Hermenêutica E Educação

Publicado em: 28/11/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 1,634 |

O presente texto visa apresentar uma breve discussão entre a Hermenêutica e a Educação como uma forma de repensar o verdadeiro sentido da palavra educação a luz da interpretação de alguns filósofos que discutem a hermenêutica como uma possibilidade de descobrir a manifestação do ser na Educação.

1. Discussão sobre Hermenêutica

O conceito de hermenêutica discutido por STEIN (1996) parte do pressuposto que é um questionamento existencial baseado do que seria a interpretação do Ser em sua totalidade, e que muitas vezes esse ser é interpretado somente como um ente (objetividade).

STEIN inicia sua reflexão reportando a construção do conceito de verdade desde antiguidade onde os gregos buscavam um principio unitário de racionalidade baseado no pensamento lógico até chegar à fenomenologia hermenêutica de Heidegger em que se tenta quebrar essa tradição baseada na lógica.

Quando se retorna ao Dasein o ser ai jogado na existência que tenta descobrir o seu ser, mas como o ser é algo que não pode ser descoberto acaba ficando no não transparente. Pois não se pode compreender o sentido puro das coisas. Onde Heidegger coloca dois pontos de vista que é o sentido das estruturas que a descrição do objeto no mundo e o sentido da estrutura.

Por isso a importância da hermenêutica como uma “possibilidade” de tentar conhecer esse ser que não pode ser conhecido, pois as palavras nunca podem dizer o não dizível. Essa é a principal questão da Hermenêutica que é a tentativa de voltar a si, mas mesmo sabendo que esta nunca vai encontrar a si.

O ser no mundo é um ser que está jogado, mas que busca desvendar o ser observando o horizonte indizível que talvez no silêncio o ser possa ser compreendido ou talvez não. A hermenêutica ajuda a refletir o ser humano como um ser que não pode ser objetivado, algo que não pode ser dizível.

HERMANN (2002) diz da importância da hermenêutica na educação como uma possibilidade de reflexão sobre o campo educacional e fazer novas interpretações sobre o sentido na formação do seu modo do ser, por um debate a respeito da racionalidade que atua na ação pedagógica.

HERMANN influenciada por Gadamer vai dizer que a educação é o lugar do dialogo por ser um lugar onde há a palavra e reflexão que ultrapassa o domínio do conhecimento, mas a formação do ser do educador como profissional em si, em que tenta desvendar a si mesmo.

2. Discussão sobre Educação

A Educação enquanto conceito que vem sendo desenvolvido e discutido ao longo dos séculos pela sociedade, uma vez que o homem, sempre buscou uma melhor forma para poder se relacionar com os outros. Pode-se fazer uma analise hermenêutica que desde o período da Grécia antiga, os poetas é que eram os educadores da cidade, e por meio das declamações dos poemas, se reproduzia a historia dos seus ancestrais, e os filósofos queriam ter essa influencia na educação da cidade, pois a filosofia tinha uma forte ligação com a política, e era a melhor maneira de formar os cidadãos bons comprometido com a polis.

O filosofo grego Platão (2003) em seu livro a Republica vai fazendo uma apresentação de como seria uma cidade ideal para ele e como devia ser a formação dos seus cidadãos de acordo com o pensamento da paidéia grega, pois para Platão a pólis devia ser governada pelos guardiões filósofos que eram responsável pela educação da cidade sua principal função era de administrar a cidade, e para isso precisava ter algumas qualidades.

Após definir qual é a função dos guardiões da polis, em seguida vai construir um modelo do que seria para o homem ideal, vai contestar o conceito da Paidéia grega feita por Homero e Hesíodo, onde estes iniciavam primeiro pela ginástica e depois a música Platão iria dizer ao contrario.

Para Aristóteles (2004) vê a importância da educação para formação de uma boa cidade, com Platão a importância da educação física na formação dos seus cidadãos, por isso a grande importância do papel do legislador, no momento da formação da família, para que a cidade consiga chegar ao meio termo, para o melhor funcionamento.

Segundo o Filósofo o legislador é que tem o papel principal na formação da educação na educação da polis, principalmente para não forma cidadãos covardes, mas corajosos, para a defesa da sua cidade, igualmente como Platão trabalha na sua idéia de educação.

O pensador francês o barão de MONTESQUIEU (2004) em seu celebre livro o “Espírito das Leis” vai dizendo que para sistema de governo existe um determinado tipo educação, para a manutenção da forma de governo, e sua importância na preparação dos cidadãos para participar do governo.

E MONTESQUIEU (2004) inicia descrevendo de como deve ser desenvolvida o objetivo da educação em uma monarquia, que para ele o mais importante é que seus súditos cultivem o hábito de agradar uns aos outros, pois agindo desse modo possam manter essa forma de governo para a posteridade. Em seguida apresenta como é a forma da educação em um governo despótico que o principal objetivo é de implantar o medo em seus cidadãos, para que estes não questionem a ordem estabelecida como pode ser ver na citação a seguir. Por fim, mostra como é a educação em um governo republicano que ele compara um pouco as cidades-estados gregas, em que a virtude é o objetivo principal dessa forma de governo, como uma maneira de se manter ainda viva para as futuras gerações.

Montesquieu, igualmente como Platão e Aristóteles vão defender a idéia é de suma importância da educação para a formação dos seus cidadãos, e como esses são educados, vão ter maior zelo, ou não pela sua cidade, e na escolha de seus governantes.

O sociólogo francês Émile DURKHEIM (1978) vai apresentar um conceito diferente do que foi apresentado pelos teóricos filósofos anteriores, onde se baseia o conceito de educação na perfeição, pois para o sociólogo esse conceito vai mudando com o decorrer do tempo, por isso para ele a educação é um fato social.

De acordo com o conceito defendido por DURKHEIM a educação consiste como um meio de socialização as novas gerações, por isso que para ele considera como um fato social, pois ela não é feita individualmente, como os filósofos imaginavam, mas é o coletivo faz essa formação para as novas gerações.

Segundo DEMO (1996) a educação não é somente uma ação de treinar o estudante, a exercer uma atividade, mas defende a idéia que o educando vai construindo a sua autonomia por meio da pesquisa. Outro educador FREIRE (1996) diz que educação não deve ser uma mera transmissão de conhecimento, mas criar uma possibilidade do educando construir o seu próprio conhecimento baseado com o conhecimento que ele trás de seu dia-a-dia familiar.

Conclusão

A Educação e a Hermenêutica têm uma relação profunda com ajuda da analise de vários autores que trataram sobre esse conceito, como de suma importância para a transformação da realidade, e dependendo do ponto de vista, vai se trilhando um caminho para o aperfeiçoamento do ser humano, e como este pode conviver melhor com o outro.

Em suma não se deve esquecer que a educação deve ser refletida a luz da hermenêutica para saber como ela está chegando a sua verdadeira essência o ser que é o ser humano e dessa forma pensar em ser melhor consigo mesmo, e tendo consciência de  que é ser no mundo.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

ARISTÓTELES. A Política. São Paulo, Martin Claret .2004.

CRUZ, Vicente Vagner. O Conceito de Educação. IN Cruz, Vicente Vagner.Um Oratório Salesiano como proposta de política publica. Trabalho de Conclusão de Curso em Ciências Sociais . UFPA, 2009

DEMO, Pedro. Educar pela Pesquisa. Campinas/SP, Ed. Autores Associados, 1996.

DURKHEIM, Émilie. Educação e Sociologia. 1958-1917. São Paulo: Melhoramento [Rio de Janeiro] Fundação Nacional de Material Escolar, 1978.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 34°ed. São Paulo. Ed. Paz e Terra, 1996.

HERMANN, Nadja. Hermenêutica e Educação. Rio de Janeiro, Ed. DP&A, 2002.

MONTESQUIEU. O Espírito das Leis. São Paulo Martin Claret, 2004.

SOARES, Antonio Jorge. Dialética, Educação e Política: Uma releitura de Platão. 2°ed. São Paulo Editora Cortez 2002.

STEIN, Ernildo. Aproximações sobre Hermenêutica. Porto Alegre Ed. IPUCRS. 1996.

PLATÃO. A República. São Paulo Martin Claret 2003.

Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 5 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/hermeneutica-e-educacao-1516195.html

    Palavras-chave do artigo:

    hermeneutica

    ,

    educacao

    ,

    educadores

    Comentar sobre o artigo

    RICHARD E. S. D'AVILA

    É preciso observar que a contradição é intrínseca a qualquer instituição social e que, ainda que se considerem todas essas questões, não se pode pretender eliminar a presença de práticas e valores contraditórios na atuação da escola e dos educadores. O resultado desse processo não é controlável nem pela escola, nem por nenhuma outra instituição: será forjado no processo histórico social o que pode justificar a negação do racionalismo dando espaço ao empirismo desenfreado conseqüente de...

    Por: RICHARD E. S. D'AVILAl Educaçãol 27/06/2010 lAcessos: 938
    Antonio Cunha

    O presente trabalho tem como objetivo, rever as referências teóricas sobre o tema “emancipação” associadas à análise das políticas públicas educacionais adotadas pelo Governo Brasileiro, focando Curitiba-Pr, considerando a desigualdade e a diferença social da clientela das escolas públicas estaduais e federais, diante das demandas sociais e de mercado de trabalho, numa perspectiva de emancipação e esforços públicos.

    Por: Antonio Cunhal Educaçãol 10/08/2009 lAcessos: 4,814

    O supervisor é visto como um dos membros gestores, na gestão da educação que responde aos ditames da contemporaneidade possui o princípio que, segundo PARO (1986:87) “Se fundamenta em objetivos educacionais representativo dos interesses das amplas camadas da população e leva em conta a especificidade do projeto pedagógico escolar, processo esse determinado pelos mesmos objetivos”. Desta forma os objetivos educacionais devem ser formulados dentro do contexto real e dos conhecimentos que derivam das experiências. A acomodação é expressão da desistência da luta pela mudança. São autênticos produtores direitos da educação. Esses fatos colocam a importância do conhecimento diagnóstico do contexto escolar, fundamentação das dimensões pedagógicas e os métodos e técnicas administrativas, mais adequadas à promoção da racionalidade interna e externa.

    Por: João do Rozario Limal Educação> Línguasl 30/05/2008 lAcessos: 224,893 lComentário: 19

    O presente estudo vem a ser uma resposta que desejo dar a mim mesma desde quando iniciei minha carreira de professora, sempre vi os professores acarretados de tarefas, na preparação de aula, preocupados com novas dinâmicas de ensino para tornar a aula mais interessante, mais atraente aos olhos dos alunos. Como resultado desses esforços sempre via os professores infelizes e desanimados, porque as atividades não foram recebidas como o planejado pelo professor, enfim este teve suas expectativas fru

    Por: MARRUSHl Educação> Educação Infantill 10/06/2012 lAcessos: 419

    Artigo destaca que o currículo vem sendo concebido de formas diferentes em cada momento, e sempre é o resultado de uma seleção: de um universo mais amplo de conhecimentos e saberes necessários para o momento em que está inserido. Além disso, mostra que antes mesmo do surgimento da palavra "currículo", os educadores de todas as épocas e lugares já estavam envolvidos, de uma forma ou outra, com o currículo.

    Por: monica rolim de moural Educaçãol 16/08/2014 lAcessos: 29

    A pesquisa em questão trata de a importância de se trazer jogos para a sala de aula, no intuito de tirar o aluno da situação de simples expectador, fazendo com que ele possa atuar como participante - realizador das aulas, visto que o professor tenha oportunidade de motivar o aluno a articular a teoria e prática, sanando as dúvidas que possa surgir em relação ao conteúdo.

    Por: anacleil Educação> Ciêncial 16/11/2013 lAcessos: 77

    Em que relevo poderemos colocar, nas linhas que se seguem, a Poesia Épica – em especial Homero e sua Odisséia? Que valores nos são legados pelo legendário poeta e por que ainda se nos mostram tão fecundas suas fantásticas narrações? É possível, por assim dizer, em nossa modernidade, um diálogo com este poema – já que dele nos dista esta barreira indelével de mais de duas dezenas de séculos? É o que tentamos examinar neste artigo.

    Por: José Luiz Araujo Dorea Juniorl Literatura> Ficçãol 05/03/2010 lAcessos: 236

    Este artigo tem por objetivo compreender como a política do Sistema Único da Assistência Social tem refletido na Instituição de Acolhimento de Crianças e Adolescentes (Casa-Lar) e assim identificar como o assistente social atua neste território. Mesmo que se trate de uma política voltada à um publico em vulnerabilidade social, as crianças tem sido assistidas em sua integralidade, buscando reintegrá-las a um lar que possa amá-las e respeitá-las como crianças e adolescentes portadoras de direi

    Por: Agta Amoriml Lar e Família> Adolescentesl 05/09/2014 lAcessos: 22
    José Ribeiro da Silva Júnior

    No Filme O triunfo (2006), acompanhamos a história real do professor de Ensino Fundamental, Matthew Perry, que vindo da Carolina do Norte, busca por uma vaga nas inúmeras instituições da cidade de Nova York. Sendo que de todas as Instituições procuradas, Matthew finalmente consegue uma vaga na Instituição mais violenta da cidade. Inicia-se, portanto, uma difícil missão para o jovem professor, ou seja, a de vencer determinados paradigmas, rompendo fatores como a indisciplina e o preconconceito.

    Por: José Ribeiro da Silva Júniorl Educaçãol 19/04/2009 lAcessos: 1,414

    Este artigo analisa de forma breve a teoria das Representações sociais, realizada por alguns estudiosos que contribuíram para a o avanço das representações sociais, bem como, os teóricos que tinham como base as investigações de como as pessoas transformam os conhecimentos científicos em conhecimento de senso comum na década de 60, e também a forma como adota a perspectiva comunicativa "genética" na apreensão do conhecimento veiculado a dinâmica do cotidiano.

    Por: Elizabeth Almeida dos Santosl Educaçãol 14/10/2014
    Erineia nascimento da Silva

    Resumo O aumentou consideravelmente do número de alunos especiais matriculados no ensino regular foi de aproximadamente 70% em 2014, em relação aos anos anteriores. Essa chegada dos alunos nas instituições públicas de ensinos promoveu serias mudanças de paradigmas em todos os profissionais da educação, mas seguiu junto um profissional fundamental na implementação desse novo olhar sobre a educação especial e principalmente sobre a inclusão.

    Por: Erineia nascimento da Silval Educaçãol 10/10/2014

    O SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) ajuda a milhões de brasileiros todos os anos através de seus Cursos Gratuitos oferecendo modalidades presenciais ou EAD (Ensino a Distância) para realização dos mesmos. Conheça alguns cursos grátis para 2015

    Por: sitesjoaoepaulol Educaçãol 09/10/2014

    A avaliação na Escola Ciclada já vem redefinida, ou seja, já está incorporada com novas idéias e nas aspirações, sua perspectiva está muito além de atribuir uma nota por simples burocracia institucional ou por simplesmente conferir o que foi "aprendido" ou não.

    Por: Delimar da S. F. Magalhãesl Educaçãol 02/10/2014

    A MATEMÁTICA E A MÚSICA POSSUEM LAÇOS MUITO FORTES DESDE A ANTIGUIDADE E O INTERESSANTE É QUE TEM MUITOS ALUNOS QUE GOSTAM DE MÚSICA E DIZEM QUE NÃO GOSTAM DE MATEMÁTICA. ENTÃO, SENDO ASSIM, É BEM INTERESSANTE MOSTRÁ-LOS A ELES ESTA FORTE RELAÇÃO.

    Por: Josimara L. Furtado dos Santosl Educaçãol 02/10/2014 lAcessos: 11

    A transformação social trespassa a capacidade e preparação braçal de um trabalhador, e se funde além dessa capacidade acadêmica. Todo este saber se interage e com o conhecimento científico adquirido nos muros de uma universidade. Na atual movimentação social, se faz necessário um conjunto de fatores que contribuem para que se prepare alguém com conhecimento que lhe propicie enfrentar os

    Por: Clarice Gomes Silval Educaçãol 01/10/2014

    Os alunos têm muita dificuldades na disciplina de matemática, sendo assim, neste artigo foram descritas algumas ideias básicas para se ter sucesso em matemática. Já que esta disciplina está tão presente no cotidiano das pessoas, então é muito bom que os alunos levem mais a sério ao aprender a trabalhar com a matemática.

    Por: Josimara L. Furtado dos Santosl Educaçãol 01/10/2014

    Esta investigação teve como propósito o estudo sobre o dilema da teoria social, por meio de pesquisas bibliográficas e documental, com base nos artigos científicos de Dalbosco (2010), Carvalho (2013), Lília (2009), Morigi (2004), Netto (2012 e Maia in Connell (2009). Assim, este trabalho abordou sobre os dilemas que implicam a teoria social nas questões de definição do método que é um dos problemas centrais e polêmicos da teoria social, sua relação entre o estado de natureza e o estado social e

    Por: Carla Anne Marques Fariasl Educaçãol 28/09/2014 lAcessos: 18

    A presente resenha apresenta os principais pontos trabalhado por Montesquieu sobre o que ele entende sobre o Espírito das Leis.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Notícias & Sociedade> Polítical 09/05/2011 lAcessos: 9,143

    O presente texto visa discutir a construção do método fenomenológico elaborado pelo filosofo alemão Edmund Husserl, e como esse método pode ser aplicado na parte metodológica do professor no momento em que elabora sua didática em sala de aula. Por isso a importância de conhecer esse método pelos professores de qualquer área do conhecimento como uma possibilidade da utilização esse método para melhor elaborar a sua didática e possibilitar a construção do conhecimento do discente.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Educaçãol 07/09/2010 lAcessos: 1,346

    O sociólogo Carlos Benedito Martins apresenta o que é Sociologia, e mostra o seu conceito contraditório sobre essa ciência, que abre para a diversidade de interpretação.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Notícias & Sociedade> Cotidianol 17/07/2010 lAcessos: 17,362

    A presente resenha mostra a visão do Antropologo Carlos Brandão sobre o que ele pensa sobre a educação.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Educação> Ensino Superiorl 06/06/2010 lAcessos: 13,160 lComentário: 1

    O presente texto visa apresentar as idéias centrais debatida por ZUIN sobre o seu livro o trote na universidade em que por ocasião do ingresso de muitos jovens na universidade teve vários trotes em que levaram vários calouros à morte. O trote universitário que antes devia ser um rito de passagem para que os jovens calouros se tornem amigo dos veteranos em que conhecem uma nova forma de socialização com os outros (veteranos) se torna um rito de passagem marcado pela violência física e moral.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Educação> Ensino Superiorl 01/04/2010 lAcessos: 948

    A presente resenha do livro faz uma reflexão sobre de como a didática do professor ajuda reproduzir a hostilidade entre professor e aluno. E isso mostra-se presente nas comunidades do orkut. A resenha contribui para a reflexão dos professores e que estes precisam revisar sua atitude diante de sala de aula.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Educação> Ensino Superiorl 31/03/2010 lAcessos: 1,365

    A presente resenha apresenta um texto que é pouco conhecido dos leitores brasileiros sobre o tratado sobre a Educação, que não afasta muito da sua tese do imperativo categorico, em que mostra como os pais devem educar os seus filhos. Uma leitura essencial para todos aqueles que fazem licenciatura.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Educaçãol 11/01/2010 lAcessos: 1,383

    O presente texto visa apresentar a resenha de um livro escrito por Fernando Henrique Cardoso falando sobre sua experiencia política, e diz o que é necessário que o jovem faça para se transforma um bom político.

    Por: Vicente Vagner Cruzl Notícias & Sociedade> Polítical 30/12/2009 lAcessos: 1,959 lComentário: 1

    Comments on this article

    1
    Arthur 24/01/2011
    "Em Face" ai como dói..... que triste discutir políticas públicas educacionais e errar logo de cara no título!!!
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast