Profissão: Necropsia

Publicado em: 10/08/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 3,825 |

 

Minha profissão: Necropsista

Minha vida profissional é recheada de amor ao que faço, talvez por isso não ficasse rico, mas muitas emoções eu vivi. Claro! Hoje busco um crescimento financeiro também, mas continuo fazendo só o que gosto. Eu não entrei na área de necropsia por curiosidade, mas por perceber meu DOM. A necropsia não é um SHOW de horrores para curiosos, mas uma área cientifica de extrema importância.

http://anatomistaenecropsista.blogspot.com/

Necropsia:Área de saúde
Eu trabalho como técnico de laboratório clinica que é uma área um tanto fechada, bonita e pouco procurada por profissionais, pois não se ganha bem. A área de saúde é muito desvalorizada no Brasil e em São Paulo talvez seja mais ainda por ser um estado rico. Durante 10 anos o funcionário da saúde não tem reajuste real e o VR (vale refeição) continua 120reais por mês. Quem sequer consegue sequer tomar um lanche com 4reais por dia? Assim a área de saúde é pra quem ama. Digo isso porque a necropsia em Serviço de Verificação de óbitos (SVO) é área de saúde. Existe a necropsia para elucidar a causa da morte por causas naturais, ou seja, por doença. Nesta área recebemos o corpo na sala. Colocamos na mesa de necropsia e fazemos um exame externo descrevendo cor, características e alterações externas. Depois, abrimos a cabeça para ver se ha traumas, depois retiramos o cérebro para exame. Em seguida abrimos torax-abdomem para um exame completo. É verificado e retirado os órgão e descrito as alterações patológicas para o medico. Essa área é tranqüila, mas por ser área de saúde varia muito o salário.  O profissional entra na sala e da de encontro com atropelados, baleados, cadáveres em decomposição cheio de vermes e um cheiro horrível, casos de crianças mortas por maus tratos, estupros, pessoas que sofreram etc. O profissional tem que ter um ótimo psicológico e saber se desligar de tudo isso quando sai do trabalho.

 O profissional tem que saber por natureza, esquecer os rostos e olhares dos cadáveres e não reter isso, pois assim viveria noites de terríveis pesadelos. Precisa-se executar suas tarefas com atenção, ter seu horário de almoço, que também não deve sofrer impressões do psicológico. Depois de um plantão cheio de cenas que nem os piores filmes de terror conseguiriam reproduzir, o profissional deve ir pra casa retomar a vida cotidiana. Saber se desligar do trabalho é fundamental pra nossa saúde mental. Eu costumo ir pra casa, faculdade, cinema.

A area de necropsia não é facil de entrar, não tem o melhor dos salarios e existem varias dificuldades no ramo. No SVo geralmente é mais tranquilo, mas o salario é baixo. No IML o trabalho é dificil. A pessoa tem que encarar os casos mais escabrosos, revoltantes, situações dificeis como achar bala em corpo decomposto, isumações e necropsia de casos de corpos achados no meio do mato, as vezes ao examinar um corpo pode-se achar vermes, moscas e tambem cobras e outros bichos escondidos nos corpos putrefeitos. O CSI é um seriado muito bom, mas é realidade americana. Aqui no Brasil, existem falhas, corrupção, omissões e muitas falhas que se escondem numa justiça que beneficia mais os que tem dinheiro para recursos juridicos. Enfim, não se deve entrar na area de necropsia por fantasia ou curiosidade. Esta area é um DOM e tem que ter amor e firmesa nos ideais.

Aos que se interessarem em prestar o concurso da Policia civil de SP, melhor buscar um curso com materias direcionadas ao concurso, fazer um estagio, converssar com pessoas da area e ao prestar o concurso ficar atento aos PEIXINHOS, que são os indicados por pessoas internas durante a prova oral. Existem falhas nestes concursos e as pessoas devem ficar atentas. Espero que neste concurso não tenha prova oral, pois é ai que entra os PEIXINHOS. Eu acho o concurso publico da policia Civil de SP muito fora da objetividade dessa carreira. Seria melhor duas fases teoricas e analisar novas formas de ingresso inclusive exigindo um curso ou estagio na area, isto evita que a pessoa entre sem noção e depois de ver a realidade peça desvio de função e desfalque a area. Volta um circulo onde ocorre falta de pessoal e demora nos concursos.

Apesar dos cursos de necropsia ainda não serem obrigatorios em concursos, não serem regulamentados e não ter um criterio de grade curricular; Ainda assim eu acredito que eles podem ajudar muito os que realmente desejam entrar na area de necropsia. Por isso fiz uma seleção de escolas em São Paulo e no Brasil:





Lista:


Na cidade de São Paulo:
Auxiliar de necropsia
Escola Coração de Jesus-LAPA-SP
http://www.escolacoracaodejesus.com.br/
ESCOLA CORAÇÃO DE JESUS
Fone (11) 3483-7749 - 2093-3536





Auxiliar de necropsia
Escola: ANANEC
http://www.ananec.org
Telefone: 2561-6957 / 3462- 1852 / E-mail: contato@ananec.org





Auxiliar de Necropsia
CFTS - Centro Educacional - Todos os Direitos Reservados
Av. São Miguel, 3875 - Jardim Penha - SP
Atendimento: 11 - 2541-6815 - atendimento@cftscentroeducacional.com.br
Atividades:
• Auxiliar, sob orientação, em tarefas relativas à preparação de elementos, tais como materiais, instrumentos e espaço físico, necessários à prática de autópsia.
http://www.cftscentroeducacional.com.br/





Cidade: São Paulo
Endereço: Rua Japurá, 225
Pessoa de Contato: contato@cursosconcursosecia.com.br
Telefone: 3479-6178
Site: http://www.cursosconcursosecia.com.br





O curso de Auxiliar de
Entre em contato conosco:
SI NTEIN - Sindicato dos Trabalhadores na Economia Informal
Rua Japurá, 225 - Bela Vista.
Pré - requisito: 18 anos e Ensino Fundamental.
3479-6178 / 6625-0436





CURSOS AUXILIAR DE NECRÓPSIA — Itaquaquecetuba-sp
AULAS 50% TEÓRICA E 50% PRÁTICA
TURMAS AOS SABADOS E DOMINGOS MANHA E NOITE
MATRICULAS ABERTAS LIGUE 2861.4259





Na Grande São Paulo:
Curso de Auxiliar de Necropsia — São Bernardo do Campo
signum
Bairro: Santo André, São Paulo
Telefone: 11 2374 0310






Curso Aux.de Necrópsia
CENEP/CENTRO DE ENSINO PROFISSIONALIZANTE
com Estágio Garantido em Osasco/Localização: OSASCO, São Paulo - Brasil
AV. dos AUTONOMISTAS,2548 TELS:3699-1417 e 3699-5273.





www. worktotraining. com. br
Colégio Sim - Centro de São Bernardo do Campo
Fone: (11) 3151 - 2082
curso de necropsia em santo andré
necropsia, cursos de necropsia no ABC





Curso de necropsia
Mogi das Cruzes-sp
Empresa:S/A
MATRICULAS: (011) 2771-1920 / 2825-4004 TIM 8303-2209 E-mail: acazdesenvolvimento@bol.com.br








Outros estados do Brasil:
Curso de necropsia
CURITIBA-Pr
O CEBRAMED - Centro Brasileiro de Estudos Médicos
Curso de Auxiliar de Necrópsia
Informações e inscrições pelo fone (41) 3222-0174 ou
site www.cebramed. com.br
ou cebramed@cebrame d.com.br





Curso de necropsia
Brasilia DF
LS ESCOLA TECNCA
Telefone:61 3352-2294
Email iepdf@ls.edu.br
Coordenador: Wilson Ferreira de Assis
http://www.ls.edu.br/iepdf/necropsia.php
Email: Wilson.assis@ls.edu.br.





Rio de Janeiro:
Escola de necropsia PROGNOSTICO
Belforroxo RJ
21 3775-7044





Em Goias
curso técnico em NECROPSIA
Contato= Companhia Colegio Êxito
Cidade= Anápolis
Estado =Goiás
País =Brasil
Telefone= (62)3098-7080





O INTEPEC estará ministrando em Goiânia o curso de qualificação em técnicas de necropsia, conheça nosso curso
http://www.intepec.com.br/?l=cursos&it=2&c=4
Unidades





Goiânia - GO
Av. Mato Grosso Quadra Área n. 1122 Setor Coimbra ( paralelo á Avenida Castelo Branco atrás da casa do Marcineiro ao lado do Centro de Condutores) CEP: 75513-040
(62) 3092-6765





Gurupi - TO
Rua 21, nº 715 - Qd. K Lt. 05 B. Vila Alagoana.
CEP: 77403-150
(63) 3313-1165







Via internet
Curso de Auxiliar de Necropsia a distancia
Macrocursos
http://www.macrocursos.com.br/
4516-1313

Saiba mais:

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/profissao-necropsia-5115301.html

    Palavras-chave do artigo:

    necropsia

    ,

    curso

    ,

    trabalho

    Comentar sobre o artigo

    Sergio Ricardo Honorio

    Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida. -Confúcio

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Carreiral 10/08/2011 lAcessos: 6,434 lComentário: 2
    Sergio Ricardo Honorio

    Sobre o curso onde ensino tudo sobre a profissão de necropsista. Desde questões a serem abordadas na espectativa do aluno ate as tecnicas.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Carreira> Recursos Humanosl 11/01/2010 lAcessos: 4,694 lComentário: 16
    Sergio Ricardo Honorio

    É fato no Brasil que muitas mortes em hospitais publicos poderiam não ter ocorrido, se houvesse mais cuidados e conhecimento por parte dos novos médicos. A necessidade de ter sala de necropsia em hospitais publicos para dar conhecimentos a medicos e estudante vem crescendo conforme a qualidade da medicina e da saúde no Brasil vai caindo. Neste artigo comento sobre a necessidade de ampliar os serviços de necropsia a todos os hospitais publicos como um controle de qualidade e conhecimento.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Saúde e Bem Estar> Medicinal 31/01/2014 lAcessos: 292

    Meu nome é Wagner Andriotti, estou desde 1981 atuando no ramo do ensino profissionalizante, principalmente na área da saúde , portanto já se vai 33 anos , a idade de Cristo. Comecei com a fundação da Escola Nova Era ministrando cursos de Atendente de Enfermagem , profissão hoje praticamente extinta no Brasil, com apenas alguns remanescentes nos rincões mais afastados do Brasil. Formamos milhares de alunos, criamos outras escolas de enfermagem entre elas o Colégio CEENPRO que atua a 13 anos.

    Por: Wagner Andriottil Educação> Ciêncial 04/01/2013 lAcessos: 76
    Sergio Ricardo Honorio

    Sabias palavras do grande filósofo que serve para todos que escolhem uma profissão e faz com amor. Ser um necropsista é um DOM, porque seja no SVO ou no IML, em ambos temos que ter controle emocional e um bom psicológico. Não é uma profissão fácil, pois temos que lidar com casos diversos com varias dificuldades.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Educação> Ciêncial 10/08/2011 lAcessos: 491 lComentário: 1

    Neste estudo, são discutidos aspectos relacionados ao tratamento e ao controle dessa doença, assim como também as dificuldades para a implementação das medidas de prevenção. São apontadas alternativas que passam pela estruturação dos serviços de saúde, com respeito ao diagnóstico, no desenvolvimento do controle diferenciado de vetores e no aprofundamento de estudos relacionados à doença descrita.

    Por: Sthefânial Ciências> Biologial 20/04/2009 lAcessos: 6,377 lComentário: 2

    Com o advento da globalização, a educação é tida como o maior recurso de que se dispõe para enfrentar essa nova estruturação mundial. Objetiva-se evidenciar a importância dos alunos encontrarem na escola não só evidências de seu próprio mundo, mas também aparato capaz de os "cunharem" para uma participação social plena e não "fatiada", como sugere o estudo por disciplinas. Jovens e adultos, público cada vez mais informatizado, exige que as disciplinas deixem de ser apresentadas de forma isolada.

    Por: KÁTIA CÉLIA FERREIRAl Educaçãol 18/12/2014

    A expressão artística faz parte da história humana desde os tempos mais remotos. Sendo assim, a Arte é um dos modos de conhecimento ao qual os estudantes devem também ter acesso, assumindo-se como sujeitos capazes de apreciação estética e criação artística, articuladas aos processos e mediações da cultura contemporânea. Diante das mudanças pelas quais o ensino-aprendizagem de Arte passou, vê-se a necessidade de discorrer a respeito da presença desta disciplina no currículo escolar, revendo sua i

    Por: KÁTIA CÉLIA FERREIRAl Educaçãol 18/12/2014

    Sabe-se que a educação é responsável pela formação do aluno enquanto cidadão, de maneira a prepará-lo para a vida em sociedade, para que saiba atuar criticamente nesse meio. Assim, a escola inclusiva busca complementar a formação do aluno por meio das relações de convivência, uma vez que conviver com o diferente é parte desse processo de formação, até porque, como já mencionamos, é na escola que o aluno desenvolve seus aspectos cognitivos, motores e psicológicos.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    As revela à existência de ações políticas e sociais que possam concretizar e promover a efetividade da inclusão social da pessoa com necessidade educacional especial. Vejo que a sociedade deve compreender como se dá o processo de ensino-aprendizagem da criança com Síndrome de Down na Educação Básica, as dificuldades enfrentadas e as possibilidades e mecanismos de reconhecimento e aceitação dessas limitaçõ

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    No processo de inclusão a escola propõe a conviver com o "diferente", aceitá-lo, auxiliá-lo, e muitas vezes aprender algo com essas crianças. Entretanto para oferecer uma inclusão verdadeira é preciso entender as particularidades das crianças, mediar a socialização de forma que todos trabalham para o aprendizado de cada uma delas, em benefício de todos. Pretendo contribuir com as discussões éticas e educacionais que envolvem a formação da criança Down por meio da educação.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    A educação escolar é um dos contextos em que a criança aprende e desenvolve-se nos aspectos cognitivos, emocional e social. Por isso a necessidade de incluir a criança com necessidades especiais na escola, pois atender a todos é parte do processo educativo, por isso a diversidade cultural e outras questões sociais precisam ser vivenciadas também em sala de aula.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    Apresento algumas características que identificam a criança Down, o conceito de Educação Inclusiva e Educação básica, e da diversidade na educação. Relacionam-se aspectos positivos da inclusão da criança Down na Educação Básica e como deve acontecer essa inclusão, enumerando as dificuldades no processo de inclusão da criança Down na Educação Básica. Conceitua-se a Síndrome de Down e sua identificação, bem como o tratamento e a motivação para inserir a criança com deficiência na Educação Básica.

    Por: Rosely dos Santos Ferreiral Educaçãol 17/12/2014

    O estudo realizado teve como foco principal compreender os avanços no processo de construção do conhecimento dos alunos de uma turma de 3º ano, através dos jogos matemáticos, priorizando, desse modo, a ludicidade no ensino. A pesquisa foi desenvolvida durante o estágio realizado pela acadêmica e pesquisadora junto a uma turma de 3º ano.

    Por: Luziane Da Silva Costal Educaçãol 15/12/2014 lAcessos: 11
    Sergio Ricardo Honorio

    É fato no Brasil que muitas mortes em hospitais publicos poderiam não ter ocorrido, se houvesse mais cuidados e conhecimento por parte dos novos médicos. A necessidade de ter sala de necropsia em hospitais publicos para dar conhecimentos a medicos e estudante vem crescendo conforme a qualidade da medicina e da saúde no Brasil vai caindo. Neste artigo comento sobre a necessidade de ampliar os serviços de necropsia a todos os hospitais publicos como um controle de qualidade e conhecimento.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Saúde e Bem Estar> Medicinal 31/01/2014 lAcessos: 292
    Sergio Ricardo Honorio

    Sabias palavras do grande filósofo que serve para todos que escolhem uma profissão e faz com amor. Ser um necropsista é um DOM, porque seja no SVO ou no IML, em ambos temos que ter controle emocional e um bom psicológico. Não é uma profissão fácil, pois temos que lidar com casos diversos com varias dificuldades.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Educação> Ciêncial 10/08/2011 lAcessos: 491 lComentário: 1
    Sergio Ricardo Honorio

    Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida. -Confúcio

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Carreiral 10/08/2011 lAcessos: 6,434 lComentário: 2
    Sergio Ricardo Honorio

    Sobre o curso onde ensino tudo sobre a profissão de necropsista. Desde questões a serem abordadas na espectativa do aluno ate as tecnicas.

    Por: Sergio Ricardo Honoriol Carreira> Recursos Humanosl 11/01/2010 lAcessos: 4,694 lComentário: 16
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast