Benevolência

Publicado em: 31/12/2008 |Comentário: 1 | Acessos: 7,247 |

Em um hospital, um rapaz andava pelos corredores quando viu a porta de um quarto aberta. Lá estava um senhor de idade avançada, muito doente, em sua cama, sozinho. Seu olhar profundo e triste parecia dizer: “Estou esperando que alguém venha me ver”.



O rapaz entrou no quarto, puxou uma cadeira junto à cama e com as mãos do doente entre as suas disse baixinho, só para ele ouvir:


__ Papai eu estou aqui.



O velho trêmulo voltou á cabeça, com os olhos de felicidade, sorriu para o rapaz, e tornou a fechar os olhos com um semblante de paz.



O rapaz passou a noite toda segurando e acariciando aquelas mãos quase sem vida.



Nas visitas noturnas de médicos e enfermeiras, todos ficaram admirados com a dedicação daquele jovem.



Ao amanhecer, o velho estava morto, mas trazia um semblante de imensa alegria estampada no rosto.



As enfermeiras entraram no quarto dando as condolências pela morte do seu pai.



Então ele olhou mais uma vez para o velho e disse a todos:


__Obrigado, mas ele não era meu pai.



Em seguida, saiu deixando todos surpresos por sua atitude e se perguntando: “Se ele não era o filho porque então se comportou como tal, por que passou todo esse tempo ao lado daquele senhor”.



*************************************************************************



Este texto é ótimo para incentivar a criatividade dos alunos, criando situações para o desfecho do texto.


Você pode trabalhar em grupo ou individual.


Procurar fazer com que o aluno possa criar situações diferentes para o caso.


O professor tem que ensiná-lo a criar e a pensar em novas situações e ampliar o seu vocabulário.




Você poderá fazer um roteiro para ajudá-lo.



1)- Quem você acha que é o rapaz?


2)-O que é Benevolência?


3)-O rapaz só fez por bondade?


4)-Por que ele ficou até o fim com o velho?



5)-Será que ele era mesmo seu filho?


6)- Ou seria a morte a espera do ato final?


7)- Você acha que o velho acreditou que fosse mesmo seu filho?


8)- Se você estivesse no lugar do rapaz, qual seria a sua reação?


9)-Dê uma outra solução para o mistério.


Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/educacao-infantil-artigos/benevolencia-704847.html

    Palavras-chave do artigo:

    educacao infantil

    ,

    textos para criatividade dos alunos

    Comentar sobre o artigo

    Este artigo propõe uma discussão sobre o processo de alfabetização na educação infantil a partir do trabalho com as diversas linguagens. Problematizando falas de diferentes sujeitos envolvidos na educação das crianças: docentes, coordenadores, direção e as próprias crianças bem como uma reflexão sobre o próprio cotidiano.

    Por: Julia Maria da Silval Educação> Educação Infantill 05/11/2013 lAcessos: 120
    Nathália Alves de Oliveira

    A pesquisa monográfica tem como objetivo definir qual a importância da contação de histórias para a educação infantil através do estudo bibliográfico de teóricos sobre a literatura infantil. O estudo revela ainda a importância do professor ao inserir a literatura no seu planejamento para o processo de construção de competências, criatividade e criticidade, revelando histórias que despertam a imaginação, trabalham a concentração, ensinam princípios, o conceito entre o bem e o mal ...

    Por: Nathália Alves de Oliveiral Educação> Educação Infantill 08/02/2012 lAcessos: 3,903
    Alana Sardinha Freitas

    O artigo relata experiências vivenciadas numa escola de Educação Infantil na cidade de Itapetinga, Ba, durante a aplicação de um Projeto de Leitura"Histórias Infantis no Contexto da Pré-escola: Janelas Abertas Para Novos Leitores",com objetivo de despertar nas crianças hábitos de leitura e um olhar crítico sobre o mundo. Contribuindo para o desenvolvimento da autonomia, da criatividade, das múltiplas habilidades, o uso das potencialidades na realização das atividades propostas. Apresenta ainda o

    Por: Alana Sardinha Freitasl Educação> Educação Infantill 31/10/2011 lAcessos: 1,662
    Marcelo Gomes González

    O Referencial Curricular Nacional para Educação Infantil é um documento que equivale aos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs), já que foi criado pelo MEC em 1998. No entanto, há um debate ferrenho entre as grandes esferas da administração é o fato desse nível de ensino compor a Educação Básica, mas ser posta de forma facultada, fazendo com que, muita das vezes, não seja cursada pela criança, que fica com um ensino deficitário na base do conhecimento.

    Por: Marcelo Gomes Gonzálezl Educação> Educação Infantill 17/10/2012 lAcessos: 397
    Lucivania da Silva

    O Código de Trânsito brasileiro (CTB), lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, passou a vigorar a partir de 22 de janeiro de 1998, é considerado como um dos códigos mais avançados do mundo, pois trouxe consigo muitas inovações. Uma das mais significativas é que, pela primeira vez, o código traz um capítulo exclusivo à educação, determinando, entre outros aspectos, a educação para o trânsito.

    Por: Lucivania da Silval Educação> Educação Infantill 16/10/2013 lAcessos: 39
    SANDRA VAZ DE LIMA

    A Proposta Pedagógica que fundamenta o trabalho na Educação Infantil em Telêmaco Borba tem em princípio o homem como um ser histórico, intimamente ligado às relações sociais, políticas, históricas e culturais, às contradições e ao movimento que emanam do processo pedagógico.

    Por: SANDRA VAZ DE LIMAl Educaçãol 15/02/2010 lAcessos: 6,932 lComentário: 4
    Rosimeire Moreira Quintela

    RESUMO Esta pesquisa visa transformar métodos tradicionais contidos na escola levando os professores a participarem de pesquisas, práticas pedagógicas, inovações para que suas aulas se tornem mais criativas e produtivas. O objetivo é de auxiliar na superação do fracasso escolar em relação à leitura, pois se acredita na possibilidade de sucesso de todas as crianças...

    Por: Rosimeire Moreira Quintelal Educação> Educação Infantill 11/01/2012 lAcessos: 1,082

    RESUMO: Este artigo refere – se sobre o ensino da língua portuguesa na escola tem sido o centro da discussão acerca da necessidade de melhorar a qualidade de educação no país. No ensino fundamental, o eixo da discussão, no que se refere ao fracasso escolar, tem sido a questão de literatura e da escrita. As escolas estão tendo muita dificuldade para trabalhar essas modalidades do ensino.

    Por: Maria Rodrigues Bentol Educação> Educação Infantill 15/11/2010 lAcessos: 937

    Este artigo traz por tema a poesia. Caracteriza-se por ser uma pesquisa bibliográfica que busca descobrir o(s) sentido(s) da poesia na educação. A poesia vem como assunto a partir da crença da sua generalidade e função social e tem como objetivo a obtenção da leitura e da escrita, dessa maneira o sistema de educação faz uso dela como ajuda às disciplinas escolares buscando reforçar moralmente os laços familiares, patrióticos e eclesiásticos., tudo com a finalidade de desenvolver o cidadão.

    Por: Eliene Neves dos Santosl Educação> Educação Infantill 15/10/2013 lAcessos: 37

    A atual política educacional brasileira orienta em superar o preconceito, a discriminação e o racismo que ainda imperam nas instituições de ensino. Dessa forma, as Leis 10.639/03 e 11.645/08 que incluem o ensino da História e Cultura Afro-brasileira e Indígena propõem que se acabe com os estigmas que negros e indígenas ainda sofrem. Dessa forma, se pretende, através desse artigo, refletir sobre as imagens dos negros contidos nos livros didáticos e paradidáticos.

    Por: JOANA PESSOA CARVALHOl Educação> Educação Infantill 28/05/2013 lAcessos: 99

    Este artigo pretende discutir a formação de leitores no ensino fundamental sob o ponto de vista dos Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa(PCNs) recomendado para a formação de leitores na escola. Apontando para a necessidade de a escola reconhecer essa ação e sua importância no desenvolvimento humano, e que por meio dela, o aluno é capaz de transpor conflitos, descobrir uma infinidade de informações e transformá-las em conhecimentos funcionais para sua vida.

    Por: Doralice da Silva Marianol Educação> Educação Infantill 19/03/2014
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Explicação do Livro de Foucault: Vigiar e Punir e sua ação pedagógica discriminatória. Para Foucault como para diversos outros epistemólogos, o ser humano não nasce pronto, não tem essência Locke, muito menos uma natureza a qual é atribuído a ela um determinado fundamento, são tábuas rasas, os homens são desenvolvidos pelas suas próprias atividades, que estão relacionadas com o corpo humano, na função do vigiar e punir.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Educação Infantill 15/03/2014 lAcessos: 12
    Romilda Aparecida Lima

    Este artigo tem por objetivo refletir sobre as concepções de superioridade das elites sobre as percepções de infância e adolescência dos séculos XVI a XXI. Essas concepções apontam transformações socioeconômicas no Brasil, que pode nos assinalar a posição que encaixa os adolescentes enquanto seres. Nesta análise, percebe-se que de uma forma, ou de outra, continuam sendo válidas na atualidade, situações que não são novas, mas que se repetem séculos após séculos.

    Por: Romilda Aparecida Limal Educação> Educação Infantill 11/03/2014

    Esse estudo objetivou-se fazer uma revisão bibliográfica sobre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade focando na sua etiologia, diagnóstico e tratamento, além da prevalência. Essa pesquisa trouxe importantes contribuições para um melhor entendimento sobre o que seja o TDAH e suas causas.

    Por: Ana Cecília Melo de Mirandal Educação> Educação Infantill 05/03/2014 lAcessos: 11

    Este artigo tem como tema "A importância dos contos para a formação de valores e o desenvolvimento psíquico Infantil", abordando, a relevância que a contação de história demonstra na dimensão lúdica nos aspectos que favorecem o desenvolvimento infantil. Apresenta uma abordagem teórica, que favorece a reflexão e análise do tema. O questionamento que motivou a escolha dessa temática foi: qual é a importância da fantasia no desenvolvimento infantil? A pesquisa bibliográfica fundamentou a elaboração

    Por: Vilma vianal Educação> Educação Infantill 27/02/2014 lAcessos: 26
    Ademilson Rosa

    Quando falamos em educação, o Brasil ocupa sempre as últimas colocações. Todos querem saber de quem é a culpa, mas nem todos querem fazer a sua parte. Se existe alguém que é inocente nessa história, é o professor, pois ele vai para sala de aula transmitir seus conhecimentos, ao invés de ser bem recebido, ele é hostilizado por alunos sem educação.

    Por: Ademilson Rosal Educação> Educação Infantill 26/02/2014

    Todo início de ano temos uma visão panorâmica das consequências da falta de planejamento e atitudes de nossos administradores públicos. Junto com as festas e comemorações, somos bombardeados pelas notícias de enchentes, quedas de barreiras, pessoas que perdem suas casas, seus bens e até mesmo suas vidas

    Por: Central Pressl Educação> Educação Infantill 17/02/2014 lAcessos: 19
    FABRÍCIO DE CARVALHO PIMENTA

    Alfabetização leitura do mundo, leitura da palavra é um livro de Paulo Freire com colaboração de Donaldo Macedo, publicado nos Estados Unidos e traduzido aqui no Brasil por Lólio Lourenço. Letramentos Múltiplos, escola e inclusão social é um livro da dra em Linguística Roxane Rojo. Tento aqui estabelecer uma relação analítica entre esses dois livros e aproximá-los no que se refere aos conceitos de alfabetização. O gênero do texto está muito mais para uma resenha do que propriamente um artigo.

    Por: FABRÍCIO DE CARVALHO PIMENTAl Educação> Educação Infantill 15/02/2014 lAcessos: 32

    Uma linda e delicada borboleta vem batendo suas asas muito coloridas e pousando em cada flor para sentir o perfume adocicado das flores.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 13/09/2009 lAcessos: 104

    Que coisa mais gostosa quando em nosso rosto bate o vento suavemente, como se fosse uma leve caricia. Se fosse sempre assim como seria bom, é o pensamento de uma linda e majestosa palmeira, com suas folhas verdes, brilhantes balançando ao sabor daquela brisa que levanta suas folhas como se estivesse em um baile, rodopiando alegremente nos braços desse vento delicado e amoroso pelo imenso salão todo iluminado.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 13/09/2009 lAcessos: 163

    Bob um garoto alegre e brincalhão, morava numa chácara com seus pais e avós. È muito conhecido por todos, anda sempre com um bermudão que bate até o meio das pernas e camiseta larga e na cabeça um chapéu de palha com a aba desfiada como esses usados em festas juninas e nos pés calçados com botinhas de couro.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 13/09/2009 lAcessos: 697

    Em uma bela casa de campo com seu imenso quintal, onde circula por todos os cantos como senhor absoluto o gato Benê, com seu andar elegante de cabeça altiva, com seus pêlos limpos, perfumados e brilhantes. Convivendo no mesmo espaço com a cadelinha Lilica toda enfeitada como se fosse uma menininha metida. Mas Benê nem toma conhecimento dela, é como se ela nem existisse.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 13/09/2009 lAcessos: 124

    Certa vez houve uma revolução no fundo do mar, quando uma mãe desesperada viu que de sua ninhada nasceu uma coisinha que não era de sua formação genética e que não era de nenhuma que alguém tenha visto por ali. Era um bebê pequenino, desajeitada com quatro patinhas, carinha triste, aparência envelhecida, sem escamas, sua pele revestida de couro e com uma boquinha esquisita. Era muito diferente de todos os irmãos. A mãe não se conformava, e a rejeição logo foi sentida por todos no fundo do mar. Para eles era uma aberração algo nunca visto.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 13/09/2009 lAcessos: 664

    Um velho passeia todos os dias pelo campo, lá onde mora o conhecem como um homem estranho para uns, para outro um sonhador, contador de histórias, mas ninguém sabe nada sobre ele.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 31/12/2008 lAcessos: 533

    Todos os sábados, domingos e feriados, os pescadores se reúnem para fazer suas pescarias e também contar causos que nem sempre são verdadeiros, no rancho que eles construíram a beira do rio Paraná.

    Por: Neuza Razzal Literatura> Ficçãol 31/12/2008 lAcessos: 212

    Dois patos que iam embora de uma represa que havia secado foram se despedir da tartaruga.

    Por: Neuza Razzal Educação> Educação Infantill 31/12/2008 lAcessos: 3,542

    Comments on this article

    0
    maria do carmo 20/09/2011
    gostei isso vai pra minha lista dos somentes bons passam
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast