Aposentadoria por invalidez e a quitação de financiamento de um imóvel

11/12/2013 • Por • 199 Acessos

 

Atualmente os brasileiros estão cada vez mais dando a importância da casa própria, ou seja, abrem mão de certos luxos, para assim entrarem de cabeça num longo financiamento.

E estando em um financiamento e por força do destino, o comprador cai em uma aposentadoria por invalidez, o que muita gente nem sonha é que tal financiamento pode ter sua quitação solicitada imediatamente após o fato.

É claro que não será uma simples tarefa, mas o fato é que se o trabalhador conta apenas com a renda da previdência, pode sim solicitar a quitação. Ocorre que quando uma pessoa faz um financiamento assim como os que ocorrem com a Caixa econômica, é feito um seguro, onde garante a quitação deste imóvel, em casos como o supracitado, uma aposentadoria por invalidez.

Normalmente os financiamentos de imóveis, contam com seguros, estes por sua vez garantem a quitação em caso de doenças, tais como; Câncer, Alienação mental, doenças de Parkinson, cardiopatia grave, entre outras.

A Caixa econômica, Cohab's e alguns bancos privados, têm em suas cláusulas, seguros que em caso de morte, invalidez, o financiamento pode ser quitado.

Detalhe muito importante para esse segurado, é que após a concessão da aposentadoria por invalidez, o segurado pode requerer de volta os valores pagos inadvertidamente, caso o banco o cobre mesmo após a concessão do benefício.

Outro detalhe importante para estes segurados, é que o banco não pode tardar tal quitação e muito menos manchar a imagem do ex cliente, sendo com a negativação do nome, seja pela demora da análise, enfim, após a concessão do beneficio e a previsão contratual onde se garante a quitação, o banco deve fazer a quitação imediatamente.

http://grupoamp.com.br/servicos/

Perfil do Autor

João Paulo Teixeira

  Sobre o autor: João Paulo Teixeira é formado e Pós- graduado em Direito. Atualmente exerce o cargo de assessor jurídico no Grupo AMP e publica material relacionado aos temas de Direito Previdenciário, Análises Contratuais e Direito do Consumidor.