Direitos do trabalhador avulso

Publicado em: 09/09/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 418 |

DIREITOS DO TRABALHADOR AVULSO 

 

O trabalho avulso possui em 2 (duas) espécies, a do trabalhador avulso portuário regido pelas Leis 8.630/93 e 9.710/98, e a do trabalhador avulso de atividades de movimento de mercado, que é regulado pela Lei 12.023/2009.

 

A Lei 8.212/91, no artigo 12, inciso VI, prescreve que considera avulso :

 

VI - como trabalhador avulso: quem presta, a diversas empresas, sem vínculo empregatício, serviços de natureza urbana ou rural definidos no regulamento;

 

É mister ressaltar ainda, que o trabalhador avulso pode prestar serviço tanto urbano ou no campo para várias empresas diferentes sem qualquer vínculo empregatício, sendo sindicalizado ou não, mas porém com a intermediação obrigatória pelo sindicato da categoria.

 

Salienta -se que nesta relação de trabalho não existe qualquer vínculo entre empregado e empregador, portuário avulso e o tomador de serviço, mas tão somente uma relação de trabalho autônomo.

 

Cumpre esclarecer ainda, que o trabalhador avulso não tem a necessidade de ser sindicalizado. Mas no entanto é necessário que exista a intermediação pelo sindicato, ou seja, é obrigatória para não colocar o trabalhador em desvantagem com o empregador.

 

Ressalta-se ainda, que o trabalhador avulso trabalha por escala conforme o OGMO -Órgão Gestor de Mão de Obra.

 

Ainda é importante dizer, que o trabalhador avulso tem de ser devidamente treinado na carga e descarga de navios, para evitar acidentes de trabalho.

 

Acrescenta-se ainda que o trabalhador avulso, presta serviços sem vínculo de emprego, não havendo subordinação com o sindicato da categoria nem mesmo com às empresas que presta serviços. A duração do trabalho é sempre de curta duração.

 

Desta forma conforme o artigo 7º, XXXIV da Constituição Federal que elencaremos abaixo, existe igualdade entre os trabalhadores avulsos e os trabalhadores permanentes.

 

Art. 7º ...

XXXIV - igualdade de direitos entre o trabalhador com vínculo empregatício permanente e o trabalhador avulso.

...Continue lendo em

DIREITOS DO TRABALHADOR AVULSO

www.buenoecostanze.adv.br

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/negocios-artigos/direitos-do-trabalhador-avulso-5204760.html

    Palavras-chave do artigo:

    direitos

    ,

    trabalhador

    ,

    avulso

    Comentar sobre o artigo

    Trabalhador rural: é uma pessoa física que trabalha em propriedades rurais, prestando serviço em caráter não eventual ao empregador.

    Por: costanzel Direitol 09/09/2011 lAcessos: 179
    André Reis

    Este material foi produzido a partir da leitura do Curso de Direito de Trabalho, de Luciano Martinez, editora Saraiva. Tem como objetivo principal auxiliar o leitor na compreensão da referida obra; por esse motivo, foi elaborado de modo esquematizado, identificando e selecionando as ideias principais, agrupando-as de forma concisa e objetiva.

    Por: André Reisl Direito> Doutrinal 05/10/2011 lAcessos: 400

    O presente trabalho visa à análise dos Direitos Trabalhistas do preso no que consta na LEP (Lei de Execuções Penais). Para tanto, foi feita a diferenciação entre Pena e Sanção, como também foram estudadas as Teorias da Pena. Dessa forma, se chegou ao objetivo do trabalho, esclarecendo quais direitos foram garantidos pela CR/88 aos trabalhadores urbanos e rurais e por fim verificar quais direitos a LEP garantiu ao trabalhador preso.

    Por: Gabriela Matiasl Direito> Legislaçãol 07/11/2011 lAcessos: 689

    O presente artigo visa comentários sobre as fontes de custeio da seguridade social e sua evolução no direito brasileiro.

    Por: ANDRE DOS SANTOSl Direito> Doutrinal 16/09/2011 lAcessos: 408

    Esse trabalho tem como objetivo esclarecer o que são contribuições sociais e quais as contribuições que se constituem, apresentando de que forma é calculada a contribuição tanto do empregado, doméstico e trabahador avulso. Observa-se portanto, qual a aplicação da alíquota para cada tipo de contribuinte, assim como valores mínimos que devem ser colaborados. Resta saber também, quais os percentuais de contribuição.

    Por: Simone Follmerl Direito> Doutrinal 21/10/2014

    Advogada da Cone Sul Assessoria Empresarial, Dra. Maria Isabel Montañes, alerta: empresa que deixar de realizar o depósito também pagará multa

    Por: Daniellel Notícias & Sociedadel 08/05/2012 lAcessos: 207

    O presente artigo dispõe dos principais crimes que podem ser cometidos contra a Seguridade Social. Crimes que podem ser praticados tanto pelo contribuinte quanto pelo segurado social.

    Por: JÉSSICA CHELES COSTAl Direitol 13/06/2011 lAcessos: 127
    Tiago Luis

    Com o objetivo claro de coagir as empresas a efetuarem suas contribuições corretamente, o legislador ordinário instituiu tipos penais, visando àqueles que não cumprem as obrigações previdenciárias.

    Por: Tiago Luisl Direitol 19/05/2011 lAcessos: 282

    A sobrevivência humana depende de incontáveis de fatores externos ao indivíduo sujeitando-o, por vezes, à prática de atos que não são as almejadas, porém necessárias à perpetuação no planeta. Nesse prisma, nasce a necessidade do homem trabalhar para a manutenção de sua vida e de sua família. Com isso, diversos mecanismos foram criados para regular essa relação social existente entre os homens, para possibilitar em convivência harmônica entre os indivíduos da sociedade, a proteção legal ao menor.

    Por: Fabio Mendonça de Oliveiral Direito> Doutrinal 21/08/2010 lAcessos: 4,678

    Começar um negócio próprio não é nada fácil. Quem já teve essa experiência sabe que as dificuldades parecem não ter fim, e a vontade de desistir ou voltar a vida de empregado, batem na porta com a saudade da rotina comum da maioria dos trabalhadores. Construir sua empresa requer uma paciência especial, porque problemas acontecem a todo instante e coisas que você nem imagina ou pensava em se importar, se tornam primordiais para o funcionamento dela.

    Por: 3xcelerl Negóciosl 22/10/2014
    Gustavo Rocha

    Uma interessante pesquisa do GEJUR aponta em inúmeros escritórios participantes, os meios e métodos de uso das metas de eficiência. Tema deveras polêmico, pois na maioria das visões que conheço e vivencio, ambas as partes (sociedade e advogados) reclamam dos métodos aplicados. De um lado, escritório, querem medir o desempenho para opor melhor crescimento do negócio e de outro lado os profissionais, que querem mostrar este desempenho para alcançarem maiores vôos… Divido a pesquisa:

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 17/10/2014

    Com o crescimento das empresas, os empresários sentiram a necessidade de fiscalizar seus procedimentos internos, como não poderiam fazê-lo pessoalmente, precisavam de uma pessoa que emitisse seu parecer com sugestões de melhoria para os problemas apresentados foi a partir dessa fase que surgiu o auditor interno e externo. Com a competitividade, as empresas que passaram a utilizar dessa ferramenta, tornaram-se mais competitivas, utilizando-se de estratégias que lhe transmitisse mais segurança.

    Por: Daiana Franciele Righil Negóciosl 16/10/2014

    A contabilidade gerencial contempla informações definidas pelos usuários (internos ou externos) como necessárias para as suas tomadas de decisões, e se for bem aproveitado, pode gerar valor à empresa e seus gestores. Dentro deste contexto identifica-se a contabilidade gerencial e financeira que se diferenciam por atenderem a públicos diferenciados e por tomarem como base dados tangíveis e intangíveis.

    Por: Daiana Franciele Righil Negóciosl 16/10/2014
    Victor Hugo Oliveira dos Anjos

    Como trabalho de conclusão do Técnico em Gestão de Políticas Públicas é pertinente estudar a mobilização da sociedade civil para reivindicação de seus direitos e participação na criação de políticas públicas por meio das associações de bairro, a fim de entender a contribuição popular neste processo. Assim, investigar o papel das associações de bairro como mediador entre a população e o Estado é relevante para a compreensão da democratização dos agentes públicos e da efetivação dos direitos.

    Por: Victor Hugo Oliveira dos Anjosl Negóciosl 13/10/2014
    Gustavo Rocha

    12 de Outubro, feriado, data da padroeira do Brasil Nossa Senhora, também data em que comemoramos o dia das crianças. Dia das crianças, uma data comercial, sem sombra de dúvidas. Mas, a reflexão que faço é sobre a nossa criança interior. Aquela criança que nunca deixará de ser nós mesmos em constante evolução. Qual a característica comum a todas as crianças: Curiosidade e não ter medo. Criança não tem medo do ridículo, ela se suja e está feliz.

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 12/10/2014
    Gustavo Rocha

    Divido com vocês um trecho do artigo do filósofo Mário Sérgio Cortella, sobre as novas gerações e seus dilemas. Vale a pena a leitura: Na conversa a seguir, ele chama a atenção para um "desvio de formação" dos jovens, que não foram ensinados a batalhar pelo que desejam. Ao mesmo tempo, afirma que essa geração tem várias características que precisam ser valorizadas. Cortella também dá um alerta sobre a nossa falta de tempo para pensar sobre nós mesmos:

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 10/10/2014
    Gustavo Rocha

    Ao ler o título, muitos dirão que não é verdade: Chefia não tem sentimentos, eles tem sarcasmo e principalmente mau humor. Outro dirão que ao contrário, são muito emocionais. E há aqueles que são durões ou fingem ser durões. Ou ainda aqueles que dizem que são parceiros dos colaboradores e na verdade apenas querem o seu sucesso e nada além disto… Tantos modelos de chefes, não é mesmo? A Exame.com trouxe alguns pontos que devem ser questionados nestas reflexões. Vejamos:

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 08/10/2014

    A quebra de caixa é uma verba ou adicional, com a finalidade única de cobrir os riscos assumidos pelo trabalhador, que manipula constantemente com valores pecuniários, ou seja dinheiro.

    Por: costanzel Direitol 28/09/2011 lAcessos: 942

    Muitas pessoas acreditam que só ocorre Bullying no ambiente escolar entre alunos. Salienta-se que o comportamento de quem pratica Bullying é tão destrutivo a auto-estima do ser humano estando presente não só entre as crianças mas sim, principalmente entre homens e mulheres em seu ambiente de labor. O Bullying no local de

    Por: costanzel Direitol 16/09/2011 lAcessos: 369

    Cumpre esclarecer que é um ato comum de funcionários maltratar ou agredir animais em seu estabelecimento onde é comum inúmeras reclamações junto aos órgão de defesa do consumidor (PROCON).

    Por: costanzel Direitol 16/09/2011 lAcessos: 157

    Desde 1999 existe um projeto de lei, que está parado na Câmara dos Deputados, que considera algumas atitudes praticadas por usuários da Rede Mundial de Computadores, a Internet, como crimes que podem ser punidos com prisão de um mês até seis anos.

    Por: costanzel Internetl 15/09/2011 lAcessos: 128

    De acordo com as regras da nossa língua portuguesa, palavras terminadas em "nte" não tem variação de gênero: Atacante, Estudante, Gerente, PRESIDENTE... Porém, desde 1872 a palavra "Presidenta" existe na língua portuguesa e consta nos dicionários:

    Por: costanzel Direitol 15/09/2011 lAcessos: 99

    A preocupação com maus-tratos aos animais já era no seculo XV, o debate polêmico dos direitos dos mesmos introduzido pelo filósofo Ramon Bogéa, e dado continuidade no século XVII, pelo filósofo francês René Descartes e ainda por Aristóteles no século IV A.C., que debatia que os animais tinham alma.

    Por: costanzel Direitol 15/09/2011 lAcessos: 191

    É necessário saber que com fundamento em nossa Constituição Federal, todos tem direito a exercer uma profissão, onde é assegurado a todos acima de toda e qualquer discriminação o deficiente.

    Por: costanzel Direito> Legislaçãol 14/09/2011 lAcessos: 140

    Considera-se empregado doméstico aquele maior de 18 (dezoito) anos que presta serviços de natureza contínua (ininterrupta), onde sua atividade não gere lucro a pessoa ou à família contratante (Art. 1º da Lei 5.859 de 11/12/1972). Assim, o traço diferenciador do emprego doméstico é o caráter não-econômico da atividade exercida no âmbito residencial do empregador.

    Por: costanzel Direitol 14/09/2011 lAcessos: 366
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast