APLICABILIDADE DAS NORMAS CONSTITUCIONAIS

Publicado em: 01/02/2011 |Comentário: 1 | Acessos: 2,001 |

UMA BREVE SÍNTESE ACERCA DA APLICABILIDADE DAS NORMAS CONSTITUCIONAIS

 

 

           

                        O tema em estudo é uma pequena exposição sobre a aplicabilidade das normas constitucionais, tema freqüente em provas de concursos, especialmente na área jurídica. Ainda que, seja uma abordagem rápida, é valida a sua compreensão para melhor reflexão acerca do tema.

                   Aplicabilidade imediata e eficácia plena: A norma já entra com poder normativo disciplinador e tem sua eficácia garantida de modo a não depender de atuação legislativa superveniente. Quando entra em vigor já está apta a produzir seus efeitos.  Ex. As normas que disciplinam as competências dos entes federativos.

                   Aplicabilidade imediata e eficácia contida: A norma constitucional chamada de contida tem uma atuação restrita, pois depende do legislativo editar a lei que, produzirá sua eficácia. Referida lei posterior irá disciplinar a norma, estabelecendo os regimes jurídicos aplicáveis.

                   Portanto, trata-se de norma em aberto, dependendo da atuação do poder legislativo para sua eficácia, muito embora seja auto aplicável. Seus efeitos  serão condicionados a lei complementar ou ordinária, dependendo do caso em concreto . Dentro das garantias fundamentais ainda existem normas contidas, cuja eficácia está condicionada à lei regulamentar

Nesse caso há uma lacuna  constitucional, através da qual caberá um controle de constitucionalidade por omissão. Referida lacuna poderá ser preenchida com  medidas provisórias ou  leis complementares.

Um exemplo de norma não disciplinada por lei, inserida nos direitos fundamentais : art. 7º, inc XXI, que deixa em aberto o aviso prévio proporcional ao tempo de serviço.

                   De aplicabilidade mediata e eficácia limitada: São normas que possuem uma aplicabilidade imediata com sua promulgação, mas necessitam de lei posterior para gerar direitos e obrigações

          Normas de eficácia limitada quanto aos princípios institivo: através desta norma, o legislador cria critérios de estruturação a ser observados. A norma existe em abstrato, pois trata de tema mediante o qual precisará ser criado um esquema de regulamentação e competências. Nesse passo, estas normas necessitam de programas inseridos em lei posterior de ordem técnicos regulamentadores. Então não há como ser disciplinado no momento da criação em face da complexidade técnica a qual  necessita ser esquematizada. Um exemplo ilustrativo é a criação do código de defesa do consumidor CF, art. 5°, XXXII. Sua base jurídica só seria possível, após, claro, a lei complementar superveniente à norma.

                        Normas de eficácia limitada quanto aos princípios programáticos: nestas normas impera a necessidade de regulamentação social que só é possível, com o cumprimento de metas de programas sociais. A Norma existe de fato, conferindo o direito a seu titular, todavia sem o incentivo social adequado não é possível sua eficácia.

 

          São por exemplo, aquelas normas relacionadas ao direito a educação, saúde, segurança, salário digno, etc. Existem e depende de metas sociais para serem atuantes.

          Assim assevera o Ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, expende magistério irrepreensível,

Não se ignora que a realização dos direitos econômicos, sociais e culturais - além de caracterizar-se pela gradualidade de seu processo de concretização - depende, em grande medida, de um inescapável vínculo financeiro subordinado às possibilidades orçamentárias do Estado, de tal modo que, comprovada, objetivamente, a alegação de incapacidade econômico-financeira da pessoa estatal, desta não se poderá razoavelmente exigir, então, considerada a limitação material referida, a imediata efetivação do comando fundado no texto da Carta Política.

          Com isso, no caso de uma omissão estatal em razão destes preceitos, não será possível a eficácia dessas normas. Assim, elas dependem do bom desempenho político social do estado, o que pressupõe investimentos no setor e políticas estratégicas.

                   Perceba então, a instabilidade jurídica que se cria com a não possibilidade da aplicabilidade dessas normas jurídicas. Anote também que as normas programáticas fazem parte dos direitos fundamentais, possuindo uma considerável carga jurídica prestacional por parte do Estado, garantindo seus efeitos jurídicos na ordem prática. Ademais, que soberania teria nosso Diploma Constitucional se tais normas fossem inócuas quanto à sua aplicabilidade!

                        Visando o melhor esclarecimento, acerca da eficácia contida cumpre dizer que, possuem efeitos imediatos e sua atuação no campo jurídico depende de lei infraconstitucional estampado no próprio bojo do texto, ao passo que as normas de eficácia limitada, também possuem efeitos, no entanto precisam de complementação. Sua eficácia está limitada a estruturação de órgãos e instituições (eficácia limitada em razão dos princípios institutivos), ou limitada a implantação de programas sociais do Governo buscando atingir um interesse coletivo ou particular a depender do caso. (eficácia limitada em razão dos princípios programáticos). Estas duas últimas normas não são auto aplicáveis.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/legislacao-artigos/aplicabilidade-das-normas-constitucionais-4147982.html

    Palavras-chave do artigo:

    direito constitucionais normas constituicao 1988 direito constitucional aplicabilidade eficacia plena absoluta relativa limitada

    Comentar sobre o artigo

    O Direito Internacional dos Direitos Humanos visa à proteção da pessoa humana. Desenvolveu-se bastante após a Segunda Grande Guerra, em virtude das atrocidades cometidas pelos nazistas ao povo judeu. O Direito Humanitário, a Liga das Nações e a Organização Internacional do Trabalho situam-se no marco do processo de internacionalização dos direitos humanos. O Brasil é signatário dos principais tratados internacionais já celebrados, tanto no sistema global, como no sistema regional de proteção.

    Por: LILIANA MARIA ALBUQUERQUE SAMPAIOl Direitol 31/10/2009 lAcessos: 1,301
    GUSTAVO H FLORENCIO S THEODORO

    O presente artigo reúne elementos que permitem ter a uma idéia quanto à possibilidade dos servidores públicos civis promoverem movimentos grevistas, considerando-se que o art. 37, VII, da Constituição Federal de 1988 exige regulamentação da matéria através de lei específica:Este direito representa uma das maiores conquistas no ramo trabalhista.

    Por: GUSTAVO H FLORENCIO S THEODOROl Direito> Legislaçãol 19/08/2011 lAcessos: 1,072

    A violência contra a mulher é um tema que vem sendo muito combatidos em nosso país. Recentemente com a homologacão da lei Maria da Penha, as mulheres receberam um maior respaldo jurídico o que triplicou o número de denuncias contra a violencia domestica que muitas vezes ficavam obsoletas.

    Por: Bruno Souzal Direito> Legislaçãol 26/03/2015
    cristiano pereira da silva

    O trabalho em questão visa, descrever sobre a história do processo eleitoral no Brasil e principalmente, lançando considerações acerca das criações de leis que regulam as eleições democráticas no Brasil, como a Lei Complementar 64/90 que, em atenção a preceito constitucional, trata de questões de inelegibilidades. E ainda, tecendo comentários acerca das inovações trazidas pela Lei Complementar nº 135/2010 (Lei do Ficha Limpa), afim de levar à reflexão das práticas e condutas que o cidadão que as

    Por: cristiano pereira da silval Direito> Legislaçãol 19/03/2015 lAcessos: 35

    No dia 06 de janeiro de 2015, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) editou a resolução 368, que estabelece normas para estímulo do parto normal e a consequente redução de cesarianas tidas por desnecessárias na saúde suplementar (planos de saúde). A partir daí, algumas questões podem ser levantadas, merecendo o tema várias reflexões e debates

    Por: Rennie Parol Direito> Legislaçãol 16/03/2015 lAcessos: 15

    Desde que foi estabelecido, o exame da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) se tornou um filme de terror para muitos bacharéis recém-graduados e uma lenda de sofrimento para muitos estudantes de direito recém-chegados ao mundo universitário.

    Por: Bruno Souzal Direito> Legislaçãol 12/03/2015

    Separação, divorcio... Para muitas pessoas essas são palavras que trazem uma serie de medos e preocupações. Hoje em dia a vida em casal ganhou um prazo de validade. Evidente que ainda existem casais que conseguem superar as estatísticas e manter-se casados e vivendo umas vidas felizes juntos. Mas o fato é, o numero de separações e divórcios cresceram gradativamente nos últimos anos, especialmente em nosso país.

    Por: Bruno Souzal Direito> Legislaçãol 05/03/2015
    Matheus Barbanti

    Esse artigo trata basicamente das garantias necessárias à terceira idade. Evidenciando o dever de toda sociedade em amparar os entes nesta fase tão importante de sua vida.

    Por: Matheus Barbantil Direito> Legislaçãol 03/03/2015 lAcessos: 13
    Cláudio Amorim Jr.

    A Divergência do Artigo 285-A do Código de Processo Civil, a luz da Constituição Federal do Brasil

    Por: Cláudio Amorim Jr.l Direito> Legislaçãol 02/03/2015
    Cláudio Amorim Jr.

    O assunto trata da Lei 13.058 de 22/12/2014 que trouxe inovações na área do Direito de Família no que tange a guarda dos filhos menores.

    Por: Cláudio Amorim Jr.l Direito> Legislaçãol 27/02/2015 lAcessos: 50
    Renato Bustos

    Pequena análise acerca do plebiscito que poderá ocorrer no país e considerações acerca das reforma política

    Por: Renato Bustosl Notícias & Sociedade> Cotidianol 05/07/2013 lAcessos: 19
    Renato Bustos

    Considerações acerca da PEC 37/2011 recém votada e derrubada! Graças as manifestações populares.

    Por: Renato Bustosl Notícias & Sociedade> Cotidianol 29/06/2013 lAcessos: 34
    Renato Bustos

    Este singelo texto é para compreensão da importância da notitia criminis à propositura da ação penal. Conceitua, o momento do nascimento da notícia criminal e sua ligação com o Inquérito Policial. A notitia criminis é o alicerce do processo penal, servindo como base fundamental, daí a importância na leitura desse pequeno texto.

    Por: Renato Bustosl Direito> Legislaçãol 14/08/2011 lAcessos: 364
    Renato Bustos

    Uma breve síntese acerca dos Poderes Administrativos, para concursandos que estudam o Direito Administrativo. Esse estudo introdutório tem o fundamento de levar você, concursando a um estudo mais completo acerca desse importante tema no Direito Administrativo. Para aprofundarmos em determinado tema, necessário se faz um pequeno empurrão, que serve para impulsionar, incentivar. Por isso, interessante a leitura desse estudo introdutório.

    Por: Renato Bustosl Direito> Doutrinal 11/04/2011 lAcessos: 554
    Renato Bustos

    Breve relato acerca da responsabilidade objetiva do Estado diante da atuação de seus agentes públicos. Estudo introdutório, para que se tenha uma noção do termo "responsabilização objetiva". As formas excludentes de culpabilidade conferidas ao Estado. Estudo direcionado para concurso públicos em envolvem o tema.

    Por: Renato Bustosl Direito> Doutrinal 11/04/2011 lAcessos: 532
    Renato Bustos

    Um breve relato acerca da implantação do trem bala SP-RJ. Texto explicativo, com algumas considerações interessantes sobretudo para concurseiros, que estudam atualidades.

    Por: Renato Bustosl Notícias & Sociedade> Cotidianol 18/12/2010 lAcessos: 222

    Comments on this article

    0
    Magda 10/03/2011
    Muito interessante o seu artigo!

    Parabéns.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast