Os Meios De Comunicação

Publicado em: 19/05/2009 | Acessos: 5,822 |

OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO

Os meios de comunicação têm novos papéis com a nova tecnologia que está à disposição das empresas radialísticas e televisivas. A comunicação digital já começa dar o ar da sua graça e algumas empresas já aderiram à novidade.  Além de serem dispendiosas as empresas que ainda não dispõem desta tecnologia que se preparem. Façam planejamentos, procurem se adequar com equipamentos de qualidade e profissionais de bom quilate, pois a técnica exige. Mais cedo ou mais tarde quando do lançamento do rádio digital, ela irá mudar a cartilha da imprensa brasileira. São os novos papéis e os novos desafios para os meios de comunicação. O rádio como instrumento popular dará um salto de qualidade. Dizem que a televisão mudou a feição do rádio, mas devido à paixão que a população de menor poder aquisitivo tem pela radiodifusão, ele vai vencendo obstáculos conquistando medalhas de todas as categorias.

Infelizmente os profissionais que fazem do rádio sua sustentação não dão o real valor que o rádio e os ouvintes são uso e fruto de profissionais sem a educação necessária. Os sindicatos patrocinam cursos rápidos para radialistas, mas já existem faculdades preparando profissionais para o duro papel de radialista, o profissional que faz da transmissão da voz seu instrumento de trabalho. O Ministério do Trabalho exige do radialista a ‘Carteira de Trabalho’ registrada no ministério. Pelos menos aqui no estado do Ceará esta carteira não tem o valor que deveria ter, visto que quase a totalidade das emissoras locais aluga espaços, e os profissionais tiram seus sustentos nas publicidades. E a aposentadoria como fica?    Dizem que a globalização modificou a cultura e a revolução tecnológica transformou a cartilha de todos os meios de comunicação de massa. Pode ser até verdadeira a afirmação, mas o que acontece na realidade é que as concessões de funcionamento estão nas mãos de empresários e políticos.

O certo é que os meios de comunicação sempre estiveram inseridos no convívio das populações. As pessoas se reuniam em torno de um livro, de uma mesa de jogos, de bebidas ou de uma tela de cinema para as suas diversões nas horas de folgas.  A velha e surrada radiola faziam as velhas tertúlias, serenatas que culminaram com vários noivados e casamentos. O que temos de novo? Qual é o protagonismo que a mídia adquiriu especialmente o de massa? Do protagonismo vem o protagonista, uma palavra que deriva do grego protagonistés que foi o primeiro ator de drama na Grécia. Deuteragonista e tritagonista, teatro, cinema e televisão. A personagem principal de uma peça teatral, de um filme, de um romance, pessoa que desempenha ou ocupa o primeiro lugar num acontecimento.  Infelizmente temos poucos profissionais de rádio que conquistaram fama e os que se sobressaíram estão esquecidos dos ouvintes de rádio. Para resgatar esta cultura uma Associação de Ouvintes de Rádio foi criada no estado do Ceará (AOUVIR/CE). E tem radialistas fazendo beicinhos, pois acham que estão sendo censurados, mas a função da associação é melhorar a qualidade dos programas apresentados aos ouvintes, pois no momento a baixaria e a pornografia fazem a psicosfera da radiodifusão cearense. Infelizmente.

Encontramos na revista Chasqui em seu número 54 uma pesquisa citada por Eleazar Díaz Rangel, de junho de 1996, pp. 68-69. Façam um estudo do que diz a pesquisa: “A significativa pesquisa realizada pelo ICP/Research. “Em quem os latino-americanos acreditam?”Com relação ao parlamento, a opinião é péssima, apenas 9% dos guatemaltecos e 11% dos equatoriamos confiam no seu. Os venezuelanos e colombianos lhe concedem um pouco mais de crédito (17%). Quanto aos partidos políticos, os mais benevolentes são os mexicanos e os costarriquenhos (27%). Os peruanos e bolivianos têm porcentagens baixíssimas (13%). O mesmo acontece com juízes, sindicatos, polícia, empresários, presidentes e com o sistema político e econômico em geral.

O vazio é preenchido pelas Igrejas que continuam obtendo uma boa pontuação (61% dos latino-americanos acreditam nelas). E os meios de comunicação: dois em cada três cidadãos de nossos países estão convencidos da veracidade do que é dito pela imprensa, rádio e televisão. O que isso significa? No mínimo três novos papéis para os meios de comunicação social. Vale à pena deter-se em cada um deles antes de empreender o caminho urgente para melhorar nossa produção radiofônica. Temos que fazer o mesmo, pois com o advento do rádio digital a emissora de não tiver a estrutura forte e desejada irá parar no caminho da desilusão e do tão doloroso fechamento. Que isto não aconteça e que a superação venha na hora certa para evitarmos uma falência em gênero, número e grau. Trabalho, responsabilidade, empreendimento, esforço, orçamento com capital de giro. É o mínimo para uma emissora de rádio que se preza.

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E ALOMERCE

Avaliar artigo
4
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 20 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/cronicas-artigos/os-meios-de-comunicacao-926127.html

    Palavras-chave do artigo:

    sem estrategia desvio de finalidade digitalidade

    Comentar sobre o artigo

    Meu texto, Crônica Dos Tempos Modernos, retrata o estado de espírito de qualquer cidadão do mundo contemporâneo aonde a democracia e as liberdades elementares estejam sendo ameaçadas por uma conjuntura fascistizante. O racismo, o terrorismo, o fascismo, a intolerância religiosa, aliados ao abuso dos direitos civis, são o chão sobre o qual vicejam acontecimentos como o que resultou no atentado ao jornal CHARLIE HEBDO, em Paris. Além disso, nenhum lugar do mundo atual está realmente em PAZ....

    Por: Antonio Cabral Filhol Literatura> Crônicasl 28/01/2015

    A história do Brasil sempre foi construída de atos e fatos que enobrecem qualquer cidadão. Como acontece na vida humana fatos negativos aconteceram, no entanto não tiraram o brilho de nossa história, mas quando foi criado o Partido dos Trabalhadores (PT) a história do Brasil passou de gloriosa a uma derrocada sem proporções e tamanhos.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 28/01/2015
    Paulo Roberto Faria de Castro

    À medida (proporção) que avançava nos seus pensamentos sobre seu atual estado físico ...

    Por: Paulo Roberto Faria de Castrol Literatura> Crônicasl 27/01/2015

    Os acontecimentos do dia a dia, os atos e fatos, a inoperância dos governos (municipal, estadual e federal), a desumanidade, a falta de amor ao próximo, o egoísmo exacerbado, o apegamento exagerado às coisas materiais, em especial o vil metal ganho de forma irregular, a violência, a disputa homérica pelo poder, pelas melhores pastas governamentais e o desprezo incomum aos pobres, carentes e ...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 25/01/2015

    Falar e explicar regimes políticos, e estilos políticos não é tarefa fácil. Socialismo palavra derivado do francês (socialisme) é a doutrina que prega a primazia dos interesses da sociedade sobre os dos indivíduos, e defende a substituição da livre-iniciativa pela ação coordenada da coletividade, na produção de bens e na repartição da renda. Sistema político que adota essa doutrina. O socialismo poder ser científico, marxista, revolucionário e utópico.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 21/01/2015

    A Pátria brasileira passa por momentos difíceis, dolorosos e preocupantes, no entanto, aqueles que se deixam iludir por fabulosas promessas, normalmente não cumpridas, continuam alheios aos problemas brasileiros. Existe uma necessidade premente de que os brasileiros neófitos em termos de política procurem estudar mais um pouquinho, no intuito, de aprender pelo menos onde começa o fio da meada.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 12/01/2015
    Boas Tardes

    Artigo escrito com foco na prática que muitas pessoas têm de guardar praticamente tudo para quando necessitar realmente, mas perde porque existe data de validade dos produtos. Com certeza, quem guarda demais, tem obrigação de perder e ficar sem o dinheiro que gastou na compra dos produtos.

    Por: Boas Tardesl Literatura> Crônicasl 07/01/2015
    Paulo Roberto Faria de Castro

    Situação vista como normal pela mídia que enfatiza que os médicos são obrigados a brincarem de Deus ao escolherem entre dois pacientes que vai morrer por falta de recurso (CTI) e, por nós, que não nos indignamos e não cobramos, pelo desprezo que temos por nossos semelhantes. Somos, também, cúmplices. Leiam.

    Por: Paulo Roberto Faria de Castrol Literatura> Crônicasl 05/01/2015 lAcessos: 22

    A história do Brasil sempre foi construída de atos e fatos que enobrecem qualquer cidadão. Como acontece na vida humana fatos negativos aconteceram, no entanto não tiraram o brilho de nossa história, mas quando foi criado o Partido dos Trabalhadores (PT) a história do Brasil passou de gloriosa a uma derrocada sem proporções e tamanhos.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 28/01/2015

    De repente uma nuvem abençoada cobria todo cenário. Não era calvário, mas belo recanto que nos acolhia para o amor… Um torpor esquentava meu corpo e gozosas sensações ela sentia, era um amor extraordinário.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 27/01/2015

    Os acontecimentos do dia a dia, os atos e fatos, a inoperância dos governos (municipal, estadual e federal), a desumanidade, a falta de amor ao próximo, o egoísmo exacerbado, o apegamento exagerado às coisas materiais, em especial o vil metal ganho de forma irregular, a violência, a disputa homérica pelo poder, pelas melhores pastas governamentais e o desprezo incomum aos pobres, carentes e ...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 25/01/2015

    Teus olhos são lindos, brilhantes e chamativos de amor fecundo… Suas pálpebras tem algo incomum, pois são como duas conchas iluminadas, Encantam como ninguém, todavia, porém, contudo deixam um encanto profundo. A tua face emoldura uma bela senhora de beleza descomunal e de sutilezas diferenciadas. Olhos acesos, coloridos, embevecidos de amor que chamam a atenção do mundo…

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 22/01/2015

    Falar e explicar regimes políticos, e estilos políticos não é tarefa fácil. Socialismo palavra derivado do francês (socialisme) é a doutrina que prega a primazia dos interesses da sociedade sobre os dos indivíduos, e defende a substituição da livre-iniciativa pela ação coordenada da coletividade, na produção de bens e na repartição da renda. Sistema político que adota essa doutrina. O socialismo poder ser científico, marxista, revolucionário e utópico.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 21/01/2015

    O que entendemos e o que se entende por Espírito? Segundo os teólogos e as grandes religiões, espírito é pela sua essência espiritual, um ser indefinido, abstrato, que não pode ter ação direta sobre a matéria, sendo-lhe indispensável um intermediário que é o envoltório fluídico, o qual, de certo modo; faz parte integrante dele. O que caracteriza essencialmente o espírito é a consciência, isto é, o eu, mediante o qual ele se distingue do que não está nele,...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 16/01/2015

    Os cientistas estudam há anos a formação do mundo, a origem do universo e como surgiu a vida na Terra. Temos a informar que segundo nossos estudos e conhecimentos viviam na Terra, seres estranhos, que mais se pareciam com macacos do que Homens, de modo que os estudiosos os chamam homens-macacos.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 16/01/2015 lAcessos: 13

    A benevolência para com os semelhantes, fruto do amor ao próximo, produz a afabilidade e a doçura, que lhe são a manifestação. A dor é uma bênção que de Deus envia aos seus eleitos, não vos aflijais, pois, quando sofrerdes, mas bendizei, ao contrário, o Deus todo-poderoso que vos marcou pela dor neste mundo para a glória do céu. Tudo se resume em paciência e doçura, dois atributos que todo ser humano poderá enfrentar no orbe em que vivemos. Por incrível que pareça os dicionários quando se ...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 15/01/2015
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast