História Da Logística

30/04/2009 • Por • 24,720 Acessos

Ao procurarmos a palavra logística em um dicionário, vemos que surgem várias denominações relativas à termos matemáticos da época da Grécia antiga, do tão conhecido termo 'logos' que significa razão. Originalmente o termo 'logística' com o significado que entendemos hoje, vem do francês Logistique e tem como uma de suas definições de cunho militar, onde a guerra é totalmente dependente de uma logística eficaz que cuida do transporte e manutenção de suprimentos para fins de operações em campos de guerra ou apenas administrativos. Para AGL Logistics, o preço e o transporte são importantes, até porque o mundo capitalista de hoje não prevê guerras, ou pelo menos, não as deseja. Assim, criou-se também a cadeia de fornecimento.

A logística e a cadeia de fornecimento são entes inter-dependentes, que inclui o fornecedor, a pessoa ou empresa que são responsáveis pela matéria-prima, ou criação de produtos de outra determinada empresa. Pode ser entendido também como uma forma de colaboração entre fornecedores. Para a noção e criação de valores desta cadeia, ainda contamos com a figura do varejista e do consumidor final. Cadeia de fornecimento e logística se definem como o conjunto de factores que fazem o armazenagem , manuseamento , transporte e entrega de certo produto, de um ponto inicial a um ponto final, quase como um processo de várias camadas.

Em tempos antigos, certas campanhas de guerra se valiam de algo parecido com a logística. As guerras eram longas, duravam décadas, às vezes séculos, e as tácticas militares daquela época certamente incluíam tácticas de logística tanto para suprimentos como armamentos. Rotas de ataque eram pesquisadas e calculadas a partir de conceitos primitivos de logística, assim como a diferença de trajectos para tipos diferentes de armamentos e carros de guerra. Estas rotas nem sempre eram as mais curtas pois levavam em conta os trechos com água potável e mantimentos. Desejas saber mais?

A logística moderna engloba vários factores imprescindíveis para o melhor desempenho e competitividade das empresas no mundo globalizado. A busca constante de redução de custos e te tempo de entrega bem como trajectos diferentes optimizam o serviço da logística. Por consequência, ou não, há o aumento da qualidade no cumprimento do prazo, disponibilidade constante dos produtos, programação das entregas, facilidade na gestão dos pedidos e flexibilização da fabricação, análises de longo prazo com incrementos em inovação tecnológica, novas metodologias de custeio, novas ferramentas para redefinição de processos e adequação dos negócios. Apesar dessa evolução, até a década de 40 havia poucos estudos e publicações sobre o tema.

Mas este crescimento da logística começou a ser visto apenas na década de 60 em diante, quando o controle de qualidade e satisfação do cliente foram colocadas em primeiro plano, na procura da preferência pelos clientes. A partir daí, e também se moldando à clientes mais motivados e que sabem o que querem, empresas especializadas em logística começaram a surgir. Até que na década de 70 houve a explosão da procura por transportadoras especializadas em dar ao cliente preços e prazos competitivos. Encontramos bons preços recentemente neste site.

Com a globalização e o nascimento da Internet no mundo moderno, a logística se mostrou muito mais que necessária. Com isso, as pessoas passaram a adquirir produtos no conforto de suas próprias casas, aparecendo cada vez mais campo para a logística crescer. As empresas de hoje em dia deve estar preparadas para a competição logística a nível mundial, prontas para fazer entregas ao outro lado do mundo em menos de 24 horas, mesmo dentro de seu território local, mudando, assim, o foco de empresas multinacionais.

Perfil do Autor

Daniela

A AGL Logística pretende mostrar que entende todas as necessidades de cada cliente.