Estrutura do Projeto de Pesquisa

27/04/2010 • Por • 4,603 Acessos

 

 

 

O projeto de pesquisa foi concebido para ser uma versão preliminar do trabalho que vai se realizar, é um esboço inicial do que se quer fazer.

 

Serve para o acadêmico traçar um roteiro inicial daquilo que pretende seja seu trabalho.

 

Esse roteiro certamente sofrerá algumas modificações, alguns acréscimos, algumas melhorias, enfim, será aprimorado, principalmente depois de iniciada a pesquisa e obtidas as orientações necessárias.

 

 

Efetivamente o projeto de pesquisa serve para:

 

  • mapear um caminho a ser seguido durante a investigação;
  • esclarecer para o próprio investigador os rumos do estudo;
  • comunicar seus propósitos à comunidade científica.

 

Por se tratar de um projeto, o Projeto de Pesquisa é um trabalho bastante simples, que traz uma apresentação seqüencial, ou seja, os elementos do corpo do trabalho, são apresentados numa seqüência única.

 

Os verbos em geral devem ser conjugados no presente e no futuro.

 

 

O projeto de pesquisa deve responder :

 

  • o que pesquisar?
  • por que pesquisar?
  • para que pesquisar?
  • como pesquisar?
  • com que recursos?
  • quem vai pesquisar?
  • quando pesquisar?

 

 

 

 

 

Itens que devem compor um projeto de pesquisa:

 

  • ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS
  • capa;
  • folha de rosto;
  • sumário;
  • ELEMENTOS TEXTUAIS
  • desenvolvimento:
  • título (tema);
  • introdução
  • justificativa;
  • definição do problema;
  • hipóteses;
  • objetivos: geral e específicos
  • referencial teórico, marco teórico ou revisão da literatura
  • metodologia;
  • cronograma de execução;
  • orçamento;
  • ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS
  • Referências;
  • Folha de assinatura

 

 

 

A escolha do tema

 

              Tema: é o assunto sobre o qual versará o trabalho.

 

O tema deverá ter relevância: social, acadêmica e pessoal.

 

Cabe ao autor delimitar, com precisão, o tema indicado, ou seja, é preciso distingui-lo dos temas afins, tendo presente o domínio sobre o qual vai trabalhar.

 

Fatores que interferem na escolha de um tema para o trabalho de pesquisa:

 

* Afetividade em relação ao tema ou alto grau de interesse pessoal; tempo disponível para a realização do trabalho de pesquisa; o limite das capacidades do pesquisador em relação ao tema pretendido (fatores internos).

 

* Significação do tema escolhido, sua novidade, sua oportunidade e seus valores acadêmicos e sociais; o limite de tempo disponível para a conclusão do trabalho; material de consulta e dados necessários ao pesquisador (fatores externos).

 

Título

 

Apresenta a área de interesse a ser pesquisada, já delimitada em alguns aspectos; assunto, população, instituição, período, ...

 

Pode ter uma conotação criativa e singular. Aparece na capa e folha de rosto sem constar a palavra título.

 

  Introdução

 

 

Apresenta a área de interesse a ser pesquisada

Ex: Administração, Turismo, Direito, Letras, Pedagogia, etc.

 Justificativa

 

É o momento do pesquisador convencer que o projeto é importante, que possui relevância científica, que vai trazer contribuições.

 

Trata-se da apresentação dos motivos que levaram à decisão de se abordar esse tema dentro do universo acadêmico.

  

Definição do problema

 

É a formulação da problemática que será explorada a partir da delimitação do tema.

 

Devem ser formulados alguns problemas, questionamentos, dúvidas que o trabalho se proporá a resolver. [???????]

 

Se não há problema, não há dúvida, não há motivo para pesquisar.

 

Hipótese

 

Dependendo da natureza do trabalho, podem-se formular hipóteses, ou seja, possíveis respostas ao problema estabelecido.

 

Deve estar fundamentada em uma teoria, observação, resultado de outra pesquisa, ou mesmo intuição.

 

Hipótese é uma afirmação que tenta responder ao problema levantado no tema escolhido para a pesquisa.

 

O trabalho de pesquisa irá, então, confirmar ou negar a hipótese levantada.

 Objetivos

 

Para que pesquisar? Quais metas pretendemos alcançar ao final da pesquisa?

 

A definição do objetivo determina o que o pesquisador quer atingir com a realização do trabalho de pesquisa.

 

Iniciamos a formulação de um objetivo geralmente com um verbo no infinitivo - analisar, conhecer, averiguar...

Os objetivos específicos é um recorte do objetivo geral.

 

 

 

Referencial Teórico

 

Para uma monografia é preciso fazer uma explicitação dos principais conceitos que serão utilizados na pesquisa, buscando, num percurso teórico rápido, compreender como dois ou três autores, conceituam a questão.

 

Devemos ser sintéticos e objetivos, estabelecendo um diálogo entre a teoria e o problema a ser investigado.

 

É a etapa em que o pesquisador demonstra em quais pressupostos está fundamentado para realizar a pesquisa.

 

  Metodologia

 

Como eu vou pesquisar?

 

A metodologia é a explicação minuciosa, detalhada, rigorosa e exata de toda ação desenvolvida no método - caminho - do trabalho de pesquisa.

 É a explicação do tipo de pesquisa (uma ou a combinação de duas ou mais), do instrumental utilizado...

 Cronograma de execução

 

Com o cronograma de execução define-se a distribuição das tarefas e etapas que permitirão um aproveitamento racional e lógico da disponibilidade de tempo para a realização do trabalho.

 Estabelecem-se datas-limite para leitura, redação, revisão, datilografia, entrega e outras atividades.

 Orçamento

 É a previsão dos custos que envolvem a realização do trabalh

É muito importante quando trata-se de pesquisas ligadas a instituições ou órgãos de ap

Quando será custeada pelo próprio autor do trabalho, o orçamento inicial possibilita planejar os gastos e decidir sobre a extensão da pesquisa e a utilização ou não, na coleta de dados de questionários, entrevistas, fotos, filmagens,

Referências

 

São as obras que serão inicialmente utilizadas para a pesquisa.

 

Outras surgirão no decorrer do trabalho, mas aqui listam-se aquelas que  darão início à pesquisa e que trazem a idéia básica dos objetivos propostos.