O Mar Do Esquecimento,existe ?

22/11/2009 • Por • 10,695 Acessos

Tenho lido na Internet alguns artigos respondendo a vários leitores que têm a curiosidade e o desejo de saber onde está escrito na bíblia o versículo que diz que “DEUS LANÇOU NOSSOS PECADOS NO MAR DO ESQUECIMENTO,E DELES NÃO SE LEMBRA MAIS”. E depois de algum rodeio,uma certa  valorização, a resposta dos escritores têm sido Miquéias 7:19 ,  “TORNARÁ A APIEDAR-SE DE NÓS,SUBJUGARÁ AS NOSSAS INIQUIDADES E LANÇARÁ TODOS OS NOSSOS PECADOS NAS PROFUNDEZAS DO MAR.” E dizem que esta última parte que diz que deles (dos pecados ) não se lembra mais,foi acrescentado poeticamente por alguns pregadores que estão sempre a inovar em seus textos,e ainda os escritores acrescentam que o “mar do esquecimento” é uma metáfora que nos faz ver o quanto Deus é maravilhoso.

Como todos temos liberdade de expressão,quis aquí  também expor  alguns pensamentos e aprendizados,e particularmente acredito que quando o profeta diz que DEUS LANÇOU NOSSOS PECADOS NAS PROFUNDEZAS DO MAR, isto é literal,verdadeiramente DEUS LANÇOU NOSSOS PECADOS NAS PROFUNDEZAS DO MAR, e não foi nas profundezas de qualquer mar não,este mar existe geográficamente no planeta terra,onde Deus lançou o pecado de toda humanidade,dos que já morreram,dos que estão vivos e dos que ainda vão nascer,claro que há condições para que a pessoa tenha seus pecados lançados nas profundezas deste mar, crer e aceitar Jesus como salvador.

E para descobrirmos onde está este mar,será necessário voltarmos ao livro de Levíticos e vermos o início de tudo,de todo o procedimento do sacerdote Arão na execução da lei, e dos sacrifícios que tiravam o pecado e justificavam o povo diante de Deus por algum tempo. Na leitura destes versículos de Levíticos,se seguirmos suas referências,elas nos levarão ao livro de Isaias no capítulo 53 ,onde estão as profecias mais contundentes do sacrifício de Jesus como o cordeiro de Deus, e também nos levam ao  N.T no momento em que Jesus iria ser batizado por João Batista,João 1:29 parte final, EIS O CORDEIRO DE DEUS,QUE TIRA O PECADO DO MUNDO.

VEJAMOS OS VERSÍCULOS E SUAS REFERÊNCIAS:

Levíticos 16:21  parte 1:

E Arão porá as mãos sobre a cabeça do bode vivo e sobre ele confessará todas iniqüidades dos filhos de Israel.

Isaias 53:6   parte final:

...Mas ele fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos.

Isaias 53:11  parte 1:

O trabalho de sua alma ele verá e ficará satisfeito....

Levíticos  16:22   parte 1 :

Assim aquele bode levará sobre si todas

Isaias  53:12  parte final:

Mas ele levou sobre si o pecao de muitos e pelos transgressores intercedeu.

João 1:29  parte final :

...Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Lendo estes versículos do livro de Levíticos,entendemos que neste ritual Arão estava fazendo a transferência de pecado,observe que antes de sacrificar o animal ele impunha as mãos sobre ele e transferia para ele o pecado do povo. E como vimos estas referências nos levam a Isaias 53 que nos mostra que Jesus tomou sobre si todas as nossas iniqüidades,foi oprimido,mas não abriu sua boca e como cordeiro mudo foi levado ao matadouro.  Em Levíticos 16:26 diz que banhará sua carne em água,o animal era levado para fora do arraial onde sua carne era banhada em água.

Vale repetir aqui uma referência que já citamos e que é a conclusão do processo de transferência de pecados,que João 1:29 diz: EIS O CORDEIRO DE DEUS,QUE TIRA O PECADO DO MUNDO. No momento  em que Jesus se aproximava de João junto ao rio Jordão,creio que João o avistou de longe, e apontando para ele disse para todos que ali estavam: EIS O CORDEIRO DE DEUS,QUE TIRA O PECADO DO MUNDO. Em Mateus diz que João disse a Jesus: EU É QUE CAREÇO SER BATIZADO POR TÍ,E VENS TÚ A MIM ? e Jesus lhe respondeu: DEIXE POR AGORA,PORQUE ASSIM CONVÉM CUMPRIR TODA A JUSTIÇA.

E concluímos com isto que o batismo de Jesus ( Junto com o batismo na cruz do calvário ) é o momento mais importante para a humanidade,porque é o momento que Jesus recebeu todo o pecado da humanidade sobre si,toda enfermidade,todo o castigo que era para nós,estava sobre ele, é o momento da transferência do pecado de toda humanidade para Jesus Cristo, e na cruz do calvário Jesus iria pagar com sua morte,com seu sangue por estes pecados,pecados que não cometeu um sequer,pecados de toda humanidade,pagou pelo pecado de todo aquele que crê no seu nome e no seu sacrifício de amor.

E nesta linda estória,onde está o mar ?, o mar do esquecimento? Para chegarmos ao mar,primeiro precisamos passar por um rio,que é o rio Jordão.

- Rio Jordão que em Gênesis 13:10 Ló levantou seus olhos e viu toda a campina bem regada,antes do Senhor ter destruído Sodoma e Gomorra,campina que era como o jardim do Senhor e que Ló escolheu como sua casa.

- Rio Jordão que foi palco para palestras e ensinamentos de Moisés a todo Israel na planície defronte ao mar de Sufe (hoje mar morto) Deut. 1:1.

- Rio Jordão que um dia, dia de sega,dia de muitas águas,suas águas pararam,para o povo de Deus atravessar em seco.  Josué 3:16.

- Rio Jordão que o profeta Eliseu ordenou que o chefe do exército da Síria Naamã se lavasse por sete vezes para que ficasse limpo de uma lepra,então antes de Jesus,este rio já absorvia as enfermidades do povo.

Vimos alguns acontecimentos milagrosos que se passaram no rio Jordão,rio que é o principal rio da Palestina que nasce no monte  Hermom e suas águas nunca se secam,rio que subsiste milagrosamente desde a fundação do mundo,que na maior parte dos seus 200 kms de extensão tem de 1 a 3 mts. de profundidade e a largura de 30 mts. cujas águas vão desembocar no mar morto.

Depois de navegarmos longamente pelo rio Jordão,finalmente chegamos ao mar morto,que vamos passar a conhecer,mar que na realidade é um grande lago salgado no sul da Palestina,que já foi chamado de mar salgado,(Gen. 14:3),mar de Arabá (Deut. 3:17),mar do oriente, (Ezeq. 47:18),fica a 26 km a leste de Jerusalém,tem aproximadamente 85 km de comprimento e 16 km de largura,é quatro vezes mais salgado que os oceanos e está em média 400 mts. abaixo do nível do mar e tem em quase toda sua extensão 400 mts. de profundidade,sendo assim o ponto mais baixo do planeta. Nada subsiste em suas águas,não há vida de espécie alguma por causa de sua alta salinidade,não é necessário bóia para flutuar em suas águas,suas águas exalam constantemente um cheiro horrível,um fedor de ovo podre.

Segundo a história ele só se passou a chamar mar morto,por volta do século II d.C,diante destas informações e evidências,sabendo que este mar recebe somente águas do rio Jordão,águas que levaram através do batismo de Jesus, o pecado de toda humanidade,não tenho nenhum receio de afirmar que verdadeiramente este é o MAR NÃO DO ESQUECIMENTO,mas mar onde foram  lançados os pecados em suas profundezas, e os pecados sim,foram esquecidos por Deus. Tal afirmação é feita com base na palavra de Deus,que é a pura verdade,palavra que diz:

TORNARÁ A APIEDAR-SE DE NÓS,SUBJUGARÁ AS NOSSAS INIQUIDADES E LANÇARÁ TODOS OS NOSSOS PECADOS NAS PROFUNDEZAS DO MAR.     MIQUÉIAS 7:19

Perfil do Autor

Helio de Paula e Silva

Näo tenho a pretensäo de definir meu perfil,mas digo que sou apenas um servo de Deus.