Do Testamenteiro

Publicado em: 03/12/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 3,514 |

O testador poderá nomear uma ou mais pessoas, de maneira conjunta ou não, para que tenha como função básica cumprir o que diz o testamento.

O testador poderá ao nomear o testamenteiro atribuir a ele a posse e a administração da herança de forma parcial ou total, para isso é necessário que o testador não tenha herdeiros necessários. Se lhe for atribuído esses direitos e, possível de exercê-los, automaticamente terão o dever de abrir o inventário além de cumprir o testamento.

O testamenteiro pode ter que cumprir os encargos que o testador crias, entre eles está o prazo para cumprir o testamento, que não existindo será de 180 dias contados da aceitação do testamento. O cargo de nomeação não é transmitido para seus herdeiros, nem tão pouco é passível de delegação, todavia é admitido a sua representação.A função do testamenteiro é de cumprir o que foi imposto no testamento, não cabendo-lhe se manifestar, não há substituição, não pode em vida transmitir o cargo de testamenteiro a outra pessoa.Os encargos são deveres e obrigações aos testamenteiros.

O testamenteiro terá direito a receber pelo serviço prestado.Não terá esse direito se o testador expressamente proibir.

O testador tem poder de fixar a remuneração, atendendo aos limites. Não havendo fixação ou proibição, será fixado pelo juiz de direito, tendo como parâmetro o percentual de 1% a 5% incidente sobre a herança líquida.

A doutrina usa dois termos para essa remuneração: prêmio ou vintena.O juiz usará o seguinte critério para fixação desse percentual de valor, quando o testamenteiro trabalhou muito e tiver seu serviço destacado.

O pagamento do prêmio sempre terá como base o valor da herança disponível. Sendo o testamenteiro herdeiro ou legatário, poderá exercer as duas nomeações, porém, lhe é vedado receber o prêmio, se existir.Desta forma, pode a pessoa preferir o prêmio ao benefício sucessório ou vice versa.Abrindo mão do prêmio, converte-se seu montante para legítima.Poderá ser herdeiro e testamenteiro, porém é impossível receber como herdeiro e como testamenteiro, não pode haver pagamento duplo.

Se o testador dividiu toda a herança em legados e, nomeou em testamenteiro, automaticamente ele será inventariante.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/direito-artigos/do-testamenteiro-1534036.html

    Palavras-chave do artigo:

    direito de sucessoes

    Comentar sobre o artigo

    Testamento é um negocio jurídico personalíssimo e causa mortis, o mesmo dispõe sobre o patrimônio do testador depois de sua morte e faz disposições sobre sua ultima vontade. Existem dois grupos de testamentos, os testamentos comuns (público, particular e cerrado) e os especiais (marítimo, aeronáutico e militar). Quanto a capacidade de testar temos em nosso Código Civil o art. 1.860 e o art. 1.861...

    Por: RAFAEL REIS NOGUEIRAl Direitol 07/12/2009 lAcessos: 1,031

    O PRINCÍPIO DE SAISINE NO DIREITO DE SUCESSÕES Breves comentários acerca do Princípio de Saisine no Direito de Sucessões do Código Cilvil Brasileiro.

    Por: Lisandral Direito> Legislaçãol 08/06/2011 lAcessos: 4,841

    Trata-se o presente estudo de um pequeno apanhado de diversos autores famosos daquilo que vem a ser o direito das sucessões.

    Por: Silvana Aparecida Wierzchónl Direitol 16/04/2008 lAcessos: 23,249

    O presente artigo visa, de uma maneira sucinta, analisar a matéria referente à sucessão testamentária presente no Cógigo Civil de 2002, dos capítulos "Da Vocação Testamentária" e "Dos Excluídos da Sucessão".

    Por: Rafaela Rossil Direitol 06/12/2009 lAcessos: 704
    Nelson B. Sousa

    Este trabalho que encontrei durante pesquisas na internet, que acredito que sirva para todos os leitores entenderem o que regra o novo CC sobre Direito de Sucessões.

    Por: Nelson B. Sousal Direitol 16/12/2008 lAcessos: 29,531 lComentário: 1
    Eduardo Nesi Curi

    Vocação Hereditária, Sucessão Legítima e Testamentária,Ordem de Vocação Hereditária. Aborda a vocação hereditária de forma sintética, com um breve histórico de suas origens, e resumidamente a sucessão dos descendentes, ascendentes, conjugê e colaterais.

    Por: Eduardo Nesi Curil Direito> Doutrinal 25/04/2011 lAcessos: 837

    DIREITO DE SUCESSÕES MATERIA DE SUCESSÃO TESTAMENTÁRIA - COMEÇA NO ARTIGO 1857 DO CC.

    Por: Tainara Santosl Direitol 02/12/2009 lAcessos: 350

    Artigos 1962, 1963 e 1814 do Código Civil É o ato de manifestação da vontade do autor da herança que exclui da sucessão, um herdeiro necessário, tipificando, nos permissivos legais, a sua vontade. Dá-se por testamento somente.

    Por: Thais Luz Firminol Direito> Doutrinal 29/11/2014 lAcessos: 39

    Este trabalho discorrerá acerca de um dos tipos de testamentos, mais especificamente sobre o testamento particular, encontrado no Direito das Sucessões. O artigo aborda a origem e a evolução do testamento a partir dos seus pressupostos gerais, requisitos essenciais de validade e eficácia.

    Por: Marcelo R. Poggi Villelal Direitol 25/11/2014 lAcessos: 19

    O presente artigo tem como objetivo analisar a situação do cônjuge sobrevivente no casamento putativo para o direito das sucessões, expondo sob análise primeiramente a participação do cônjuge supérstite, para o direito sucessório, regularmente casado, para em posterior solucionar a questão que se constitui objetivo do artigo em questão.

    Por: Décio Martinsl Direitol 14/12/2010 lAcessos: 380

    No Brasil, a questão da defesa dos direitos do consumidor começou a ser discutida no início dos anos 70, com a criação das primeiras associações civis e entidades governamentais voltadas para esse fim (Ex: Conselho de Defesa do Consumidor – CONDECON, Associação de Proteção ao Consumidor – APC, etc.). Mas foi somente em 1988, com a promulgação da Constituição Federal, que estabeleceu como dever do Estado promover a defesa do consumidor e um prazo para a elaboração de um Código para esse fim.

    Por: Tiago Morlinl Direitol 27/03/2015 lAcessos: 15

    O presente estudo traz uma abordagem acerca do instituto de inquérito policial, sendo ele procedimento administrativo que busca apurar autoria e materialidade de infração penal. Trata-se de pesquisa qualitativa, realizada por meio de método dedutivo e de procedimento técnico bibliográfico e documental.Busca-se inserir o inquérito policial no condão constitucional analisando este instituto à luz dos princípios do contraditório e da ampla defesa, garantidos pela Constituição Federal de 1988. Adema

    Por: Jussana Gabrieli Machadol Direitol 25/03/2015 lAcessos: 11

    Vamos aproveitar este momento para explicar que os contratos de seguros de veículos tem que pagar pelos seguintes danos: * DANOS CORPORAIS * DANOS MORAIS * DANOS MATERIAIS OU PATRIMONIAIS

    Por: Bento Jr Advogadosl Direitol 23/03/2015

    Abordagem do surgimento e internacionalização dos Direitos Humanos e sua importância, a Declaração Universal como sistema global de proteção dos Direitos Humanos e demais convenções, incorporação no sistema Brasileiro e suas divergências sobre os tratados internacionais de Direitos Humanos, a Convenção sobre a eliminação de todas as formas de descriminação contra a mulher e sua fundamentação na igualdade.

    Por: RENATO PORTELA E VASCONCELOSl Direitol 04/03/2015 lAcessos: 13
    Giovanna Santos

    Encontrado em 1967 um importante relatório contendo detalhes sobre um terrível genocídio contra povos indígenas resultam em dizimação de tribos inteiras.

    Por: Giovanna Santosl Direitol 25/02/2015

    Objetivando-se um melhor entendimento da possibilidade de ocorrência deste fenômeno no meio comercial mundial, buscou-se realizar um estudo detalhado sobre a origem do crédito, sua evolução histórica e conceito, as principais espécies de títulos de crédito, características, e princípios fundamentais. Evidenciou-se ainda um foco nos estudos sobre o art. 889 do CC 2002 que instituiu a possibilidade de emissão de títulos de crédito a partir de caracteres criados em computador ou meio equivalente.

    Por: Francisco José Jácome de Melol Direitol 19/02/2015 lAcessos: 28

    No cenário atual diversos protestos, manifestações puderam ser vistos nas ruas, inicialmente contra o aumento das passagens de ônibus, mas, todos sabem que um conjunto de fatores desencadeou esse protesto em que parte da pauta das manifestações é um resultado das políticas do governo na ultima década.

    Por: Gleidson Mateus de Melol Direitol 16/02/2015 lAcessos: 23
    Natal Moro Frigi Frigi

    A indicada contribuição fora instituída pela Lei Complementar nº 110/2001, art. 1º, com a finalidade de remunerar os expurgos inflacionários dos Planos Collor e Verão, onde a multa sobre o saldo acumulado do FGTS que era de 40% passou a ser de 50%, todavia, o trabalhador continua recebendo os mesmo valor, pois o aumento (10%) ficaria para a União Federal com o objeto de  remunerar as correção indicadas.

    Por: Natal Moro Frigi Frigil Direitol 14/02/2015 lAcessos: 11

    Comments on this article

    0
    nelton 23/07/2011
    casei na década de 80 fui morar no mesmo terreno que tinha duas casas.no terreno.nessa mesma década meu sogro fez testamento que na frase principal diz o seguinte.deixo esse imovel para minha filha adotiva fulana de tal que é casada com nelton ramos,sendo ela a prim. testamenteira e no impedimento dela sera ele.em 2003 construi uma casa nova nesse terrreno.qual meu direito?
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast