Cuidados para combater o mau odor na vagina

Publicado em: 27/06/2012 |Comentário: 0 | Acessos: 7,249 |

Todas as mulheres se preocupam com o odor vaginal que pela origem do corrimento já tem o seu cheiro muito característico, ter um cheiro forte na vagina não quer dizer que tenha uma doença  transmissível sexualmente, pois alguns corrimentos, depende de cada mulher,  podem ter mal cheiro e pode conter algumas bactérias como é o caso da Gardnerella que cheira mesmo muito mal, quase a peixe morto ou podre.

Como o mau cheiro vaginal é motivo de grande preocupação de quase a maioria das mulheres algumas optam pela utilização de  desodorantes e sabonetes íntimos que são produtos  para o uso exclusivo da higiene da vagina, mas a maioria das mulheres procuram tratamento natural  para o mau cheiro na vagina já que estes são muito baratos e eficazes.

O cheiro forte na vagina pode ter varios motivos tais como a proliferação de bactérias e doenças sexuais, mas atenção, algumas mulheres tem um cheiro na vagina mais forte que as outras mais isso não quer dizer que tenha alguma doenças. A utilização de "sabonete vaginal" não é indicado  todos dias, mas sim devemos intercalar com o uso de um sabonete normal, o desodorante para a região vaginal sim pode ser aplicado todos os dias.

O uso de qualquer produto que altere o cheiro vaginal mesmo que seja para a limpeza da vagina deve ser acompanhado e recomendado pelo médico, já que podemos ter alguns problemas como a alergia vaginal com o uso e alguns sabonetes, principalmente pelo o seu PH, e desodorantes íntimos, estes produtos devem ter um rótulo ou selo a dizer "dermatologicamente testado". Comunmente o mau cheiro é acompanhado também pela coceira vaginal ou arritação.

Se sofre deste problema poderá encontrar alguns remédios caseiros para o mau cheiro na vagina no seguinte link: http://www.remedios-caseiros.com/remedios/remedio-caseiro-para-infeccao-vaginal.html

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 4 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/medicina-artigos/cuidados-para-combater-o-mau-odor-na-vagina-6013256.html

    Palavras-chave do artigo:

    mau cheiro na vagina

    ,

    coceira vaginal

    ,

    corrimento amarelado

    Comentar sobre o artigo

    marco rogerio silva

    O presente trabalho aborda a concepção do profissional de enfermagem em relação ao descarte adequado dos Resíduos Sólidos dos Serviços de Saúde (RSSS), tendo como objetivo analisar o que a literatura demonstra sobre como estes profissionais realizam a separação dos resíduos sólidos dos serviços de saúde. Esta pesquisa apresenta um resultado qualitativo, dado através de uma revisão bibliográfica integrativa.

    Por: marco rogerio silval Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/02/2015
    marco rogerio silva

    Instituições de saúde nos últimos anos têm-se preocupado em incentivar e fiscalizar a adoção de medidas básicas de higiene. Este estudo tem como foco principal apresentar aos profissionais de saúde uma abordagem pormenorizada sobre a importância da higienização das mãos em Unidades de Terapia Intensiva, identificando e descrevendo suas vertentes, refletindo sobre a sua importância.

    Por: marco rogerio silval Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/02/2015

    Especialista dá três conselhos importantes para quem está começando a vida sexual

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/02/2015
    Élida Alexandre

    Os resultados de um ensaio clínico de fase III chamado ALSYMPCA mostram que o rádio-223 dichloride (Xofigo®) melhora a sobrevida global em homens com câncer de próstata avançado que se espalhou para os ossos em comparação com um placebo.

    Por: Élida Alexandrel Saúde e Bem Estar> Medicinal 20/02/2015
    Rubens Britto

    O que você pensa sobre o tabagismo e seu abandono? Em geral, a maioria das pessoas, incluindo os fumantes, é contra o tabagismo. Esse posicionamento é imperioso para que se obtenha êxito pleno na abdicação do vício tabágico.

    Por: Rubens Brittol Saúde e Bem Estar> Medicinal 18/02/2015
    marco rogerio silva

    Este projeto aborda estudos que revelam uma grande proximidade dos fatores para o desenvolvimento da hipertensão arterial, e descrever os fatores de risco que ocasionam a doença tais como: a hereditariedade, a idade, o gênero, o grupo étnico, o nível de escolaridade, o status socioeconômico, a obesidade, o etilismo, o tabagismo. Tem como objetivo, descrever as causas, evolução e o tratamento da Hipertensão Arterial em idosos.

    Por: marco rogerio silval Saúde e Bem Estar> Medicinal 15/02/2015
    marco rogerio silva

    O presente estudo tem como questão-problema: Qual a importância da humanização do âmbito laboral para o profissional, bem como para o usuário? A partir daí, emerge como objetivo a discussão sobre a humanização do trabalho do profissional da enfermagem do trabalho.

    Por: marco rogerio silval Saúde e Bem Estar> Medicinal 15/02/2015

    Mochila pesada tem maior risco para crianças de até 12 anos de idade. Fisioterapeutas e Ergonomistas alertam ao risco do excesso de peso na mochila escolar das crianças. O alerta vai principalmente para os pais que devem fiscalizar o que os filhos levam em suas mochilas. Muitas crianças carregam além do material escolar, álbum de figurinhas, brinquedos, cadernos pesados e estojos que em sua maior parte trazem um excesso de material acarretando ainda mais peso para as crianças.

    Por: Amochilal Saúde e Bem Estar> Medicinal 14/02/2015

    Remédios caseiros e tratamentos naturais para a queda de cabelo A queda de cabelo não considerado por muita gente como uma doença grave de saúde mas o certo é que afeta muita gente em especial do sexo masculino e são eles os que mais procuram na internet por tratamentos para a queda de cabelo.

    Por: SantoNETl Beleza> Cabelosl 24/06/2013 lAcessos: 44

    Conheça alguns dos tratamentos para infecções urinárias à base de medicamentos antibioticos e também com remedios caseiros naturais

    Por: SantoNETl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 23/11/2012 lAcessos: 94

    Se é certo que precisamos de dormir, não é menos certo que não precisamos todos de dormir o mesmo. Um dos factores que influencia a quantidade de sono de que necessitamos é a idade. Mas não há um número rigoroso de horas de sono que se aplique a todas as pessoas da mesma faixa etária.

    Por: SantoNETl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 11/06/2012 lAcessos: 55

    ao ponto de na Europa ser continente onde as pessoas se deitam mais tarde. O que, muito provavelmente, significa que se dorme pouco, na medida em que as obrigações - seja o estudo seja o trabalho começam, quase sempre, de manhã, encurtando o número de horas de sono, por isso é muito comum se ouvir pessoas partilhando dicas para conseguir dormir melhor

    Por: SantoNETl Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 01/06/2012 lAcessos: 67
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast