O Direito De Ir E Vir De Forma Inteligente!!!

Publicado em: 17/06/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 617 |

Brasília: O direito de ir e vir de forma inteligente!!! 

Ônibus sucateados, metro subutilizado, vans lotadas, lotações clandestinas em carros particulares aos cacos, motoristas despreparados e falta de fiscalização fazem do transporte público de Brasília uma péssima opção para o deslocamento do cidadão. Isso tudo às barbas do Governo Federal, do GDF, do Ministério do Transporte, autarquias, universidades e outras entidades, nacionais e distritais, relacionadas ao setor. A teia neurológica, a inteligência está aqui, pronta para expandir e ser usada, mas falta ousadia nas ações, tanto por parte do Governo Federal quanto do GDF!! Como justificar o funcionamento parcial do metro? Porque não aproveitar a linha férrea existente entre Brasília e Luziânia? 

Como as grandes capitais mundiais, que usam o "tramway", o velho bonde modernisado ou metrô de superfície, mais barato e eficiente, Brasília deveria colocar trilhos em toda extensão das W3 e L2, sul e norte; da Rodo ferroviária, pelo eixo monumental indo até o Lago, e depois ao aeroporto. Aí, o Lago Paranoá poderia ser também aproveitado como uma via náutica de integração do transporte urbano da cidade, servindo às comunidades que habitam no outro lado, e trabalham ou estudam no Plano piloto. Essa possibilidade pode também ajudar a consolidar a vocação turística da cidade, na medida em que o Ministério Público fizer cumprir a lei, liberando toda a orla do lago à visitação pública. Há tempos o Rio Sena, em Paris, é estudado para receber o projeto do Metro fluvial, como uma das soluções propostas para melhorar ainda mais o já ótimo transporte público da cidade. 

A implantação do “tramway”, e a extensão do metro até o fim da Asa Norte possibilitaria a expulsão dos ônibus e das vans do Plano Piloto, melhorando significativamente o transporte coletivo, abrindo espaço para a criação de ciclo vias e passeios para pedestres, estimulando a adoção desses meios não poluentes, em substituição ao transporte individual, tal como acontece em Paris, Amsterdã, Berlim, e Joinvile, para citar um exemplo brasileiro. 


A rodoviária, do ponto de vista urbanístico, nada deixa a desejar, mas na sua manutenção, e no respeito ao usuário tira nota zero. O ambiente é fétido, com camelôs e pedintes ocupando grande parte dos espaços de circulação, causando total desconforto e constrangimento aos usuários, e demais transeuntes. 

O Brasília poderia ousar na revolução do transporte coletivo, como já o fez Curitiba, no governo Jaime Lerner, internacionalmente reconhecida como exemplo de sistema viário inteligente. Necessitamos implantar passeios arborizados em todas as vias da cidade para tornar a existência do pedestre mais digna, mas a política dos jecas, dos lobistas, e demais interesseiros, tenta ignorar que as pernas são e serão sempre o melhor meio de transporte para o homem. 

Uma parte da economia de Brasília é feita pelos carroceiros, catadores de materiais recicláveis, os quais prestam um ótimo serviço a sociedade, mas são ignorados pelas políticas do GDF, incompreendidos, e intolerados pelos motoristas da cidade. Poderíamos ter passeios turísticos de charretes e carruagens, às noites e finais de semana, na esplanada, na orla, e em outros locais. Falta-nos visão, ou, quem sabe, uma rainha para que esse meio de transporte seja considerado no mínimo uma grande atração para o turismo da cidade. Seguramente, parte da nossa elite social e política torcerá o nariz, menosprezando essa hipótese, mas já se refestelou em passeios de carruagem, e assemelhados, privados ou oficiais, quando em visita a países europeus. 

Os automóveis, a cada dia que passa, mais sufocam o espaço físico, os pulmões, e a paciência dos cidadãos de Brasília, e, certamente, entediam os visitantes que aqui chegam em missões diversas. 

A vocação de Brasília, além da política, do comércio, da indústria, e da cultura, é também o turismo. O visitante que aqui chega, tem os táxis como única opção de deslocamento, veículos que não permitem como os ônibus, a apreciação do que temos de melhor, a nossa paisagem natural, e a concepção urbanística, idealizada Lúcio Costa e Oscar Niemeyer. 

É preciso pensar Brasília, e fazer Brasília pensar, para justificar o seu status de capital de um país continente. Usar o conhecimento acumulado, e agir com firmeza para garantir a solução desse e de outros problemas que nos afligem como homens, mulheres e crianças que circulam neste grande planalto. 

Agora é o momento de mudar, de trocar, de exigir e de mostrar que JK tinha razão, de valorizar a nossa cidade, sob o nosso ponto de vista pessoal e institucional, pois aqui residimos, e residirão nossos filhos. Devemos pensar em construir aqui uma nova cultura, voltada à racionalização e ousadia em tudo que diga respeito ao bem viver. Assim, o tema “transporte público” se reveste de grande importância, colocando-se ao lado de saúde, educação e segurança. 

Para estimular a adoção de modos alternativos de transporte são necessárias ações educativas, e campanhas de esclarecimento, até que o modo de pensar de nossa gente seja transformado, e nesse sentido, é bastante apropriada à criação de um “Museu dos Meios de Transporte”, mostrando sua evolução, desde os tempos dos tropeiros até hoje, despertando o interesse e conscientizando a população para a importância do tema. Assim, quem sabe, por fim a inércia social, para que ela finalmente aprenda a exigir o direito universal de ir e vir. 

Valdo França – consultor.valdo@gmail.com

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/meio-ambiente-artigos/o-direito-de-ir-e-vir-de-forma-inteligente-978070.html

    Palavras-chave do artigo:

    transporte publico

    ,

    mobilidade

    ,

    brasilia

    Comentar sobre o artigo

    tereza afonso ferreira guedes

    O artigo trata da preocupação do país com o trânsito e a mobilidade urbana.

    Por: tereza afonso ferreira guedesl Educaçãol 02/12/2009 lAcessos: 1,300 lComentário: 10

    Governo Dilma: sem mobilidade para investir em transportes – Este ano R$ 2,54 bilhões foram pagos até maio, 93% são de restos a pagar. Governo Dilma sem gestão pública

    Por: Cristina toorl Notícias & Sociedade> Polítical 13/06/2012 lAcessos: 39

    Evento integra a série de seminários gratuitos de logística

    Por: Luciana Sanfinsl Negóciosl 03/09/2010 lAcessos: 177

    Como diria um grande sábio, torno-me paciente para com minhas fraquezas, meus erros, para com minha impotência e minha pouca idade, paciente para com os irmãos menores e maiores que a todo instante me põem à prova, mostrando-me meu limite. Essas palavras foram ditas no alvorecer da minha juventude modesta, mas de um carisma todo especial, pois a nossa missão, desde os primórdios de nossa vida, já planejávamos como seria feito quando atingíssemos a maior idade. Vemos a nossa Pátria querida...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 26/06/2013 lAcessos: 18

    Presidente do PSDB, senador Aécio Neves criticou o pronunciamento da presidente Dilma Rousseff na abertura da reunião com governadores e prefeitos de capitais, quando ela propôs um plebiscito para convocar uma assembleia constintuinte pela reforma política; "A presidente da República não assumiu suas responsabilidades, tangenciou os problemas e buscou desviar o foco dos reais interesses expressos pela população",

    Por: Jucal Notícias & Sociedade> Polítical 25/06/2013 lAcessos: 18

    O trânsito é considerado hoje um fenômeno social que atinge todas as sociedades, desde as classes sociais mais elevadas às mais baixas. É um acontecimento de todos os tempos e de todos os povos. Está cada vez mais presente na vida cotidiana das pessoas. O Brasil vem enfrentando graves problemas em relação ao trânsito, sendo um agravante no quadro epidemiológico, e que acarreta custos sociais e econômicos bastante altos.

    Por: Julianal Psicologia&Auto-Ajudal 14/09/2011 lAcessos: 198

    Palavras sábias e de um significado magistral. Ah! Se todo cidadão brasileiro, pensasse com nitidez e, assimilasse todos os belos ensinamentos, que são colocados a sua disposição, por pessoas que almejam o bem, e uma vida sem conturbação para a sociedade brasileira. Essas pessoas são inteligentes, vislumbram a situação política atual do País, e procuram através de altivos caminhos, como devemos imantar e por meio de azimutes beneméritos alcançarem o bem desejado por todos nós.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 02/07/2013 lAcessos: 16
    Fábio Araújo de Holanda Souza

    Este trabalho tem por finalidade discorrer sobre os direitos da pessoa com deficiência, fazendo encômios sobre a legislação atual.

    Por: Fábio Araújo de Holanda Souzal Direitol 24/08/2009 lAcessos: 11,308 lComentário: 15

    O trabalho social na área de habitação é um constituinte indispensável da política urbana e habitacional, norteado por um ponto de vista político e socioeducativo, embasado em valores democráticos e justiça social. Visa à promoção da inclusão social, o acesso à cidade, o acesso aos serviços públicos e estimula a participação cidadã. O presente artigo se insere na temática "práxis do trabalho social como instrumento de acesso das pessoas a um direito social, ou seja, moradia digna".

    Por: Thayse Fernandal Direito> Doutrinal 31/05/2013 lAcessos: 133

    No dia 03 de dezembro de 2011, os participantes do 3º Congresso Ibero-Americano de Engenharia Civil, realizado em Curitiba, aprovaram um Manifesto por Inovações no Pensar, Conceber e Gerir as cidades. Neste, os engenheiros, após debaterem amplamente o tema "Experiências e Conceitos Inovadores de Engenharia Civil nas Cidades"...

    Por: Central Pressl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 13/11/2014

    Os alimentos orgânicos parecem ser ótimas alternativas aos que querem melhorar a qualidade de vida com alimentação saudável, sem agredir o Meio Ambiente. Será que realmente compensa?

    Por: Tiago Flores Diasl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 20/09/2014 lAcessos: 11
    Odalberto Domingos Casonatto

    O chamado "depósito de lixo dos Oceanos", localizado no Oceano Pacífico, esta envergonhando a humanidade e a cada dia se torna maior. Hoje se calcula ter a dimensão do Estado de Minas Gerais, podendo ser maior. Outro alerta é que perto de nós no Oceano Atlântico também começa se formar montanhas de lixo de plástico acumulado pelas correntes marítimas. A humanidade não pode se contentar com denúncias, mas urgentemente tomar decisões que mudem as atitudes do ser humano frente ao lixo de plástico.

    Por: Odalberto Domingos Casonattol Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 15/09/2014 lAcessos: 20

    Este artigo objetiva analisar a importância da agroecologia como um meio sustentável visando acabar com o uso dos agrotóxicos. O presente artigo mostra a agroecologia como uma alternativa que veio para amenizar os diversos problemas e impactos ambientais que surgem na agricultura e também para eliminar o uso do agrotóxico no campo.

    Por: janil Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 10/09/2014 lAcessos: 23
    Benedicto Ismael Camargo Dutra

    Agora, surge uma visão desoladora com a limitação de recursos naturais, alterações do clima, crise econômico-financeira. O homem sempre fugindo de sua responsabilidade de ser um beneficiador, impondo sua vontade, sem refletir que a vida é uma passagem rápida.

    Por: Benedicto Ismael Camargo Dutral Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 20/08/2014 lAcessos: 17
    Adilson Stewart

    Os primeiros incineradores deixaram uma imagem negativa, mas contudo foram responsáveis pelas pesquisas que se seguiram até que se chegasse a filtragens adequadas dos gases oriundos da queima. Do penico aos filtros atuais é este caminho que vemos neste texto.

    Por: Adilson Stewartl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 30/06/2014 lAcessos: 22
    Adilson Stewart

    Bons exemplos devem ser observados com mais atenção. A Noruega é uma boa prova disto, afinal eles estão importando lixo para queimarem em seus incineradores, enquanto por aqui, alguns recebem o dinheiro para o lanche e transporte para levantarem placas contra os incineradores sem ao menos ter uma noção do que isso significa. O Brasil tem sentido a mudança climática, assim como todo o planeta e precisamos estar atentos.

    Por: Adilson Stewartl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 27/06/2014 lAcessos: 21
    Adilson Stewart

    Somos, entre outras coisas, o pais do futebol, não há como negar, mas não vivemos ou sobrevivemos desta atividade, apenas um pequeno e seléto grupo vive. Nossa realidade nos impulssiona a ver o quanto a administração pública deixa para tráz em favor da realização de um campeonato mundial de futebol aqui e nem só para o futebol somos a "bola da vez".

    Por: Adilson Stewartl Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 27/06/2014 lAcessos: 17

    Uma proposta pra revolucionar Brasilia como porta de entrada para turismo internacional Autor: Engenheiro Valdo França Fundador e Diretor da Societé Francophone de Tourisme Actif et Durable au Brésil Tel. 61- 8144 8483 - tourisme.insolite@gmail.com

    Por: Valdo Françal Turismo e Viageml 10/03/2011 lAcessos: 159

    Na busca de soberania e auto preservação, negros libertários ocuparam, já a partir do final do século XVI, terras "sem dono", marginais à economia da época, distantes e ou de difícil acesso. Os isolamentos geográficos, econômicos e sociais das comunidades formadas, os quilombos, fizeram com que desenvolvessem estilo de vida peculiar, adaptada aos recursos ambientais existentes. Este estilo foi forjado da interação do negro com a natureza, sustentado pelo conhecimento e valores ancestrais da cult

    Por: Valdo Françal Notícias & Sociedadel 20/06/2009 lAcessos: 606

    Desde o inicio dos anos 70 os encontros agronômicos no Brasil e no mundo tem sido palcos de apaixonantes e acirrados debates entre os defensores da agricultura química e da agricultura ecológica. Antes de qualquer avaliação é importante definir para o leitor algumas características mais importantes das duas correntes antagônicas da agronomia. Agricultura em essência não deixa de ser uma atividade extrativista. O homem aproveita o potencial fotossintético das plantas, transformando os minerais

    Por: Valdo Françal Ciênciasl 19/06/2009 lAcessos: 1,071

    La juventud es una fase desafiante, conflictiva y fundamental en la evolución, madurez y equilibrio emocional del humano. Es una fase de transición de la niñez para la vida adulta. El joven empieza a tener influencia notable y transformadora de las hormonas sexuales en su fisiología y psicología.

    Por: Valdo Françal Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 10/06/2009 lAcessos: 147

    " Todo jardim é a um tempo cantão da natureza, quadro destinado a encantar o olhar e ou tapete para acolher e honrar o visitante". Palavras do paisagista Luiz Van Beethoven de Abreu, criador do Parque Nacional de Brasília e responsável pela concepção e execução de dezenas de projetos paisagísticos e jardins da capital. Beethoven foi amigo e parceiro de Burle Marx , participando do processo criativo e lhe dando o suporte botânico e agronômico necessário em muitas de suas obras. A oportunidade qu

    Por: Valdo Françal Turismo e Viagem> Dicas de Viageml 01/04/2009 lAcessos: 1,462

    O homem nômade levou milênios domesticando plantas e animais. Passaram-se menos de dois séculos entre a descoberta da turbina a vapor até o domínio da energia nuclear. A ciência levou menos de 10 décadas entre a descoberta de telegrafo de fio de cobre aos cabos de fibras óticas da rede mundial de comunicação (Internet).

    Por: Valdo Françal Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 25/03/2009 lAcessos: 385

    A demanda mundial de madeira e subprodutos florestais é crescente, da mesma forma que aumenta a pressão da opinião pública e dos órgãos financeiros mundiais contra a destruição dos últimos remanescentes de ecossistemas naturais do planeta. A previsão para as próximas décadas é de plena escassez de madeira de lei e a proibição definitiva da comercialização de derivados florestais oriundos de desmatamentos de bosques nativos. O mercado futuro aponta para a valorização de produtos florestais certif

    Por: Valdo Françal Tecnologia> Tecnologiasl 23/03/2009 lAcessos: 663

    A luta contra a fome é uma luta que passa pelo pleno direito à educação gratuita para todas as crianças. Muitas propostas do tipo “bolsa escola” já foram e ou estão em implementação pelos estados e municípios do Brasil. Mas como é de costume das políticas publicas do Brasil, esses programas são regidos de forma muito simplória, o que tem os tornado cada um deles em apenas mais um programa de distribuição de renda. Ao olharmos e avaliarmos os diferentes programas públicos com este mote, podemos c

    Por: Valdo Françal Notícias & Sociedade> Polítical 21/03/2009 lAcessos: 1,397

    Comments on this article

    0
    Paula Souza 11/11/2009
    Adorei essa pagina
    esta mi ajudando muito*--*
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast