PROVA BRASIL - DIFERENTES GENEROS PARA TRABALHAR OS DESCRITORES DA LINGUA PORTUGUESA

Publicado em: 22/11/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 3,750 |

PROVA BRASIL - DIFERENTES GENEROS PARA TRABALHAR OS DESCRITORES DA LINGUA PORTUGUESA

 

A Prova Brasil de Língua Portuguesa avalia não somente a leitura. O texto está  sempre presente nas questões, porem, nunca é proposta a leitura de palavras ou frases isoladas para os alunos, isso desde os níveis iniciais. A prova exige a familiaridade com diferentes gêneros artigo de opinião, notícia, verbete, fábula, conto, quadrinhos etc., sempre apresentados antes de cada questão. Todas contêm quatro alternativas de resposta (apenas uma é correta) e se refere a um descritor de um total de 15 trabalhados.

Uma idéia básica norteia toda a prova: as habilidades que um aluno mobiliza para dar sentido a uma leitura estão diretamente relacionadas ao material que ele leu. A tarefa sempre tem uma complexidade diferente, dependendo do gênero apresentado e da linguagem utilizada, além da familiaridade com o assunto tratado nas aulas precedentes à prova, durante o bimestre letivo.

As questões sempre identificam o tema de um texto. Por exemplo: quando se referem a uma notícia, o aluno já familiarizado com o gênero sabe que ela anuncia um evento a ser realizado no futuro próximo ou relata um fato já acontecido.

A Prova Brasil prima pelo cuidado ao formular o enunciado de um título de texto que sintetiza todas as informações necessárias ao entendimento do aluno que percebe a facilidade em responder corretamente sem maiores problemas.

A tarefa se mostra mais complexa quando se trata de um verbete, especificamente quando a questão requer relacionamento de seguimentos para que haja compreensão. Nesse caso, faz-se necessário a aquisição de outro tipo de conhecimento aquele acumulado ao longo das explicações do professor
durante as aulas.

A Prova Brasil, também apresenta questões onde o aluno é convidado a localizar as informações explicitas em algum texto, o que varia o grau de dificuldade, dependendo da familiaridade que o aluno tem dom o descritor 1 que trata do assunto. Para que o aluno se dê bem, faz-se necessário efetuar um boa leitura, onde vai-se relacionando os conhecimentos já adquiridos com as novas informações trazidas no texto em questão.

A habilidade de inferir sentido de uma palavra ou expressão requer do aluno igual atenção. Responder às questões da Prova Brasil parece ser fácil, mas não é. Para descobrir o sentido delas, é preciso atentar-se ao contexto e às pistas lingüísticas trazidas na questão.  O aluno vai encontrar o significado da expressão, somente depois de ativar os conhecimentos que já traz sobre o assunto.

Todas as situações aqui colocadas e as demais da Prova Brasil primam pela identificação de gênero a que pertence o texto trabalhado. Isso se dá porque o mais importante é compreender qual a finalidade comunicativa de cada um dos descritores.

Enfim, a Prova Brasil é baseada nos currículos propostos por redes estaduais e municipais com as capacidades apresentadas na prova por meio de descritores, que, como o nome indica, descrevem o que é preciso dominar das habilidades de Língua Portuguesa. Essas habilidades são o mínimo que os alunos têm que saber. Sem isso, não podem ser considerados aptos na disciplina.

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/linguas-artigos/prova-brasil-diferentes-generos-para-trabalhar-os-descritores-da-lingua-portuguesa-3712438.html

    Palavras-chave do artigo:

    prova brasil

    Comentar sobre o artigo

    Todo mundo gostaria de dormir e acordar falando igual a Amélie Poulain, não é mesmo? Mas como até hoje não descobriram uma maneira mais fácil para que isso aconteça, vamos conferir 4 dicas valiosas que podem te ajudar na hora de aprender essa língua tão linda e charmosa!

    Por: Françaisl Educação> Línguasl 13/07/2014

    Atualmente aprender inglês em um outro país é o desejo de muitas pessoas, que veem a possibilidade de aliar lazer e aprendizado, por essa razão o intercâmbio está sendo procurado cada vez mais, seja para lazer, estudo ou trabalho.

    Por: mattos andrecl Educação> Línguasl 09/07/2014

    Em um cenário mundial onde cada vez mais a fluência na lingua inglesa é exigida para que se possa melhorar em ramos financeiros e em niveis de desenvolvimento profissional e pessoal, falar inglês é essencial.

    Por: mattos andrecl Educação> Línguasl 09/07/2014 lAcessos: 12

    O TOEFL é um exame de inglês realizado em diversas partes do mundo, com a finalidade de avaliar o nível de inglês dos alunos que o fazem e certificar o mesmo com fluência na língua. Pelo fato de ser amplamente aceitado em diversos centros de ensino em muitos países como EUA, Canadá e Reino Unido, ele é muito procurado.

    Por: mattos andrecl Educação> Línguasl 07/07/2014
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Platão fingira que ouvira Nietzsche e continuou sou pensador de respeito, tentei desmascarar o fundamento do mito daqueles que oprimiam e usavam o poder político para atingir interesses econômicos. Nunca acreditei nas reminiscências.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Educação> Línguasl 04/07/2014

    Depois do inglês, o francês é a segunda língua mais ensinada no universo. Quais motivos têm as pessoas que a estudam?

    Por: Françaisl Educação> Línguasl 20/06/2014

    Existem muitas maneiras de aprender francês. Por que estudar francês online? Nós vamos analisar os principais motivos.

    Por: Françaisl Educação> Línguasl 20/06/2014

    Hoje em dia sempre cresce o número de pessoas que querem aprender italiano. Como consegui-lo? Siga nossas 5 dicas!

    Por: Agnieszkal Educação> Línguasl 14/06/2014

    O presente artivo objetiva descrever a real situaçao da Educaçao Infantil vivenciada nas Instituições de Educaão Infantil no Estado de Mato Grosso, bem como a preocupaçao com a melhoria da mesma.

    Por: Nereide Aparecida Borigotol Educação> Educação Infantill 22/11/2010 lAcessos: 317
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast