Nem hermano, nem irmão

Publicado em: 08/03/2012 |Comentário: 0 | Acessos: 76 |

Você ainda acha estranho vivermos num país onde se fala português, visto que estamos cercados por falantes de espanhol? Imagine então se você falasse holandês, hindi, inglês ou francês. Pois é justamente este o caso de três pequenos territórios localizados no norte da América do Sul.

Suriname by Prupert on FlickrO Suriname, ao norte do Pará, já foi parte do chamado Reino dos Países Baixos, que tem como principal integrante a Holanda. Mesmo com a independência em 1975, o holandês foi mantido como idioma oficial. Atualmente, a língua é utilizada na administração, educação, comércio e pelos meios de comunicação. A população está familiarizada com o idioma, embora a língua das ruas seja o surinamês, língua crioula formada com base no inglês e no próprio holandês, tendo recebido ainda influências de dialetos africanos e do português. Mais de um terço da população é composta por descendentes de imigrantes indianos, que praticam o hinduísmo (religião predominante no país) e falam hindi, além de javanês e indonésio.

Já a Guiana, que faz fronteira com Roraima e Pará, é uma ex-colônia britânica, que teve sua independência decretada em 1970. O inglês,  herança de colônia, é usado hoje como língua oficial, acompanhado pelo hindi e urdu, estes como marca do grande número de descendentes de indianos presentes no país.

Por sua vez, ao norte do Amapá fica a Guiana Francesa,  um  departamento ultramarino francês. Praticamente toda a população fala francês, havendo também uma pequena porcentagem que utiliza dialetos africanos e línguas indígenas. A Guiana Francesa é considerada politicamente parte da França, tendo inclusive representantes no Senado e Assembléia do país europeu, além de ser oficialmente parte da União Européia e ter o Euro como moeda oficial.

Quer saber mais curiosidades sobre línguas e dialetos? Acesse: http://napontadaslinguas.wordpress.com/

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/linguas-artigos/nem-hermano-nem-irmao-5724853.html

    Palavras-chave do artigo:

    dialeto

    ,

    frances

    ,

    holandes

    Comentar sobre o artigo

    Carmem Lúcia C. V.de Oliveira

    O objetivo principal é abordar as quatro habilidades comunicativas, enfocando principalmente a leitura e a escrita como implicações para o ensino-aprendizagem de Língua Inglesa. Tendo como relevância à aptidão dos alunos em produção escrita, no qual focamos em prática os conteúdos gramaticais ampliando e aprimorando os conhecimentos no ensino-aprendizagem da Língua Inglesa, através da leitura, estudo do vocabulário e consequentemente na produção textual.

    Por: Carmem Lúcia C. V.de Oliveiral Educação> Línguasl 24/01/2015
    Carmem Lúcia C. V.de Oliveira

    Este artigo relata a importância das tecnologias de informação e comunicação como instrumento didático no ensino aprendizagem da língua inglesa. O objetivo deste trabalho é criar uma situação onde os professores e alunos se sintam incentivados nos processos de informação e tecnologia fazendo parte de uma experiência inovadora através dos recursos tecnológicos na aprendizagem da língua inglesa, impondo mudanças na metodologia do professor no ensino de inglês em sala de aula.

    Por: Carmem Lúcia C. V.de Oliveiral Educação> Línguasl 24/01/2015 lAcessos: 17
    Carmem Lúcia C. V.de Oliveira

    O referido trabalho tem como objetivo discutir a epistemologia da linguistica no contexto educacional. São apresentados de forma clarificada, os fatores que influenciaram as concepções da linguistica nas Ciências Sociais. Tem como fundamentação teórica o estruturalismo na linguística e na filosofia, retratada por autores como: Ferdinand Saussure, Platão, Rosseau, Bloomfield, Harris, Chomsky, Martinet e outros.

    Por: Carmem Lúcia C. V.de Oliveiral Educação> Línguasl 24/01/2015
    Kely Ribeiro Martins

    ... Cedendo a pressão do mercado, muitos profissionais não são conscientes do seu nível de inglês, ou temem admitir suas inabilidades, apresentando assim um currículo irreal e que poderá colocá-lo em uma situação constrangedora a qualquer momento. Esses casos são muito comuns, embora possa denegrir a imagem do profissional e minar uma grande oportunidade...

    Por: Kely Ribeiro Martinsl Educação> Línguasl 14/01/2015

    Famosa por ser uma cidade única, com muitos canais, museus e monumentos e perfeita para quem quer fazer uma viagem romântica, Veneza é sem dúvidas, uma das cidades mais interessantes do mundo, única no seu gênero e surpreendente. Nós vamos te ensinar as palavras básicas em italiano das quais você vai precisar para aproveitar melhor a visita nesta cidade maravilhosa.

    Por: MariaSl Educação> Línguasl 13/01/2015

    O trava-línguas é um tipo de jogo verbal em versos ou frases, especificamente criado para ser difícil de se pronunciar. A dificuldade se deve pela concentração de sílabas formadas por fonemas iguais ou parecidos ou difíceis de serem pronunciadas. Listamos abaixo alguns trava-línguas italianos. Se divirta e teste o teu italiano, tentando pronunciá-los rapidamente.

    Por: MariaSl Educação> Línguasl 13/01/2015
    Telma Gomes Souza

    Saiba mais sobre a importância da etimologia, o estudo da origem das palavras.

    Por: Telma Gomes Souzal Educação> Línguasl 05/01/2015 lAcessos: 16

    Mesmo após atingir a idade adulta, nunca é tarde para buscar o aprimoramento e estudar. Pensando assim é cada vez mais comum notarmos que o índice de adultos matriculados em instituições de ensino de inglês, seja este curso presencial ou não...

    Por: mattos andrecl Educação> Línguasl 05/01/2015

    Ao menos 1.300 imigrantes estão abrigados na cidade de Brasiléia, no Acre. Eles entraram pelas fronteiras com o Peru e Bolívia, e sofrem com uma acomodação precária em um ginásio onde cabem apenas 200 pessoas, espaço sem as menores condições para suas necessidades básicas. Lama e sujeira estão por toda parte...

    Por: Egnaldo Oliveiral Notícias & Sociedade> Desigualdades Sociaisl 28/04/2013 lAcessos: 33

    Lembra de quando as mensagens de texto enviadas por celular começaram a ficar populares, e o espaço limitado, além da digitação pouco confortável, te obrigavam a usar a imaginação para reduzir o que escrevia ao mínimo necessário? Pois é, na internet acontece o mesmo há muito tempo, e com tantas redes sociais e sistemas de trocas de mensagens, abreviar virou quase regra para facilitar e agilizar a comunicação instantânea...

    Por: Egnaldo Oliveiral Educação> Línguasl 14/04/2012 lAcessos: 111

    Facebook, YouTube e até mesmo o sms podem ser a salvação para línguas ameaçadas de extinção. Das atuais quase 7.000 línguas que o mundo conhece hoje, é esperado que metade desapareça até o fim do século, e a globalização é um dos principais responsáveis nesse processo. Mesmo assim, ela pode ser usada a favor, como acreditam alguns lingüistas...

    Por: Egnaldo Oliveiral Educação> Línguasl 20/03/2012 lAcessos: 84

    Língua é com eles mesmos. Estamos falando da Papua-Nova Guiné, país da Oceania que concentra a maior diversidade lingüística do planeta. Ao todo são 841 línguas (isso mesmo: não são dialetos, mas línguas) espalhadas em um território menor que o Estado da Bahia...

    Por: Egnaldo Oliveiral Educação> Línguasl 23/02/2012 lAcessos: 133

    Segundo estudo do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos E.U.A., a cada 14 dias morre uma língua, taxa que tende a crescer nos próximos anos. Assim, das mais de 6.000 línguas existentes atualmente, em 90 anos poderemos ter apenas 600. De acordo com a Unesco, 2.511 correm risco de desaparecer em poucas décadas, sendo 190 no Brasil, em geral por se restringirem a pequenos grupos indígenas ou comunidades isoladas...

    Por: Egnaldo Oliveiral Educação> Línguasl 15/02/2012 lAcessos: 77
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast