Os Benefícios À Saúde Do Rabanete

28/11/2009 • Por • 4,603 Acessos

Os vegetais crucíferos têm recebido atenção cada vez maior ao longo dos últimos anos, em parte por causa do combate ao câncer e a inúmeros benefícios para a saúde ligados a esses vegetais. Eles normalmente são consumidos crus, cozidos ou em conserva, embora possam ser cozidos e utilizados em frituras ou adicionado a sopa. O rabanete, Raphanus sativus, pertence à família Brassicaceae, pode ter cor branca, vermelha, roxa ou preta, cilíndrica longa ou de forma redonda. O óleo obtido das sementes de rabanete também é utilizado. As outras partes do rabanete, que são consumidas são as folhas, as flores, as vagens e as sementes. O rabanete contêm cerca de 95 por cento de água em proporção ao seu peso, tornando-o uma excelente fonte de hidratação. Esse teor de água também pode reduzir o apetite, fazendo a pessoa se sentir saciada, um benefício para quem está tentando perder peso. Eles também podem ajudar a aliviar as infecções do trato urinário e ardor ao urinar, fornecendo fluidos essenciais para ajudar a lavar o sistema urinário, podem ajudar a melhorar as condições de bexiga e rim. Ao preparar alimentos com rabanetes, lembre-se que a elevada percentagem de água impede o seu congelamento adequado. O congelamento muitas vezes causa danos através da formação de cristais de gelo, o que resulta em um rabanete incolor após o descongelamento. Com baixo teor de gordura e colesterol, o rabanete fornece uma quantidade generosa de fibras dietéticas. Uma porção (1/2 xícara ou uma inteira) fornece 1-2 g de fibra dietética, que é de 5 a 8 por cento da dose diária recomendada. As fibras alimentares ajudam a reduzir a fome, regula o intestino e pode até mesmo melhorar os níveis de colesterol. Um vegetal com propriedades antibacterianas e antifúngicas, o rabanete é uma boa fonte de vitaminas A, B-6, C, K, riboflavina e ácido fólico. Devido ao seu elevado teor em vitaminas, é considerado um suplemento dietético útil para as pessoas com resfriados, gripes, câncer, doenças de pele, asma e outras doenças respiratórias. Eles também ajudam no fortalecimento capilar, controla os níveis de homocisteína e reduz a incidência de contusões. O rabanete contém níveis significativos de cálcio, ferro, fósforo, cobre, magnésio e potássio. Estes minerais podem fazer muitas coisas pelo organismo, fortalece os ossos, protege o coração, regula a pressão arterial, melhora o sistema digestivo e imunológico, melhora a função renal e funciona como um tônico energético. As folhas de rabanete são uma excelente fonte de vitamina C e de cálcio. Em um estudo para determinar o índice glicêmico de vários vegetais, concluiu-se que o rabanete tem um baixo IG. Estudos preliminares têm mostrado que a raiz do rabanete é eficaz em abaixar os níveis de colesterol. Mais estudos são necessários para comprovar estes resultados. Em um estudo de extratos de foi comprovada a sua eficiência como antioxidante. O rabanete contêm uma variedade de produtos químicos à base de enxofre, que aumentam o fluxo da bílis, ajudando assim a manter uma vesícula biliar e fígado saudável e melhorar a digestão. Extrato de folhas é benéfico para as atividades gastrointestinais e é conhecido por suas propriedades laxativas.

O rabanete pertence ao grupo de hortaliças brássicas, que incluem repolho, couve de bruxelas, couve-flor e brócolis. Numerosos estudos sugerem que os vegetais da família das brassicas atuam como proteção contra os canceres do pulmão e do trato digestivo. Os vegetais crucíferos são fonte de glucosinolatos, compostos orgânicos que dão às brássicas seu sabor. O potencial preventivo do rabanete é em parte devido ao seu teor de glucosinolatos, e um estudo na Itália mostrou o rabanete da variedade Daikon japonês apresentou atividade anti-câncer em cólon humano. O rabanete é muito bom para o fígado, vesícula biliar e o estômago, e funciona como desintoxicante, ou seja, ele purifica o sangue. É útil na icterícia, uma vez que ajuda a regula a produção e o fluxo de bile e bilirrubina, ácidos, enzimas e remove o excesso de bilirrubina no sangue. Também controla a destruição de células vermelhas do sangue durante a icterícia por aumento da oferta de oxigênio no sangue fresco. As folhas de nabo também são muito úteis no tratamento de icterícia. Além disso, contém enzimas como mirosinase, diastase, amilase e esterase, que protege o fígado e a vesícula biliar de infecções e úlceras. É muito rico em carboidratos não digeríveis, isto facilita a digestão, retém água, ajuda a controlar a constipação (uma das principais causas de hemorróidas). Seu suco também alivia o sistema digestivo e excretor e isso também alivia hemorróidas. É diurético, ou seja, aumentar a produção de urina, o suco de rabanete também cura a inflamação e sensação de ardor durante a micção. Também limpa os rins e inibe as infecções nos rins e sistema urinário. Assim, ajuda muito na cura de distúrbios urinários. Vitamina C, fósforo, zinco e alguns membros da vitamina do complexo B, que estão presentes no rabanete, são bons para a pele. A água ajuda a manter a umidade da pele, o rabanete cru é um produto de limpeza muito boa e serve como uma máscara de beleza muito eficaz. Devido às suas propriedades desinfetantes, rabanete também ajuda a curar doenças de pele, como o ressecamento, erupções cutâneas, rachaduras, etc. Possui propriedades anti pruriginosa e pode ser usado como um tratamento eficaz para picadas de inseto, picadas de abelhas, marimbondos, vespas, etc. O suco também reduz a dor e o inchaço e acalma a área afetada. Ele diminui a temperatura do corpo e alivia a inflamação devido a febre. Suco de rabanete é um bom desinfetante, mas também combate infecções que causam a febre, contribuindo assim para curá-la. O rabanete é um anti congestivo, ou seja, que alivia o congestionamento do sistema respiratório, incluindo o nariz, a garganta e os pulmões, devido ao frio, infecções, alergias e outras causas. É um bom desinfetante e também rico em vitaminas, que protegem o sistema respiratório contra infecções que causam a bronquite e asma. Além dos benefícios citados acima, o rabanete é um bom aperitivo, refresca a boca e ajudar na respiração, é laxante, regula o metabolismo, melhora a circulação sanguínea, é um bom tratamento para dor de cabeça, acidez, constipação, náusea, obesidade, dores de garganta, tosse convulsa, gástrica problemas, as pedras da vesícula biliar, dispepsia, etc.

Perfil do Autor

Marcelo Rigotti

Engenheiro Agrônomo Mestrado em Entomologia e Conservação da Biodiversidade Doutorando em Horticultura. www.curaplantas...