ÉTICA NA GESTÃO DE PESSOAS: DISCRIMINAÇÃO EM VIAGENS A SERVIÇO

Publicado em: 05/01/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 324 |

Flavio Farah*

Tempos atrás, uma matéria publicada na imprensa especializada dava conta de pesquisa realizada por uma empresa de consultoria com 31 grandes empresas brasileiras. A pesquisa informava em que classe os profissionais eram colocados nas viagens aéreas de mais de 7 horas de duração, de acordo com o cargo. Para resumir, em um extremo estavam os Presidentes: 35% voavam de 1ª classe, 62% de classe executiva e 3% de classe econômica. Na outra extremidade, estavam os gerentes de linha: 55% voavam de classe executiva e 45% de classe econômica.

Certa vez, fiz uma viagem aérea internacional noturna de 9 horas de duração na classe econômica. O avião estava lotado e eu fui colocado na primeira fileira, aquela que dá de frente para a parede. Não havia espaço para esticar as pernas. Como eu não consigo dormir em viagens de avião, aquela viagem foi uma tortura. Eu passei 9 horas com os joelhos dobrados, sem dormir e sem ter o que fazer.

O espírito que preside a política das empresas nas viagens aéreas a serviço é o mesmo que orientava uma construtora em que trabalhei. A empresa dava aos operários que dormiam nas obras um colchão de espuma de apenas 5 cm de espessura e não instalava água quente nos alojamentos, obrigando os trabalhadores a tomar banho frio mesmo no inverno. Esse mesmo espírito também dá origem às políticas que estabelecem diárias de viagem de valores diferentes conforme o nível hierárquico do funcionário.

Essas políticas têm a mesma origem: a discriminação decorrente do autoritarismo. O pensamento autoritário consiste, basicamente, na crença de que as pessoas são desiguais, ou seja, na crença de que existem seres humanos "superiores" e "inferiores". E mais, que essa desigualdade é natural, biológica, genética, não podendo ser alterada.

Para o indivíduo autoritário, não existe o conceito de igualdade: os homens não são, de modo algum, iguais em dignidade e direitos. O autoritário vê o mundo em termos de uma rígida hierarquia. A sociedade compõe-se de pessoas "superiores" e "inferiores" que estão inseridas em classes hierarquicamente ordenadas. Os membros das classes "superiores" possuem "maior dignidade" que os membros das classes inferiores. Por esse motivo, os "superiores" devem ter mais direitos e privilégios do que os "inferiores", sendo que os membros das classes "inferiores" merecem menos respeito do que os membros das classes "superiores", e tanto menos respeito quanto mais "inferior" for o indivíduo. Para as pessoas autoritárias,  pessoas "inferiores" têm menos dignidade do que as "superiores" e, portanto, têm direito a menos benefícios.

Em minha vida, fiz várias viagens de trem, na época em que ainda existia o transporte ferroviário de passageiros. Em particular, certa vez fiz uma viagem noturna de trem para o Rio de Janeiro. De trem-leito. Naquela época, não passava pela cabeça de ninguém fazer uma viagem ferroviária noturna que não fosse de trem-leito. Hoje, continua sendo comum se fazer uma viagem rodoviária noturna em ônibus-leito. Ora, se isto é comum e natural, também deveria ser comum e natural fazer viagens aéreas noturnas de avião-leito.

Nenhum funcionário, mesmo aquele situado na base da pirâmide hierárquica, deveria ser obrigado a viajar a serviço sofrendo a tortura de um vôo noturno de longa duração em classe econômica. Ainda mais tendo que trabalhar no dia seguinte no local de destino.

Os critérios de decisão sobre a classe em que um funcionário será colocado nas viagens aéreas a serviço deveriam ser a duração do vôo e o período em que este será realizado: diurno ou noturno, sem levar em conta o nível hierárquico do viajante.

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/gestao-artigos/etica-na-gestao-de-pessoas-discriminacao-em-viagens-a-servico-3976397.html

    Palavras-chave do artigo:

    etica

    ,

    etica na gestao de pessoas

    ,

    discriminacao

    Comentar sobre o artigo

    O objetivo deste texto é refletir sobre a Ética nas Empresas no sentido de motivar ações, mudanças de conduta, e uma reavaliação do código de Ética aplicado pelas Empresas.

    Por: Lucimara Terral Negócios> Administraçãol 09/10/2008 lAcessos: 185,722 lComentário: 6
    Adomair O. Ogunbiyi

    Estudo de Caso sobre o Conselho Municipal das Populações Afrodescendentes (COMAFRO) com enfoque nas políticas públicas e na gestão democrática. O artigo analisa como se dão as políticas públicas relativas à população afro-brasileira nas áreas da educação e da saúde, dentro do escopo de políticas universalistas da Gestão Pública Municipal, de São Luís, Maranhão – Brasil, durante o período de 2004 a 2008, cotejando-as com as propostas oriundas de uma instituição de controle social como o Conselho

    Por: Adomair O. Ogunbiyil Negócios> Gestãol 22/07/2011 lAcessos: 967
    Dr Jeferson - Advogado

    Advogados – "Direito Imobiliário" – Dicas na Compra e venda de imóveis na planta, usados, documentação, vistoria, locação, etc. São Paulo, SP, Maio, 31, 2010 (www.advbr.com.br) – Este artigo trata sobre as principais dúvidas na compra de imóveis na planta, imóveis novos prontos e usados, bem como dá dicas sobre cuidados com a documentação e vistoria. Leia mais em www.advbr.com.br

    Por: Dr Jeferson - Advogadol Direito> Legislaçãol 31/05/2010 lAcessos: 10,751
    Alisson Lopes

    O objetivo deste artigo é analisar como a gestão do clima organizacional pode impactar nas negociações sindicais de forma positiva. Além disso, traçar os desdobramentos e resultados alcançados dentro de uma organização que possui a gestão do clima organizacional como estratégia de negócio.

    Por: Alisson Lopesl Carreira> Recursos Humanosl 24/01/2012 lAcessos: 2,992

    O texto versa sobre inclusão/exclusão no contexto da educação escolar. Reflete sobre o papel do gestor educacional e sua importância no processo da inclusão do "diferente".

    Por: Rubem Menezesl Educaçãol 29/04/2008 lAcessos: 18,637 lComentário: 2

    O presente trabalho aborda um assunto de estrema importância para o avanço dos direitos educacionais garantidos na Constituição Brasileira, quando se entende que a educação é direito de todos. Em um breve histórico, que versa sobre o contexto no qual fizeram parte as pessoas com deficiência rumo ao processo de inclusão na educação superior, buscaremos apresentar os avanços relacionados à inclusão dos mesmos, como também as atenções voltadas para esse público de discente.

    Por: Duanne Granjal Educação> Ensino Superiorl 21/07/2011 lAcessos: 566

    A presente pesquisa foi elaborada tendo por objetivo estudar o fenômeno assédio moral nas relações de trabalho educacional em face de sua relevância na sociedade. Desta forma pretende-se conhecer, analisar e compreender este mal que atinge as instituições de ensino, buscando contribuir para o esclarecimento do fenômeno, como preveni-lo e reprimi-lo.

    Por: Arianal Educação> Ensino Superiorl 02/04/2011 lAcessos: 1,247

    Este artigo tem o objetivo de apresentar um sistema de gestão integrada de qualidade, Segurança, meio-ambiente, saúde e responsabilidade social – QSMS-RS, aplicado em uma organização do ramo de óleo e gás, em conformidade com os requisitos das normas NBR ISO 9001:2008, NBR ISO14001: 2004, OHSAS 18001:2007 e SA 8000.

    Por: Giselle Campanharol Negócios> Gestãol 01/06/2012 lAcessos: 838

    O presente trabalho visa tratar da alteração do registro civil face à mudança de sexo, tendo em vista ser um assunto atual e ainda polêmico, face aos diversos entendimentos e visões previstas, abordando seus pontos jurídicos relevantes, tais como os princípios constitucionais e infraconstitucionais que o regem, assim como todas as demais leis e resoluções que tratam e disciplinam o tema, fundamentando e levantando os direitos e hipóteses jurídicas havidas na situação daqueles que passaram pelo

    Por: Graziella Pinheiro Godoy Matosl Direitol 19/11/2012 lAcessos: 37
    Ivan Dionizio: Sociologo.

    Considerando a escola responsável por grande parte da formação do ser humano, o trabalho do Psicopedagogo na instituição escolar tem um caráter preventivo no sentido de procurar criar competências e habilidades para solução dos problemas. Com esta finalidade e em decorrência do grande número de crianças com dificuldades de aprendizagem e de outros desafios que englobam a família e a escola, a intervenção psicopedagogico ganha atualmente espaço nas instituições de ensino e empresariais.

    Por: Ivan Dionizio: Sociologo.l Educação> Ensino Superiorl 13/02/2012 lAcessos: 2,813

    como reagimos aos conflitos que noa incomodam no dia a dia? Como deveríamos agir?

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 18/09/2014

    ERP é uma ferramenta que dinamiza e agiliza os processos de uma empresa, tornando possível ganhar mais tempo, eliminar atividades redundantes e o desperdício de recursos materiais e operacionais, permitindo uma gestão mais eficiente.

    Por: Priscila Falchi - Sisprol Negócios> Gestãol 18/09/2014

    Foi a partir da década de 1990 que o cenário mercadológico observou o surgimento do conceito de gerenciamento da cadeia de suprimentos, que tem como objetivo integrar os agentes de produção, sendo possível melhorar a qualidade dos serviços. Aumentar a eficácia de sua linha de produção é o sonho de qualquer empreendedor. Afinal, quem não quer ver seus funcionários produzirem até 30% a mais? A terceirização de serviços permite que a sua equipe foque em o que realmente importa.

    Por: Jean Webbl Negócios> Gestãol 17/09/2014

    Em plena retração de mercado e dificuldade das empresas em crescerem e expandirem os seus negócios, a redução de custos passa a ser uma preocupação e fator de extrema importância para a maioria das empresas. Reduzir custos nem sempre é tarefa fácil e demanda esforços por parte de todos os membros de uma organização. Nesse sentido, um sistema ERP pode ser uma ferramenta de grande apoio.

    Por: Priscila Falchi - Sisprol Negócios> Gestãol 17/09/2014

    Quando uma empresa necessita adquirir um sistema ERP muitas são as dúvidas e dificuldades para definir a escolha, por isso, é necessário estar atento aos critérios necessários para garantir a melhor decisão.

    Por: Priscila Falchi - Sisprol Negócios> Gestãol 17/09/2014

    Analisando os conflitos existentes nos ambientes organizacionais, podemos concluir que nosso sistema emocional é o grande responsável pelas nossas vitórias e fracassos. O medo nos paralisa.

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 16/09/2014

    Como conviver com os intermináveis e estressantes conflitos que aparecem nos ambientes profissionais? Como ser feliz convivendo ao lado deles?

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 16/09/2014

    Todas as vantagens de ter implementado numa empresa, independentemente que seja uma grande média ou pequena, um software de gestão. Como, com uma simples e completa ferramenta, se pode tirar o máximo partido das capacidades de uma empresa e dos que lá trabalham.

    Por: marial Negócios> Gestãol 16/09/2014
    Flavio Farah

    O jornalista Thiago Bronzatto considera que as queixas trabalhistas contra empresas asiáticas aqui instaladas, queixas que incluem tapas, gritos, ofensas e jornadas extenuantes de até 15 horas por dia, são apenas um problema decorrente de diferenças culturais entre o Brasil e paises como Japão, China e Coreia do Sul.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 06/05/2012 lAcessos: 621
    Flavio Farah

    É comum as Instituições de Ensino Superior exigirem, como requisito para contratação de docentes para os cursos de graduação da área de Administração, que os candidatos possuam experiência profissional no campo de conhecimento correspondente à disciplina que vão lecionar. O artigo mostra que as razões para se estabelecer essa exigência não se sustentam.

    Por: Flavio Farahl Educação> Ensino Superiorl 25/12/2011 lAcessos: 160
    Flavio Farah

    Para defender os sistemas competitivos, usam-se vários argumentos que não se sustentam. Na verdade, a competição interna é danosa às empresas.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 16/01/2011 lAcessos: 613
    Flavio Farah

    A principal razão de ser da empresa não é produzir lucros nem fazer com que seus acionistas enriqueçam. A missão da empresa é produzir e distribuir bens e serviços bem como criar empregos. O lucro é uma consequência legítima da atividade econômica.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 07/01/2011 lAcessos: 444
    Flavio Farah

    O princípio do sigilo da fonte não pode ser usado para proteger criminosos.

    Por: Flavio Farahl Direito> Doutrinal 05/01/2011 lAcessos: 304
    Flavio Farah

    Uma situação de aparente choque cultural, que seria a oposição entre os valores da empresa e os do funcionário, pode revelar-se, na verdade, como um simples caso de discriminação.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 03/01/2011 lAcessos: 1,058
    Flavio Farah

    Na reportagem intitulada "Emoções na conta certa", o psiquiatra Paulo Gaudencio, talvez de forma inadvertida, embaralhou as noções de agressividade e de assertividade. Esse embaralhamento, infelizmente, prejudica a causa da Ética.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 30/12/2010 lAcessos: 260
    Flavio Farah

    O significado de liderança não é "capacidade de influência", mas sim, algo muito mais profundo, muito mais generoso, muito mais nobre e muito mais sutil do que isso.

    Por: Flavio Farahl Negócios> Gestãol 27/12/2010 lAcessos: 368
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast