Natal E Ano Novo (1): Cartões Virtuais

Publicado em: 09/12/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 637 |

Que o “Espírito Natalino” é essencialmente comercial nos dias atuais não há como negar e a principal responsável por isso é a mídia. Os intervalos da programação de canais como “Cartoon Network” e “Dicovery Kids” são referências fortíssimas para as crianças listarem suas preferências. São inúmeras opções. Os pedidos da minha filha caçula mudam a cada intervalo. Na verdade o presente dela já está comprado há alguns dias, eu e a mãe fizemos um consórcio para presenteá-la com uma bicicleta. Eu não sei andar de bicicleta porque jamais ganhei uma, ela com apenas quatro anos já vai aprender. A outra, adolescente, pediu o Livro do Harry Potter. Foi objetiva, taxativa, não deu opções, portanto tenho que correr pra comprar pois deve ser o desejo de muitos. Mas é interessante como qualquer presente, simples ou sofisticado, só é completo com o cartão. Por mais comercial que seja o Natal, o cartão é um complemento importantíssimo, e em vários casos ele é o presente.

Todos os anos, enviamos cartões para vários de nossos conhecidos. Muitas das vezes somos estimulados: não conheço ninguém que devolve aqueles cartões que chegam aos escritórios ou casas pelo correio vindos de entidades filantrópicas. Pagamos o boleto, e de posse dos cartões, seis, dez, doze... as vezes até mais, enviamos aos amigos. Mas um outro meio de comunicação está facilitando, e muito essa praxe. A Internet. Hoje em dia a coisa mais simples que tem é enviar uma correspondência eletrônica. Os sites de relacionamento até nos lembra das datas dos aniversários. Cerca de 90% das pessoas do nosso círculo de amizades possuem endereço eletrônico e acessam pelo menos uma vez por semana. No Brasil, segundo o Ibope/NetRatings, são aproximadamente 39 milhões de pessoas que acessam à rede. Uma das categorias que mais cresceu nos últimos meses é a “Ocasiões Especiais”, alavancada exatamente por sites de cartões de felicitações. É muito cômodo enviar um cartão eletrônico. Basta ter o e-mail da pessoa querida procurar um site desse segmento e mandar para qualquer parte do mundo. Eu mesmo já recebi uns quatro ou cinco diferentes este ano. Por isso mesmo quero compartilhar a minha alegria... Feliiiiiz Natal !!! Ah... se quiser me mandar mais algum, ficarei satisfeito, e responderei.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/marketing-e-publicidade-artigos/natal-e-ano-novo-1-cartoes-virtuais-1562483.html

    Palavras-chave do artigo:

    artigos reginaldo rodrigues

    ,

    rcem

    ,

    natal

    Comentar sobre o artigo

    Reginaldo Rodrigues

    “Esse ano o Natal e o Ano Novo serão diferentes”. Esse período é realmente bem interessante, pois quando falam isso as pessoas pensam não só em si, mas na família, nos amigos, nos problemas do país, nas mazelas do mundo e acreditam realmente que algo pode ser diferente. O povo fica mais sorridente, descontraído e os nobres sentimentos invadem os corações sedentos por uma válvula de escape. As vendas aumentam... isso porque a iniciativa de presentear é a principal marca do Natal.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidadel 16/12/2009 lAcessos: 111 lComentário: 1
    Gustavo Rocha

    Uma interessante pesquisa elaborada por Pedro Borges e publicada no portal do Gejur nos brindou com uma recente pesquisa de como os escritórios jurídicos brasileiros tem enfrentado o marketing jurídico. Vejamos alguns números e realidades: Tomada de Decisões: Entre os escritórios consultados pela GEJUR, a tomada de decisões sobre o marketing jurídico ainda está sob controle dos advogados à frente das bancas: em 42% dos casos por um sócio-administrador/sênior e em 34% por um comitê de sócios. N

    Por: Gustavo Rochal Marketing e Publicidadel 12/04/2015
    Altemar Oliveira

    Muitas pessoas estão tentando ganhar dinheiro ne internet, e me perguntam: o que é Marketing Digital, esse negócio dá mesmo dinheiro?? A minha resposta é sempre a mesma: SIM. E uma das melhores maneiras de se trabalhar pela internet é com o mercado de produtos digitais. Muitas pessoas ganham muito dinheiro apenas promovendo produtos e serviços de terceiros através da internet.

    Por: Altemar Oliveiral Marketing e Publicidadel 17/03/2015
    José Chavaglia Neto

    Não tem jeito, o email passou a fazer parte do nosso dia-a-dia no trabalho. E não adianta iludir, essa ferramenta deve receber atenção, pois um email mal planejado pode comprometer toda uma venda. Por isso, aqui estão apresentadas algumas boas orientações oferecidas pelo neuromarketing para o envio eficaz de mensagens comerciais por email.

    Por: José Chavaglia Netol Marketing e Publicidadel 08/03/2015 lAcessos: 20
    Gustavo Rocha

    Mais uma novidade vindo dos EUA… Uma startup de lá resolveu criar um serviço inovador e para nós em terras brasilis proibido: Uma plataforma eletrônica que literalmente licita de forma on line os honorários jurídicos para uma determinada causa. Os EUA tem uma realidade muito distinta do Brasil e lá os advogados chegam a cobrar mil doláres a hora. Feito este esclarecimento de situação de mercado, vamos ver como funciona o serviço: O site da UpCouncel explica como o sistema funciona. Para come

    Por: Gustavo Rochal Marketing e Publicidadel 10/02/2015 lAcessos: 13
    Altemar Oliveira

    Se você está iniciando em Marketing Digital, a primeira coisa que você deve saber, é que precisa de uma boa lista de contatos para ganhar dinheiro. Depois de ler inúmeros artigos e procurar conselhos de especialistas e ter lido muitas histórias de sucesso de pessoas que criaram uma pequena fortuna com listas de e-mails no autoresponder você finalmente decide criar a sua própria lista. Ter uma lista de e-mails em um autoresponder não faz de você um expert ou um vendedor confiança.

    Por: Altemar Oliveiral Marketing e Publicidadel 02/02/2015 lAcessos: 19
    Altemar Oliveira

    Trago neste artigo algumas da principais e melhores ideias para ganhar dinheiro a partir do conforto da sua própria casa sem a necessidade de muito dinheiro ou imensas quantidades de tempo investido. O objetivo deste artigo é de educar aqueles que estão começando, e ainda não entendem corretamente o conceito de ganhar dinheiro na internet com o seu computador e uma ligação à internet.

    Por: Altemar Oliveiral Marketing e Publicidadel 15/01/2015 lAcessos: 25

    Vivemos uma era de extrema competição. E a competição, com o advento da internet, tomou um rumo inesperado. Hoje, uma pequena loja de bairro tem como concorrente um fornecedor na China ou no Japão. Em um cenário assim o que pode o empresário fazer? Leia esse artigo para entender a importância do posicionamento da sua empresa perante seu mercado.

    Por: Marcio Andrade Silval Marketing e Publicidadel 07/01/2015 lAcessos: 21

    Texto com dicas valiosas para quem deseja utilizar algumas táticas de marketing digital no próximo ano.

    Por: Carlosl Marketing e Publicidadel 30/12/2014 lAcessos: 17
    Reginaldo Rodrigues

    Mas os psicólogos são unânimes ao afirmarem que precisamos tirar aprendizado das perdas para que possamos ser vencedores posteriormente. Para isso, nas suas explicações, fazem sempre uma análise retroativa sobre o assunto.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 20/03/2013 lAcessos: 54
    Reginaldo Rodrigues

    A expressão Curriculum Vitae vem do latim, onde "vitae" é vida e "curriculum" tem o sentido de trajetória, curso ou carreira, segundo o site Brasil Escola. Logo, se fôssemos traduzir a tal expressão seria algo como "trajetória da vida". No francês, também é chamado de Résumé que quer dizer "resumo", ou seja, o resumo da trajetória profissional da pessoa. Mas o ideal é que seja utilizada mesmo a palavra "aportuguesada": currículo.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Carreira> Recursos Humanosl 20/03/2013 lAcessos: 49
    Reginaldo Rodrigues

    Não só a pesquisa da Isto é, mas todas as outras, mostram que a principal perdedora é a Igreja Católica que já foi quase absoluta no Brasil. No século 19 o catolicismo no Brasil era quase uma "Comodity". Entre 1991 e 2006, os católicos no passaram de 83,8% para 68% da população.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidadel 23/11/2011 lAcessos: 134
    Reginaldo Rodrigues

    Podemos definir regras de etiqueta como um conjunto de normas a serem seguidas para uma melhor convivência em um determinado grupo. Estamos falando de normas e procedimentos aceitos pela maioria.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidade> Marketing Pessoall 17/09/2011 lAcessos: 71
    Reginaldo Rodrigues

    Li em algum lugar, lamento não informar a fonte já que desconheço o autor, e repito sempre aos meus alunos e clientes: "nunca teremos uma segunda chance de causarmos uma primeira boa impressão."

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidade> Marketing Pessoall 25/06/2011 lAcessos: 116
    Reginaldo Rodrigues

    O ser humano tem o poder de contagiar o ambiente e todas as pessoas a sua volta. Em nossas consultorias, por diversas vezes, constatamos que os problemas de turmas inteiras estavam relacionados à apenas uma pessoa mal humorada integrante da equipe.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidade> Marketing Pessoall 25/06/2011 lAcessos: 184
    Reginaldo Rodrigues

    Mesmo sem comprar o produto, enquanto aguardava para uma reunião, coloquei-me a refletir sobre a Avon, precursora neste modelo de negócio. Mesmo fazendo parte do seleto grupo de empresas com mais de um século de mercado e hoje presente em mais de 140 países a empresa de cosméticos teve que investir alto em Marketing em função da concorrência.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Marketing e Publicidadel 10/01/2011 lAcessos: 272
    Reginaldo Rodrigues

    "Se um dia eu perder tudo, tenho certeza que recupero tudo novamente." Sou fã incondicional do autor da frase, Sílvio Santos.

    Por: Reginaldo Rodriguesl Negócios> Administraçãol 04/12/2010 lAcessos: 116
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast