Gestão Do Conhecimento: A Nova Tendência Organizacional !

Publicado em: 13/10/2008 |Comentário: 0 | Acessos: 5,587 |

O conhecimento representa a base de sustentação do homem moderno, muito embora às informações assimiliadas no decorrer de sua evolução tenham servido para outro enfoque: o instinto de sobrevivência! É bastante notória esta alteração. Primeiramente a sua "organização social " era baseada nos processos, atualmente o foco está novamente no homem e suas percepções.

É a partir desta cultura de busca contínua do homem gestor do conhecimento, que às organizações modernas e consequentemente de sucesso, estão gerindo os seus empreendimentos alcançando metas e objetivos jamais imaginados. A Gestão do conhecimento é uma ferramenta que visa relatar, analisar e aplicar todos os saberes incluídos no patrimônio intelectual ,no ativo intangível destas instituições a fim de equacionar eficácia, eficiência, custos e lucratividade.

Apesar de não ser considerada uma idéia recente, (meados dos anos 80), este tipo de gestão expressa um perfil em atualização constante e ganha neste novo momento empresarial, o destaque merecido. A GC exige a instalação de uma nova cultura organizacional voltada a busca de renovações dos antigos conhecimentos e implementação de conceitos modernos. A mudança parte da atitude dos gestores, que visando o processo de melhoria continua, estão procurando cada vez mais a multidisciplinaridade e multifuncionalidade, abrangendo aréas nunca antes cogitadas num perfil de gerência e ,obviamente, servindo de referência aos seus colaboradores subordinados para que se sintam motivados e compreendam esta nova exigência do mundo organizacional comteporâneo.

A educação corporativa e a inteligência empresarial são conceitos fundamentais para a implantação desta gestão. A primeira, porque atua diretamenta na mudança desta cultura empresarial, e no estímulo pró-ativo dos colaboradores gestores do conhecimento, e está pautada na definiçao do trabalhador do conhecimento.A seguinte, por se tratar das metas e objetivos da empresa, a busca pela melhor maneira de realizar os processos e principalmente do " fazer fazer ",tudo sustentado para a excelência da Visão e Missão das organizações.

As vantagens de uma organização gestora do conhecimento são inúmeras, principalmente pelo envolvimento de todos os setores, havendo melhorias no complexo organizacional sem exceção, além das técnicas de mensuração destes conhecimentos, transformados em ativos intangíveis, tendo uma representação , um valor agregado, ao tipo e a quantificação destes mesmos conhecimentos. A empresa gestora, ao buscar as informações necessárias para esta atualização,terá uma poder de barganha amplo ao se tratar da concorrência esmagadora do mercado.

Como exemplo básico do sucesso deste tipo de gestão,temos a MICROSOFT que apresenta em seu patrimônio 90% de ativos intangíveis e seu valor de mercado é de cem (100) vezes o seu faturamento. Isto é justificável, pois a sua concorrente IBM, apresenta um percentual de vendas superior a MICROSOFT ,mas em comparativo ao já citado valor de mercado ,a MICROSOFT compraria dez empresas com valor aproximado de venda da IBM.

A Gestão do conhecimento não possui caratér passageiro e sim renovador. As empresas que mais rapidamente se adaptarem conseguirão ampliar consideravelmente o seu nicho de mercado e irão permanecer sempre valorizadas e se adaptarão mais facilmente às oscilações do mundo moderno. O espírito do empreendedor de sucesso deverá ter como mola mestra a GC, que será incrustada em sua vida empresarial não apenas no discurso, mas principalmente em atitudes pioneiras e que façam desta organização gestora do conhecimento, um referêncial de organização que valoriza o que há de mais humano em seu interior e que ao invés de moldar-se às vias tendeciosas dos negócios, ditará às regras que sustentarão o futuro dos acionistas, gerentes e colaboradores.

Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 8 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/gestao-artigos/gestao-do-conhecimento-a-nova-tendencia-organizacional-601217.html

    Palavras-chave do artigo:

    potencialidades

    ,

    conhecimentos

    ,

    reacao

    Comentar sobre o artigo

    Romilda Aparecida Lima

    No dia-a-dia toda escola enfrenta problemas semelhantes, ela só muda de endereço. Alguns alunos apresentam as mesmas condutas inadequadas. Nem sempre são fáceis para educadores mediarem a instrução e ao mesmo tempo intervirem nos comportamentos adversos que surgem.

    Por: Romilda Aparecida Limal Educação> Educação Infantill 17/10/2012 lAcessos: 62

    Este trabalho pairou sobre reflexões em cerca de 100 alunos e alunas que nos determinados momentos de seus estudos escolares não se preocupavam muito em estudar com afinco (memorização, aplicação em sala de aula). Realizamos entrevistas com os envolvidos, após 15 anos, de suas formaturas, denotamos que, o intelectualismo contribuiu em torno de 15% para os seus sucessos pessoais, sociais e profissionais e 85% estavam relacionados com as capacidades de suas inteligências diversas postas em prática

    Por: ADALBERTO ALABARCEl Educação> Ciêncial 12/11/2011 lAcessos: 205

    O presente artigo busca refletir sobre as transformações que a sociedade vem sofrendo nestes últimos anos e a forma como a educação está sendo atingida, especialmente com os avanços tecnológicos, afetando a identidade do professor e gerando o fenômeno do mal-estar docente. Apresenta, também, uma reflexão sobre o importante papel da gestão para o adequado enfrentamento deste problema, nas instituições escolares, buscando alcançar o bem-estar geral na escola.

    Por: GEMA PARENTIl Educação> Educação Infantill 05/03/2009 lAcessos: 4,223 lComentário: 2
    Elieuza Santos

    RESUMO: Este estudo de caso é uma avaliação psicopedagógica, como critério avaliativo de conclusão do curso de Pós-Graduação em Psicopedagogia Institucional e Clínica. A metodologia deste trabalho está fundamentada na Epistemologia Convergente de Jorge Visca, na qual todo o processo diagnóstico é estruturado na dinâmica de interação entre o cognitivo e o afetivo do sujeito, espaço onde se estabelece os vínculos que este constrói, ou não com o objeto do conhecimento.

    Por: Elieuza Santosl Educaçãol 27/09/2012 lAcessos: 373
    Júlio Barboza

    O presente estudo tem o propósito de estimular a utilização de recursos tecnológicos, como computadores, calculadoras e jogos matemáticos pelos professores nas práticas pedagógicas, no sentido de estarem abertos para o novo, inserindo-os no cotidiano escolar, visando uma melhor aprendizagem pelo educando sobre os conteúdos matemáticos. Entretanto, com o uso de tais recursos faz se necessário do novo tipo de profissional professor, sendo este o ponto de referência deste artigo.

    Por: Júlio Barbozal Educação> Ensino Superiorl 25/12/2010 lAcessos: 7,567 lComentário: 1

    Muitos empresários estão percebendo que melhorar a qualidade de vida de seus funcionários e de suas famílias torna a empresa mais saudável, competitiva e produtiva. Essa é a principal função da QVT (Qualidade de Vida Total), baseada em dois aspectos importantes: o bem-estar do trabalhador e a eficácia organizacional . Um programa adequado de QVT busca uma organização mais humanizada e proporciona condições de desenvolvimento pessoal.

    Por: Marcelo P. Basilel Saúde e Bem Estar> Medicinal 05/08/2014
    João Beauclair

    Escrever este artigo, "para chegar aos olhos, ouvidos e coração dos professores, educadores, psicopedagogos," enfim, sujeitos em interação com a aprendizagem humana foi um desafio aceito por ser esta uma das missões que buscamos realizar. Cabe-nos, à medida que nos posicionamos no ato de caminhar, e seguir caminhando depois de já ter percorridos alguns percursos, autorizarmo-nos ao sentipensar probabilidades e (im)possibilidades de sistematização de uma Didática do Assombro.

    Por: João Beauclairl Educação> Ensino Superiorl 25/07/2012 lAcessos: 153

    Neste trabalho desenvolvemos algumas idéias da pedagogia de Célestian Freinet (1896-1966). Para ele a pedagogia do bom senso e a educação para o trabalho se constitui em uma posição central para a instrução do aluno. O professor tem papel fundamental, pois é um agente de mediação, um interlocutor de seus alunos, ensinando-lhes, não de forma mecânica, autoritária ou distante, mas através de um processo de interação dialógica.

    Por: Santos, Sebastião Jacinto dosl Educação> Educação Infantill 11/07/2009 lAcessos: 7,199
    MARISA GONÇALVES CRUZ

    O presente artigo trata de uma pesquisa detalhada sobre conceitos, procedimentos e políticas adotadas com crianças superdotadas ou com altas habilidades para que possa auxiliar profissionais da educação, pais e outros. Onde são abordadas diversas questões que envolvem a superdotação, com o objetivo de se obter maiores dados para entender o que ocorre nessa mente tão especial e amenizar os problemas decorrentes dessa dotação, para adaptá-la ao meio em que vive.

    Por: MARISA GONÇALVES CRUZl Educação> Educação Onlinel 07/09/2010 lAcessos: 3,375 lComentário: 2

    Poucos departamentos de Recursos Humanos realmente incentivam suas empresas a aplicarem o piso tátil dentro de suas instalações. Isto ocorre geralmente porque não há a preocupação e a cultura de incluir o deficiente visual no mercado de trabalho da forma como deveria ocorrer.

    Por: Thiago Castriottol Negócios> Gestãol 02/10/2014

    Gestão, Estratégia, Recursos Humanos e Mercado. Globalização e ambiente competitivo, mudanças organizacionais, tendências, onde a partir de grandes mudanças, surgem também oportunidades e as empresas devem estar atentas e empenhar-se em saber identificar elas para aproveitar determinadas situações, pois no mundo competitivo as atenções e tendências surgem como avanços tecnológicos e de oportunidade voltado especificamente para um segmento, ramo de produção ou serviço.

    Por: Peri da Silva Santanal Negócios> Gestãol 01/10/2014

    O que é um líder eficaz? Como agir com eficácia na condução de pessoas, na busca de metas e objetivos nas organizações? Será que eu sou um líder eficaz?

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 25/09/2014
    Marcelo Ferreira

    DO SOMETHING: Um livro que como o mesmo autor diz: contém a verdade pura e simples sobre como fidelizar clientes e aumentar suas vendas e lucratividade. É uma leitura super gostosa, clara e fácil mas sobre tudo produtiva, na qual o grande objetivo é incentivar aos empresários a AGIR, em vez de esperar que tudo seja lindo e maravilhoso para implantar seu próprio programa de fidelidade.

    Por: Marcelo Ferreiral Negócios> Gestãol 24/09/2014

    Apresentamos neste pequeno texto a conclusão de tudo que comentamos sobre o assunto CONFLITOS, nas partes I a V.

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 23/09/2014
    Elisângela da Silva Pereira

    Você sabe o Valor da Marca de sua Empresa no Mercado? Dependendo de sua resposta dá para saber o quanto você está investindo para ter um bom posicionamento no mercado.

    Por: Elisângela da Silva Pereiral Negócios> Gestãol 22/09/2014

    aqui iremos abordar a mais importante ferramenta de combate e administração de conflitos - a nossa inteligência emocional.

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 22/09/2014

    apresentamos as ferramentas para superar, administrar e evitar conflitos. Uma delas é a resiliência, as demais trataremos na parte V.

    Por: José Carlos Maron Jr.l Negócios> Gestãol 19/09/2014

    O Gestor de conflitos nas organizações, seu papel, seu perfil e suas implicações para o futuro.

    Por: Ícaro Cordeirol Negócios> Gestãol 10/04/2010 lAcessos: 1,364 lComentário: 1

    Na busca por melhores resultados , empresas conceituadas veêm no potencial dos estagiários, oportunidades de melhoria contínua,formação de colaboradores qualificados e pró-ativos,portanto, a resposta a este sentimento deve ser estabelecida na ética, na busca do saber constante e na necessidade de desenvovimento pessoal e profissional.

    Por: Ícaro Cordeirol Negócios> Gestãol 08/05/2009 lAcessos: 438

    O desenvolvimento do pensamento gerencial ainda não foi de fato absorvido pelo Recursos Humanos, o que impossibilita tal campo desempenhar atividades cruciais no nivél estratégico das organizações!

    Por: Ícaro Cordeirol Negócios> Gestãol 08/01/2009 lAcessos: 579 lComentário: 1
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast