Resenha Crítica do Filme "O Corte"

Publicado em: 05/06/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 2,664 |

 

GRAVAS, Costa. O Corte. Bélgica/ França/ Espanha, Pandora Filmes, 2005. Duração: 122 min.

O filme mostra a vida de um engenheiro chamado Bruno Darvert uma pessoa bem sucedida que vive muito bem com sua família e tem um ótimo emprego numa fábrica de papel, ate que essa instabilidade é comprometida quando ele é surpreendido com sua demissão após 15 anos de muita dedicação. Este filme de Costa Gravas é excelente pois nos traz reflexões bastante lúcida a respeito do modelo econômico atual, pois esse filme nada mais é que uma crítica ao sistema capitalista. Na conjuntura atual em que estamos vivendo a atitude que o personagem Bruno Darvert estabeleceu neste filme é comum nesta sociedade burguesa, pois o desemprego é uma porta estabelecida por milhares de pessoas de atitudes imprevisíveis, por que se partirmos da análise de como funciona a dinâmica de classes nesta sociedade capitalista é preciso vender a força de trabalho para suprir as necessidades básicas fisiológicas, o capital precisa de força de trabalho para manter esse sistema que gera em torno do lucro e nos precisamos trabalhar para sobreviver. Sendo assim, o desemprego afeta a auto-estima de um indivíduo e causa um efeito desagregador na família. Nesse modelo de produção capitalista o desemprego é algo de aplicação indispensável nas relações sociais, sendo isso uma estratégia do capital para manter a ordem social vigente, quanto maior é o desenvolvimento das forças produtivas mais miséria se reproduz. E com isso podemos evidenciar o esquecimento por parte daquele que é tido como o mantenedor da sociedade que visa o bem comum de todos que, na sua verdadeira essência sua atual função é manter a ordem vigente. Pura demagogia. O que se tem é um Estado retraído que atende somente a classe dominante que justamente para dar respostas a essa classe isola e exclui tudo o que lhe faz mal. E essa retração do Estado deve-se a idéia neoliberal que impõe que ele seja mínimo e o mercado é quem controle as relações sociais e as relações de produção. Fica perceptível nesse filme que por mais que as pessoas sejam qualificadas, cultas e competentes não há mercado de trabalho para todos e é isso que explica a competição atual, o sistema capitalista é tão contraditório que quanto mais ele se desenvolve pior se torna a vida da classe trabalhadora, ou seja, aumenta a intensificação do trabalho. O que aconteceu com o Bruno Darvert nada mais é que uma estratégia do capital, no qual o exército industrial de reserva, que significa uma enorme fila de desempregados esperando por uma oportunidade de trabalho, faça com que o trabalho seja cada vez mais árduo e intensificado, precarizando as condições de trabalho, ressaltando que isso só se faz possível pela alienação que a classe trabalhadora vive, no qual este sistema capitalista impõe que as pessoas sejam egoístas e individualistas. Portanto o filme "O Corte" nos faz refletir essa triste realidade que infelizmente faz parte do nosso cotidiano, pessoas que perdem seus empregos e se submetem a situações desumanas para poder sobreviver, e que não recebem a mínima assistência do Estado e que muitas vezes nos tornamos cegos por não querer enxergar essa dura realidade, que a cada vez mais se agrava, sendo pela falta de emprego que estas pessoas passam fome e são tratadas como bicho sem nenhum respeito por elas. No qual nossa sociedade que visa apenas o lucro, o poder e o status, não se preocupa com a dignidade humana. O problema dessas pessoas não esta marcada pela falta de competência e qualificação como passam a mídia, e sim pelo um sistema burguês corrupto que usa como estratégia a falta de políticas públicas efetivas que possa assegurar ao cidadão uma vida digna. E o trazendo o exemplo da vida de Bruno Darvert para nosso cotidiano, é que as pessoas não indagam à ordem vigente por que não sabem a sua verdadeira essência, pois são alienadas, por isso dar-se a necessidade de nossa categoria se firmar com os movimentos sociais e esclarecer seus direitos para que a classe trabalhadora se fortaleça e passe a indagar e lutar por uma sociedade justa e igualitária, para que assim esse processo de luta se consolide e se estabeleça a buscada transformação da ordem vigente, ou seja, a emancipação humana que em minha concepção é algo possível.

Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 9 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/cotidiano-artigos/resenha-critica-do-filme-o-corte-2553579.html

    Palavras-chave do artigo:

    sistema capitalista

    ,

    o filme o corte

    ,

    servico social

    Comentar sobre o artigo

    Wellington Antonio Doninelli Pereira

    Uma narrativa sem capítulos ou parágrafos, o resultado das frequencias cerebrais das pessoas biochipadas estarem sobrepostas por frequencias de inteligênica artificial, um fenômeno novo, desconhecido dos modernistas, que experimentaram todas as formas de discurso, exceto o DIRETO DISCURSO LIVRE, porque naquela época as pessoas não tinham o cérebro hackeado por micro-ondas.

    Por: Wellington Antonio Doninelli Pereiral Literatural 19/04/2009 lAcessos: 649 lComentário: 3

    O presente trabalho teve como objetivo analisar a natureza educativa do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) do município de Massapê no tocante as suas contribuições para o acesso à cidadania de seus participantes. O percurso metodológico deste trabalho utilizou a abordagem qualitativa do tipo estudo de caso. Os resultados obtidos apontaram a existência de proposta educativa planejada e executada de forma bem diversificada.

    Por: Carlos Justinol Educação> Ensino Superiorl 02/05/2011 lAcessos: 5,587 lComentário: 2

    Muitos empresários estão percebendo que melhorar a qualidade de vida de seus funcionários e de suas famílias torna a empresa mais saudável, competitiva e produtiva. Essa é a principal função da QVT (Qualidade de Vida Total), baseada em dois aspectos importantes: o bem-estar do trabalhador e a eficácia organizacional . Um programa adequado de QVT busca uma organização mais humanizada e proporciona condições de desenvolvimento pessoal.

    Por: Marcelo P. Basilel Saúde e Bem Estar> Medicinal 05/08/2014 lAcessos: 40

    A falta de água forçava as pessoas a tomar urina reciclada. Essa era uma parte impressionante do livro "Não verás país nenhum", de Ignácio de Loyola Brandão, que li na adolescência. Hoje sei que o conceito não é tão esotérico e já se tornou realidade em alguns locais do planeta. Recentemente, Bill Gates tomou água proveniente de esgoto reciclado para mostrar que isso é seguro

    Por: Central Pressl Notícias & Sociedade> Cotidianol 23/03/2015

    O passado 15 de março foi um marco na historia brasileira. Independente de concordarmos com as revindicações, ou não, uma coisa é certa: entrou para a história. Mas uma pergunta fica no ar: "E agora?" Quais serão os efeitos das manifestações no Brasil? Vai afetar a economia?

    Por: Bruno Souzal Notícias & Sociedade> Cotidianol 19/03/2015

    O Dia Internacional da Mulher, decretado pela ONU – Organização das Nações Unidas em 1975 como sendo o dia 8 de março, convida anualmente a sociedade a pensar sobre a igualdade de gêneros, que ainda está longe de ser alcançada no mundo, mas que a cada ano sobe um degrau, mesmo que pequeno, na luta pelos direitos sociais e políticos das mulheres.

    Por: Julia Nascimentol Notícias & Sociedade> Cotidianol 06/03/2015
    Benedicto Ismael Camargo Dutra

    Em 500 anos de história a nação não desenvolveu forte querer na direção do progresso real, e agora precisa reconhecer os próprios erros, sanear, ir para frente, mas está parada no meio do atoleiro, tacando lama para o alto

    Por: Benedicto Ismael Camargo Dutral Notícias & Sociedade> Cotidianol 06/03/2015
    Lucilene Antunes

    10 indícios que você usa o facebook como apoio psicológico em diversas situações

    Por: Lucilene Antunesl Notícias & Sociedade> Cotidianol 05/03/2015
    Marcelo Castilho

    Já faz um tempo em que eu venho fazendo uma auto-reflexão sobre pensamentos e atitudes.

    Por: Marcelo Castilhol Notícias & Sociedade> Cotidianol 04/03/2015

    O que significa ser idoso hoje? Esta é uma questão sobre a qual muitas pessoas começam ter que refletir, ou porque são idosos, ou porque são profissionais de diversas áreas da saúde ou humanas que estão tendo que se capacitar para poder lidar com esta população que cresce aceleradamente em nosso país. Segundo estudiosos, o Brasil será o sexto país do mundo em número de idosos em 2025. Estamos preparados para isto?

    Por: Julia Nascimentol Notícias & Sociedade> Cotidianol 27/02/2015
    Antenor Alves Silva

    Em 1999, um artigo cujo título original é Unskilled and Unaware of It: How Difficulties in Recognizing One's Own Incompetence Lead to Inflated Self-Assessments foi publicado em uma revista científica, Journal of Personality and Social Psychology . Esse texto é assinado por Justin Kruger e David Dunning, da Cornell University, da cidade de Ithaca, estado de New York, Estados Unidos. Mas do que trata o referido ensaio?

    Por: Antenor Alves Silval Notícias & Sociedade> Cotidianol 24/02/2015
    Letícia dos Anjos

    Antes de culpabilizar o indivíduo, devemos conhecer primeiramente o meio em que ele vive, e principalmente a dinâmica da sociedade vigente, para não reproduzir-mos análises superficiais, que acabam corriqueiramente "criminalizando a pobreza".

    Por: Letícia dos Anjosl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 21/02/2012 lAcessos: 113
    Letícia dos Anjos

    Esta resenha tem como objetivo analisar criticamente o filme Estamira e suas implicações na conjuntura atual em que concerne a sociedade burguesa.

    Por: Letícia dos Anjosl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 08/06/2010 lAcessos: 9,165 lComentário: 3
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast