O Professor e sua Postura Docente

Publicado em: 23/06/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 1,990 |

 

 

Talvez paradoxal, mas, a verda­de: quem "ensina" precisa estudar mais que o aprendiz. O docente, necessariamente, tem de ser um pesquisador daquilo que se põe a "ensinar".

Em primeiro lugar, ninguém ensina nada; facilita, quando tem noção disso, o aprendizado do alu­no! E essa é, sem dúvida, a postura primeira do Professor: tentativa permanente em entender como seu aluno aprende... A escolha da lin­guagem didática! Qual a linguagem do aprendiz?! Como adaptar a sua (do Professor) linguagem à do aprendiz?!  É a primeira pesquisa!

Em segundo lugar, o que o aluno precisa aprender? Ser escravo de livro didático é o pior que se pode acontecer!

Talvez o discente não precise do que está no livro... talvez não tenha base para assimilar o conteúdo do livro... É muito cômodo dizer que ele não se interessa por nada!... É evidente que, para o Professor não se escravi­zar, precisa de conhecimento, daí o segundo propósito da pesquisa... O Professor domina o que vai facilitar a aprender... Domina a ponto de enxergar a ciência que expõe, de vários ângulos: do ponto-de-vista útil, do lúdico, do teórico, do temporal, do local, do encanta­mento...

Em terceiro lugar, o auto-retrato! O Professor tem obrigação de se enxergar! Se o engenheiro não pode construir ponte que caia, o Profes­sor tem de saber o que está fazendo: repassar conhecimento apenas, gravador dá conta! Professor lida com pessoa, por isso todo seu trabalho é personal!

Professor não "não dá aula pra classe, sim para cada aluno"!...Numa turma de cinquen­ta, certamente não se pode "correr com a matéria"!...(Personal, o má­ximo possível!) Para isso, é mister racionalizar o que se vai disponibi­lizar à aprendizagem...Fonologia, operação com fração ordinária, elementos químicos, raízes quadra­da e cúbica...em que momento deve-se dedicar a tudo isso?! Tal­vez, e quase com certeza, aqueles alunos não vão fabricar submarino nuclear!...

Em suma, ou em quarto lugar, o Professor não pode esconder seu diploma na gaveta, mas pra isso (ostentar sua qualificação) tem de saber o que faz, pesquisar, responsabilizar-se pela direção da apren­dizagem que procura facilitar!... Alguém não pode dizer para ele o de que o aluno (aquele aluno) pre­cisa!...Só o Professor sabe! Por isso a verdadeira avaliação formativa desdenha a nota e prescinde da mesma ou de qualquer símbolo representativo de desempenho no ato de aprender!...

Se se deseja uma mudança nos resultados da Educação Brasileira, os Professores precisam, urgente­mente, rever a postura didático-pedagógica! Assumir a autoria do fazer pedagógico!

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ensino-superior-artigos/o-professor-e-sua-postura-docente-2713018.html

    Palavras-chave do artigo:

    estudar mais professor lida com pessoa ostentar sua qualificacao

    Comentar sobre o artigo

    Edjar Dias de Vasconcelos

    Os Vasconcelos. Originalmente de Vasconça. Espanha. Em Portugal formam um grande grupo. No litoral Ilha da Madeira. Dessa região por meio da colonização. Atinge grande parte do planeta terra. Tais quais: Açores, Uruguai, Malaca e Singapura, Angola e Brasil. Sendo nessas regiões os verdadeiros Vasconcelos.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 30/01/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Estou triste. Diante do pedido de Eduardo Suplicy. A Presidenta Dilma. Ele quer ser recebido pela Presidenta do Brasil. Sendo ele Senador da República. O grande Eduardo Matarrazo. 24 anos de mandato. Fundador do PT. O Suplicy sozinho é mil vezes superior ao partido. Reserva moral do PT. Vou mais longe, Suplicy é superior em grandiosidade a todos os partidos políticos do Brasil.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 29/01/2015
    Magno Fernando A. Nazaré

    este estudo tem como objetivo uma análise e reflexões sobre a legislação e organização do sistema educacional brasileiro, tendo como base um breve histórico da legislação e das políticas educacionais do Brasil, mostraremos um conjunto de conhecimentos e reflexões sobre a educação brasileira e suas mudanças, que possibilita uma apresentação mais aprofundada dos fatos e problemas que envolvem a realidade educacional vivida no contexto brasileiro.

    Por: Magno Fernando A. Nazarél Educação> Ensino Superiorl 29/01/2015

    O projeto que prevê a possibilidade de parcerias entre a prefeitura e os cidadãos interessados em determinada obra não prevista em orçamento municipal, com coparticipação de custos, encarna o que os alemães chamam de espírito do tempo, "Zeitgeist", o clima intelectual e cultural de determinada época.

    Por: Julia Nascimentol Educação> Ensino Superiorl 29/01/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Achei magnífico. O comentário desenvolvido. Por um dos leitores dos meus artigos. Da cidade de Dourados. Mato Grosso do Sul. Publicados em diversas instituições. Trata-se de uma pessoa exuberantemente. Inteligente.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 28/01/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Em dezembro de 1922. Após a grande revolução Socialista Soviética. Comandada pelo exuberante intelectual Lenin. Foi organizado o Congresso Panrusso dos Sovietes. Com o seguinte objetivo. A fundação da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas. URSS.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 26/01/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Nunca transferi poder a ninguém. Portanto, toda forma de poder a meu respeito é ilegal. O que é verdadeiro a princípio. O poder fundamenta-se em fontes da ilegalidade. Pois o transferido não representa a vontade popular.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 26/01/2015
    Maria Elena Guimarães Regiani

    Com o passar dos anos e o desenvolvimento da sociedade, temos a pretensão de formar cidadãos criativos, aptos a tomar decisões, coerentes, autônomos e competentes. E para esta formação é necessário que se enriqueça o cotidiano escolar com a ajuda do brincar, do interagir e estar juntos, pois o emocional e afetivo faz parte deste momento tão peculiar da infância.

    Por: Maria Elena Guimarães Regianil Educação> Ensino Superiorl 26/01/2015 lAcessos: 28
    alcino

    É preciso dar o verdadeiro valor ao erro, na Educação. Fundamentar o seu significado ao de um delito pelo qual deve-se pagar, prejudica a possibilida- de aprendizado, pois quem errou o raciocínio tem "amor próprio" e se vê penalizado pelo sistema classificatório, uma vez que a "nota" se constitui em tabu social.

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 08/09/2011 lAcessos: 44
    alcino

    A Escola tem de fazer com que todos os alunos aprendam desde cedo a perguntar. A ferramenta da aprendizagem é a pergunta, é a curiosidade. Ninguém, todavia, fica curioso sem gostar. Precisamos dar, então, chance à curiosidade, nas Escolas.

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 05/09/2011 lAcessos: 111
    alcino

    A formação de Professores se encontra em situação lastimável uma vez que não acompanhamos o progresso tecnológico a que chagamos. A linguagem é outra, exigida pela globalização e pela alterações sociais a que assistimos...e é sempre assim, só que cada vez mais rápido...

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 22/08/2011 lAcessos: 66
    alcino

    A leitura deve ser um compromisso de todos aqueles que trabalham na Educação. Em todas as áreas de conhecimento, a leitura tem de ser a primeira preocupação, pois tudo andará melhor se nos dedicarmos a ela diante de uma juventude que, na verdade, preci- sa de um rumo.

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 10/08/2011 lAcessos: 65 lComentário: 1
    alcino

    A personagem Zezé se mistura a vapores e se confunde com a leveza das ilusões, criando imagens e cenários surrealistas que levam à fuga da realidade.

    Por: alcinol Literatura> Ficçãol 05/08/2011 lAcessos: 55
    alcino

    A visão fantasmagórica do menino diante de figuras estranhas no seu mundo solitário e inexplicável.

    Por: alcinol Literatura> Ficçãol 05/08/2011 lAcessos: 62
    alcino

    A clássica avaliação do rendimento escolar tem sido um dos empecilhos à aprendizagem plena, pois cuida apenas da classificação dos alunos sem levar em conta a autoestima e os avanços neurolinguísticos e pedagógicos a que já chegamos.

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 03/08/2011 lAcessos: 67
    alcino

    O pessoal que labuta na Educação tem de se preparar continuamente para exercer adequadamente sua profissão. Caso contrário, continuaremos como estamos: lutando muito e conseguindo pouco.

    Por: alcinol Educação> Ensino Superiorl 09/07/2010 lAcessos: 52
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast