Toque Terapêutico no Processo da Humanização

Publicado em: 09/05/2013 |Comentário: 0 | Acessos: 56 |

1. Introdução:

Um paciente necessita de cuidados não só técnicos, mas também humanizados, assim fará uma grande diferença, na sua qualidade de vida. Dentre as ações humanizadas está o toque terapêutico, prática indispensável, tratamento que contribui positivamente na recuperação do paciente. Assim, a referida pesquisa bibliográfica, de caráter qualitativo, traz uma abordagem acerca do toque terapêutico como sendo uma necessidade à evolução da saúde do paciente.

2. Desenvolvimento:

O toque terapêutico é uma técnica desenvolvida inicialmente nos EUA, na década de 70, posteriormente analisados em vários estudos experimentais que demonstram a virtude do toque terapêutico. Faz-nos sentir melhor conosco mesmo e com o ambiente a nossa volta, provoca mudanças fisiológicas mensuráveis naquele que toca e naquele que e tocado. O toque físico não é apenas agradável, é necessário. O toque, no entanto, vai além de um mero contato físico.

O toque terapêutico não só é feito de cuidados técnicos, mas também cuidados humanizados, expressa para o paciente que percebe sua comunicação. Os pacientes podem aprender a identificar os sentimentos, respeito do outro prestando atenção nas palavras expressas, e na expressão facial e no toque durante os cuidados. É recomendado usar a habilidade quando o objetivo for realmente acessar o sentimento pelo paciente, como por exemplo: Quando o paciente reclama de dor. Os pacientes têm que ser orientados e encorajá-los a sentir-se bem.

Segundo Jeremy Holmes, "o papel do terapeuta consiste em uma técnica da maioria dos toques terapêuticos de tempos limitados". O uso do toque pode ajudar os pacientes conectar sentimentos e comportamentos interpessoais e alerta o paciente a superar barreiras.

Um toque pode proporcionar um comportamento ativo trazendo grandes resultados no paciente, isso é muito gratificante ver pacientes recuperados com os cuidados de um profissional com os cuidados humanizados. O terapêuta é um aliado explícito do paciente, ele expressa cordialidade e uma relação positiva com o paciente.

      As relações interpessoais são fundamentadas na comunicação e esta vai além das palavras escritas ou faladas. A comunicação pode ocorrer de maneira verbal ou não-verbal. A enfermagem ao cuidar necessita estabelecer não só a comunicação verbal, pois a não verbal está alem do que se pode ver: a postura, os gestos, o olhar, tom de voz e a maneira de tocar.

Quando o silêncio se impõe é fundamental para comunicarmos com os que cuidamos, demonstrando que importamos com eles, não só com a doença, mas mostrando ser solidários, compreensivos e, além disso, humanizados.

        Sá relata que "a aplicação do toque terapêutico estimula a produção celular, processos de cicatrização, relaxamento muscular e influências sinápticas que permite uma conduta elétrica estável dos estímulos nervosos". O paciente visando que há um cuidado técnico e havendo ali um cuidado humanizado é estimulado a melhorar.

De acordo com Silva, "temos que tocar no paciente, quando ele se sentir sozinho, isolado, quando ele sentir dor, quando ele estiver com sua autoestima baixa".

 Já foi comprovado que a aceitação do toque terapêutico tende-se a ser maior quando os pacientes são recebidos por meio dele.

  

3. Considerações Finais:

O toque terapêutico quando utilizado com humanização alivia o sofrimento do paciente, reduz a ansiedade e possibilita interação afetiva e fundamental para o desenvolvimento do paciente. O cuidado não é apenas um toque de mãos, mas apresenta um ato de atitude do profissional, visando o paciente qual for a sua condição, transmitindo o sucesso de sua recuperação.

4. Referências Bibliográficas:

ANGELOTTI, Gildo. Terapia cognitiva comportamento no tratamento da dor. 1. ed. São Paulo: Casa do psicólogo, 2007.

POTTER, Perry. et al. Fundamentos da enfermagem.7. ed. São Paulo:  Reme,1998.

SÁ, Ana Cristina de. O cuidado emocional da saúde. 2. ed. São Paulo: Robe editorial, 2003.

 SILVA, Maria Júlia Paes da. Comunicação tem remédio.1. ed. João Pessoa:  Edição Loyola, 2004.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/ensino-superior-artigos/toque-terapeutico-no-processo-da-humanizacao-6587701.html

    Palavras-chave do artigo:

    respeito

    ,

    cuidado humanizado

    ,

    toque terapeutico

    Comentar sobre o artigo

    Neusa Amorim

    RESUMO A presente monografia teve como propósito conhecer e analisar a prática pedagógica desenvolvida no ambiente hospitalar e a atuação do Pedagogo numa ala pediátrica do Hospital de Base Ari Pinheiro, localizado no município de Porto Velho-RO, suas dificuldades e os demais aspectos de sua atuação. A presente pesquisa percorreu caminhos já trilhados por alguns autores como Fonseca (2003); Justi; Fonseca; Souza (2011); Mattos; Mugiatti (2008); entre outros, os quais foram utilizados para fund

    Por: Neusa Amoriml Educação> Ensino Superiorl 26/08/2011 lAcessos: 2,012

    Os tempos atuais convidam a uma absurda medicalização da vida, parecemos ter perdido a capacidade de enfrentar desde uma simples insônia, até as frustrações, tristezas, lutos ou perdas sem recurso ao uso indiscriminado de fármacos "anestésicos".

    Por: Julia Nascimentol Educação> Ensino Superiorl 26/03/2015

    Professores e orientadores pedagógicos de colégios públicos tem relatado um fenômeno que não é novo, mas que está atingindo proporções alarmantes. Trata-se do verdadeiro massacre que muitos estudantes promovem contra seus colegas mais esforçados, mais focados e mais estudiosos.

    Por: Julia Nascimentol Educação> Ensino Superiorl 26/03/2015

    Por meio da História, diversos pesquisadores se indagavam como o sedava o processo de aprendizagem do ser humano e como o cérebro trabalhava para aprender. Para Aristóteles, o cérebro só servia para resfriar o sangue

    Por: MARCIA AP.M.FARIASl Educação> Ensino Superiorl 25/03/2015

    Nosso país sempre teve políticas econômicas e industriais baseadas na abundante fonte de recursos naturais, diversidade da fauna e flora, recursos hídricos e minerais na extensa dimensão territorial (capital natural), assim como grande disponibilidade de mão de obra (capital intelectual e social).

    Por: Julia Nascimentol Educação> Ensino Superiorl 25/03/2015
    REJANE M. DA S. LUZ SOUSA

    Neste artigo, apresenta-se a Psicanálise como sendo um procedimento de investigação dos processos mentais, ou seja, uma modalidade de tratamento onde o terapeuta lida com as noções dos princípios e as leis que regem o inconsciente dinâmico. Logo após, destaca-se a importância de relatar sobre alguns conceitos psicanalíticos como: pulsão, sublimação, transferência para compreender as implicações do processo inconsciente durante a prática pedagógica em um panorama da relação psicanálise X análise

    Por: REJANE M. DA S. LUZ SOUSAl Educação> Ensino Superiorl 25/03/2015
    REJANE M. DA S. LUZ SOUSA

    Neste artigo, apresenta-se a teoria que fundamenta esta dissertação, Inicia-se com o percurso da Análise do Discurso e sua condição de produção perpassando pela formação ideologia e formação discursiva. Os anos 50 foram decisivos para a constituição e construção de uma análise do discurso como disciplina. A Análise do Discurso busca unir o linguístico ao socio-histórico e dessa união nasce a ideologia e o discurso que só influenciam a perspectiva europeia da Análise do Discurso.

    Por: REJANE M. DA S. LUZ SOUSAl Educação> Ensino Superiorl 25/03/2015
    REJANE M. DA S. LUZ SOUSA

    Neste artigo, apresenta-se um panorama sobre a noção de sujeito falante e sua formação para compreender melhor a atuação do inconsciente nesse sujeito. Depois, adentra-se na linguagem que é a capacidade do sujeito aprender, pensar e usar a língua como melhor lhe convier numa determinada situação de comunicação consigo e com os demais. Destacando a importância da Educação como sendo uma dinâmica da sala de aula na relação professor aluno onde perpassa tudo e qualquer tipo de relacionamento entre

    Por: REJANE M. DA S. LUZ SOUSAl Educação> Ensino Superiorl 25/03/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Grande Físico. Magnífico astrônomo. Da cidade de Pisa, na Itália. Nasceu em 15 fevereiro. Ano de 1564. Em 1.574 foi enviado a um convento. Santa Maria de Vallombrosa. Por um período foi seminarista.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Ensino Superiorl 24/03/2015
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast