Nem hermano, nem irmão

08/03/2012 • Por • 87 Acessos

Você ainda acha estranho vivermos num país onde se fala português, visto que estamos cercados por falantes de espanhol? Imagine então se você falasse holandês, hindi, inglês ou francês. Pois é justamente este o caso de três pequenos territórios localizados no norte da América do Sul.

Suriname by Prupert on FlickrO Suriname, ao norte do Pará, já foi parte do chamado Reino dos Países Baixos, que tem como principal integrante a Holanda. Mesmo com a independência em 1975, o holandês foi mantido como idioma oficial. Atualmente, a língua é utilizada na administração, educação, comércio e pelos meios de comunicação. A população está familiarizada com o idioma, embora a língua das ruas seja o surinamês, língua crioula formada com base no inglês e no próprio holandês, tendo recebido ainda influências de dialetos africanos e do português. Mais de um terço da população é composta por descendentes de imigrantes indianos, que praticam o hinduísmo (religião predominante no país) e falam hindi, além de javanês e indonésio.

Já a Guiana, que faz fronteira com Roraima e Pará, é uma ex-colônia britânica, que teve sua independência decretada em 1970. O inglês,  herança de colônia, é usado hoje como língua oficial, acompanhado pelo hindi e urdu, estes como marca do grande número de descendentes de indianos presentes no país.

Por sua vez, ao norte do Amapá fica a Guiana Francesa,  um  departamento ultramarino francês. Praticamente toda a população fala francês, havendo também uma pequena porcentagem que utiliza dialetos africanos e línguas indígenas. A Guiana Francesa é considerada politicamente parte da França, tendo inclusive representantes no Senado e Assembléia do país europeu, além de ser oficialmente parte da União Européia e ter o Euro como moeda oficial.

Quer saber mais curiosidades sobre línguas e dialetos? Acesse: http://napontadaslinguas.wordpress.com/

Perfil do Autor

Egnaldo Oliveira

Atualmente vive em Berlin e perambula pela Europa, em busca de novos sons e formas de expressão. Professor de Alemão, formado em Letras...