A atuação de um advogado civil

Publicado em: 14/01/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 3,384 |

Antes é necessário esclarecer o que é Direito Civil e em seguida como atua um advogado civil. O Direito Civil é considerado o principal ramo do Direito Privado (particular) que trata do conjunto de regras e princípios que regulam as relações entre as pessoas (física ou jurídica) que se encontram em situações iguais ou opostas.

O advogado civil atua em causas civeis, isto é, nos atos da vida civil de uma pessoa ou de uma empresa. Estas causas civeis estão insculpidas no Código Civil que é o principal instrumento do Direito Civil, dividido em duas partes: a parte geral e a parte especial.

advogado civil fará, especificamente, os serviços de assessoria para elaboração, revisão e análise de contratos civis, tais como contratos de compra e venda, bem como aluguéis, registros de nome, registros de empresa, registros de paternidade, casamentos, separação, divórcio, separação, divisão de bens, adoção, doação, inventários, heranças, sucessões, testamento, dentre outros.

Podemos encontrar advogado civil em qualquer região, pois trata-se de uma das áreas mais comuns do Direito e por conseqüência os advogados de Direito Civil são os mais procurados pelas pessoas.

Assim, podemos encontrar advogados civil em qualquer lugar do mundo, como por exemplo,  advogados em Bauru, advogados em São Paulo e advogados no Rio de Janeiro.

E as opções de serviços, tanto para clientes quanto para profissionais, são muitas em qualquer região. No entanto, é importante estar atento antes de contratar um advogado, seja ele pago ou não, consultando sempre a Ordem dos Advogados do Brasil.

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/direito-artigos/a-atuacao-de-um-advogado-civil-4038896.html

    Palavras-chave do artigo:

    codigo civil

    ,

    advogado civil

    ,

    direito civil

    Comentar sobre o artigo

    O início da personalidade é uma das questões mais controversas e relevantes acerca do tema. Juristas pátrios, com respaldo de doutrina alienígena, há tempos sustentam o começo da personalidade civil anterior ao nascimento, v.g, à teoria concepcionista, que ergue a tese que o nascituro é sujeito de direitos e obrigações desde o momento de sua concepção.

    Por: marcelo teixeira de aleluial Direito> Doutrinal 28/04/2010 lAcessos: 2,061
    Fernando Rubin

    Com a proximidade da entrada em vigor de um novo Código de Processo civil (tendo já sido aprovado, pelo Senado, o Projeto 166 no recente dezembro/2010), temos com o presente ensaio o objetivo de detalhar criticamente a trajetória legislativa processual pátria.Iniciaremos pelo estudo da construção do CPC/1973 (substituindo o modelo anterior de 1939), passando pelas reformas estruturais ao Código Buzaid (no período de 1992-2010), e chegando nas linhas inovadoras do Projeto.

    Por: Fernando Rubinl Direito> Doutrinal 18/08/2011 lAcessos: 639
    Fernando Rubin

    O presente trabalho objetiva destacar as peculiaridades e também a inegável proximidade dos conceitos processuais da preclusão e da eventualidade. Não obstante a maior repercussão que normalmente é conferida ao primeiro instituto, por certo a eventualidade também se apresenta como vital princípio do procedimento, indispensável para a concentração processual, razão pela qual o seu estudo aprofundado da mesma maneira se mostra relevante.

    Por: Fernando Rubinl Direito> Doutrinal 30/01/2012 lAcessos: 319

    O presente trabalho se trata de resenha crítica da obra do Professor Flávio Tartuce, onde será abordado os aspectos da construção de um Direito Civil contemporâneo, enfocando-se a dimensão da temática sob à luz dos princípios gerais do Código Civil de 2002.

    Por: Jonas N. Verasl Direito> Doutrinal 13/01/2013 lAcessos: 168

    O presente artigo tem o escopo de avaliar o instituto dos Alimentos com fulcro no Novo Código Civil Brasileiro de 2.002 no que tange a abordagem de seu conceito, quais são as espécies decorrentes de classificações doutrinárias, arrolando suas peculiaridades, destacando-se a competência legal na obrigação de prestá-los.

    Por: Danielly Ferlinl Direito> Doutrinal 05/01/2011 lAcessos: 7,456 lComentário: 3
    Liana Lutz Caetano Souza

    O presente estudo tem por fito analisar a proteção ao nascituro, detendo-se principalmente à importância da Lei nº 11.804 de 2008. Será analisado o que propriamente vem a ser o conceito de nascituro, as teorias existentes a respeito do início de sua personalidade jurídica, bem como os direitos que o cercam com o intuito de destacar o quão necessário é sua proteção.

    Por: Liana Lutz Caetano Souzal Direito> Legislaçãol 14/06/2012 lAcessos: 674

    O presente trabalho m analisará os preceitos que versam acerca da improbidade processual presentes em nosso Código de Processo Civil.

    Por: Sabrinel Direito> Legislaçãol 07/07/2011 lAcessos: 3,459

    O presente estudo traz de forma bastante clara, objetiva e direta os aspectos relevantes do direito de empresa à luz do NCC (Parte 1)

    Por: Silvana Aparecida Wierzchónl Direitol 16/04/2008 lAcessos: 37,758 lComentário: 6

    A presente monografia tem como objetivo principal analisar o sistema de garantias de direitos de crianças e adolescentes e as dificuldades enfrentadas pelo conselho tutelar. O Direito da Criança e do Adolescente é um conjunto de disposições que tem por objetivo reger a atividade comunitária, em relação ao menor.

    Por: Mayane Alves Silva Santiagol Direitol 09/07/2014 lAcessos: 32

    Objetivando-se um melhor entendimento da possibilidade de ocorrência deste fenômeno no meio comercial mundial, buscou-se realizar um estudo detalhado sobre a origem do crédito, sua evolução histórica e conceito, as principais espécies de títulos de crédito, características, e princípios fundamentais. Evidenciou-se ainda um foco nos estudos sobre o art. 889 do CC 2002 que instituiu a possibilidade de emissão de títulos de crédito a partir de caracteres criados em computador ou meio equivalente.

    Por: Francisco José Jácome de Melol Direitol 19/02/2015

    No cenário atual diversos protestos, manifestações puderam ser vistos nas ruas, inicialmente contra o aumento das passagens de ônibus, mas, todos sabem que um conjunto de fatores desencadeou esse protesto em que parte da pauta das manifestações é um resultado das políticas do governo na ultima década.

    Por: Gleidson Mateus de Melol Direitol 16/02/2015
    Natal Moro Frigi Frigi

    A indicada contribuição fora instituída pela Lei Complementar nº 110/2001, art. 1º, com a finalidade de remunerar os expurgos inflacionários dos Planos Collor e Verão, onde a multa sobre o saldo acumulado do FGTS que era de 40% passou a ser de 50%, todavia, o trabalhador continua recebendo os mesmo valor, pois o aumento (10%) ficaria para a União Federal com o objeto de  remunerar as correção indicadas.

    Por: Natal Moro Frigi Frigil Direitol 14/02/2015

    Eventualmente, verifica-se a necessidade de se obter determinados documentos ou até mesmo informações nos órgãos públicos, contudo, na grande maioria dos casos a tentativa é frustrada em virtude de tanta burocracia. Ocorre que, o acesso a essas informações é direito constitucional do cidadão e o presente artigo se presta, justamente, a conferir mecanismos para que esse garantia seja cumprida.

    Por: Fábio Silva Andradel Direitol 28/01/2015 lAcessos: 21

    O presente artigo visa fornecer subsídios e elementos suficientes para que os proprietários revendedores de combustíveis possam reverter as multas aplicadas pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis - ANP apenas com uma pequena mudança na rotina de seus estabelecimentos.

    Por: Fábio Silva Andradel Direitol 28/01/2015 lAcessos: 13

    Diante do exposto, é possível observar que a adequação das peculiaridades técnicas do meio envolvido às normas jurídicas proporcionará maior confiança na contratação virtual e contribuirá para a evolução das relações contratuais.

    Por: Natália Paz de Lyral Direitol 14/01/2015 lAcessos: 17

    Trata-se, pois, imprescindível a adoção de sistemas de criptografia que garantam a autenticidade, integridade, tempestividade e perenidade do documento. Desta forma, os contratos eletrônicos terão eficácia probatória contra terceiros. No caso de dúvida quanto à autenticidade e integridade, o contrato não será considerado inválido ou inexistente, mas poderá vir a ser comprovado em juízo por qualquer meio de prova admitido.

    Por: Natália Paz de Lyral Direitol 14/01/2015 lAcessos: 15

    A expansão da Internet com propósitos comerciais, impulsionou o desenvolvimento do comércio eletrônico mediante a utilização de contratos eletrônicos. Entretanto, a vulnerabilidade desse novo ambiente de onde são celebrados os contratos eletrônicos gera insegurança entre as partes contratantes.

    Por: Natália Paz de Lyral Direitol 14/01/2015
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast