Artrite Reumatóide do Cotovelo: O que é e Como tratar

Publicado em: 22/08/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 1,148 |

O que é a Artrite Reumatóde

A Artrite Reumatóde (AR) é uma doença degenerativa, auto-imune e sistêmica, que deteriora a cartilagem  e as articulações de maneira progressiva. Acomete 5% das mulheres com 55 anos ou mais e, é a causa mais comum de artrite do cotovelo. Acomete o cotovelo em 20 a 25% dos pacientes com 5 anos do início da doença.

Manisfestação

A Ar se manisfesta  de várias maneiras na articulação do cotovelo, sendo desde nódulos anteriores, bursite, sinovite,  progressiva destruição óssea até paralisia dos nervos ulnar e interósseo posterior. Geralmente, é mais comum a AR ocorrer em pacientes com envolvimento do ombro e punho, sendo que o lado dominante é o mais acometido.

Quanto há a sinovite, geralmente o paciente reclama de dor, havendo edema local e sinais  de um processo inflamatório localizado. Devido a esse processo inflamatório a capsula se torna frágil, propiciando a formação de cistos, os quais podem, por ventura, comprimir algum nervo, levando desde alterações sensitivas até alterações motoras. Essa sinovite pode progredir, causando a destruição óssea. 

Avaliação Radiográfica

Radiograficamente  a Artrite Reumatóide pode ser classificada em 5 tipos diferentes.

Tipo 1- observa-se apenas uma osteopenia localizada e clinicamente o paciente apresenta um edema local

Tipo 2- pequena diminuição do espaço articular e, eventualmente, alguma erosão marginal

tipo 3- diminução importante do espaço articular – pode haver subluxação anterior da cabeça do rádio e, ocorre perda significativa da flexo-extensão do cotovelo e, há destruição óssea.

tipo 4- destruição do arcabouço ósseo grave

Tipo 5- devido a destrição óssea ocorre uma instabilidade grossseira do cotovelo

Sitomas

O paciente com artrite reumatóide reclama de edema local, dor, crepitação e perda progressiva da movimentação. Em casos mais avançados a dor é pior e eventualmente o paciente pode se queixar de instabilidade do cotovelo.

Tratamento Ortopédico

A sinovectomia deve ser indicada nos pacientes que apresentam leve diminuição do espaço articular e dor que não melhora com o uso de analgésicos e anti-inflamatório, além de fisioterapia. Os melhores resultados são obtidos nos pacientes que apresentam pouca limitação dos movimentos de flexo-extensão e maior perda dos movimentos de pronação e supinação. O ganho da supinação nesses casos costuma ser o mais apreciado pelos pacientes, já que essa não consegue ser compensada pelas outras articulações, diferente do movimento de pronação. Hoje em dia, há uma tendência de se realizar a sinovectomia por meio da artroscopia e a ressecção da cabeça do rádio pode ser associada para os casos de dor lateral no cotovelo ou nos casos em que a cabeça do rádio está subluxada e que pode bloquear parcialmente a mobilidade do cotovelo.

Para os casos de maior destruiçao óssea, com diminuição do espaço articular importante, a protese total de cotovelo é recomendada e seus resultados são muito satisfatórios.

De uma maneira geral, o paciente apresenta uma melhora importante da dor e da amplitude de movimento.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/medicina-artigos/artrite-reumatoide-do-cotovelo-o-que-e-e-como-tratar-5148990.html

    Palavras-chave do artigo:

    dor

    ,

    cotovelo

    ,

    artrite

    Comentar sobre o artigo

    Ricardo Miguel

    Saiba o que é a artrite e conheça as 21 dicas caseiras que podem ajudar bastante a aliviar os sintomas da artrite. Previna este problema e livre-se das dores!

    Por: Ricardo Miguell Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 03/02/2014 lAcessos: 75

    O uso da prótese de cotovelo vêm aumentando no país. Contudo pouca gente sabe o que é uma prótese de cotovelo, como ela funciona, quais seus riscos e quais seus benefícios O objetivo desse artigo é informar o paciente sobre esse assunto de maneira simples e objetiva.

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/05/2011 lAcessos: 906 lComentário: 3

    A polimiosite é caracterizada pela destruição das fibras musculares através de um infiltrado inflamatório nos músculos, associado a amiotrofias, relacionado com o déficit motor frequentemente nas musculaturas da cintura escapular e nas porções proximais dos membros.

    Por: Aldina Maria Fernandesl Saúde e Bem Estarl 24/10/2011 lAcessos: 4,068
    João Carlos Baldan

    Aqui você irá encontrar tentativas de explicar o inexplicável. Ao menos até hoje. Afinal, não se sabe muito bem a origem e nem o que é fibromialgia. O que se reconhece são seus principais sinais, sintomas e tratamentos atuais. Os modernos são medicamentosos, os tradicionais, como a Acupuntura, encara o problema de outra maneira, com um tratamento todo peculiar. O artigo não encerra o assunto. Ao contrário, sugere que se busque novas pesquisas. Mas, acredito, é um bom primeiro passo. Seja feliz.

    Por: João Carlos Baldanl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 01/12/2009 lAcessos: 847

    Podemos definir a bursite como uma inflamação da bursa, ou seja, uma pequena bolsa contendo líquido que envolve as articulações e funciona como um amortecedor entre os ossos, tendões e tecidos musculares.

    Por: Alexandre Vieiral Saúde e Bem Estarl 20/01/2009 lAcessos: 2,908 lComentário: 1
    Nilton Salvador

    Amor é o remédio Perguntei para duas amigas, ambas mães de autistas: qual a diferença ou ainda, a semelhança entre Alzheimer e Autismo? Uma delas me contou que sua mãe ficou órfã de pai ainda menina, e teve uma doença que por não ter identificação na época, e por esse fator prevalecer foi internada num manicômio pelo resto da vida.

    Por: Nilton Salvadorl Saúde e Bem Estar> Medicinal 24/01/2015

    A esclerose múltipla é uma doença com muitas peculiaridades e, cada vez mais, tem se abordado este tema. Apesar da maior difusão, ainda existem confusões com outras duas doenças, em relação ao nome. Os antigos chamavam as pessoas com pouca memória de esclerosadas. Apenas posteriormente, com os estudos, surgiu o termo Alzheimer. O outro equívoco é com a esclerose lateral amiotrófica (ELA), que também é uma doença grave e com sintomas um pouco semelhantes, porém que atingem populações diferentes.

    Por: Central Pressl Saúde e Bem Estar> Medicinal 22/01/2015

    De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer), no ano passado surgiram mais de 30 mil novos casos de câncer colorretal (designação que envolve câncer de cólon, de reto e de intestino grosso). Anualmente, essa doença leva à morte cerca de 14 mil pessoas, embora possa ser tratada e curada quando identificada logo no início. Daí a importância cada vez maior do diagnóstico precoce, antes que o tumor possa se espalhar para outros órgãos.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicinal 14/01/2015 lAcessos: 15
    Bernardo Sobreiro

    Neste artigo é abordada a história do tratamento dos cálculos urinários, dos procedimentos realizados em 600 AC até a moderna litotripsia com uso de Holmium laser e endoscópios flexíveis.

    Por: Bernardo Sobreirol Saúde e Bem Estar> Medicinal 11/01/2015 lAcessos: 12
    Bernardo Sobreiro

    As margens cirúrgicas positivas ocorrem quando na análise patológica da peça cirúrgica se observa que o tumor maligno não foi retirado na sua totalidade. Neste artigo é abordada a frequência de margens cirúrgicas positivas na prostatectomia radical (tratamento curativo do câncer de próstata) e o impacto da sua ocorrência na recidiva e progressão da doença.

    Por: Bernardo Sobreirol Saúde e Bem Estar> Medicinal 11/01/2015
    Bernardo Sobreiro

    Neste artigo são abordados aspectos epidemiológicos do câncer de próstata, como as variações temporais na incidência, mortalidade, e fatores de risco como idade e raça.

    Por: Bernardo Sobreirol Saúde e Bem Estar> Medicinal 11/01/2015
    Bernardo Sobreiro

    Neste artigo é abordada a história do antígeno prostático específico (PSA), desde seu descobrimento até a sua aplicação clínica como principal ferramenta no diagnóstico precoce do câncer de próstata.

    Por: Bernardo Sobreirol Saúde e Bem Estar> Medicinal 11/01/2015
    Bernardo Sobreiro

    Neste artigo é discutido o papel do estudo urodinâmico na avaliação de disfunções miccionais como incontinência urinária e obstrução urinária.

    Por: Bernardo Sobreirol Saúde e Bem Estar> Medicinal 11/01/2015

    Nesse artigo explicamos quais as possiveis causas de dor no ombro e como devemos proceder na presença de uma dor que atraplaha nas atividades da vida diária

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 29/08/2011 lAcessos: 282

    Nesse artigo explicamos como ocorre a luxação Acrômio-clavicular. Abordamos a sintomatologia dos pacientes e como tratamos essa lesão.

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 24/08/2011 lAcessos: 2,440

    Neste artigo explicamos como ocorre a compressão do nervo ulnar no cotovelo. Abordamos a sintomatologia e as diversas formas de tratamento até a cirurgia

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 24/08/2011 lAcessos: 2,300

    Nesse artigo explicamos como ocorre a lesão do tendão distal do bíceps. Quais os sintomas apresentados pelos pacientes e como se realiza seu tratamento

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/08/2011 lAcessos: 1,264

    Nesse artigo explicamos porque o ombro, eventualmente desloca, qual são as queixas dos pacientes e como podemos tratar esse problema.

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 22/08/2011 lAcessos: 1,005

    Nesse artigo explicamos o que é a lesão SLAP, seus sinais e sintomas e como devemos tratar essa lesão

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 22/08/2011 lAcessos: 2,156

    Nesse artigo explicamos de maneira resumida o que é a atrose do ombro e como podemos tratá-la.

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 22/08/2011 lAcessos: 581

    A epicondilite lateral acomete um número grande de atletas e seu tratamento pode ser difícil ou demorado. É importante entender isso para o sucesso do tratamento e entendendo a doença o paciente fica mais tranquilo ao tratá-la.

    Por: joel murachovskyl Saúde e Bem Estar> Medicinal 22/08/2011 lAcessos: 1,433 lComentário: 2
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast