Acupuntura: Pontos E Meridianos

Publicado em: 08/01/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 3,765 |

A acupuntura chinesa é uma técnica complexa de tratamento da Medicina Tradicional Chinesa (MTC), que consiste no estímulo de pontos determinados da superfície da pele, nos denominados “meridianos” (canais onde se localizam “pontos” que deverão ser estimulados tanto para redução, como para reforço, com o objetivo de regular as funções vitais do corpo).  Para a acupuntura chinesa importa não apenas a localização dos pontos, mas também uma série de detalhes, como a profundidade, o ângulo de inserção da agulha, o direcionamento da agulha, e a obtenção de certas sensações por parte do paciente durante a inserção da agulha nos pontos.

Atualmente a acupuntura é praticada em todo o continente americano, Europa e Austrália, além da Ásia centro-meridional, onde é majoritária, e em alguns países africanos em escala reduzida. No ocidente, a acupuntura é conhecida como recurso para aliviar dores, no entanto a MTC é mais ampla, podendo tratar todas as doenças, exceto os casos com indicação cirúrgica.

Os pontos e os meridianos

O método da acupuntura consiste no emprego de agulhas muito finas que, introduzidas em pontos específicos do corpo (acupontos ou pontos de acupuntura), provocam reforço (quando existir deficiência de substâncias vitais) ou redução (se houver fatores patogênicos), para obter efeito terapêutico em diversas condições e normalizar as funções corporais.


Através do posicionamento dessas agulhas especiais nos acupontos, são gerados estímulos que levam ao equilíbrio da circulação das substâncias vitais nos meridianos, proporcionando ação anti-inflamatória, analgésica, relaxamento muscular, etc.  Os pontos de acupuntura podem ser ativados por estímulos tais como: massagens e técnicas de manipulação, esferas metálicas, aplicação de calor, eletroestimulação, magnetismo, uso de cor e de raio laser, esparadrapos, ultrassom, injeção de substâncias e inserção de agulhas, que ainda são os instrumentos mais conhecidos, simples, práticos e quase indolor, visto que as agulhas de acupuntura são muito finas e a introdução na pele é feita mediante técnicas especiais, permanecendo no corpo por um período médio de 20 a 40 minutos.

Além do corpo físico, os acupunturistas consideram a existência do qi (elemento básico invisível que constitui o corpo e sustenta suas atividades vitais), o qual circula através dos meridianos (também invisíveis), que formam uma rede que interliga os pontos de acupuntura, os órgãos e os tecidos.  O uso das agulhas para estimular os pontos é o jeito específico de tratar da acupuntura, atingindo assim diversos órgãos, tecidos e funções.  

O mais antigo estudo sobre os meridianos, pontos de acupuntura e metodologia da aplicação de acupuntura é encontrada no Nei Ching - Tratado de Medicina Interna do Imperador Amarelo (séculos III-V a.C.).

Conclusões

A visão tradicional da medicina chinesa está profundamente ligada a teorias baseadas no Taoísmo, sobre a dualidade Yin/Yang, sobre meridianos e outros conceitos bastantes "exóticos" para a ciência médica ocidental.  Embora muitas pessoas associem acupuntura com controle da dor, e ela é realmente muito efetiva nesses casos, existem muitas outras doenças em que ela pode agir.  

Entre as doenças tratáveis pela acupuntura estão: dores em geral, especialmente do aparelho musculoesquelético, gastrite, estresse, distúrbios hormonais, insônia, asma, distúrbios menstruais, paralisia facial, sinusite, incontinência urinária.  De acordo com estudos recentes, a acupuntura está se tornando uma opção favorável para uma variedade de propósitos, que vão desde melhorar a fertilidade à redução da dor pós-operatória, porque as pessoas experimentam significativamente menos efeitos colaterais e ela pode ser uma opção menos cara do que as outras.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/medicina-alternativa-artigos/acupuntura-pontos-e-meridianos-1683012.html

    Palavras-chave do artigo:

    acupuntura pontos

    ,

    meridianos

    ,

    mtc

    Comentar sobre o artigo

    Acupuntura nada mais é que o uso de agulhas. Você já teve um desejo incontrolável de ser perfurado por uma dúzia de agulhas?

    Por: ClaudioRjl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 10/02/2014 lAcessos: 27
    João Carlos Baldan

    Aqui você irá encontrar tentativas de explicar o inexplicável. Ao menos até hoje. Afinal, não se sabe muito bem a origem e nem o que é fibromialgia. O que se reconhece são seus principais sinais, sintomas e tratamentos atuais. Os modernos são medicamentosos, os tradicionais, como a Acupuntura, encara o problema de outra maneira, com um tratamento todo peculiar. O artigo não encerra o assunto. Ao contrário, sugere que se busque novas pesquisas. Mas, acredito, é um bom primeiro passo. Seja feliz.

    Por: João Carlos Baldanl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 01/12/2009 lAcessos: 849
    Pedro Pablo Arias Capdet

    A teoria de yin e yang se baseia na realidade relativa dos fenômenos, compostos de contrários que se complementam: o yin é o feminino, o yang o masculino; o yin a escuridão, o yang a luz; o yin o interior, o yang o exterior; o yin os órgãos internos, o yang a superfície corporal; o yin a deficiência, o yang o excesso; o yin é a parte anterior, o yang a posterior, etc.

    Por: Pedro Pablo Arias Capdetl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 09/01/2010 lAcessos: 1,051

    Aprendi a comungar com os espíritos das árvores e plantas, para perguntar se eles eram o que eu precisava para a colheita. A força da vida que corria pelo mundo vegetal / animal / mineral foi respeitado e honrado. Creio que isto é natural, uma vez que o Reiki trabalha diretamente com a força da vida que flui através de todas as coisas. O Reiki pode ser usado em conjunto com todas as práticas de cura xamânica. Há muitas modalidades de cura no caminho xamânico.

    Por: Elainel Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 19/02/2015

    O estilo Takata ou ocidental baseia-se principalmente na utilização sistemática de um sistema padrão de posição da mão. Esta é uma versão muito simplificada do que ela aprendeu com Hayashi. Ele incluiu apenas sete posições e quatro posições de mão sobre o torso e três posições na cabeça.Takata usou a intuição para descobrir a localização da causa de uma condição particular e deu Reiki adicional para essas áreas após a conclusão do tratamento. Ela também defendeu dando muitos tratamentos para

    Por: Elainel Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 10/02/2015

    O excesso de energéticos e refrigerantes à base de ‘cola' pode reduzir as chances de gravidez em 27%. Estudo desenvolvido na Faculdade de Medicina da Universidade de Nevada (Estados Unidos) comprova que a cafeína presente nessas bebidas interfere tanto na fertilidade masculina quanto na feminina.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 03/02/2015 lAcessos: 15

    Segundo pesquisas já publicadas o aumento de testosterona através de ingestão de comprimidos de testosterona, gel, e injecção, parece não ser 100% segura para a saúde dos homens.

    Por: carlos zinl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 19/01/2015

    Pesquisadores da Universidade de Adelaide (Austrália) comprovaram pela primeira vez o importante papel do selênio nas primeiras etapas da fertilidade feminina. Antioxidante natural, o selênio é encontrado em alimentos ricos em proteínas, como carne vermelha, frutos do mar e oleaginosas (nozes, castanhas, amêndoas, avelãs etc.), sendo fundamental para o bom funcionamento do organismo – especialmente para aumentar a imunidade e equilibrar a produção de hormônio da tireoide.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 19/01/2015 lAcessos: 17

    Estudo realizado na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, relacionou pela primeira vez defeitos no sêmen masculino com outros problemas de saúde. Depois de analisar as causas da infertilidade de mais de nove mil homens, pesquisadores perceberam forte correlação entre a baixa qualidade do sêmen e um aumento das chances de sofrer de hipertensão, doenças de pele ou endocrinológicas.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 12/01/2015 lAcessos: 22
    Natuforce

    É um óleo rico em ômegas 6 e 9, vitamina E, A, carotenóides e propriedades antioxidantes

    Por: Natuforcel Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 18/12/2014 lAcessos: 16

    Engravidar é um dos principais desejos dos casais que já estão há algum tempo junto e ainda não sentiram o gostinho de ter um bebê engatinhando pela casa. Mas 10% das pessoas em idade reprodutiva enfrentam a questão da infertilidade – o que pode gerar algum desgaste emocional e insatisfação para quem se rende aos fatos e não busca reverter essa situação adversa.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 12/12/2014 lAcessos: 200
    Pedro Pablo Arias Capdet

    Aprender como fazer acupuntura, como melhorar os conhecimentos que você adquiriu nas suas lições de acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa (MTC) ou como exercer uma prática de acupuntura mais eficiente são preocupações frequentes nesta área de atuação. Talvez, você esteja se perguntando onde dar o primeiro passo, tendo em mente que a aprendizagem de acupuntura e MTC não se realiza em poucos meses, requerendo um enorme investimento de tempo e dinheiro.

    Por: Pedro Pablo Arias Capdetl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 22/11/2010 lAcessos: 952
    Pedro Pablo Arias Capdet

    A acupuntura escalpeana (do couro cabeludo) é uma técnica de acupuntura moderna que pertence às chamadas terapias de microssistemas. Entrou em existência nos anos 70 e usa métodos de punção tradicionais de acupuntura, em combinação com o conhecimento médico ocidental. A acupuntura do couro cabeludo tem suas próprias zonas de tratamento exclusivas.

    Por: Pedro Pablo Arias Capdetl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 08/02/2010 lAcessos: 1,315
    Pedro Pablo Arias Capdet

    A teoria de yin e yang se baseia na realidade relativa dos fenômenos, compostos de contrários que se complementam: o yin é o feminino, o yang o masculino; o yin a escuridão, o yang a luz; o yin o interior, o yang o exterior; o yin os órgãos internos, o yang a superfície corporal; o yin a deficiência, o yang o excesso; o yin é a parte anterior, o yang a posterior, etc.

    Por: Pedro Pablo Arias Capdetl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 09/01/2010 lAcessos: 1,051
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast