Formação Tecnológica Do Gestor Escolar Implementar É Necessário

Publicado em: 24/04/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 1,724 |

A implementação das tecnologias às escolas aliada às transformações sociais reacende a necessidade de que o gestor escolar esteja qualificado para administrar com eficiência a utilização integrada dos recursos tecnológicos no espaço escolar.
Pensar a formação do gestor que dê conta de prepará-lo para enfrentar as transformações sociais, a inclusão dos recursos tecnológicos nas escolas, aliada às expectativas dos estudantes do século XXI, considerando: o tempo disponível dos gestores, a localização dos estabelecimentos, a motivação dos professores para a construção de um planejamento adequado a cada realidade contemple a utilização integrada dos recursos, etc.
Por outro lado, sabe-se que as IES não proporcionam tal formação.
Vislumbramos na formação continuada uma nova possibilidade de incluir, integrar, vivenciar na práxis sobretudo levar o gestor a compreender como gerenciar o uso das tecnologias na educação. Implementar uma formação em serviço descentralizada pode contribuir neste processo.
Possibilitar com que estejam preparados para este novo tempo pode desencadear o desenvolvimento de novas propostas de gerenciamento e uso das tecnologias no espaço escolar, o que pode resultar numa aprendizagem mais significativa para aqueles que estão em formação.
Tratar da formação continuada do gestor escolar significa perceber que na atualidade dispomos de diferentes modalidades de qualificação e esta pode tornar-se o objeto de estudo pois, no campo educacional é permeado pela ação humana.
Diante deste quadro, acreditamos que necessário se faz alavancar esforços para inserir os gestores neste novo paradigma que se vislumbra na educação antes que os recursos sejam sub-utilizados e ou se tornem obsoletos.

A incorporação das tecnologias na educação vem exigir novas habilidades tanto do professor quanto do gestor. Assim, o ato de educar com o apoio das tecnologias vêm exigir professor preparado, gestor qualificado, planejamento e métodos de uso dos recursos tecnológicos adequado à realidade da escola. Do contrário, as inovações passam a se constituir em problemas especialmente aos gestores interferindo no seu fazer administrativo. No Estado do Paraná as ações dos gestores escolares (Diretores e Diretores Auxiliares) são norteadas pelas Leis: Lei 14231/2003, Lei Estadual n o. 15329/06

Há escolas que já dispõem de alguns recursos para serem utilizados para
dinamizar o ensino e aprendizagem dos estudantes do século XXI dentre eles: o
retroprojetor, micro system, máquina fotográfica, quadro branco, giz, projetor de slides,
data show, TV Multimídia, computadores do MEC/PROINFO e do Paraná Digital –
(PRD), etc. todavia, nem sempre são utilizados haja vista a ausência de melhor preparo por
parte dos profissionais.
Diversos são os fatores que interferem e influenciam na efetivação da formação
continuada destes profissionais destacam-se: disponibilidade de tempo, de acesso e
deslocamento para o local de formação além da motivação necessária para empreender
novos estudos.
É emergente postular uma formação continuada que dê conta de qualificar aqueles
profissionais especialmente, o gestor, perante as necessidades presentes no seu fazer dentre as quais destacam-se:

...conhecimento das implicações sociais e éticas das tecnologias; capacidade de uso do computador e do software utilitário; capacidade de uso das tecnologias da informação e da comunicação em situações de ensino-aprendizagem. Brito e Purificação (2006, p. 8).

Perante as necessidades elencadas e de uma formação adequada a realidade tanto dos profissionais quanto da escola, vislumbra-se na formação continuada uma nova possibilidade de implementar a Formação do Gestor Escolar sob pena de que os recursos sejam sub-utilizados.

ALMEIDA, M. E. B de. Gestão de tecnologias na escola: possibilidades de uma prática
democrática. In: Salto para o Futuro. Série Integração de tecnologias, linguagens e
representações. Rio de Janeiro: TV Escola, SEED-MEC, 2005.Disponível
em:<http://www.tvebrasil.com.br/salto/boletins2005/itlr/tetxt2.htm>Acesso:22.mai.08.

BRITO, Glaucia da Silva, PURIFICAÇÃO, Ivonélia da. Educação e novas tecnologias:
um re-pensar. Curitiba: IBPEX, 2006.120 p.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional -
LDB. Lei nº 9394. Brasília: MEC, 1996. Disponível em:
< http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/txt/lei9394_ldbn1.txt>. Acesso em 20 jul. 2008.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/formacao-tecnologica-do-gestor-escolar-implementar-e-necessario-884682.html

    Palavras-chave do artigo:

    gestor escolar

    ,

    tecnologias

    ,

    educacao

    Comentar sobre o artigo

    Este texto trata dos pressupostos teóricos e metodológicos acerca da Formação do Gestor Escolar. Destina-se ao aprofundamento das questões relativas à Formação do Gestor Escolar e Gestão e Uso de Tecnologias na Educação. O conteúdo didático desta produção é destinado a quem pretende aperfeiçoar-se na formação do gestor escolar para que este atua na gestão das tecnologias na educação com desenvoltura.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Ensino Superiorl 12/01/2012 lAcessos: 2,206

    Resumo O maior desafio na atualidade é alcançar um alto nível de qualidade no ensino escolar. Porém, para o gestor conduzir a escola na busca por este objetivo de qualidade no processo de ensino-aprendizagem nas escolas é preciso identificar os problemas, descobrir suas causas e, principalmente, trabalhar para eliminá-las. O que seria a parte mais difícil do trabalho, por causa da dificuldade que implica manter toda a equipe envolvida no processo e compromissada com o propósito. Não há mudanças

    Por: Cleonir Alves da Luzl Educação> Ensino Superiorl 24/08/2011 lAcessos: 683

    Neste artigo pretende-se refletir sobre a formação inicial e continuada do gestor escolar bem como os referenciais que norteiam esse estudo.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Ensino Superiorl 24/04/2009 lAcessos: 12,088

    RESUMO A educação brasileira encontra-se num momento de crise, pois, a função da escola vem mudando gradativamente, com essa mudança os professores estão sendo sobrecarregados durante o desenvolvimento de seu trabalho, já que além de ter que repassar seu conhecimento acadêmico, tem tido que repassar valores que até pouco tempo eram recebidos em casa, de seus responsáveis.

    Por: Eraldo Pereira Madeirol Educação> Educação Onlinel 27/09/2010 lAcessos: 18,010 lComentário: 2

    Busca-se através do trabalho bibliográfico explorar os conceitos de gestão e demonstrar que o gestor escolar tem uma função educativa que antecede à função administriva. Contudo elas se encontram interligadas, pois o gestor deve criar condições adequadas para o crescimento dos educandos e à construção conhecimento. A pesquisa demonstra que os critérios de desempenho de eficiência, eficácia devem estar ligados, em prncípio, à eficiência pedagógica. pois é na construção do conhecimento que a escol

    Por: Neide Pena Cárial Educaçãol 06/07/2011 lAcessos: 5,928
    EDINALVA COSTA DE ANDRADE

    O Gestor na Educação Infantil, atualmente é visto sob um novo paradigma,baseado na visão global do conhecimento.Assim sob o novo perfil, não se preocupa somente com a parte burocrática do ensino, como em todo o contexto que se situa o ensino a a aprendizagem.Deve ser um mediador de um trabalho democrático.Como gestor na educação infantil,ser conhecedor das novas perspectivas da organização dos espaços pedagógicos desse nível de ensino. Conhecedor da criança na sua faixa etária, 0 a 6 anos.

    Por: EDINALVA COSTA DE ANDRADEl Educação> Educação Infantill 20/11/2014

    O presente artigo tem como objetivo de apresentar a pesquisa sobre a influencia dos meios tecnológicos na educação e aprendizagem de crianças e adolescentes e contribuir com a conscientização sobre os possíveis riscos que as redes sociais oferecem. A pesquisa foi realizada no programa escola da família e teve como base o método dedutivo. Conclui-se que cada vez mais cedo, as redes sociais passam a fazer parte do cotidiano dos alunos e essa é uma realidade imutável.

    Por: Ivan Guilherme Machadol Psicologia&Auto-Ajuda> Gerência de Tempol 06/10/2014 lAcessos: 31
    Elizeu Vieira Moreira

    Reflete sobre a trajetória da qualidade como parâmetro do processo de produção capitalista até sua transformação em Qualidade Total e sua ressignificação como simulacro e instrumento de controle nas políticas educacionais e das relações pedagógicas.

    Por: Elizeu Vieira Moreiral Educação> Ciêncial 29/06/2011 lAcessos: 686
    Simoni Caldeira da Fonseca

    O referente trabalho aborda a importância da gestão escolar para a organização pedagógica da Educação Infantil, pois a criança necessita de todo cuidado específico para sua idade e na escola ela deve encontrar este amparo. O gestor escolar tem a função de proporcionar à criança um ambiente todo aconchegante, colorido, organizado, com atividades permanentes, enfim, tudo o que é necessário para que ela tenha um desenvolvimento adequado.

    Por: Simoni Caldeira da Fonsecal Educação> Educação Infantill 11/12/2014

    Com o advento da globalização, a educação é tida como o maior recurso de que se dispõe para enfrentar essa nova estruturação mundial. Objetiva-se evidenciar a importância dos alunos encontrarem na escola não só evidências de seu próprio mundo, mas também aparato capaz de os "cunharem" para uma participação social plena e não "fatiada", como sugere o estudo por disciplinas. Jovens e adultos, público cada vez mais informatizado, exige que as disciplinas deixem de ser apresentadas de forma isolada.

    Por: KÁTIA CÉLIA FERREIRAl Educaçãol 18/12/2014

    A expressão artística faz parte da história humana desde os tempos mais remotos. Sendo assim, a Arte é um dos modos de conhecimento ao qual os estudantes devem também ter acesso, assumindo-se como sujeitos capazes de apreciação estética e criação artística, articuladas aos processos e mediações da cultura contemporânea. Diante das mudanças pelas quais o ensino-aprendizagem de Arte passou, vê-se a necessidade de discorrer a respeito da presença desta disciplina no currículo escolar, revendo sua i

    Por: KÁTIA CÉLIA FERREIRAl Educaçãol 18/12/2014

    Sabe-se que a educação é responsável pela formação do aluno enquanto cidadão, de maneira a prepará-lo para a vida em sociedade, para que saiba atuar criticamente nesse meio. Assim, a escola inclusiva busca complementar a formação do aluno por meio das relações de convivência, uma vez que conviver com o diferente é parte desse processo de formação, até porque, como já mencionamos, é na escola que o aluno desenvolve seus aspectos cognitivos, motores e psicológicos.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    As revela à existência de ações políticas e sociais que possam concretizar e promover a efetividade da inclusão social da pessoa com necessidade educacional especial. Vejo que a sociedade deve compreender como se dá o processo de ensino-aprendizagem da criança com Síndrome de Down na Educação Básica, as dificuldades enfrentadas e as possibilidades e mecanismos de reconhecimento e aceitação dessas limitaçõ

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    No processo de inclusão a escola propõe a conviver com o "diferente", aceitá-lo, auxiliá-lo, e muitas vezes aprender algo com essas crianças. Entretanto para oferecer uma inclusão verdadeira é preciso entender as particularidades das crianças, mediar a socialização de forma que todos trabalham para o aprendizado de cada uma delas, em benefício de todos. Pretendo contribuir com as discussões éticas e educacionais que envolvem a formação da criança Down por meio da educação.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    A educação escolar é um dos contextos em que a criança aprende e desenvolve-se nos aspectos cognitivos, emocional e social. Por isso a necessidade de incluir a criança com necessidades especiais na escola, pois atender a todos é parte do processo educativo, por isso a diversidade cultural e outras questões sociais precisam ser vivenciadas também em sala de aula.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    Apresento algumas características que identificam a criança Down, o conceito de Educação Inclusiva e Educação básica, e da diversidade na educação. Relacionam-se aspectos positivos da inclusão da criança Down na Educação Básica e como deve acontecer essa inclusão, enumerando as dificuldades no processo de inclusão da criança Down na Educação Básica. Conceitua-se a Síndrome de Down e sua identificação, bem como o tratamento e a motivação para inserir a criança com deficiência na Educação Básica.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    O estudo realizado teve como foco principal compreender os avanços no processo de construção do conhecimento dos alunos de uma turma de 3º ano, através dos jogos matemáticos, priorizando, desse modo, a ludicidade no ensino. A pesquisa foi desenvolvida durante o estágio realizado pela acadêmica e pesquisadora junto a uma turma de 3º ano.

    Por: Luziane Da Silva Costal Educaçãol 15/12/2014 lAcessos: 11

    Este texto trata dos pressupostos teóricos e metodológicos acerca da Formação do Gestor Escolar. Destina-se ao aprofundamento das questões relativas à Formação do Gestor Escolar e Gestão e Uso de Tecnologias na Educação. O conteúdo didático desta produção é destinado a quem pretende aperfeiçoar-se na formação do gestor escolar para que este atua na gestão das tecnologias na educação com desenvoltura.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Ensino Superiorl 12/01/2012 lAcessos: 2,206

    Este artigo apresenta uma experiência do uso de instrumentos de avaliação na formação continuada para professores na modalidade a distância. Analisa o desenvolvimento e uso de instrumentos para avaliar o ambiente de aprendizagem da sala de aula a partir da perspectiva do aluno. Discorre sobre a avaliação, sua forma e importância, contextualiza sua aplicação nos “Cursos de Formação para Professores-tutores em EaD” promovidos pela Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED). Trata do conceit

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Educação Onlinel 02/02/2010 lAcessos: 2,788 lComentário: 1

    Este artigo busca refletir a importância de se efetivar o papel articulador ao fazer cotidiano. Apresenta alguns conceitos a respeito da Educação à Distância, desde seu início até a atualidade. Pondera sobre o real papel do tutor no processo de ensino e aprendizagem. Tenta justificar que é necessário caracterizar a atuação desse profissional para que o cursista tenha formação e aprendizagem significativa, tornando-o autônomo e emancipado plenamente.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Educação Onlinel 09/12/2009 lAcessos: 2,119

    Este artigo trata da Educação a Distância. Apresenta alguns conceitos a respeito da Educação a Distância, desde seu início até a atualidade. Pondera sobre as abordagens teóricas e metodológicas e sua presença na Lei.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Educação Onlinel 09/12/2009 lAcessos: 2,069

    Neste artigo pretende-se refletir sobre a formação inicial e continuada do gestor escolar bem como os referenciais que norteiam esse estudo.

    Por: Marco Antonio Amarall Educação> Ensino Superiorl 24/04/2009 lAcessos: 12,088

    Este artigo trata das Políticas de Pós Graduação em Educação busca refletir de que forma vem ocorrendo os cursos de pós graduação perante os efeitos da globalização.

    Por: Marco Antonio Amarall Educaçãol 12/03/2008 lAcessos: 602

    Este texto trata das diferentes formas de aprendizagem.

    Por: Marco Antonio Amarall Educaçãol 12/03/2008 lAcessos: 2,121 lComentário: 1
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast