A Importância Do Gestor Democrático Na Escola Atual

Publicado em: 04/08/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 9,050 |

A escola atual vem assumindo tarefas e enfrentando situações mais complexas e diversificadas do que antigamente: pressões políticas que refletem na educação, recursos insuficientes e mal aplicados, o enfraquecimento do papel da escola pela própria classe política, contrastes sociais que desmotivam a continuidade nos estudos e falta de estrutura familiar em grande parte dos alunos. Dentro desse contexto o diretor tem papel fundamental, convivendo com incertezas e encontrando respostas para situações novas freqüentemente, o que torna ainda mais complexo seu trabalho de gestor, pois se vê obrigado a lidar com a dicotomia existente entre decisões dos órgãos centrais e os interesses da comunidade escolar.  

O trabalho do gestor em uma escola deve se basear em um plano de ação denominado plano escolar, elaborado por toda a comunidade da escola (pais, professores, alunos e servidores), que estabeleça metas de forma coletiva, sempre direcionadas ao desenvolvimento do alunado. O plano escolar confeccionado dessa forma é um grande passo para que se estabeleça uma gestão democrática, assegurando que todos participem das decisões, inclusive a comunidade, deixando bem claro os direitos e deveres, onde decisões e tarefas serão compartilhadas. Porém, existe uma dificuldade de aproximação entre comunidade e escola, geralmente a presença dos pais só é solicitada quando seu filho apresenta problemas de comportamento. A gestão participativa (democrática) pode ser capaz de despertar a população para a importância do processo educativo e da responsabilidade que os pais também têm com a formação de seus filhos. Existem algumas estratégias interessantes para aproximar a comunidade da escola, uma delas seria a realização de encontros ou palestras de interesse de todos em horários onde a maioria possa participar, fazendo com que os pais freqüentem o ambiente escolar em outras ocasiões e não somente na reunião de pais e mestres. A APM, o conselho de escola e o grêmio estudantil são órgãos que podem facilitar essa aproximação. Segundo a administração moderna, o bom gestor, entre outras coisas, conhece seu potencial e as necessidades do seu entorno, gerencia de forma participativa envolvendo no processo o maior número de pessoas e valoriza a criatividade de todos, ou seja, elementos fundamentais para uma administração participativa e democrática.

O que encontramos nas escolas atualmente, sobretudo nas públicas, é uma grande falta de motivação. A gestão democrática torna-se motivante a medida em que a sociedade participa efetivamente das ações escolares e percebe de perto o resultado do trabalho. Passando, assim a valorizar mais a educação de seu filho.

Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 5 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/a-importancia-do-gestor-democratico-na-escola-atual-1098048.html

    Palavras-chave do artigo:

    gestor

    ,

    gestao participativa

    ,

    gestao democratica

    Comentar sobre o artigo

    Esse artigo foi elaborado com a pretenção de proporcionar um visão mais abragente da gestão da escola pública em seus detrimentos com a sociedade.Qual o pérfil dos técnicos pedagógicos,se ainda a educação está voltada a exclusão e que politicas públicas estão sendo trabalha na busca incessante por cidadania.

    Por: Prof.Raimundo Ferreira dos Santosl Educação> Educação Onlinel 28/10/2008 lAcessos: 196,938 lComentário: 36

    A aceleração dos avanços tecnológicos, a globalização do capital e as transformações nas relações de trabalho, trouxeram mudanças para as políticas de gestão e regulação na educação brasileira. Essas mudanças interferem na organização da escola e nos diversos papéis dos autores sociais que constroem seu dia-a-dia forçando-os a agir em outra direção. Nesse sentido a gestão escolar, envolve todos da comunidade local.

    Por: Roseli Pereira da Silval Educaçãol 21/11/2014 lAcessos: 17
    Jaconias Dias Rodrigues

    As formas de subjetivação e mecanismos de resistências criadas pelos professores, gestores, alunos e demais agentes escolares no que toca a gestão democrática são objetos de estudo desse artigo .Escrever sobre esses mecanismos e descortinar a realidade da escola no que tange a gestão constituem as preocupações apresentadas. Nesse sentido o artigo pretende funcionar como um provocador e disparador de novos comportamentos na vida do profissional dos que lidam com a gestão.

    Por: Jaconias Dias Rodriguesl Educação> Ensino Superiorl 15/07/2011 lAcessos: 528

    A crescente desarticulação entre a definição de políticas, formas e meios de implementação das mesmas, é uma realidade facilmente constatável. Por outro lado, a também crescente aposta na desintervenção do Estado na economia e na sua demissão das responsabilidades sociais, que constituem a sua razão de ser, conduzem-nos a um novo modelo de Gestão Pública que importa analisar. Se um novo modelo de Estado implica um novo modelo de Gestão Pública, como definir e caracterizar o novo gestor público e

    Por: candida marreirosl Negócios> Administraçãol 29/03/2011 lAcessos: 779
    Claudio Bezerra de Menezes

    Ao considerar como antecedente de nossa tese de doutorado a Dissertação "EDUCAÇÃO, DIREITOS E CIDADANIA NA PERCEPÇÃO DA POPULAÇÃO DE FORTALEZA, DOS PROFESSORES MUNICIPAIS E UNIVERSITÁRIOS DE FORTALEZA, DOS PROFESSORES MESTRANDOS E DOUTORANDOS"; elegemos o tema: "Gestão e Democracia na Escola Pública: uma percepção Freireana..." no intento de averiguar o interesse docente em discutir, estimular e inserir valores freireanos em sua prática pedagógica em prol de uma gestão escolar fraterna...

    Por: Claudio Bezerra de Menezesl Educação> Ciêncial 22/12/2012 lAcessos: 69

    Resumo: Este Trabalho de Conclusão do Curso de Pós-Graduação buscou pesquisar a Gestão Escolar e a Função Social da Escola, tendo por objetivo investigar a relação do processo escolar com o cumprimento da função social da escola e do gestor como elemento determinante para o bom clima organizacional.

    Por: maria das Graças Ribeirol Educaçãol 10/04/2011 lAcessos: 6,603
    Daniel Caraúna da Motta

    Inteligência emocional e comunicação empática aplicadas como elementos de implementação e aprimoramento do processo de ensino e aprendizagem na gestão democrática participativa no contexto institucional. Emotional intelligence and empathic communication applied as elements of implementation and improvement of the teaching and learning in participatory democratic management in the institutional context.

    Por: Daniel Caraúna da Mottal Educação> Ensino Superiorl 22/02/2010 lAcessos: 4,786

    Gestão Urbana no Brasil quanto aos seus aspectos políticos. Busca apontar as características que vêm acompanhando a gestão urbana na contemporaneidade, como o reconhecimento das cidades, de seu crescimento e sua influência na evolução humana, discorrendo sobre as prerrogativas legais, que tornam a gestão urbana, responsabilidade do município, da participação da sociedade civil nas decisões de investimento, do papel do Estado como financiador e do reconhecimento da participação do gestor urbano.

    Por: Luiz Antonio Miottil Negócios> Gestãol 28/02/2011 lAcessos: 355

    Este artigo tem como objetivo demonstrar o papel do RH e sua importância para implantação da administração participativa como uma estratégia de inovação. Mostrando que a valorização de idéias criativas pode ser fundamental para a inovação, apontando os benefícios que atitudes inovadoras podem produzir a partir da adoção do modelo de gestão participativa. O tema foi fundamentado de acordo com a visão de diversos autores. Os temas mais relevantes são: Gestão de pessoas, administração participativa

    Por: Erika Cristina Coelhol Negócios> Gestãol 17/06/2011 lAcessos: 2,983
    Damião A. Leite

    A administração escolar tradicional vem passando por diversas mudanças ao longo dos anos, tendo como principal metamorfose no bojo das vivências educacionais a gestão democrática que tem como pano de fundo a promoção do indíviduo rumo a cidadania, a autonomia e a criticidade por meio do envolvimento de todos os interessados na melhoria do ensino em sentidos múltiplos, construindo os afazeres pedagógicos com educandos, educadores, pais e a comunidade em geral praticando o trabalho coletivo.

    Por: Damião A. Leitel Educaçãol 16/11/2009 lAcessos: 5,493 lComentário: 1
    Genilda Vieira Rodrigues

    Este artigo tem por objetivo apresentar estudos aprofundados sobre a educação inclusiva dando ênfase à questão envolvida no que se refere ao trabalho do professor com alunos portadores de deficiência. No decorrer da produção serão expostos conceitos de Educação Especial e Educação Inclusiva pontuando o saber fazer e o aprender diante das dificuldades encontradas em trabalhar com alunos portadores de necessidades especiais, ressaltando ainda mostrar alguns dos recursos e as estratégias utilizados

    Por: Genilda Vieira Rodriguesl Educaçãol 21/02/2015

    Propriedade vocabular é muito importante na hora de redigir o texto, uma vez que saber empregar as palavras mais adequadas no momento enriquece muito o conteúdo do texto e, além disso, torno-o mais clara e objetivo. Mesmo que o texto seja um mero exercício escolar, antes de construí-lo, pergunte-se: para quem escrevo? O tipo de receptor determina a forma de sua mensagem. Um panfleto dirigido a crianças precisa ter uma linguagem fácil, direta, sem rebuscamento.

    Por: Professor Leol Educaçãol 19/02/2015

    Quando se ouve falar em educação, pensamos em escola, em educação formal. E quando o assunto é família temos vários pensamentos. Educação e Família são dois temas bastante complexos, porque educação é muito mais que escolarização, letramento e formação, sendo que família é a instituição mais antiga da sociedade e sofre constantes transformações. Ambas tem a função de socializar e transformar o homem biológico em um ser social.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educaçãol 16/02/2015

    Propostas Pedagógica e a Participação da Família no Resultado. A progressão escola é um instrumento que pode mudar a realidade desses estudantes que estão fora da faixa etária escolar. Determinadas escolas contemplam dentro do seu projeto político pedagógico, o sistema de progressão. Para que funcione a progressão em uma escola é necessário que haja engajamento por parte dos docentes, dos estudantes e da família. É importante ressaltar, que a família também tem um papel fundamental...

    Por: Elonir dutra terral Educaçãol 13/02/2015

    Diante dos agravos causados pela violência doméstica, tais entraves se estendem também ao processo educacional da criança e adolescente. Por outro lado, esta situação nem sempre é conhecida pelos seus educadores no campo acadêmico, causando assim uma lacuna no campo da avaliação pedagógica que, muitas vezes, abrangem somente o campo intelectual. Este trabalho tem por objetivo fazer uma análise sobre os impactos da violência doméstica no processo ensino-aprendizagem.

    Por: Jiane Martins Soaresl Educaçãol 12/02/2015
    ÁUREA MARIA SOARES LIMA

    A educação é um direito humano substancial, e como tal, precisa ser garantido universalmente. As conquistas das mulheres brasileiras em relação á educação, vêm crescendo consideravelmente e com isso, reduzindo significativamente o analfabetismo. O número de mulheres no mercado de trabalho cresceu gradativamente e isso ocorreu devido à determinação para conquistar seu espaço, milímetro a milímetro, dentro e fora de casa, e especialmente do empenho em subir novos degraus de instrução.

    Por: ÁUREA MARIA SOARES LIMAl Educaçãol 10/02/2015 lAcessos: 11
    ÁUREA MARIA SOARES LIMA

    O direito de trabalhar, obter formação intelectual e de atuar no cenário político do País, nem sempre foi concedido às mulheres. As mulheres que queriam reverter esta situação, buscando conquistar funções que tradicionalmente não lhes cabiam, devido à sociedade patriarcal, eram ridicularizadas e até difamada. A luta das mulheres brasileiras pelo reconhecimento de seus direitos políticos e civis é secular; a emancipação feminina nas ultimas décadas do séc. XIX era vista pelos mais diversos setore

    Por: ÁUREA MARIA SOARES LIMAl Educaçãol 10/02/2015 lAcessos: 16
    Carlos Henrique Araújo

    Não haverá uma educação de qualidade se não houver uma reforma do ensino no país. Um pacto entre a sociedade e os seus representantes políticos em prol de uma verdadeira reforma do ensino nacional deveria ser estabelecido. Na minha percepção, a reforma do ensino é a mãe de todas as reformas.

    Por: Carlos Henrique Araújol Educaçãol 03/02/2015 lAcessos: 12
    alex batalha machado

    A educação em nosso país assume uma complexidade jamais vista, temos crianças expostas a um bombardeio diário de informações, as famílias já não têm mais a estrutura de algum tempo atrás, observa-se com facilidade pais e mães muito atribulados que não dispensam o devido tempo aos filhos e também freqüentemente nos deparamos com alunos filhos de pais separados. Nesse cenário, a escola tem assumido um papel muito amplo na educação das crianças, abarcando funções educacionais que seriam responsabi

    Por: alex batalha machadol Educaçãol 15/08/2009 lAcessos: 878
    alex batalha machado

    Para que o trabalho pedagógico em uma escola se desenvolva de maneira satisfatória, o relacionamento entre diretor e corpo docente deve ser harmonioso. Não se pode mais aceitar a figura centralizadora e autoritária que muito pouco contribui no rendimento de professores, funcionários e alunos. O diretor democrático e conhecedor de suas obrigações se torna indispensável para o sucesso da escola.

    Por: alex batalha machadol Educaçãol 08/08/2009 lAcessos: 9,039 lComentário: 1
    alex batalha machado

    Atualmente podemos perceber, sem muito esforço um aumento dos casos de obesidade em nossa crianças e adolescentes. Fato esse que pode gerar inúmeros problemas de saúde na fase adulta. O meio mais eficiente de combate aos males causados pelo excesso de peso, parece ser a prevenção, orientações para uma mudança de estilo de vida das famílias. Não existe melhor lugar para criar hábitos saudáveis em uma criança do que a escola.

    Por: alex batalha machadol Educaçãol 07/08/2009 lAcessos: 7,529
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast