Planejamento estratégico, de curto, médio e longo prazo

Publicado em: 10/02/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 34,967 |

Se já é difícil entender uma língua que não se conhece ou domina, mais grave é entender de uma forma difusa expressões muito usadas em nossa própria língua, com um significado para uns e outro para outros.

Muitos usam Estratégia com o sentido de longo prazo. Assim quando se fala em Planejamento Estratégico pensam se tratar de planejamento em longo prazo. Planejamento de Longo Prazo é algo que você começa hoje para terminar algum tempo, digamos, quatro anos depois, num cenário sem mudanças que alterem sua decisão. Uma obra, um curso, um programa, um governo etc. Planejamento de Longo Prazo é algo que virou quase uma lenda nas empresas. Pode até existir, mas a maior parte dos profissionais nunca viu.

Drucker repetia sempre que "O planejamento estratégico não trata de decisões futuras. Trata do que haverá no futuro com base nas decisões do presente”. Estratégico é um futuro incerto e que os elementos e indicações do presente permitem que se especule, se desenhem cenários, se faça previsões. Em relação ao futuro e se atue em função disso, operacionalmente naquela direção. E no caminho se mantenha, corrija, ou se ajuste o cenário projetado. O estratégico é o incerto, sobre o qual se quer antecipar. É a mobilização de todos os recursos da empresa no âmbito global visando atingir objetivos definidos previamente. É uma metodologia gerencial que permite estabelecer o caminho a ser seguido pela empresa, visando elevar o grau de interações com os ambientes interno e externo.

Num mundo como o de hoje, onde a inovação se dá a qualquer momento e em qualquer campo e onde a obsolescência não tem prazo, chegar na frente é ser mais competitivo que os demais. Nesse sentido pensar estrategicamente é o diferencial. O conhecimento da organização, da sua arquitetura, de seus processos e a organização como um sistema gerador de bens e serviços, fornecerá a base para o planejamento.

As decisões existem somente no presente. O problema enfrentado por quem toma decisões não é o que a sua organização deve fazer amanhã. É o que devemos fazer hoje para estarmos preparados para a incerteza do amanhã? Já que qualquer plano para o futuro depende das ações efetivadas no presente. As ações passam primeiramente pela analise da Arquitetura Empresarial (EA) e da simulação dos Processos (BPA), hoje ferramentas (softwares) sofisticadas fornecem dados e apóiam a tomada de decisões.

Planejamento Estratégico é pensar um futuro incerto, definir objetivos baseados em cenários desenhados (As is), cenários projetados (To be) e investir nessa direção.

Os únicos limites das nossas realizações de amanhã são as nossas dúvidas e hesitações de hoje”. Roosevelt.

Wlademir Pinto da Silva - consultor - www.sofge.com.br

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/gestao-artigos/planejamento-estrategico-de-curto-medio-e-longo-prazo-764135.html

    Palavras-chave do artigo:

    estrategia

    ,

    planejamento

    ,

    gestao

    Comentar sobre o artigo

    O texto faz um breve análise sobre as estratégias de gestão das Políticas Sociais na prática profissional do serviço Social

    Por: Mirian Bartassonl Educação> Ensino Superiorl 13/10/2011 lAcessos: 1,488
    Gustavo Rocha

    Todas as quintas-feiras publicamos no portal www.gestao.adv.br um artigo inédito sobre departamentos jurídicos e seus relacionamentos internos, com escritórios terceirizados e muito mais. Nos acompanhe! Quando falamos em estratégias de gestão, muitos saltam com ideias como: liderança, centralização, controle, enfim, muitos e muitos indicadores de como tudo está para ter um trabalho seguro. Pois bem. O último livro de J. Keith Murnighan, professor da Kellogg, renomada escola de negócios am

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 23/05/2013 lAcessos: 13

    Aliado ao enorme desenvolvimento da tecnologia, com seus sistemas, softwares, equipamentos e nuvens, o mundo das empresas passa por outras mudanças cruciais de mercado, de atitude dos consumidores, da forma de se relacionar com eles, dos negócios virtuais e das consequências que isso tudo provoca nas estruturas das empresas e seus comandos.

    Por: vecchianconal Negócios> Gestãol 13/12/2011 lAcessos: 89

    O presente artigo esboça a educação e sua significativa importância dentro das empresas em parcerias de gestão no atual mercado de trabalho, competitivo decorrente as atuais transformações econômicas na sociedade. Contudo, as mudanças estão ocorrendo e são significativas. Nos últimos anos, essa prática tem transformado a educação numa perspectiva propícia de benefícios no processo educativo, com objetivos de proporcionar aos profissionais um ensino de qualidade e crescimento na sociedade.

    Por: Alex Soaresl Educação> Ensino Superiorl 18/03/2011 lAcessos: 562

    O principal objetivo da gestão e monitoramento do ambiente de TI é blindar os processos das empresas, tornando-os mais seguros e garantindo uma estrutura robusta e operações à prova de falhas, com a velocidade necessária que o mercado exige. Isso tudo, sempre acompanhando o crescimento do ambiente e, consequentemente, dos negócios. O que era in-house, ou seja, o que as empresas tentavam resolver internamente, agora tende a ser hospedado. O que era físico, agora é virtual.

    Por: Vítor Margatol Tecnologia> Tecnologiasl 18/11/2013 lAcessos: 18
    Laize M. de Miranda L Sobrinha

    A gestão nesta nova era de renascimento, deve ser uma expressão qualificada de toda criatividade humana, e de bom senso para utilização de instrumentos de ações adequadas, visando uma transformação social constante. O controle deve ser considerado um fator essencial na ação gerencial. Para tanto, nesta nova forma de gestão, criar e inovar é sempre preciso, desde que sejam traçadas estratégias e planejamentos sustentáveis visando a melhoria no relacionamento social.

    Por: Laize M. de Miranda L Sobrinhal Negócios> Gestãol 13/05/2010 lAcessos: 2,930
    Darci Kops

    questionar o significado que os sistemas têm nos processos de gestão, e a importância decorrente da gestão dos sistemas organizacionais. Paralelamente, faz uma crítica aos processos de construção, e de definição, dos sistemas de gestão organizacional, especialmente, aqueles sistemas que excluem a participação dos usuários, e dos protagonistas, do próprio sistema. Sustenta a tese e o desafio da construção de sistemas organizacionais, e de gestão, saudáveis.

    Por: Darci Kopsl Negócios> Gestãol 13/07/2011 lAcessos: 477
    Antonio Cunha

    Observa-se que os espaços públicos, tais como praças, monumentos, parques, bosques, instituições e até mesmo bairros inteiros, notadamente centralizados, teatralizam diversas culturas e constituem marcos das conquistas urbanas em termos de (re)vitalização da cidade de Curitiba, atualmente conhecida como Capital Americana da Cultura (2004). A discussão centraliza a teatralização dos espaços que homenageiam etnias e a identidade da cidade, como estratégia de marketing, via políticas públicas urbanas e culturais.

    Por: Antonio Cunhal Marketing e Publicidadel 07/08/2009 lAcessos: 700
    Darci Kops

    O presente artigo busca caracterizar gestão como um processo. Propõe-se apresentar o significado dessa ênfase e as implicações que isso traz para os processos de gestão, em especial, para os processos de gestão empresarial e/ou institucional. Busca salientar o gestor como o principal protagonista, e configura variantes que o processo de gestão pode tomar, apontando tendências, entre outros aspectos, de gestão como um processo compartilhado, e de gestão como um processo de co-gestão.

    Por: Darci Kopsl Negócios> Gestãol 07/08/2011 lAcessos: 537
    Leandro A da Silva

    O avanço da economia nos países emergentes está atrelado a criação de empresas, dentre estas, as micro e pequenas, originando trabalho e por consecutivo renda para a população economicamente ativa, conseguindo com que estes países possam desenvolver-se economicamente mais e melhor, aprimorando sua colocação estratégica na economia mundial. Migliato (2004) diz que o planejamento estratégico para micro e pequenas empresas, inicia-se em um processo sucessivo de interatividade.

    Por: Leandro A da Silval Negócios> Pequenas Empresasl 11/06/2014 lAcessos: 84

    Foi a partir da década de 1990 que o cenário mercadológico observou o surgimento do conceito de gerenciamento da cadeia de suprimentos, que tem como objetivo integrar os agentes de produção, sendo possível melhorar a qualidade dos serviços. Aumentar a eficácia de sua linha de produção é o sonho de qualquer empreendedor. Afinal, quem não quer ver seus funcionários produzirem até 30% a mais? A terceirização de serviços permite que a sua equipe foque em o que realmente importa.

    Por: Jean Webbl Negócios> Gestãol 17/09/2014

    Todas as vantagens de ter implementado numa empresa, independentemente que seja uma grande média ou pequena, um software de gestão. Como, com uma simples e completa ferramenta, se pode tirar o máximo partido das capacidades de uma empresa e dos que lá trabalham.

    Por: marial Negócios> Gestãol 16/09/2014
    Stile Embalagens

    A sacola plástica Boca de Palhaço PEBD é maleável, translúcida e brilhante, uma sacola que não não faz barulho e ainda valoriza a impressão. Por ser brilhante, quando a logomarca é impressa nas sacolas, ganha o brilho natural do plástico, e, consequentemente, ganha mais vida.

    Por: Stile Embalagensl Negócios> Gestãol 12/09/2014
    Jonatha Fernandes Machado

    Uma grande dúvida que a grande maioria dos empresários tem é como escolher um bom escritório contábil para assessorar a sua empresa. A concorrência no mercado contábil tem aumentado significativamente nos últimos tempos e o número de profissionais da área contábil tem ganhado uma grande remessa a cada semestre que passa e a cada prova que o conselho federa oferece para a aprovação destes profissionais. Vejamos os principais meios de escolha: Indicação A grande maioria dos empresários segue o i

    Por: Jonatha Fernandes Machadol Negócios> Gestãol 02/09/2014
    Leandro A da Silva

    Um campo chave para a análise sobre as classes desfavorecidas economicamente é averiguar quais aptidões são necessárias para as corporações empresariais identificarem, desenvolverem e ganharem com as oportunidades nesta classe

    Por: Leandro A da Silval Negócios> Gestãol 29/08/2014 lAcessos: 53

    A venda de uma indústria as vezes é uma coisa complexa. Quando você publica um anúncio: vendo empresa, significa que gostaria de vender uma indústria. Indústria é o tipo de negócio, em que você pode encontrar sozinho um investidor ou contratar um broker de negócios ou conselheiro M&A.

    Por: Marcos da Costal Negócios> Gestãol 25/08/2014
    Leandro A da Silva

    As estratégias colaborativas de concepção de valor representam o envolvimento da evidência histórica na produção como empenho causador de valor da economia capitalista para a demanda e consumo.

    Por: Leandro A da Silval Negócios> Gestãol 24/08/2014 lAcessos: 50
    Leandro A da Silva

    O Capitalismo é um dinâmico sistema conduzido pela maximização dos lucros onde a história demonstra distintas fases de desenvolvimento e renovação dos métodos de geração de valor. Na medida em que se expande, modificam-se as relações para que estas sejam ajustadas as suas próprias exigências.

    Por: Leandro A da Silval Negócios> Gestãol 24/08/2014 lAcessos: 52

    Iniciativas de BPMA para melhoria dos processos e redução de custos

    Por: Wlademir Pinto da Silval Negócios> Gestãol 26/03/2009 lAcessos: 439

    ISO 31000, que vai tratar das questões de gerenciamento de risco. Ao contrário das normas já conhecidas como a ISO 9000 (qualidade), a ISO 14000 (ambiental) e a ISO 27000 (segurança da informação), a 31000 não deve se tornar um certificado. Mais do que estipular normas rígidas, a nova ISO pretende se tornar um conjunto único de diretrizes para a área.

    Por: Wlademir Pinto da Silval Negócios> Gestãol 09/03/2009 lAcessos: 871

    Perspectivas do mercado de Modelagem e gestão de processos

    Por: Wlademir Pinto da Silval Negócios> Gestãol 04/02/2009 lAcessos: 937 lComentário: 1

    Comments on this article

    -1
    Amanda 09/05/2011
    OLÁ ! estou no 1°periodo de logistica , e tenho um trabalho pra entregar , e esse é um dos assuntos .. gostaria de fazer um resumo sobre esse assunto , que nao seja mt grande , mais que seja citado os necessarios.. vc poderia me ajudaar ??
    GRATA DESDE JÁ !
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast