I Congresso Brasileiro De Enfrentamento Às Violências Sexuais Contra Crianças E Adolescentes

Publicado em: 02/12/2008 |Comentário: 1 | Acessos: 721 |

I Congresso Brasileiro de Enfrentamento às Violências Sexuais contra Crianças e Adolescentes




Foto: Vanessa Veras
Mesa das autoridades presentes no I Congresso Brasileiro de Enfrentamento às Violências Sexuais contra Crianças e Adolescentes.



Rio de Janeiro/RJ — De 25 a 28 de novembro aconteceu no Sesc Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, o I Congresso Brasileiro de Enfrentamento às Violências Sexuais contra Crianças e Adolescentes: diálogo para o Fortalecimento das Ações.

O Brasil é signatário da Convenção Internacional dos Direitos da Criança e do Adolescente e demais normativas e protocolos Internacionais adquiridos nos primeiro e segundo Congressos Mundiais contra a Exploração Sexual Comercial de Crianças e Adolescentes (Estocolmo, Suécia, 1996; Yokahama, Japão, 2001).

Esse Congresso é aberto a profissionais, estudantes, adolescentes e toda a sociedade, para fortalecer as ações contra a violência sexual às crianças e adolescentes. A abertura oficial contou com a presença de diversas autoridades engajadas na causa, além de um painel com os novos cenários da violência sexual contra crianças e adolescentes, a apresentação do resultado da Consulta Nacional, seguida de um debate para aprofundamento das reflexões temáticas. O evento contemplou ainda a exposição de pôsteres com trabalhos escritos que objetivam o conhecimento de práticas inovadoras e diferenciadas.

A Boa Vontade TV abre espaço para que esse assunto seja tratado e veiculado de forma séria, responsável, para que as soluções sejam apresentadas à sociedade. Ao longo de quase 60 anos, a Legião da Boa Vontade (LBV), por meio de seus Programas e Projetos socioeducacionais, trabalha pela efetivação dos direitos fundamentais de crianças e adolescentes em nosso País.

O presidente do Conselho Estadual de Defesa da Criança e do Adolescente (CEDCA), desembargador Siro Darlan, componente da mesa, convocou todos ao diálogo para o fortalecimento das ações de enfrentamento. Ele citou, entre outras medidas, a reivindicação da criação de uma Vara Especializada em violência contra a criança e o adolescente para decodificar essa forma de violência.




Foto: Vanessa Veras
Nelma Azeredo, subsecretária de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro.



A subsecretária de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, Nelma Azeredo, falou sobre como qualificar o atendimento para melhor penalizar os agressores: "Todo seminário é um espaço de qualificação, não só na qualificação de atendimento, mas também na definição de estratégias que possam evitar e contribuir para a punição. Temos trabalhado e aprofundado a discussão, no sentido de criar os mecanismos para atendimento da vítima e punição do culpado. Está na hora também de aprofundarmos as variáveis que precisam estar disponibilizadas no sentido de prevenir. Valores que possam transformar esses, hoje, agressores, em homens capazes de lidar com a sua sexualidade respeitando a nossa criança, o nosso adolescente".




Foto: Adriano Guilherme
Iolete Ribeiro, secretária de articulação do Fórum Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Rio de Janeiro.



A Secretária de Articulação do Fórum Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Rio de Janeiro, Iolete Ribeiro, falou sobre os avanços alcançados no enfrentamento contra a violência das crianças e adolescentes: "Esses avanços estão centrados na instituição de alguns serviços. Existem muitas experiências pelo País, de atendimento aos agressores, atendimento a famílias. Isso é importante, porque conseguiu, de alguma forma, chamar a atenção para o problema. Só que a dimensão do problema é tão grande que ainda existem muitas necessidades de investimentos, tanto no sentido da política, que precisa ser mais integrada, assistência social, saúde, precisam dialogar mais, Direitos Humanos, educação. Isso para que os dados sejam mais sistematizados, pois, hoje, eles estão ainda muito desarticulados. Esse é um desafio importante dar um conhecimento real do problema. Um outro desafio é a mobilização da sociedade, fortalecer esses espaços que já existem, ampliar nossas ações de maneira articulada, uma aproximação maior com todas as camadas da população, intersetorialidade, investir no protagonismo das crianças e adolescentes, produção de conhecimentos, investir em pesquisas. Esses foram alguns pontos importantes apontados pelos fóruns estaduais para o enfrentamento".

Ela abordou, ainda, a questão da cobertura da mídia nesses assuntos: "A cobertura não pode chamar atenção somente para um aspecto do problema, explorá-lo, sem se responsabilizar também pelas conseqüências daquele tipo de cobertura. Parabenizo a cobertura que a LBV está fazendo e estimulo que todos que estejam assistindo se envolvam com o problema, procurem ler e discutir sobre o assunto, conversem com a família e se preparem para o enfrentamento, que depende do Governo e da Sociedade".




 



A sra. Neide Castanho, do Comitê Nacional de Enfrentamento às Violências sexuais contra Crianças e Adolescentes, falou a respeito da importância do congresso para o aprofundamento das discussões: "Dois motivos fazem importante esse evento: primeiro, no marco de um congresso mundial, trazer o aprofundamento das experiências brasileiras. Toda hora tem um participante com uma história para contar, com uma iniciativa que está trazendo, uma ampliação do seu leque de oportunidades para atendimento, mobilização, para a responsabilização. É muito importante ter um momento em que a massa crítica brasileira se reúna para dizer o caminho que pode avançar e recuar. A segunda importância é o Brasil poder passar sua experiência a partir da sua própria iniciativa de base, para poder interferir, dialogar com a cooperação mundial. Nós agradecemos o envolvimento da LBV neste movimento nacional, nós precisamos, efetivamente, também vencer as barreiras dos segmentos. É responsabilidade de todos, portanto, a mídia tem de chegar com essa forma humanitária, amigável para com o fato, com a notícia. É esse papel que a sociedade organizada está cumprindo. Mais uma vez, agradeço à LBV".

A subsecretária municipal de Assistência Social, Marília Rocha, trazendo a contribuição da Prefeitura do Rio com o Plano Municipal de Enfrentamento, afirmou: "Há uma série de iniciativas em várias secretarias da Prefeitura voltadas para o abuso e a exploração sexual. A grande contribuição do Plano é uma maior articulação entre os setores. O combate ao abuso da exploração sexual pressupõe uma ação articulada e simultânea. A saúde tem o seu papel, a educação, a assistência, e o Plano conseguiu encontrar uma linguagem que promova essa articulação das pessoas envolvidas nesses atendimentos. O prazer em falar à Boa Vontade TV é nosso. Parabéns pelo trabalho".




Foto: Adriano Guilherme
Cristina Fernandes, representante do Fórum Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente.



Cristina Fernandes, do Fórum Popular Permanente do Estado do Rio de Janeiro, ressaltou: "O Brasil está atento, tem mantido isso na pauta, apesar de não darmos conta principalmente da erradicação da exploração sexual. A violência sexual, no que diz respeito ao abuso sexual, temos mais dificuldades. A exploração sexual nós podemos erradicar, basta uma mobilização de toda a sociedade brasileira. Nós não temos uma política de enfrentamento estabelecida, temos ações desarticuladas. Falta uma política que estabeleça um fluxo e, dessa forma, teremos maior facilidade de identificar as falhas, onde precisamos de um número maior de ações, o que devemos fortalecer, o que precisa ser ampliado e o que já não é mais necessário. Pretendemos provocar essa discussão. Nós agradecemos a vocês, da LBV, por estarem aqui e darem visibilidade a esse tema".

A representante da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Carmem de Oliveira, descreveu a boa ousadia da sociedade brasileira em organizar simultaneamente dois importantes congressos: "Entendemos esse momento como uma nova atuação. Estamos diante de novos cenários, nos hotéis, nos pontos turísticos já conseguimos atuar, mas agora tem a internet. Vamos lançar um hotsite seguro para denunciar essa violência na internet, para orientar pais e professores". A respeito da Consulta Nacional, a representante do Governo brasileiro declarou: "Apontou uma lacuna que é o atendimento especializado às vítimas, na área da saúde social. Nós não temos números que nos dêem a dimensão desses problemas. Precisamos de procedimentos que visam à revitimização e um maior rigor punitivo ao abusador, ao explorador sexual".

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/desigualdades-sociais-artigos/i-congresso-brasileiro-de-enfrentamento-as-violencias-sexuais-contra-criancas-e-adolescentes-667352.html

    Palavras-chave do artigo:

    congresso

    ,

    brasileiro

    ,

    enfrentamento

    Comentar sobre o artigo

    O artigo avalia a superlotação do sistema penitenciário brasileiro, como um fator preponderante dos problemas intramuros. Aborda também a superlotação no Estado do Maranhão numa concepção empírica, utilizando também a pesquisa bibliográfica.

    Por: ana silvia rodrigues de sousal Educação> Ciêncial 13/02/2011 lAcessos: 1,104

    O presente artigo versa sobre o direito à saúde no Brasil. Inicialmente será feito uma explanação da saúde junto ao (SUS) o qual tornará possível um melhor entendimento de um direito que está garantido na nossa Constituição Federal. Para tanto será feito uma breve abordagem da história da saúde no Brasil, e implementações das políticas públicas para garantia de direito à saúde. Por fim será feito uma analise da Lei nº 8.080/90 e as políticas de saúde junt

    Por: Vitoria Dantas Silval Direitol 14/08/2014

    Esta pesquisa apresenta uma análise sobre atuação do assistente social na Base Aérea de Boa Vista-BABV , tem como objetivo geral compreender a prática, as perspectiva e desafios do profissional Assistente Social na BABV, por meio deste foi definido três objetivos específicos, sendo desvelar os aspectos da história do Serviço Social no Brasil; Relatar a respeito da Força Aérea Brasileira: Espaço Sócio Ocupacional de atuação do assistente social e conhecer sua prática do profissional na BABV.

    Por: tamires almeidal Educação> Ensino Superiorl 21/08/2014 lAcessos: 264
    Silvane dos Santos Matias

    INTRODUÇÃO: O presente artigo aborda sobre a Visita Domiciliar como um dos instrumentos que se constitui numa atividade básica a ser realizada em atenção primária à saúde.OBJETIVOS: Refletir acerca da Visita Domiciliar buscando compreender a sua prática desde seu surgimento e como esta se efetiva hoje diante dos princípios do SUS e da ESF. METODOLOGIA: Pesquisa bibliográfica, tendo como aporte teórico os autores: Kawamoto, Fallante&barreira;, Camarano, Lacerda, Mattos, Takahashi. RESULTADOS: Obs

    Por: Silvane dos Santos Matiasl Saúde e Bem Estarl 13/07/2010 lAcessos: 11,107 lComentário: 1

    Esta monografia faz parte do IIIº curso de Especialização em Metodologia do Ensino e da Pesquisa em Educação Física, Esporte e Lazer – MEPEEL, do programa de pós-graduação, da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia – FACED/UFBA, do ano de 2010-2011. A proposta deste estudo se dá a partir da necessidade de apropriação dos conhecimentos da Cultura Corporal e neste trabalho de pesquisa, levantamos como Problema a seguinte pergunta: Qual a concepção do Parkour e sua relação com a Cul

    Por: Alexandre Francisco Lordêllol Esporte> Esportes Radicaisl 26/07/2011 lAcessos: 216
    Antonio Cunha

    O presente trabalho tem como objetivo, rever as referências teóricas sobre o tema “emancipação” associadas à análise das políticas públicas educacionais adotadas pelo Governo Brasileiro, focando Curitiba-Pr, considerando a desigualdade e a diferença social da clientela das escolas públicas estaduais e federais, diante das demandas sociais e de mercado de trabalho, numa perspectiva de emancipação e esforços públicos.

    Por: Antonio Cunhal Educaçãol 10/08/2009 lAcessos: 4,835
    Betinha Cordeiro Fernandes (Elizabeth)

    O texto aborda a origem do termo e o conceito de resiliência ao longo do tempo e na área da Saúde, os fatores relacionados ao desenvolvimento de características protetoras e de risco para a vulnerabilidade em saúde, ou o empoderamento da resiliência. Perpassa pelos métodos de avaliação, considerando a Bioecologua Humana, no cotidiano da avaliação integral de crianças e adolescentes. O texto é dirigido aos que querem conhecer outras formas de avaliar a saúde de populações vulneráveis.

    Por: Betinha Cordeiro Fernandes (Elizabeth)l Saúde e Bem Estarl 14/03/2010 lAcessos: 1,413
    marlucia pontes gomes de jesus

    O artigo faz trata da legislação e dos documentos dos conselhos de educação que regulamentaram a obrigatoriedade da educação das relações étnicorraciais na educação básica, enfatizando a situação no Estado do Espírito Santo. O texto foi publicado no blog Damarlu Educação ( www.damarlueducar.blogspot) em 11 de maio de 2010.

    Por: marlucia pontes gomes de jesusl Educaçãol 13/03/2011 lAcessos: 1,681

    PEDIDO DO BRASIL. EXPECTATIVAS QUE NORTEIAM O PEDIDO. ALTERNATIVAS SUGERIDAS PARA O CASO DE UMA EVENTUAL NEGATIVA DO PEDIDO DE EXTRADIÇÃO,

    Por: Ubiratan Pires Ramosl Direito> Doutrinal 05/05/2014 lAcessos: 39

    solidariedade como tema de pessoas que atuam na área de Tecnologias da Informação - TICs e Telecomunicações

    Por: nelson takayanagil Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 28/11/2014 lAcessos: 34
    JUNIOR OMNI

    Quantos jovens tiveram os seus sonhos "ASSASSINADOS" na guerra? Quantas mulheres perderam os seus esposos? Quantas jovens não se casaram com a pessoa amada, que morreu nas guerras? Quantas noivas ficaram "VIÚVAS" antes mesmo de se casarem? - - - Quantos filhos ficaram órfãos de pai e mãe, POR CAUSA DAS GUERRAS? Quantos filhos cresceram com "PROBLEMAS PSICOLÓGICOS" por causa da ausência de seu pai, ou de sua mãe? Quantas vidas jogadas na lata do lixo, por causa dos "LÍDERES MUNDIAIS" que decreta

    Por: JUNIOR OMNIl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 19/11/2014
    Davi Santos

    Em busca do equilibrio A vida como ela é, já dizia o famoso escritor, Nelson Rodriguês, ou a vida é bela do filme de Roberto Benigni, Durante a Segunda Guerra Mundial na Itália, o judeu Guido, me vem o desejo de falar de algo que abrange a vida e o ser no que ele é, autêntico, ou hipócrita,honesto ou desonesto,forte ou fraco,onde ele vem a pensar nele criatura, como ser que pensa e executa, vive ou deixa a vida o levar, basicamente ele para e diz : O que realmente o equilíbra.

    Por: Davi Santosl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 18/11/2014

    Diariamente passo por um ser humano triste, sozinho que mendiga numa grande e bonita rua da cidade, que dorme a chuva. Será feliz?

    Por: arminda moraisl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 12/11/2014
    Mariana Chaves

    De forma subliminar estamos vivendo em uma guerra de aparências, não importa o que você realmente é como pessoa, e sim o que você parece ou faz.

    Por: Mariana Chavesl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 07/11/2014 lAcessos: 13
    Luiz Otavio D. Pinheiro

    Texto denúncia, recebido por e-mail sobre a ação do PT e da PETRALHADA. Imperdível. Divulgue, pense no Brasil.

    Por: Luiz Otavio D. Pinheirol Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 24/09/2014 lAcessos: 16

    O trabalho em questão vai retratar a importância de determinadas políticas públicas que asseguram os direitos dos cidadãos de nosso país, conforme a Constituição de 1988 que diz "São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição".

    Por: RENATA SOUZAl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 20/09/2014 lAcessos: 17
    Carla Jacques

    O TEXTO FAZ UMA ANÁLISE CRÍTICA ACERCA DA QUESTÃO DO RACISMO, À LUZ DA IDEOLOGIA DO BRANQUEAMENTO, DISCUTINDO O CASO RELACIONADO AO GOLEIRO ARANHA (VEICULADO NA MÍDIA) E UM OUTRO CASO DE UM BAIRRO DE UMA CIDADE DO INTERIOR DO PAÍS QUE É INTITULADO POR ALGUNS MORADORES COM O SEGUINTE VULGO: "PLANETA DOS MACACOS".

    Por: Carla Jacquesl Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 15/09/2014 lAcessos: 31

    O escritor Paiva Netto há décadas faz o estudo do Apocalipse, lançando um novo olhar sobre ele, desmistificando o “pavor” que alguns ainda possuem pelo mesmo, enquanto não é realmente compreendido na sua totalidade espiritual e moral. Segundo o escritor, “ o Livro da Revelação não anuncia o fim do mundo, mas anuncia um Novo Céu e uma Nova Era”.

    Por: Simone Barretol Religião & Esoterismo> Religiãol 22/04/2009 lAcessos: 376

    "O que teria sido do mundo se os reformadores tivessem calado suas vozes, acomodando-se e conformando-se com os obstáculos que se lhe foram apresentados?"

    Por: Simone Barretol Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 20/04/2009 lAcessos: 849

    Indico a todos, a leitura do artigo “O Souza”, autoria de Paiva Netto, publicado em revistas e sites, no Brasil e no Exterior, e também divulgado em milhares de emissoras de rádio e TV, encontra-se no portal:www.boavontade.com e /www.paivanetto.com.br. Um incentivo para termos atitude e decisões firmes em nossa vida.

    Por: Simone Barretol Literatural 20/04/2009 lAcessos: 489 lComentário: 1

    Trago ao coração de todos uma mensagem digna de leitura e de reflexão quanto à “suprema vocação de servir”, de sermos úteis à comunidade em que vivemos, incentivando-nos à uma convivência mais fraterna e mais harmônica.

    Por: Simone Barretol Religião & Esoterismo> Religiãol 20/04/2009 lAcessos: 307

    Trago a todos vocês uma mensagem digna de leitura, atenção e de reflexão a respeito do sentido de Solidariedade, que deve ser uma ação constante entre os Seres Humanos que almejam um mundo de Paz , harmonia e equidade entre todos. Este artigo do escritor Paiva Netto, publicado em revistas e sites, no Brasil e no Exterior, e também divulgado em milhares de emissoras de rádio e TV, encontra-se no portal:www.boavontade.com e /www.paivanetto.com.br.

    Por: Simone Barretol Religião & Esoterismo> Religiãol 20/04/2009 lAcessos: 444

    Trago a todos vocês uma mensagem digna de leitura, atenção e de reflexão acerca da Páscoa, cuja mensagem principal é a Ressurreição de Jesus, O Cristo Ecumênico. A todos, muita Paz e a certeza de que Jesus está vivo em cada um daqueles que O amam e O respeitam. Este artigo do escritor Paiva Netto, publicado em centenas de jornais no Brasil e no exterior, encontra-se no portal:www.boavontade.com e /www.paivanetto.com.br.

    Por: Simone Barretol Religião & Esoterismo> Religiãol 20/04/2009 lAcessos: 725

    Quando a LBV chamar, atenda com o coração: diga SIM!” Esse é o slogan da campanha Diga SIM!, lançada, no dia 1º de abril, pela Legião da Boa Vontade em todo o Brasil, com o objetivo de angariar recursos para a manutenção dos programas socioeducacionais que ela desenvolve no País.

    Por: Simone Barretol Educaçãol 20/04/2009 lAcessos: 285

    O dia 3 de abril, sexta-feira, foi um dia muito feliz de comemoração e de alegrias, pois, o Centro Educacional, Cultural e Comunitário da Legião da Boa Vontade (LBV), no Rio de Janeiro, festejou o Dia do Circo. Todas as crianças da Educação Infantil participaram deste momento.

    Por: Simone Barretol Educaçãol 20/04/2009 lAcessos: 1,155

    Comments on this article

    -1
    Leonardo Gall 21/12/2010
    Boa Tarde, sou produtor cultural e tenho o interesse de participar de Congressos sobre -Violência Sexual Contra Crianças E Adolescentes, gostaria de estar mais integrado a respeito dessa nossa realidade que é pouco discutida pela sociedade.
    Tenho um espetáculo, na verdade, uma performance que fala sobre o abuso sexual infantil, levantando estatísticas e acontecimentos de abusos sexuais infantis dentro da própria casa, levando orientação, como se fazer uma denuncia... enfim, e tudo isso acontece com a montagem de uma Pizza, onde as fatias e os elementos da mesma, correspondem as estatísticas e as histórias contadas, com a platéia participando diretamente na montagem dessa Pizza.
    O nome da performance é "Pizza Família" - Já apresentamos em diversos festivais de teatro, no Parque das Ruínas (Espaço Cultural em Santa Teresa - RJ) e estamos aqui para levar essa realidade para a conscientização da Sociedade.


    Gostaria de levar esse projeto para as áreas com maiores índices de abuso sexual infantil do Brasil (Centro-Oeste e Nordeste), quem sabe até leva-lo para todo território brasileiro.


    Obrigado e vamos mudar essas estatísticas.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast