Perseguição aos cristãos na nigéria, serão os sinais do final dos tempos

28/10/2011 • Por • 150 Acessos

 

 

"Sereis odiados de todos por causa do meu nome, mas aquele que perseverar até o fim, será salvo." Marcos 13:13

 

É repugnante como isso ainda acontece nos dias atuais, onde a democracia e a liberdade de expressão não existe para todos nesse mundo de Deus. As informações veinculadas estão um pouco desencontradas com relação ao número de mortes, mas acredita-se que passam de 500 mortes.

 

Pelo menos 528 agricultores de aldeias cristãs foram assassinados desde sábado em confrontos com pastores muçulmanos no centro da Nigéria, o país mais populoso da África. Em pelo menos três aldeias ao sul de Jos, capital do Estado de Plateau, homens, mulheres e bebês foram cortados a golpes de facão e tiveram seus corpos queimados.

 

 O presidente nigeriano, Goodluck Jonathan, ordenou que a polícia nigeriana ficasse em estado de alerta máximo para impedir novos ataques. O Vaticano manifestou "dor e preocupação" pela "horrível violência", mas seu porta-voz, Frederico Lombardi, evitou fazer comentários de natureza étnica ou religiosa. John Onaiyekan, arcebispo nigeriano da capital, Abuja, disse que a onda de violência é "um clássico conflito entre pastores e agricultores, só que, neste caso, os pastores são todos muçulmanos e os agricultores são todos cristãos". Segundo ele, as pessoas foram mortas "por reivindicações sociais, não por religião".

 

Peter Gyang, morador da aldeia de Dogo Nahawa, a mais afetada pelos ataques, disse que os pastores "dispararam para assustar as pessoas e, em seguida, mataram todos com golpes de facão". Segundo ele, o ataque começou às 3 horas (horário local) e durou até as 6 horas.

 

 Durante todo o período, "não foi visto nenhum policial". O Fórum dos Cristãos do Estado de Plateau publicou um comunicado no domingo no qual acusa o Exército nigeriano de passividade diante dos ataques. "Por que os soldados não intervieram?", perguntou a ONG.

 

 A região já estava sob toque de recolher, que durava das 18 horas às 6 horas, desde janeiro, quando 326 pessoas morreram em confrontos semelhantes nos arredores de Jos, segundo a polícia.

 

Acredito ser esse fato uma VERDADE, e infelizmente está longe de ser FICÇÃO, o que me faz questionar, é como não se faz nada a respeito.

 

 Esse confronto é o mais recente episódio do confronto étnico-religioso na região, que opõe cristãos e animistas a pastores muçulmanos fulanis na disputa pela exploração de terras de cultivo.

 

O caso do pastor Yousef Nadarkhani, também muito divulgado pela mídia, nos deixa profundamente preocupados de, ao ser cristão e professar a fé em Jesus Cristo, se torna réu de condenação e morte, o pastor Yousef ainda corre risco de condenação, pois seu processo será julgado novamente pelo Supremo Tribunal do Irã que pediu para que o Tribunal local fornecesse informações completas sobre a acusação.

 

  O pastor iraniano está preso desde 2009 acusado de ter traído o Islã ao se tornar cristão. Por não ter negado a Jesus Cristo ele já estaria condenado à morte por forca, mas os protestos que esse caso gerou no mundo todo têm impedido que a sentença seja executada.

 

O que nos conforta é que a vitória está com aquele que fica firme no Senhor, perseguições virão, sabemos que os finais dos tempos está próximo em consonância com a palavra. Deixo abaixo alguns textos relacionados ao tema:

 

  1.   A formação do Estado de Israel em 1948 (Ezequiel 37)

  2.  Aumento das viagens e progresso da ciência (Daniel 12:4)

  3.  O sinal do engano (Mateus 24)

  4.  Guerras e rumores de guerras, epidemias e terremotos            (Mateus 24)

  5.  A grande apostasia (1 Timoteo 4:1-4)

  6.  O florescimento do deserto (Isaías 35, 41 e 43)

  7.  Ataque da Rússia e seus aliados a Israel (Ezequiel 38 e 39)

  8.  A reconstrução do templo judeu em Jerusalém (Mateus 24 Daniel 11)

  9. A reconstrução da Babilônia (Apocalipse 14, 16 e 18)

  10. Tornados, furacões e alterações no clima da Terra (Lucas 21)

 

Concluindo: Vemos que tudo isso infelizmente é VERDADE, FICÇÃO seria imaginar tais fatos não estarem ocorrendo nos dias atuais, precisamos sim, estar rogando ardorosamente ao nosso Deus para que minimize os sofrimentos dos seus filhos, pois essas aflições muitos hão de passar. Qual seria a ação devida, qual o socorro para tamanha crise.

   

"Na minha angústia, invoquei o SENHOR, clamei a meu Deus; ele, do seu templo, ouviu a minha voz, e o meu clamor chegou aos seus ouvidos. Então, a terra se abalou e tremeu, vacilaram também os fundamentos dos céus e se estremeceram, porque ele se indignou." 2 Samuel 22:7-8

   

"Se não houver fé e confiança em Deus não estareis seguros, não tereis descanso, mas ansiedade, agitação, medo, desanimo, derrota" Fp 4:5-7.

   

 Mandem sugestões, compartilhem,  estaremos atentos e procuraremos  nos informar e escrever tudo sobre: FICÇÃO OU VERDADE... AMÉM

Perfil do Autor

Pr. Eliel Faria

Pastor bacharel em Teologia pelo Semiário Batista do Sul do Brasil no Rio de Janeiro, formado em 1982, com cursos de especialidade em...