Esquizofrenia

Publicado em: 12/05/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 2,400 |

ESQUIZOFRENIA

A palavra esquizo é uma variante do grego schízein que alinhada à outra palavra tem como sinonímia básica fender e separar. A palavra frenesi tem derivação latina phrenesis, e francesa frénésie tem como sinônimos: delírio, desvario, tresvaria, associando-se ao entusiasmo delirante; excitação, arrebatamento ou atividade sucessiva; agitação, impaciência, inquietação, bem como impertinência, importunidade, enfado. Já a palavra frenética (o) tem a derivação latina phreneticu e sua adjetivação representa as particularidades do humano se tornar um delirante, desvairado, furioso, arrebatado, veemente, exaltado, impaciente, inquieto; rabugento, convulso e agitado. As duas palavras são mais ou menos parecidas e com nomenclaturas quase que idênticas. A esquizofrenia que é a palavra da matéria epigrafada pode ser associada a esquizocéfalo, esquizogênese, esquizotimia. Devemos ressaltar que não somos da área médica, mas já tivemos contato com algumas pessoas possuidoras de esquizofrenia. Na realidade o que seria o significado desta doença tão propalada e que teve um impulso com o surgimento de um personagem de uma novela portador deste transtorno.

Quando alguma doença é apresentada pela mídia televisiva ela desperta curiosidades e chama a atenção de inúmeras pessoas. Alguns profissionais de medicina dizem que pode ser um estado de psicose, loucura e insanidade. Já outros afirmam ser uma doença mental que se caracteriza por uma desorganização ampla dos processos mentais. É um quadro complexo apresentando sinais e sintomas na área do pensamento, percepção e emoções, causando marcados prejuízos ocupacionais, na vida de relações interpessoais e familiares. Os médicos psiquiatras são os mais indicados para cuidarem do portador deste distúrbio. A esquizofrenia é um termo que engloba várias formas clínicas de psicopatia e distúrbios mentais próximos a ela, sua característica fundamental é a dissociação e a assintonia das funções psíquicas, disto decorrendo fragmentação da personalidade e perda de contato com a realidade. Conversando com um psiquiatra da família ele nos falou sobre a esquizofrenia hebefrênica que é a forma de esquizofrenia observada, em geral, em adolescente, e que se caracteriza por distúrbios da afetividade, regressão e hipocondria; hebefrenia. Aproveitando o ensejo indagamos se é difícil a convivência com o esquizofrênico (a)? Afirmou que sim.

Procuramos então algumas fontes para sabermos se é difícil conviver com um esquizofrênico, mas preferimos ouvir da família de um deles: os familiares não gostam que toquem no assunto, entretanto, alguns membros familiares disseram que esse transtorno mental traz muito sofrimento para o doente como para a família. É um dilema, um sofrimento, uma preocupação constante, visto que em crises podem acontecer tentativas de suicídios. Dizem que a doença tem sintomas positivos, negativos e cognitivos (Do latim cognitus, particípio passado de cognoscere, 'conhecer', + - Ivo, que está relacionado à cognição, ou ao comportamento). Para nos aprofundarmos mais no assunto procuramos um site que nos foi indicado por um amigo, o http://www.abcdasaude.com.br/. “Para fazer o diagnóstico, o médico realiza uma entrevista com o paciente e sua família visando obter uma história de sua vida e de seus sintomas o mais detalhada possível. Até o presente momento não existem marcadores biológicos próprios dessa doença nem exames complementares específicos, embora existam evidências de alterações da anatomia cerebral demonstráveis em exames de neuro-imagem e de metabolismo cerebral sofisticados como a tomografia computadorizada, a ressonância magnética, entre outros.

Além de fazer o diagnóstico, o médico deve tentar identificar qual é o subtipo clínico que o paciente apresenta. Essa diferenciação se baseia nos sintomas que predominam em cada pessoa e na evolução da doença que é variada conforme o subtipo específico. Os principais subtipos são: paranóide (predomínio de delírios e alucinações) - desorganizada ou hebefrênica (predomínio de alterações da afetividade e desorganização do pensamento) - catatônico (alterações da motricidade) - simples (diminuição da vontade e afetividade, empobrecimento do pensamento, isolamento social) - residual (estágio crônico da doença com muita deterioração e pouca sintomatologia produtiva). “Como podemos notar é um transtorno sério e que merece os devidos cuidados com o doente”. É importante frisarmos que até hoje não se conhece nenhum fator específico causador da Esquizofrenia.

Há, no entanto, evidências de que seria decorrente de uma combinação de fatores biológicos, genéticos e ambientais que contribuiriam em diferentes graus para o aparecimento e desenvolvimento da doença. Sabe-se que filhos de indivíduos esquizofrênicos têm uma chance de aproximadamente 10% de desenvolver a doença, enquanto na população geral o risco de desenvolver a doença é de aproximadamente 1%. Outra indagação nos vem à mente: tem cura este transtorno? Este é um tema controverso e atualmente muito estudado pela comunidade médica. Antes do aparecimento dos sintomas já descritos, pode existir uma fase inicial da doença a qual se designa de pródromos. Nesta fase surgem alterações do comportamento mais inespecíficas tais como isolamento social, alteração da personalidade, depressão. Como são inespecíficas, estas alterações podem ser observadas noutros jovens, que mais tarde não desenvolvem esta doença. Têm sido realizados estudos que procuram perceber se intervenções nesta fase podem ou não evitar o aparecimento da doença. Apesar de alguns resultados promissores, não existe ainda um consenso entre os médicos à cerca deste tema. Por isso o doente deve ter acompanhamento médico constante, pois pelo andar da carruagem ainda não podemos afirmar que a doença é curável, mas sabemos que o controle e indispensável.

Fazendo novas inserções ou pesquisas anotamos um fato que nos chamou a atenção: os relatos estão no site: http://psiadolescentes.wordpress.com/esquizofrenia/ Os ‘Charros’ (cannabis) podem provocar esquizofrenia? A relação entre o uso de drogas (especialmente a cannabis) e a esquizofrenia tem sido controversa. No entanto, têm-se vindo a acumular provas que a utilização de cannabis é um fator de risco para o aparecimento da esquizofrenia, especialmente quando a sua utilização é iniciada numa idade jovem ou por pessoas com história de esquizofrenia na família. Quem consome cannabis parece ter um risco 2.5 a 6 vezes superior de desenvolver esquizofrenia, sendo o risco maior quanto maior é o consumo desta substância. No que tange ao chegar ao doente e sabermos se ele é portador é importante e alguns detalhes são importantes: se a pessoa não reconhece que está doente, muitas vezes não é possível convencê-la a procurar ajuda. Se for um colega de escola uma forma de ajudar pode ser falar com o professor responsável pela turma. A escola poderá entrar em contato com os serviços de saúde para sinalizar o problema. Por outro lado podes procurar falar com um familiar dessa pessoa, e explicar-lhe as tuas preocupações. Os familiares podem depois procurar ajuda junto dos serviços de saúde A medida mais correta em caso de suspeita é procurar um especialista no assunto. Os usuários de drogas que meditem bem, pois além de outros problemas causados pela droga, podem tornar-se esquizofrênicos em potencial. Aos pais de famílias procurem saber onde andam seus filhos, onde estão agora? O que estarão fazendo durante suas ausências. Cuidado e canja de galinha nunca fizeram mal a ninguém.

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E DA ALOMERCE

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/medicina-artigos/esquizofrenia-913146.html

    Palavras-chave do artigo:

    solidao desanimo psicose

    Comentar sobre o artigo

    Emanuela Silva de Sant'ana

    As doenças mentais sempre provocaram no homem o desejo de estudos e pesquisas que o levassem a um possível entendimento sobre os fenômenos psíquicos. Pode-se dizer que compreender o adoecimento mental sugere uma forma de tentar evitá-lo, de tornar-se vítima dele. A partir desta ótica encontram-se na contemporaneidade.

    Por: Emanuela Silva de Sant'anal Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 05/03/2015
    Araceli Canova

    A dança exige performance complexa com padrão preciso e controlado. O balé clássico, por exemplo, com movimentos realizados com o peso do corpo sobre a ponta dos pés, demanda esforços extras para manter a estabilidade dos membros inferiores. Se algo interferir na mobilidade normal da articulação, necessitar-se-á de compensações posturais e alterações de movimentos que podem ocasionar aumento do estresse até em outras partes do organismo, resultando em lesões.

    Por: Araceli Canoval Saúde e Bem Estar> Medicinal 27/03/2015

    Número de casos diminui, mas doença ainda é a segunda causa de óbito por agente infeccioso no mundo

    Por: Ricardo Machado Comunicaçãol Saúde e Bem Estar> Medicinal 23/03/2015

    A cirurgia juntamente com outros tipos de terapias, pode ser uma opção de tratamento para o câncer de pulmão que ainda são pequenas em estágio inicial de desenvolvimento. Se caso a cirurgia puder ser realizada, ela oferece uma boa chance de sucesso da cura da doença.

    Por: Vinicios Ferreiral Saúde e Bem Estar> Medicinal 20/03/2015

    Os 5 piores tipos de câncer. Câncer de pele. O câncer de pele e o tipo de tumor mais comum na população mundial, pois cerca de vinte e cinco por cento dos casos de câncer, são de câncer de pele, o câncer de pele acontece quando ocorre o crescimento acelerados das células que compõem a pele.

    Por: Vinicios Ferreiral Saúde e Bem Estar> Medicinal 20/03/2015

    De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2030 as doenças cardiovasculares serão responsáveis por quase 24 milhões de óbitos. Hoje, no Brasil, a cada cinco minutos alguém sofre um infarto. Das 300 mil ocorrências desse tipo que acontecem anualmente, 80 mil resultam em morte. As estatísticas são alarmantes e chama atenção o fato de que, mesmo aqueles que fazem check-up anualmente e se creem livres de risco, não são poupados.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicinal 17/03/2015
    Mariangela de Oliveira Castro

    Compõe o currículo da Graduação em Educação Física, disciplinas de Ciências Médicas e sendo esta, reconhecida como área da Saúde, de acordo com a resolução do Conselho Nacional de Saúde (CNS nº. 218/1997), percebe-se que o professor de Educação Física é atualmente, o profissional melhor capacitado dentro da escola para prestar assistência aos alunos portadores de Diabetes, bem como atuar em situações de emergência.

    Por: Mariangela de Oliveira Castrol Saúde e Bem Estar> Medicinal 06/03/2015 lAcessos: 14

    No começo da vida sexual, o maior medo das meninas é engravidar ‘sem querer'. Nessa fase, engravidar parece a coisa mais fácil do mundo e muitas meninas pensam que será assim para o resto da vida. Até que se casam e percebem que – mesmo parando de tomar pílula – a gravidez não se confirma. Isso ocorre com muita frequência e muitos casais precisam cada vez mais de ajuda especializada para ter um filho.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicinal 03/03/2015 lAcessos: 18

    Estudo publicado no jornal Cancer Epidemiology, Biomarkers & Prevention revela uma mutação genética que acomete famílias afrodescendentes. Especificamente, mulheres negras têm mais chances de serem diagnosticadas com câncer de mama do que mulheres brancas antes dos 40 anos.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Medicinal 02/03/2015 lAcessos: 18

    A mediunidade está muito difundida nos dias atuais. Muitas pessoas de outras religiões procuram as Casas Espíritas, no intuito de encontrar uma paz interior e através dessa paz, conquistar a sua reforma íntima. Todo aquele que sente num grau qualquer, a influência dos espíritos é, por esse fato, médium. A palavra médium tem a sinonímia de intermediário entre o mundo material e espiritual. Essa faculdade é inerente ao homem, não é exclusividade de nenhuma religião.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 24/03/2015

    O Brasil vem passando por momentos difíceis e apenas algumas investigações foram feitas e com poucas prisões, no entanto os brasileiros almejam descobrir onde estão navegando os peixes grandes, que engolem toda a riqueza brasileira em forma de corrupção. Promessas prometidas em campanhas política são apenas promessas, pois não saem do papel e, em número considerável se transformam em pesadelos assustadores.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 24/03/2015

    Um homem se baseia sempre na experiência do outro para chegar as suas conclusões. O homem jamais chegará a um denominador comum, visto que as inter-relações humanas são grandiosas. O homem ensina a outro homem e esse deixa o seu legado para ser analisado a posteriori. Assim se faz a história da humanidade. Como o homem ainda é um ser imperfeito suas opiniões sobre a complexidade dos mundos e a Divindade não passam de meras especulações.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 23/03/2015

    As religiões servem até hoje como um caminho para os mais elevados valores pessoais, e também como uma das formas mais complexas de poder e de preconceito, incluindo-se fé, ambição, poder e Deus. Todas as religiões têm suas crenças no mundo espiritual, mas não deixam de almejar o poder e construir seu reino na Terra.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 22/03/2015

    Conservar a razão no afeto é uma ação que enleva o espírito humano, e pode beneficiá-lo com ações divinas e enobrecedoras, mesmo sendo imperfeito, o ser hominal está à procura da perfeição, enfrentando todas as pedras de tropeços que encontra pela frente. Quantas são dolorosas estas pedras e sua malignidade nos levam a pensamentos destrutivos e inaceitáveis.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 21/03/2015

    A vampiragem é uma palavra desconhecida nos dicionários, no entanto, ela é uma técnica que acompanhada a história dos homens. Desde os tempos mais primórdios a Vampiragem vem sendo usada e a aperfeiçoada pelos maiores pegadores. Aos olhos de um leigo a Vampiragem pode ser simplificada como um mero beijo no pescoço. Mas simplificações como essa só estimulam a regressão cultural da humanidade

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 19/03/2015

    A luz do amor e da verdade está dentro de nossos corações. O calor do amor e os sentimentos amorosos geram a felicidade, o equilíbrio da justiça não pode titubear trazendo reles senões. A ação da liberdade é frutífera, libertadora sem nenhuma maldade... O homem desde o começo do mundo almeja a paz e não ilusões. A paz está dentro de nós mesmos, e nosso coração será isento de vaidade.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 16/03/2015

    A situação é tão tensa que alguns parlamentares já chegaram às vias de fato. Uma vergonha com certeza. O ministro Aloísio Mercadante é o alvo dos peemedebistas, aliás, com as investigações do Ministério Público e da Polícia Federal tem político que não dorme mais à noite, pois sente pesadelos demais.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 13/03/2015

    Comments on this article

    0
    Raimunda 20/07/2009
    Tenho na família portador de esquizofrenia herbefrenica fico muito feliz quando ele está centrado conversando bem !pensamentos logicos,agradeço tanto a Deus pelos medicamentos converso muito com ele no momento que está disponivel para ouvir então é isto!Vamos continuar pesquisando sobre esse transtorno que afeta os nossos queridos,agradeço a compreensão boa noite.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast