Valores Sociais

25/06/2008 • Por • 87,954 Acessos

VALORES SOCIAIS

“Desperta e faze algo que te impulsione para frente na estrada de elevação.” (Chico Xavier).


Os acontecimentos considerados costumeiros, os fatos, a inoperância política e do governo, a falta de amor ao próximo, o apegamento exagerado às coisas materiais, o egoísmo, a violência em suas diversas modalidades, a briga pelo poder e cargos públicos mostram a ineficácia e o desprezo incomum dos grandes pelos pequenos, os que estão no poder aniquilam aqueles que se encontra em situação miserável de vida. Ficamos a meditar muitas vezes e á perguntar: por onde andará a justiça brasileira? O respeito e a dignidade do ser humano transparecem ser um verdadeiro “Godzila, o monstro devorador. É nesse momento, que as cenas cinematográficas saem das telas e vão se embrenhar nos lares brasileiros causando pânico, terror e medo. A síndrome do dinheiro fácil continua a conquistar adeptos a cada dia que passa. Os jornais, a mídia mostra o descaso do Governo Federal com a população. Poderemos considerar de estarrecedora a situação pela qual passamos. O medo, o pavor nos envolve e quando temos que nos deslocarmos para casa pela madrugada vamos cortando sinais, se obedecermos à sinalização corremos o risco de sermos assaltados e até mesmo assassinados. A realidade é que não temos o direito de confiar em ninguém. Seja da classe mais alta a mais baixa, o medo passou a conviver em nosso cotidiano e nos exige cautela em nossas ações. As dificuldades são tamanhas, os sofrimentos incalculáveis, que nos leva acreditar que o amor a pátria está resumida ao medo e a compaixão. Quando o combustível do organismo falha a população sofre conseqüências danosas. Estima-se que 4% da população adulta sejam portadoras de doenças da glândula tireóide. O excesso ou falta do hormônio produzido na glândula interferem no funcionamento dos órgãos. De olho no diabetes – pesquisadores da Unicamp (Universidades de Campinas-SP) demonstram que hipertensão está associada a fatores que desencadeiam uma das mais freqüentes complicações crônicas do diabetes: a retinopatia diabética, lesão que pode levar a cegueira. Novo plebiscito surge e indaga: “As leis privilegiam os políticos? Sim ou não. Se o cidadão comum cometer um crime, será julgado por um juiz de primeira instância e pode ir a júri popular. Com políticos e autoridades é diferente. A legislação garante a eles julgamento diferenciado. Diante dessas prerrogativas constitucionais, o comemorado resultado do julgamento do mensalão no STF (Supremo Tribunal Federal) pode se transformar em frustração total.
Cresce o número de doadores de medula óssea. O Registro Nacional de Medula Óssea (REDOMA) ganhou oito mil voluntários em cerca de um mês graças à corrente do bem puxado por Matheus, que precisa encontrar um doador. O mundo se despede do tenor Luciano Pavarotti – homenagens emocionadas, presenças ilustres e muitos fãs marcaram a despedida do italiano ilustre, em Modena, Itália. Telões transmitiram a cerimônia de adeus, que começou com leitura de um texto de Bento XVI e interpretação de Ave Maria de Verdi. Banco de leite do Ceará precisa de doação. A valorização da vida e a cultura pela paz crescem em todo Brasil. Mortes por acidentes com motos crescem na capital alencarina. Heróis nacionais? Ainda não! O comemorado resultado do julgamento do mensalão ameaça se transformar em frustração. Agricultura familiar na busca por mais recursos e tecnologia, pequenos e grandes plantam parceria. Preços sobem até 141% nos supermercados, mas inflação não sobe. Os assaltos têm uma elevação de 148,5% é a violência comendo de esmola. Osama Bin Laden reaparece em vídeo e ameaça EUA (Estados Unidos da América). Queda do dólar ameaça projetos estratégicos no Ceará. Preço do álcool torna-se mais vantajoso do que o da gasolina. Cresce número de usuários de ônibus. Militares divulgam nota contra livro sobre tortura. O Alto comando do Exercito reage ao livro produzido pelo governo federal sobre tortura militar. No lançamento de “Direito à Memória e à Verdade” o presidente da Comissão de Mortos e Desaparecidos, Marco Antonio Barbosa, sugeriu a mudança na Lei da Anistia, permitindo o julgamento de militares envolvidos com torturas e mortes durante a ditadura de 1964. O texto foi transmitido a todos os comandos do país. Ele foi uma reação ao livro, ao seu lançamento no Planalto r principalmente ao recado de Jobim, na cerimônia. Estão querendo arrumar sarna para se coçar. De 1999 até o ano passado o número de crimes de morte não parou de crescer. Neste ano, já são 452 pessoas assassinadas. Juiz manda contratar médicos, prefeitura não quer cumprir determinação. Padre Cheregatto nega - desvio de dinheiro da capela da Base Aérea de Fortaleza. Governo Federal anuncia 56 mil novas vagas para funcionários públicos, é o governo a cata de votos para reeleger seu sucessor. Bolsa - esporte chega ao interior do estado do Ceará. Prefeitos buscam “sim” dos senadores. Aprovada pelos deputados, a proposta que aumentam em um ponto percentual os repasses ao Fundo de Participação dos Municípios chega ao senado, acompanhada de perto pelos prefeitos. Eles se reúnem esta semana no Auditório Petrônio Portela em busca do voto favorável dos senadores ao pleito. Anac pode ser investigada por uso indevido de norma. Fidelidade partidária passa na CCJ e segue para Plenário. Falta de investimento, um adversário dentro de casa. Horário para telemarketing pode ser limitado. Esportes carecem de políticas públicas. Após seis meses, CPI das ONGs deve ser instalada esse mês. Semi-árido do Nordeste pode virar deserto em 2050. Aprovadas mudanças no Supersimples, estava muito difícil conviver com o simples. Denise de Abreu depõe na CPI do apagão Aéreo.

O Brasil tornou-se com o passar do tempo e com a corrupção desenfreada o país das CPIs (Comissão Parlamentar de Inquérito) existe CPI para tudo, só que os resultados sempre se transformam em pizzas regadas a marmeladas e quase ninguém é punido. Passa tempo, sai governo e entra governo e as autoridades corruptas e corruptoras sempre falando em ditadura militar, para desvirtuar o pensamento do povo. Livro sobre torturas deveria ser editado agora no governo do presidente Lula. Existe tortura pior do que a fome, a miséria, a corrupção que - são fatos geradores da grande violência que se instalou no Brasil. A crítica veemente aos governos militares era a insatisfação daqueles que enriqueciam e enriquecem com o dinheiro da nação. Na realidade tanto crítica aos militares tinha uma finalidade precípua à reintegração a corrupção e ao enriquecimento ilícito. Nada de torturas, pois elas estão a pleno vapor no governo atual.


ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E ACADÊMICO DA ALOMERCE.-AOUVIRCE

Perfil do Autor

Antonio Paiva Rodrigues

Sou espírita, calmo, compreensivo, gosto de escrever crônicas, poesias, contos, faço resenha de livros, comento, faço novelas de rádio e...