Uma Reflexão Sobre Ética E A Moral Na Sociedade

Publicado em: 12/11/2009 |Comentário: 2 | Acessos: 12,498 |

UMA REFLEXÃO SOBRE ÉTICA E A MORAL NA SOCIEDADE

 

                                                                                          Edméa Cristina Reis Ferrreira

        Ética e moral são termos que não raras vezes se confundem. Para diferenciar ética e moral, é importante evidenciar o significado etimológico destas palavras.

         Para Nunes (2000, p.3), a moral define o que é certo ou errado, justo e injusto, licito e ilícito, permitindo e proibido. Determina ações e atitudes que devem ser adotadas pelas pessoas. Mas quem valida tais determinações e quais são os parâmetros utilizados para dar credibilidade aos deveres morais? A resposta poderia ser fácil; as coletividades. No entanto, cada coletividade comunga de ideais diferentes, o que faz várias morais coexistir no interior das coletividades.

         Ética é um vocábulo que provém da palavra grega ethos, que significa modo de ser, a forma como a pessoa organiza sua própria vida na sociedade. Trata-se do processo por meio do qual a pessoa transforma em normas práticas os valores que vão surgindo dentro de uma cultura num determinado histórico.

         Percebe-se assim, a dualidade entre a ética e a moral. Para clareza dos termos podemos entender que se usa a ética para avaliar o caráter, comportamento humano a moral para reger as normas e os valores de uma sociedade.

        Estabelecer uma relação entre ética e os modos contemporâneos de vida deve, acima de tudo, resgatar o que também existe de contemporâneo numa discussão tão antiga quanto à própria filosofia. Não pretendo dar conta de toda essa história, mas ao menos refletir um pouco sobre a maneira como a ética vem pautando o debate atual e que, por isso, aparece cada vez mais na mídia, dando-nos a impressão de que toda a sociedade domina seu conceito.

       Vivemos hoje, momentos discutíveis quanto o que entendemos de ética e moral, provavelmente a sociedade corrupta em que vivemos irá responder que elas se perderam nos livros e no tempo. E às vezes me vejo perguntando será uma crise da civilização? 

       Na verdade é a crise do material, da valorização do ter, da criminalidade, discriminação, racismo, destruição do meio ambiente, drogas, o pior a lei do jeitinho, vieram para destruir a nova civilização e nos lembrar que cada povo faz sua escolha e buscam sua própria destruição. É o que está acontecendo pela perda do caráter e respeito.

      O social não é produto de indivíduos isolados, mas os indivíduos constroem seu modo de ser no real. É justamente por isso que os seres humanos podem e são capazes de transformar suas circunstâncias. Mas para isso o ser humano precisa construir a si mesmo em processo permanente de liberdade junto com os outros (CNBB, 1994, p.105)

       Enfim, Bendito, àqueles que conseguem ser ético e que suas atitudes são sempre voltadas para valores morais. Ser ético é agir direito, é caminhar bem, sem prejudicar os outros. É ter coragem para assumir seus erros e decisões, ser tolerante e flexível, é ser humilde.  Atualmente é difícil ser ético, mas tenho a certeza que esse é o caminho.

     

Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 4 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-artigos/uma-reflexao-sobre-etica-e-a-moral-na-sociedade-1451713.html

    Palavras-chave do artigo:

    etica moral carater

    Comentar sobre o artigo

    Por que países iguais e com o mesmo potencial e idade se desenvolvem e outros não? Por que não conseguimos sair da condição de país subdesenvolvido e há décadas somos o País do Futuro? Por que somos espezinhados pelos países desenvolvidos, a ponto de nos chamarem de cachorros,como na Espanha? Somos inferiores?

    Por: Ebenézer Anselmol Notícias & Sociedade> Cotidianol 19/03/2009 lAcessos: 5,588
    najara neves de o. e silva

    Neste trabalho visou-se responder a uma indagação que está presente nas mentes de todos os brasileiros na contemporaneidade: os fins justificam os meios? Partiu-se da premissa de que a presença ou falta de ética nas relações interpessoais, assim como a escolha pelas empresas da admissão ou não da responsabilidade social poderia definir a resposta à indagação acima.

    Por: najara neves de o. e silval Negócios> Administraçãol 08/10/2010 lAcessos: 1,196
    cicero adriano dos anjos

    RESUMO: Neste estudo aponta-se a necessidade de se discutir a ética nas empresas, direitos e deveres da pessoa física e jurídica, investigando a ética no âmbito das profissões regulamentadas, Assim a ética tem como objetivo sua atuação pautando-se pela excelência de trabalho da condução das ações, No entanto compete a todos os profissionais a postura ética, sendo importante destacar que na investigação a ser realizada, devem ser consideradas tais como: conceito e o objetivo da ética profissional

    Por: cicero adriano dos anjosl Relacionamentos> Amizadel 20/07/2011 lAcessos: 716 lComentário: 2

    Vendas e Ética dificelmente andam juntas, mas hoje é impressindível ter ética em tuo, principalmente em vendas. Acreditem Ética não é produto mas vende! Hoje a ética é o principal gerador de valor agregado a um produto ou serviço vendido. Tenham ética! Vivam no exemplo!

    Por: Daniel Borgesl Negócios> Vendasl 25/11/2008 lAcessos: 1,058
    Diógenes Pasqualini

    A recuperação da imagem de um candidato acusado de corrupção é um dos maiores desafios no desenvolvimento de um projeto de marketing político eleitoral. Trata-se de trabalho extremamente delicado e, na maioria das vezes, de altíssimo custo. Se "vender" o político honesto já não é tarefa fácil, o que dizer daquele que aparece nas principais páginas da grande imprensa acusado de fraudar o erário público?

    Por: Diógenes Pasqualinil Marketing e Publicidade> Marketing Pessoall 09/01/2013 lAcessos: 57
    Paulo Eduardo

    Ética e moral são termos usados diariamente, contudo muitas vezes os associamos de modo incorreto. O que é ética e moral? Por que como cristãos devemos estudar sobre estes assuntos? Estas perguntas são respondidas de modo que todos possam compreender.

    Por: Paulo Eduardol Religião & Esoterismo> Evangelhol 23/07/2012 lAcessos: 465
    Rodolfo Augusto Schmit

    Artigo que evidencia a importância da ética, tanto no que tange as relações profissionais, quanto as profissionais, de modo a traçar um paralelo, entre tal instituto e a moral/caráter dos seres humanos.

    Por: Rodolfo Augusto Schmitl Direito> Doutrinal 20/11/2014 lAcessos: 18
    Flavio Andrade

    Vamos começar voltando à interpretação da palavra no seu sentido literal: o termo Ética é originário da Grécia antiga: ethos, que tem o significado de modo de ser ou caráter.

    Por: Flavio Andradel Ciênciasl 26/03/2010 lAcessos: 358

    Noções de ética e moral à luz do Espiritismo É comum nestes dias por que passamos, estarmos vivendo uma situação de ampla tranqüilidade, e uma notícia ou fato narrado por um noticiário nos deixar plenamente aborrecido ou até mesmo desequilibrado. Às vezes é um crime hediondo que nos deixa perplexo; outras vezes um ato de corrupção por parte de autoridades que deveriam ter por princípio a manutenção da ordem e dos bons costumes; ou até mesmo um acidente de grandes proporções envolvendo número enorme de pessoas.

    Por: Cláudio Fajardol Religião & Esoterismo> Religiãol 01/05/2009 lAcessos: 881
    leticia dos santos geraldo

    A essência do Construtivismo nasceu fundamentalmente da teoria da Epistemologia Genética de Jean Piaget. A hermenêutica do construtivismo designa-se hoje, a buscar, conhecer, métodos pedagógicos, sendo utilizada como determinados aspectos para a aprendizagem, pois se popularizou como "método construtivista".O objetivo deste trabalho é mostrar o real objetivo da prática construtivista e o que ela pode mudar no meio educacional.

    Por: leticia dos santos geraldol Educaçãol 11/04/2015
    Joseléia Graciano da Silva

    O presente trabalho tem por objetivo refletir sobre as contribuições do processo educativo escolar no sistema prisional, de modo a abordar a funcionalidade da escola nesse espaço singular, apontando não só o caráter legal do atendimento em educação por parte das instituições prisionais, mas também os fatores que motivam os sentenciados/detentos a procurarem a escola no presídio.

    Por: Joseléia Graciano da Silval Educaçãol 10/04/2015
    Joseléia Graciano da Silva

    Nell. Direção: Michael Apted. Produção: Renee Missel e Jodie Foster. Interprétes:Jodie Foster,Liam Neeson e Natasha Richardson e outros. Roteiro: William Nicholson e Mark Handley, 1994. (115 min).

    Por: Joseléia Graciano da Silval Educaçãol 10/04/2015
    Carlos Henrique Araújo

    Tudo ruiu como um castelo feito de cartas já no final de 2014. Com o ajuste fiscal, ficou absolutamente claro de que os programas sociais seriam essencialmente afetados. O MEC sofreu o maior corte financeiro de sua história. Segundo analistas, o ministério da Pátria Educadora teria seu orçamento diminuído em sete bilhões de reais anuais.

    Por: Carlos Henrique Araújol Educaçãol 02/04/2015 lAcessos: 17
    Elaine Peres da Silva

    É indispensável ao desenvolvimento do ser humano o trabalho de sensibilização diante da sociedade, começando pela própria escola, o local de aprendizagem e formação do indivíduo. É preciso que o estudante, enquanto cidadão perceba a importância de sua participação nas questões que envolvem o meio ambiente, desde então, as pequenas ou grandes atitudes podem amenizar, mesmo que parcialmente, a contaminação da natureza.

    Por: Elaine Peres da Silval Educaçãol 27/03/2015 lAcessos: 18
    Fernando Corrêa manarim

    afirmamos que existem outras formas de jogar xadrez além da competição, ou seja, que o xadrez é uma ferramenta que pode trabalhar o praticante pedagógica e terapeuticamente, ensinando a se conhecer, conhecer os outros e conhecer o mundo a qual pertence. Isso pode ser comprovado na Lenda de criação do xadrez, conhecida como a Lenda de Lahur Sessa, lenda que pode ser encontrada na obra de Malba Tahan, "O Homem que calculava".

    Por: Fernando Corrêa manariml Educaçãol 16/03/2015 lAcessos: 12

    1. Por que o regime de ciclos e a progressão continuada são tão criticados? 2. Qual a real eficácia da progressão continuada e quais são os problemas gerados por esta prática? 3. Quais suas implicações políticas? 4. Quais os aspectos negativos deste sistema? 5. Qual o papel do professor, do coordenador e supervisor escolar? 6. Qual a importância da avaliação neste processo?

    Por: EULER DE CASTRO SANTOSl Educaçãol 15/03/2015 lAcessos: 18

    RESUMO A violência é sem duvida, além de uma das grandes preocupações da sociedade, o grande problema a ser enfrentado, principalmente na dura realidade das escolas públicas do Brasil. Atinge a todos na escola, contudo a grande vitima deste problema é o professor, cada vez mais desmotivado e que se encontra quase sempre acuado e de mãos atadas diante do problema. Ocorre de maneira velada e de diversos modos, sendo, obviamente causada pela falta de limites e de ações efetivas para enfrentar o pro

    Por: EULER DE CASTRO SANTOSl Educaçãol 15/03/2015 lAcessos: 19

    Este artigo busca refletir a identidade do coordenador pedagógico.

    Por: Edméa Cristina Reis Ferreiral Educaçãol 29/10/2009 lAcessos: 2,752 lComentário: 1

    Este trabalho de conclusão de curso apresenta um estudo de uma proposta interdisciplinar, motivadora, onde levaremos educadores e educandos a refletir e contextualizar as propostas, em que a teoria seja estudada em sala de aula e a prática conhecida através do que denominamos Passeio Cultural. Acreditamos que para se ter uma educação de qualidade é necessário entender que os alunos aprendem quando relacionem fatos, confrontam pontos de vista e refletem criticamente o que aprenderam.

    Por: Edméa Cristina Reis Ferreiral Educaçãol 16/10/2009 lAcessos: 8,496

    Este artigo esclarece alguns pontos sobre um Trablho Monográfico e sua defesa.

    Por: Edméa Cristina Reis Ferreiral Educaçãol 16/10/2009 lAcessos: 527

    Comments on this article

    2
    sgs 29/08/2010
    e um compromiso que assumimos dentro da sociedade,respeitado e cumprindo as normas imposta não saindo dos limites
    1
    Dk 07/01/2010
    que se foda essa filosofia, isso nao influencia a vida de ninguem, a nao ser pra pior, no caso de alunos de ensino medio q se veem obrigados a decorar essas coisas pra passar de ano.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast