APRENDIZAGEM INFANTIL

Publicado em: 12/11/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 719 |

INTRODUÇÃO

Vale lembrar ainda de dois outros fatores que tem mobilizado as discussões da área: a LDB 9394/96 que inclui a Educação Infantil na Educação Básica e a transferência paulatina das creches e pré-escolas da Assistência Social para a área da Educação.

É, portanto, neste contexto de resgate do sentido essencial da Educação Infantil, hoje, em nosso país, é que se propõe esta especialização.

O qual proporcionará discussões com o profissional da Educação Infantil no sentido de que se desenvolva:

A Compreensão de que o cuidar / educar como binômio indissociável - deve permear todo o trabalho com crianças de 0 a 5 anos;

O conhecimento dos processos de desenvolvimento infantil percebendo cada criança nas suas múltiplas dimensões: estética, corporal, ética, emocional, cognitiva.

O estudo dos processos de constituição da criança: a expressão, o afeto, a sexualidade, a socialização, o brincar, a linguagem, o movimento e o imaginário;

O trabalho com diversas linguagens: a da arte, da matemática, a corporal, a musical, a oral e a escrita, entre outras.

COMO SE DÁ O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

O desenvolvimento da criança dependerá, igualmente, da possibilidade que ela tenha, de explorar seu ambiente, expressar suas emoções, ter contato com várias coisas e pessoas, estabelecer relações afetivas. Dependerá, em suma, de executar e exercitar tudo que é próprio de seu período de desenvolvimento, o que lhe permitirá sentir-se segura, desenvolver sua autonomia, constituindo-se como indivíduo.

Segundo Vygotsky o desenvolvimento infantil está intimamente relacionado ao contexto sócio-cultural em que a pessoa se insere e se processa de forma dinâmica (e dialética) através de rupturas e desequilíbrios provocadores de contínuas reorganizações por parte do indivíduo.

Podemos concluir que, para Vygotsky, o desenvolvimento do sujeito humano vem se dar a partir das constantes interações com o meio social em que vive já que as formas psicológicas mais sofisticadas emergem da vida social.

Para Walloon, homem é um sistema orgânico que precisa do meio social para se atualizar, pois é ele que regula o desenvolvimento do indivíduo.

A idéia central Walloniana é de que "a criança e a evolução deve ser encarada em termos de relações sempre novas entre um ser e um meio que se modifica reciprocamente". (1986:25). Esse é o papel do meio escolar, oferecer a condição para a integração das atividades infantis num sistema finalizado que tem uma unidade. A teoria de Piaget ressalta como ocorre o processo de atividade cognitiva humana. Para ele, o homem é essencialmente ativo ao conduzir de maneira reativa as etapas do seu desenvolvimento. Para Piaget os equilíbrios sucedem-se e constituem em estágios do desenvolvimento mental:

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CONSTIUIÇÃO BRASILEIRA 1998.

LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO N° 9.394/1996.

PIAGET, J. O nascimento da inteligência na criança. 4ª ed. Rio de Janeiro: Livros técnicos e científicos editoras, 1987.         

VIGOTSKY, L. S. A Pré – história da Linguagem Escrita. A formação social da mente. São Paulo, Martins Fontes, 1998.

WALLON, Henri. As origens do caráter na criança. S.P: Difusão Européia do Livro, 1971;

     

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-infantil-artigos/aprendizagem-infantil-3657491.html

    Palavras-chave do artigo:

    palavras chave afetividade

    ,

    cuidados

    ,

    aprendizagem

    Comentar sobre o artigo

    Ana Carolina S. Ravagnani

    RESUMO: este trabalho retrata sobre alguns dos processos educativos necessários para a aprendizagem do corpo docente em busca de melhorias na qualidade do ensino. Enseja um método diferenciado para uma educação prazerosa e qualificado com olhar voltado para a humanização que se faz necessária na sala de aula e no dia a dia do relacionamento aluno-profissional. Alem disso, mostra que o Brasil esta tendo grandes avanços no que tange a evolução na Educação Inclusiva e seus processos de aprendizagem

    Por: Ana Carolina S. Ravagnanil Educação> Educação Infantill 27/07/2010 lAcessos: 1,445
    Berenice Neves Grisoste

    Este artigo relata a relação afetiva entre aluno/professor que é de extrema importância para o desenvolvimento da aprendizagem saudável entre os educandos, e adaptação dos mesmos ao meio físico e social. O desenvolvimento do aluno tem um valor imprescindível para o processo de construção de conhecimentos e da realidade em que ele vive. Percebe-se que o afeto é um grande laço que liga o professor e aluno, é um conjunto onde estão relacionados á autoestima, amor, sentimentos e valores, são essas r

    Por: Berenice Neves Grisostel Educação> Educação Infantill 24/11/2013 lAcessos: 153

    Este trabalho toma como percurso a descrição da prática docente na utilização dos jogos tradicionais, em instituição particular, na cidade de Salvador-Bahia. As discussões estão pautadas em Kishimoto; Friedmann; Chateau; Freire; Piaget e Vigotsky. Partindo do pressuposto de que se as aprendizagens são variadas, é necessário que o professor esteja em constante renovação e reflexão de sua prática, para que alcance as necessidades da criança.

    Por: Geraldo Francisco dos Santosl Educação> Educação Infantill 22/04/2011 lAcessos: 7,289 lComentário: 1
    Hilton Andrade dos Santos

    A presente obra é uma síntese de tudo que foi aprendido em sala de aula, na disciplina Família e Aprendizagem, onde o trabalho acadêmico foi apenas um meio de desenvolver e aplicar tudo o que foi ensinado pela professora Michele Pereira, UNIABEU, que serviu de mediadora no processo ensino e aluno, por conseguinte ressonou em conceitos imprescindíveis na formação destes discentes em formação técnico e profissional, na área de psicopedagogia. O caso apresentado é real e os nomes foram alterados.

    Por: Hilton Andrade dos Santosl Educação> Ensino Superiorl 02/04/2011 lAcessos: 5,964

    O presente estudo vem a ser uma resposta que desejo dar a mim mesma desde quando iniciei minha carreira de professora, sempre vi os professores acarretados de tarefas, na preparação de aula, preocupados com novas dinâmicas de ensino para tornar a aula mais interessante, mais atraente aos olhos dos alunos. Como resultado desses esforços sempre via os professores infelizes e desanimados, porque as atividades não foram recebidas como o planejado pelo professor, enfim este teve suas expectativas fru

    Por: MARRUSHl Educação> Educação Infantill 10/06/2012 lAcessos: 456
    Rosimeire Moreira Quintela

    RESUMO Esta pesquisa visa transformar métodos tradicionais contidos na escola levando os professores a participarem de pesquisas, práticas pedagógicas, inovações para que suas aulas se tornem mais criativas e produtivas. O objetivo é de auxiliar na superação do fracasso escolar em relação à leitura, pois se acredita na possibilidade de sucesso de todas as crianças...

    Por: Rosimeire Moreira Quintelal Educação> Educação Infantill 11/01/2012 lAcessos: 1,235
    Manoel Aparecido Martins

    A ludicidade faz parte do ser humano desde seu nascimento, é brincando que a criança vai conhecendo o mundo ao seu redor, vai se identificando, vai fazendo parte. O lúdico pode e deve ser utilizado no ensino de todas as disciplinas, até mesmo de forma interdisciplinar. Portanto é de fundamental importância um estudo mais aprofundado da natureza e importância desta disciplina nos dias atuais, bem como seu histórico e a aplicação do lúdico na mesma.

    Por: Manoel Aparecido Martinsl Educaçãol 17/06/2009 lAcessos: 15,033 lComentário: 4
    shirleidy de sousa freire

    Elencam-se questões referentes a uma temática bastante polêmica no mundo de hoje. Refere-se à inclusão de alunos com necessidades especiais que estão inclusos no ensino regular. Enfocaram-se algumas infoemações referentes ao histórico da educação especial no contexto brasileitro.

    Por: shirleidy de sousa freirel Educação> Educação Onlinel 25/06/2011 lAcessos: 3,733

    Os estudos recentes têm mostrado que as atividades lúdicas são ferramentas indispensáveis no desenvolvimento infantil, porque para a criança não há atividade mais completa do que o brincar. A proposta da escola lúdica ainda é um desafio. Temos a certeza de que um dia será para o aluno um centro de convivência e de busca de conhecimento, um lugar onde ele pode viver os momentos mais felizes de sua vida. Pela brincadeira, ela é introduzida no meio social do adulto, constituindo-se no modo de assim

    Por: Marta Nunes e Sirleide Carvalhol Educaçãol 15/10/2012 lAcessos: 341

    Acredito que o gosto pela leitura se apreende, é lendo que as pessoas aprendem a gostar de ler, e já de pequenos podemos, ou não, criar o hábito de leitura. Já dizia Carlos Drummond de Andrade que "a leitura é uma fonte inesgotável de prazer, mas por incrível que pareça, a quase totalidade não sente esta sede".

    Por: MARCIA AP.M.FARIASl Educação> Educação Infantill 25/03/2015

    Os contos nasceram, em geral, dos mitos; representam simbolicamente os acontecimentos humanos e sociais e reproduzem, em personagens e situações, valores que atravessam os séculos, porque correspondem a características permanentes do ser humano. Nelly Novaes Coelho, em seu livro Literatura Infantil: teoria, análise, didática, divide esse tipo de narrativa em contos de encantamento, contos maravilhosos e contos de fadas.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015 lAcessos: 13

    Uma das características mais marcantes da sociedade atual é seu alto grau de racionalização, isto é, cada vez mais de organiza em função do melhor aproveitamento do tempo. A busca incessante do lucro e de uma maior produtividade submete todos os setores da vida social às mais variadas formas de planejamento. A Educação na fica fora dessa tendência e nem escapa dessa racionalização.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015

    A escola tem sido responsabilizada há algum tempo pelos desvios de comportamento que se observa na vida social. Mas será sempre ela que tem essa responsabilidade? Ou será que ela responsabilidade foi imposta sem maiores questionamentos e agora de quem deve ser cobrada a recuperação dos indivíduos que não tem o comportamento esperado pela sociedade?

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015 lAcessos: 22

    Criar sempre foi uma característica do ser humano. Com essa capacidade o homem cria mas precisa ser despertado e isso só acontece com sua interação com o mundo. Desde o inicio dos tempos o homem cria e produz novas tecnologias. Sempre movido por suas necessidades e desejos. Assim, através dos objetos inventados modifica o mundo e sua relação com o universo. Desde as mais antigas ferramentas até os mais modernos aparelhos percebe-se que a tecnologia é útil, necessária e fascinante.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015 lAcessos: 14

    Ao longo da institucionalização da Sociologia como ciência no Brasil, várias pesquisas tiveram como objeto de estudo o professor e seu papel dentro das instituições educacionais e na sociedade global. Mas parece que ainda precisamos saber muito sobre essa profissão tão paradoxal: para uns é fundamental em qualquer sociedade que se proponha séria; para outros, uma profissão como outra qualquer, sem nenhuma especificidade e, para completar, em qualquer caso, quase sempre mal remunerada.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015 lAcessos: 11

    Por muito tempo discutiu-se a Educação no Brasil negligenciando sua relação com a economia. Porém, num certo momento, ficou impossível continuar a tentar analisar e explicar o processo educativo descolado da realidade econômica do país no qual ele se inseria. As implicações do desenvolvimento econômico do país de certa maneira apareceram na Educação, de uma forma ou de outra, particularmente quando se avalia os resultados do processo educativo.

    Por: Alexandrina M. P. de Fariasl Educação> Educação Infantill 08/03/2015 lAcessos: 18
    Irineu Correia

    Este artigo analisa as contribuições de Vygostsky e Piaget para a construção do conhecimento na escola.

    Por: Irineu Correial Educação> Educação Infantill 07/03/2015 lAcessos: 17

    RESUMO: Este artigo destaca o papel do orientador educacional o qual deve pautar seu trabalho na busca de compreender o desenvolvimento do grupo nos vários domínios e nas relações com o meio social da comunidade escolar, apontando para o exercício da cidadania fazendo convites e tendo criatividade e inovação.

    Por: Sônia Conceiçãol Educaçãol 12/11/2010 lAcessos: 1,191

    RESUMO: Este artigo relata que a palavra critério vem do latim criterium e do grego kriterion, que quer dizer discernir. Em sua acepção comum, é uma regra que se aplica para julgar a verdade. No sentido filosófico, é um signo ou característica que permite avaliar uma coisa, uma noção, ou apreciar um objeto.

    Por: Sônia Conceiçãol Educaçãol 12/11/2010 lAcessos: 1,382
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast