por: perolal Educação> Ciêncial 11/12/2014

    O projeto surgiu da necessidade de entendermos melhor sobre a cultura indígena Paresi. Em língua Portuguesa foram trabalhados durante o ano letivo os clássicos da literatura brasileira do autor José de Alencar. Os livros foram Iracema, O Guarani e Ubirajara Em geografia foram trabalhados os impacto que houve na cultura com a globalização . Envolvemos os alunos do 3º G para visitarmos a aldeia Paresi e pudemos constatar as mudanças que houve ao logo dos anos.

    Por: Sortineide Navarro Segural Educação> Ciêncial 05/12/2014

    Espera-se que este projeto possa contribuir para formação de cidadãos mais conscientes, e esperando que todos os segmentos sociais, governo, escola e comunidade possam empenhar na modificação de modelos sociais para que um homem novo possa emergir, mais autentico e integrado com os valores sociais.

    Por: SUELY CARDOSO FURLANl Educação> Ciêncial 03/12/2014 lAcessos: 12
    Andréia Camargo Fleck

    O artigo visa apresentar um breve relato sobre a realização da IV mostra de Ciência e Tecnologia realizada na Escola Estadual João Nepomuceno de Medeiros Mallet no município de nova xavantina – MT, onde foram oferecidos aos alunos palestras e oficinas com o Tema: Ser Humano, Ciência e Tecnologia para o desenvolvimento social, os trabalhos foram confeccionados pelos alunos de acordo com a oficina escolhida e apresentados numa exposição no dia 19 de novembro de 2014. Andreia Camargo Fleck

    Por: Andréia Camargo Fleckl Educação> Ciêncial 29/11/2014
    Teresa Coutinho

    A palavra tempo pode referir-se a um período do definido com maior ou menor precisão, desde pouco tempo, que significa de breve duração, até o tempo dos faraós, que foi há três mil anos; pode igualmente designar uma duração contínua indefinida, tal como está expresso nos dicionários, no âmbito de qual todos os acontecimentos tiveram lugar, estão a ter lugar e irão ter lugar.

    Por: Teresa Coutinhol Educação> Ciêncial 29/11/2014
    Eros Bazan

    Promover a interdisciplinaridade e a busca e troca de conhecimentos entre participantes da Feira no sentido de estimular o interesse pelo estudo das Ciências, da Cultura e das Artes; Incentivar a participação e a construção de em eventos de natureza cientifica; Motivar e envolver todos os alunos na realização de métodos experimentais e busca de respostas de todos os fenômenos naturais; Envolver os estudantes em atividades participativas, de natureza conceitual, reflexiva e prática.

    Por: Eros Bazanl Educação> Ciêncial 25/11/2014

    Por um longo tempo, as ciências formaram uma grande unidade conhecida como filosofia Natural. Praticamente qualquer atividade desenvolvida no mundo atual envolve uma inter-relação entre as várias ciências e foi pensando nisso que o presente trabalho foi proposto para alguns alunos do 1° ano do ensino médio inovador, visando uma relação entre a física e a Biologia "Biofísica" .

    Por: anacleil Educação> Ciêncial 17/11/2014 lAcessos: 19
    Silvio Araujo de Sousa

    O nível de dióxido de carbono na atmosfera atingiu níveis máximos em 2013, mas essa não foi a primeira vez...

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educaçãol 30/05/2013 lAcessos: 42
    Silvio Araujo de Sousa

    Geografia - 3º ano do ensino médio - Hidrografia do Continente Africano - texto de apoio as atividades das páginas 14 e 15 do caderno do aluno volume 3 fornecido pela SEESP

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educação> Educação Onlinel 15/09/2011 lAcessos: 1,208 lComentário: 1
    Silvio Araujo de Sousa

    Texto rápido para ser desenvolvido em uma aula , com questão aplicada no vestibular da Unicamp

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educação> Educação Onlinel 11/09/2011 lAcessos: 415
    Silvio Araujo de Sousa

    Geografia - Texto suporte ao volume 3 pág. 4, 5 e 6 - Estruturas terrestres. O texto é apresentado num formato didático com o objetivo de levar o aluno a refletir, compreender e adquirir subsídios que o leve a solucionar as questões propostas no caderno do aluno.

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educaçãol 04/09/2011 lAcessos: 2,264
    Silvio Araujo de Sousa

    Texto-atividade com questão do vestibular sobre a relação entre placas tectônicas e terremotos, como o que ocorreu no Japão em março de 2011. Para aplicação em uma aula de 50 minutos.

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educação> Educação Onlinel 18/03/2011 lAcessos: 4,555
    Silvio Araujo de Sousa

    Uma rápida análise do crescimento do PIB nos últimos 10 anos, onde pergunta-se , será que cresceu ou será que só é uma recuperação ?

    Por: Silvio Araujo de Sousal Finanças> Investimentosl 07/03/2011 lAcessos: 334
    Silvio Araujo de Sousa

    Produção do gás que prejudica camada de ozônio caiu 99% desde 1986, desde 1 de janeiro de 2010 esta proibido sua fabricação, mas substância demora décadas para se dissipar na atmosfera.

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educação> Ciêncial 19/12/2010 lAcessos: 3,647
    Silvio Araujo de Sousa

    IDH - Índice de Desenvolvimento Humano, é parte integrante do Relatório de Desenvolvimento Humano produzido pelo Pndu - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento Humano. O relatório de 2010 abrange 169 países. O IDH tem o objetivo de ser um indicador de qualidade de vida das populações. Foi desenvolvido em 1990 pelo economista paquistanês Mahbub Haq, esse relatório é emitido desde 1993.

    Por: Silvio Araujo de Sousal Educação> Educação Onlinel 15/12/2010 lAcessos: 1,418
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast