Candidíase Oral - Porque muitas crianças tem?

Publicado em: 17/11/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 1,307 |

Candidíase Oral

A candidíase oral, é conhecida popularmente como Sapinhos.

É uma forma muito comum da infecção que atinge, principalmente, bebês e crianças de pouca idade. Esta forma de candidíase é comum em cerca de 5% a 30% dos recém-nascidos saudáveis. Em crianças mais velhas e adultos, a candidíase normalmente está associada a alterações no sistema imunológico da pessoa doente.

Sinais e sintomas:

  • Lesões branca, bem delimitadas, semelhantes a leite coalhado
  • Quando as lesões brancas são removidas deixam uma área avermelhadas
  • Úlceras ou fissuras
  • Recusa de mamar em decorrência de dor na boca
  • Anorexia
  • Irritabilidade
  • Nos casos mais graves: ulceração e necrose
  • Em crianças mais velhas pode surgir aumento dos gânglios linfáticos e febre

 Como prevenir?

A candidíase pode manifestar-se de forma repetida devido ao fato da criança voltar a infectar-se com o fungo que pode ser encontrado nos bicos de mamadeira, no mamilo da mãe, nas chupetas ou nos brinquedos, se estes estiverm infectados.

  • Lavar e esterilizar bem os bicos de mamadeiras (ferver pelo menos 20 minutos
  • Os brinquedos que a criança leva à boca, peças de vestuário e roupa de cama devem ser adequadamente lavados.
  • Lavar a chupeta quando esta cai ao chão!!! Devem-se ferver as chupetas pelo menos 1 vez por dia.
  • Uma forma importante de prevenir o aparecimento de candidíase é evitar a administração indevida de antibióticos de largo espectro, cuja toma cria condições para o desenvolvimento do fungo.
  • Se os mamilos da mãe estiverem infectados, esta deve ser tratada com aplicação local de creme com nistatina.
  • Lavar a boca do bebe com água limpa.

Os bebes portadores da dermatite da fralda provocada por cândida podem tocar no local e ao levar a mão à boca transportar o microrganismo para dentro da boca, contaminando-a! Para prevenir este facto, deve-se supervisionar o bebe quando este está apenas de fralda ou no banho e colocar roupas sobre a fralda para dificultar o acesso do bebe à zona infectada. 

 
Como diferenciar de outras doenças comuns?

Por também atingir o interior da boca e se manifestar por lesões esbranquiçadas, a candidíase oral pode confundir-se com estomatite (inflamação da boca) aftosa, gengivite necrosante, ou outras estomatites de causa viral, que habitualmente se apresentam com manifestações mais graves de doença, como febre e sensação de mal-estar evidente.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/medicina-alternativa-artigos/candidiase-oral-porque-muitas-criancas-tem-3683861.html

    Palavras-chave do artigo:

    candidiase

    ,

    candidiase oral

    ,

    sapinhos

    Comentar sobre o artigo

    Jose Luiz Esteves Esteves

    A CANDIDÍASE É UM DOS PROBLEMAS FEMININOS MAIS COMUNS QUE EXISTEM. PARA MANTER A INFECÇÃO BEM LONGE, SAIBA COMO ELA ATACA E SE PREVINA

    Por: Jose Luiz Esteves Estevesl Saúde e Bem Estar> Medicinal 26/02/2012 lAcessos: 258

    É um tema ainda que desperta muita curiosidade a razão do aparecimento dessas doenças em pacientes com o Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), pois tem pacientes que apresentam esse mesmo vírus e mesmo depois de longos anos, tem casos de mais de 20 anos sem aparecer estas, a causa disso é uma grande incógnita. A HIV parasita as células T do sistema imunológico humano, responsável pela defesa do organismo humano. A hipótese mais aceita atualmente afirma que o parasito ao infeccionar esse sistem

    Por: Priscila Dias de Carvalhol Saúde e Bem Estar> Medicinal 19/11/2010 lAcessos: 994

    Confira dicas de bons chás para você substituir pelo café e ter mais saúde e qualidade de vida esta tarde!

    Por: Andrél Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 27/09/2014

    De acordo com a Organização Mundial da Saúde, mais de 35 milhões de pessoas estão infectadas globalmente com o vírus da AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) – doença que pode levar entre dez e quinze anos para se manifestar. É consenso entre os médicos que a infecção pelo HIV representa uma importante barreira para a reprodução. Mas, como 86% dos infectados se encontram em idade reprodutiva, se impõe uma questão importante a ser estudada com muito interesse.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 25/09/2014

    O farmacêutico e presidente da Farmácia Artesanal, Evandro Tokarski, alerta sobre a importância do homem cuidar mais da sua saúde

    Por: Marianal Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 23/09/2014

    A bebida popularmente conhecida pela infusão de folhas, flores e raízes apresenta cada vez mais benefícios para o organismo, em novos sabores e um jeito diferente de consumir.

    Por: Marianal Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 17/09/2014

    Em anos recentes, a população passou a ser alertada com mais regularidade sobre os riscos da falta de vitamina D – obtida 90% através da exposição ao sol, principalmente aos raios UVB, e 10% através da alimentação (óleo de fígado de bacalhau, gema de ovo, fígado, manteiga e peixes, como salmão, cavala, arenque, sardinha e atum).

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 16/09/2014 lAcessos: 17

    Professora especialista informa que o curso de Homeopatia é considerado livre a partir da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional

    Por: Terezinha Tarcitanol Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 01/09/2014
    Professora Eliete M M Fagundes

    Professora dá dicas de como fazer tratamento homeopático sem corres riscos em alguma blitz policial de teste do Bafômetro

    Por: Professora Eliete M M Fagundesl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 14/08/2014
    Gabriel Reis Stein

    É um método terapêutico complementar que se utiliza da impostação das mãos e da Energia Vital no intuito de equilibrar os campos energéticos do indivíduo, auxiliando-o no restabelecimento do seu equilíbrio físico, mental e espiritual. Esta técnica foi resgatada no século XIX pelo monge budista Mikao Usui.

    Por: Gabriel Reis Steinl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 13/08/2014
    Patricia Queiroz

    Existem muitas condições que são parecidas com a candidíase, mas que não são causadas pelo fungo Candida Albicans. Algumas doenças tem sintomas muito parecidos com os causados pela candidíase e podem ser confundidos com ela. Veja abaixo algumas condições que não são candidíase.

    Por: Patricia Queirozl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 17/11/2010 lAcessos: 1,668
    Patricia Queiroz

    A infecção pelo fungo Candida Albicans tem dois niveis de gravidade: infecção localizada ou infecção sistemica. Apresentamos os principais sintomas da candidiase tanto em mulheres quanto em homens, bem como, algumas indiacações de outras condições que não são candidiase.

    Por: Patricia Queirozl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 17/11/2010 lAcessos: 7,821
    Patricia Queiroz

    A Candida Albicans está presente no nosso organismo e, só se torna um problema quando cresce descontroladamente. E, isto só é possível quando nosso sistema de defesa não funciona adequadamente, deixando nos propensos a infecções por fungos, como a candidíase.

    Por: Patricia Queirozl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 17/11/2010 lAcessos: 937
    Patricia Queiroz

    A candidíase é uma doença causada por um desequilibrio interno do organismo, já que o fungo Candida Albicans vive normalmente em nosso organismo. Este fungo se torna candidiase quando se desenvolve anormalmente em nosso orgamismo, mudando sua forma de fungo para a forma de mofo.

    Por: Patricia Queirozl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 17/11/2010 lAcessos: 1,074
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast