Sintomas e meios para trabalhar com alunos com Dislexia

Publicado em: 01/11/2013 |Comentário: 0 | Acessos: 56 |

OS SINTOMAS DE DISLEXIA NA CRIANÇA E MEIOS PARA AJUDAR UMA CRIANÇA COM DISLEXA

Quando falamos de dificuldades na leitura em geral e especificamente do distúrbio de leitura, a dislexia. É muito importante analisar os principais sintomas , os tratamentos e ações pedagógicas frente a uma criança com esta dificuldade.

Algumas características observáveis em criança com dislexia são:

*Histórico familiar de problema de leitura e escrita.

* Atraso para começar a falar de modo inteligível.

* Impulsividade

*frases confusas, com migrações de letras: "A gata preta prendeu o filhote " vez de"a gata preta perdeu o filhote".

*Uso excessivo de palavras substitutas ou imprecisas (coisa, negócio)

* Nomeação imprecisa ( como heloptero para helicóptero)

* Confusão nas palavras que indicam direção, como dentro, fora, em cima/embaixo, direita/ esquerda.

*Tropeços, colisões com objetos ou quedas freqüentes.

* Dificuldades em encontrar palavras que rimam.

* Dificuldade em seqüência verbal como dias da semana, meses ou anos, ou visuais como seqüência de blocos coloridos.

* Criatividade aguçada.

* Facilidade com desenhos e cores.

* Prazer em ouvir outras pessoas lendo para ela, mas falta de interesse em conhecer letras e palavras.

O PROFESSOR E O TRABALHO COM O ALUNO DISLÉXICO

Apesar de muitas vezes o professor se sentir que está sozinho para lidar com as dificuldades que aparecem na sala de aula, seu papel é de fundamental importância para a identificação da dislexia e também poderá facilitar um encaminhamento precoce e intervenção apropriada.

Alguns aspectos como a perda de interesse da aprendizagem, baixo desempenho escolar, problemas emocionais, e declínio na confiança e na autoestima também devem ser levados em consideração para identificar uma dificuldade na aprendizagem.

O professor pode ajudar fazendo leitura de tudo o que acontece na sala de aula, facilitar a percepção auditiva e visual da sala, oferecer avaliações oralmente em algumas vezes, deve dar mais tempo em avaliações escritas. Não descontar erros na escrita. Trabalhar com textos e figuras  que pertencem na realidade do aluno. Trabalhar com atividades que trabalhem a memória das palavras. Concluindo o professor deverá ser sempre o mediador da aprendizagem, não expor o aluno com dificuldade, mesclar sua turma para que todos aprendam juntos, ter persistência,  buscar sempre a melhor forma de intervenção observar e saber interpretar os gestos e sinais de dificuldade em cada aluno.

O professor precisa trabalhar com atividades estimulantes, usar letras em tamanho maior e com cores para reforçar a visualidade. Fazer brincadeiras que usam as partes do corpo como braços, pernas, mãos, cabeça, boca e outros. Fazer atividades em que o aluno percorra caminhos como contorno de uma letra, um número e ou figuras. Fazer muita leitura e de diversas maneiras como: individual, em duplas, em grupos, deitado, sentado, dentro ou fora da sala. Precisa ter cuidado com as correções, apontar somente os erros mais relevantes e mostrar como fazer por várias vezes, nunca criticar em voz alta e na frente de outros alunos. Lembrar que o aluno tem outros conhecimentos e que podem ser mostrados. O professor também precisa repetir várias vezes cada atividade para que seu aluno entenda o comando. E lembrar que a escrita cursiva é mais fácil a memorização do que a de forma, pois auxilia a velocidade e a memorização da forma ortográfica da palavra.

Lembrar que um professor e uma escola descomprometidos não servem para o aluno e para um aluno com dificuldade na aprendizagem é um grande prejuízo.

O importante é nunca desistir dos alunos porque o crescimento deles dependem muito do professor.

REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CAPOVILA, Alessandra G.S. e CAPOVILLA, Fernando. Problemas de leitura e Escrita: como identificar, prevenir e remediar numa abordagem fônica. 5ª Ed. São Paulo: Memmon. 2007.

SHAYWITZ,Sally, Entendendo a dislexia, um novo e completo programa para todos os níveis de problemas de leitura. Trad. Vinicius Figueira. Porto Alegre: Artmed, 2006.

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/sintomas-e-meios-para-trabalhar-com-alunos-com-dislexia-6816976.html

    Palavras-chave do artigo:

    sintomas

    ,

    dislexia

    Comentar sobre o artigo

    Esta pesquisa tem como objetivo trabalhar com a dislexia, apresentando seu conceito, sua classificação como forma de auxiliar os professores e a família, facilitando o diagnóstico e entendimento desse distúrbio de aprendizagem que afeta no Brasil, cerca de 40% das crianças em séries iniciais de alfabetização, e, em países mais desenvolvidos, a porcentagem diminui 20% em relação ao número total de crianças também em séries iniciais.

    Por: RANILDAl Educaçãol 17/09/2010 lAcessos: 8,932
    GUTEMBERG MARTINS DE SALES

    O artigo discute as dificuldades de aprendizagem sintetizando a dislexia como uma das principais causas. A caracterização da pesquisa se deu por meio de pesquisa bibliográfica sobre dificuldades de aprendizagem e dislexia, apresentando os distúrbios de e na leitura, escrita e articulação. Dissertando-se sobre a origem dos problemas relativos às dificuldades de aprendizagem na visão da psicanálise, apresentaram-se os problemas que interferem na alfabetização.

    Por: GUTEMBERG MARTINS DE SALESl Educação> Educação Infantill 22/05/2014 lAcessos: 105

    As vezes encontramos dificuldade para percebermos alguns problemas na aprendizagem de nossos alunos um deles é a dislexia conceituada como um transtorno genético e hereditário,podendo ser causada pela produção exacerbada de testosterona pela mãe, durante a gestação.veremos neste artigo alguns exemplos de dificuldades causadas pela dislexia. Boa Sorte. Autora.

    Por: Dirce Portol Educação> Educação Infantill 27/10/2010 lAcessos: 1,450

    A partir da dificuldade que eu, portador da Disléxia, surgiu a necessidade de criar adaptações para facilitar o meu dia a dia. Quero utilizar este Blog para desmistificar muita baboseira a respeito da Dislexia. Existe uma vontade em relação a querer fazer as pessoas acharem que ser Disléxico é bom, isto é uma piada de muito mau gosto. Há uma lista interminável de celebridades disléxicas. Ser Disléxico na verdade é uma grande m...., significa sofrer e sofrer muito.

    Por: robertomelgel Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 01/04/2011 lAcessos: 505
    GUTEMBERG MARTINS DE SALES

    O artigo discute as causas sobre as dificuldades de aprendizagem apontando a dislexia como uma das principais provedoras de dificuldades. Iniciou-se apresentando a origem do problema relativo às dificuldades de aprendizagem vista pela psicanálise, a partir daí apresentou-se os problemas que interferem na alfabetização, argumentou-se segundo as teorias dos vários autores pesquisados, sobre as dificuldades na leitura, além de dissertar sobre algumas concepções pedagógicas sobre alfabetização.

    Por: GUTEMBERG MARTINS DE SALESl Educação> Educação Infantill 15/05/2014 lAcessos: 161

    O presente trabalho decorre de uma monografia de conclusão do curso de especialização em Psicopedagogia – Abordagem Clínica e Institucional, do Centro Universitário Franciscano – UNIFRA/RS, intitulada "Dislexia: um Distúrbio de Aprendizagem em Questão". Com este trabalho, objetiva-se contribuir para a relação entre Escola e Dislexia visto que esse processo gera consequências que repercutem na marginalização do aluno disléxico. Contudo, percebe-se que as estratégias pedagógicas para o acompanhame

    Por: fabiana lacerda da silval Educação> Educação Infantill 09/09/2010 lAcessos: 3,215
    Sizelandia Santos Ribeiro

    Este trabalho apresenta uma reflexão sobre a inclusão do disléxico em uma classe regular de ensino sob a perspectiva de um trabalho docente inclusivo. Reflete a prática docente inclusiva, implicações e sugestões práticas sobre o processo de ensino-aprendizagem, objetivando um melhor desenvolvimento dos aspectos bio-psico-sociais do disléxico. Discute e repensa valores e crenças sob uma perspectiva inclusiva e a parceria de um trabalho desenvolvido entre escola, família e profissionais envolvidos

    Por: Sizelandia Santos Ribeirol Educaçãol 11/11/2009 lAcessos: 1,344
    SANDRA MARA DALLE CORT DENARDI

    Esta pesquisa abrange os problemas relacionados aos distúrbios de aprendizagem de leitura, a dislexia. A dislexia é um distúrbio de aprendizagem que, por envolver áreas básicas da linguagem, pode tornar árduo esse processo; porém, com acompanhamento adequado, a criança pode redescobrir suas capacidades e o prazer de aprender. O disléxico é potencialmente um mau leitor, embora consiga ler. O disléxico lê, mas lê mal, sua leitura é lenta e sofrível. Jogos, leituras, compartilhadas, atividades espe

    Por: SANDRA MARA DALLE CORT DENARDIl Educação> Educação Infantill 18/01/2011 lAcessos: 6,082

    O propósito desta pesquisa é entender o motivo que algumas pessoas apresentam facilidade em aprender certas coisas até mesmo complexas, e na escola apresentam extrema dificuldade em aprender a ler.

    Por: Eliane Nascimentol Educaçãol 18/12/2013 lAcessos: 44

    Este artigo é um relato da experiência de ensino e aprendizagem que foi desenvolvido com alunos da terceira fase do primeiro ciclo do ensino fundamental da Escola Municipal "José Evaristo Costa", situada na Rua: José Caleira Vila, S/N, Bairro: São Francisco, CEP: 78260-000, Tel: (65) 3261 – 2291 na cidade de Araputanga-MT, por duas professoras alfabetizadoras em formação no PNAIC, Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa. A sequência foi realizada no ano de 2013 e teve uma duração de

    Por: Silvana Bento de Melo Couto.l Educaçãol 30/01/2015
    CLEBERSON EDUARDO DA COSTA

    Existem muitas formas de desumanização e, uma delas, talvez a mais crucial, seja aquela que está sistematizada no desrespeito às diferenças, na medida em que esse desrespeito - no sentido micro - leva o indivíduo para longe da sua capacidade de coexistir e, consequentemente, para longe da possibilidade de aprendizagem, crescimento e desenvolvimento pessoal; no sentido macro, leva a sociedade para xenofobismos, nacionalismos exacerbados, genocidismos, biocidismos, apartheids, etc.

    Por: CLEBERSON EDUARDO DA COSTAl Educaçãol 22/01/2015
    Magno Fernando A. Nazaré

    Esse artigo busca analisar e compreender as implicações dessa remuneração para o trabalho docente. Para tanto, foi realizada uma pesquisa de caráter bibliográfico-documental com base em pesquisas relacionadas à remuneração docente e documentos relativos à temática elaborados por organismos internacionais.

    Por: Magno Fernando A. Nazarél Educaçãol 20/01/2015

    Vivemos em um um país, que demonstra abertamente, que toda sociedade convive pacificamente e não há preconceito ou discrimanação racial, vendemos a ideia que no Brasil existe a Democracia Racial, onde negros e brancos, se relacionam amigavelmente sem qualquer preconceito ou discrimanação. Porém observamos que, o que existe de fato, é o mito da Democracia Racial, ou seja, uma falsa ideia que brancos e negros vivem harmonicamente. Neste sentido, vamos relatar brevemente sobre algumas expressões.

    Por: Simone Marial Educaçãol 17/01/2015 lAcessos: 16
    Instituto Fisiomar

    Profissionais com qualificação saem na frente no mercado de trabalho e principalmente qualificação técnica. O curso técnico é um bom investimento, pois é um investimento barato, de curto prazo e que dá um excelente retorno. Uma Instituição séria que temos em Santa Catarina é o Instituto Fisiomar, com Cursos Técnicos de Segurança do Trabalho, Petróleo e Gás, Estética, Massoterapia e Podologia.

    Por: Instituto Fisiomarl Educaçãol 08/01/2015

    Considerando que a Educação deve ser voltada para a construção da cidadania, para o desenvolvimento das potencialidades do educando e a preparação para o trabalho, como diz na LDB – Lei nº 9394/96 (Lei de Diretrizes e Bases da Educação), pensa-se que escola deve ser tida em nossa sociedade como oportunidade para o desenvolvimento, não só permitindo possibilitar ao educando estudar conteúdos, mas também dele ampliar relações com o outro, portanto devendo ser de qualidade.

    Por: nilda flores schutzl Educaçãol 30/12/2014
    Jaguaracy Conceição

    Esse texto tem como base a entrevista publicada na Revista Nova Escola de dezembro de 2014 e que traz como título: "A escola é a estrutura estável de quem vive numa família instável". Nela o sociólogo francês Bernard Lahire diz que o meio social é crucial ao desenvolvimento das crianças, pois sozinhas elas não conseguem superar as dificuldades que se deparam.

    Por: Jaguaracy Conceiçãol Educaçãol 23/12/2014 lAcessos: 22
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Basicamente a três milhões de anos atrás. A evolução humana foi desencadeada na África. Resultada de um elo anterior que favoreceu no surgimento do homo sapiens e do chimpanzé. Todas as populações do mundo descendem de tal elo. O que já foi explicitado cientificamente por comparações de DNA.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educaçãol 23/12/2014 lAcessos: 11

    ESTE PROJETO FOI ELABORADO PARA QUE AS FAMILIAS DOS ALUNOS POSSAM ESTAR PARTICIPANDO DE ATIVIDADES NA ESCOLA ONDE SEUS FILHOS OU PARENTES SE SINTAM MAIS FELIZES E ESTIMULADOS A APRENDER.

    Por: Adelina Aparecida Mazurekl Educação> Educação Infantill 18/06/2014 lAcessos: 29

    Este projeto foi elaborado para auxiliar na leitura dos alunos e também para reunir a familia do aluno em uma atividade prazerosa.

    Por: Adelina Aparecida Mazurekl Educação> Educação Infantill 18/06/2014 lAcessos: 35

    O PRESENTE PROJETO FOI ELABORADO PARA SER DESENVOLVIDO COM OS PROFESSORES DE UMA ESCOLA MUNICIPAL EM FORMAÇÃO CONTINUADA.

    Por: Adelina Aparecida Mazurekl Educação> Ensino Superiorl 03/10/2013 lAcessos: 62
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast