"lei 11.638/2007"

Publicado em: 12/06/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 2,995 |

Com a globalização da economia e o inicio de um único mercado, a necessidade de desenvolver uma central única de informações para padronizar as práticas contábeis que sejam compatíveis para seus diversos usuários ficou evidente. Foi com este propósito que os padrões internacionais de contabilidade foram fortalecidos, e a busca pela unificação das praticas contábeis brasileiras pelas praticas contábeis internacionais se fez necessária.

A aprovação da Lei 11.638/2007 faz com que o mundo da contabilidade ganhe um cenário internacional muito mais forte e sólido.

Alinhando as práticas contábeis do Brasil ao cenário Internacional podemos evidenciar o poder da contabilidade junto as organizações.

As Demonstrações Contábeis, especificamente do Balanço Patrimonial passam a ter um significado muito mais importante no contexto do balanço, afinal a globalização faz com que o balanço ganhe força estrangeira.

A Escrituração Contábil após a elaboração das demonstrações contábeis, deverão ser feitos algumas correções para atender ao fisco, fazendo registros em livros auxiliares. Conforme a CVM, em Comunicado ao mercado2 em janeiro deste ano (2008).

Segundo especialistas a mudança mexe com a estrutura da contabilidade em toda sua história e faz com que a atualização cada vez mais seja uma tendencia no mercado mundial até para a contabilidade.

Porque aprovar a lei 11.638/07?

Você já esta atualizado com a lei 11.638/07?

Quais os impactos da lei na contabilidade?

Escrituração contábil o que muda?

Quais os pontos positivos da lei?

PALESTRA

“Contabilidade e as Mudanças com a lei 11.638/07”

14/07/2009

Maiores informações acesse: www.gecafsp.com.br

Programa

  • Alinhamento as práticas contábeis do Brasil ao cenário Internacional
  • Demonstrações Contábeis, especificamente na estrutura do Balanço Patrimonial.
  • Escrituração Contábil
  • A Primazia da essência sobre a forma
  • Os aspectos positivos

Incluso

v     Material de palestra

v     Coffee break

v     Certificado de Participação

INSCRIÇÕES ACESSE: www.gecafsp.com.br

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/negocios-artigos/lei-116382007-969035.html

    Palavras-chave do artigo:

    contabilidade

    ,

    lei

    Comentar sobre o artigo

    A Lei 11.196/05 intitulada "A Lei do Bem" trouxe benefícios às empresas optantes pelo Lucro Real e pelo Lucro Presumido que investem em inovação, pesquisa e desenvolvimento.O objetivo do artigo é explicitar quais são esses benefícios oferecidos pela Lei 11.196/05. Utilizou-se de pesquisas bibliográficas em sites e revistas eletrônicas. Embasado nas pesquisas conclui-se que a Lei em questão gera desenvolvimento tecnológico no território nacional e aumenta o investimento em inovação.

    Por: Natalia Correal Negócios> Administraçãol 13/09/2011 lAcessos: 1,089

    Apresentar definições suscintas sobre os principais termos contábeis e financeiros à luz da nova Legislação Contábil Brasileira, baseada na Lei 6.404/1976, com as alterações advindas das Lei 11.638/2007 e 11.941/2009.

    Por: LUIZ ROBERTO NASCIMENTOl Negócios> Gestãol 23/08/2010 lAcessos: 6,359 lComentário: 1

    O papel da contabilidade como fornecedora de informações para tomada de decisão e promotora da eficácia em finanças está em discussão devido às implicações junto ao mercado de capitais. As demonstrações contábeis são fundamentais para análise da situação econômica-financeira por seus usuários. A problemática analisada pode ser resumida na seguinte questão: Quais são os principais impactos no Balanço Patrimonial a partir da Lei 11.638/07? O presente trabalho tem como objetivo apresentar as mudan

    Por: ELAINE CRISTINA SANTOSl Negócios> Administraçãol 21/10/2008 lAcessos: 244,753 lComentário: 19

    Apresenta as principais alterações trazidas pela lei 12.249/10 no dia-a-dia dos contabilistas, tais como o famigerado retorno do Exame de Suficiência.

    Por: André Charone Tavares Lopesl Negócios> Administraçãol 12/07/2010 lAcessos: 1,683 lComentário: 1

    Em plena era digital surgiu a Nota Fiscal Eletrônica, que permite ao Fisco homologar em tempo real as operações comerciais das empresas. O objetivo deste artigo é trazer o conceito da Nota Fiscal Eletrônica, apresentar o funcionamento do projeto e os benefícios esperados com a implantação, por parte do Sistema Público de Escrituração (SPED), do novo modelo de escrituração que substitui a nota fiscal em papel por um documento eletrônico com a mesma finalidade e validade jurídica. A problemática d

    Por: JANICE APARECIDA DO NASCIMENTOl Negócios> Administraçãol 04/10/2008 lAcessos: 14,167 lComentário: 3

    A internacionalização dessa linguagem é tão importante que também a área pública passará a adotar as IFRS em 2012 para as demonstrações contábeis da União e dos Estados e em 2013 para os municípios.

    Por: Isabel Tourinhol Negócios> Gestãol 19/01/2011 lAcessos: 3,300

    Este artigo conta a historia do surgimento da contabilidade no brasil e seu desenvolvimento através do tempo até hoje.

    Por: LEANDRO ALBERTO ALVES DE LIMAl Negócios> Administraçãol 19/11/2010 lAcessos: 2,983

    Neste artigo abordou-se a temática: A influência da Contabilidade participativa no crescimento das pequenas empresas, pois se observa que o estudo desse tema é de fundamental importância para o estudo da Contabilidade e para a formação do Contador no século XXI. A escolha de se trabalhar esse assunto surgiu da observação direta, pois os fatos analisados demonstram como as pequenas empresas podem se beneficiar e desenvolver fazendo o uso eficiente das informações contábeis.

    Por: Crisla Maria Bessa Medeirosl Negócios> Pequenas Empresasl 06/04/2010 lAcessos: 1,824
    Ederson Chaves

    Este trabalho tem por objetivo informar de maneira pratica e objetiva a obrigatoriedade da DFC (demonstração dos fluxos de caixa) nas normas brasileiras, pela legislação societária e normas internacionais, para que possamos entender melhor a sua aplicação. Com o objetivo também de harmonizar a contabilidade brasileira com os padrões internacionais de contabilidade após o surgimento da Lei 11.638/07.

    Por: Ederson Chavesl Negócios> Administraçãol 10/06/2012 lAcessos: 248
    Gustavo Rocha

    Pelo menos para os trabalhadores de um prédio na Suécia. São 400 profissionais no edifício que aceitaram receber um implante de chip na mão, que substitui o crachá . Será que a moda pega? Já imaginaram usar um chip do Google, outro do Facebook, outro do escritório onde trabalha e por aí a fora? E o chip do governo, chega quando? O que você pensa a respeito? Vejamos a reportagem: Passar o crachá para entrar no escritório é coisa do passado, pelo menos para os funcionários do Epicenter, um no

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 02/03/2015
    Gustavo Rocha

    Muito se fala em inteligência emocional, em querer profissionais que aguentem a pressão, em buscar pessoas que possam ser moldadas conforme o negócio e por aí a fora. Sempre queremos que os outros mudem, que os outros se adaptem, que os outros sejam aquilo que nós não queremos ser e fazer. Difícil de aceitar, mas uma realidade clara e existente no mercado: Queremos inteligência emocional e não observamos o básico do colaborador – como ele está amadurecendo como pessoa. Queremos que ele seja m

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 01/03/2015
    Gustavo Rocha

    Quando o assunto é depressão, parece que as pessoas se escondem, como se fosse algo que devesse ficar fora do cenário de debates. É o contrário: Quanto mais conhecermos, mais poderemos esclarecer esta doença que tanto tem atacado colaboradores e/ou sócios, sem importar camada social ou conta bancária. Muitas vezes confundida com estresse, mas é um diagnóstico que somente pode ser dado por um especialista. Esqueça os especialistas de plantão, como os pais, colegas, amigos e companheiros de bar

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 26/02/2015
    Gustavo Rocha

    Departamento jurídico = estresse. Uma verdade no seu dia a dia? Para a grande maioria, senão absoluta maioria, uma igualdade que não tem solução. E neste sentido, o estresse é confundido com cansaço, se torna um mal que se acostumamos com ele ao invés de tentar rechaça-lo, enfim, ele se torna um amigo que nos apunhala diariamente… Não existe fórmula mágica, obviamente. Mas, analisar alguns pontos é sempre salutar. Uma entrevista auxilia a pensar nestes pontos, acompanhe: Em entrevista a Épo

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 25/02/2015
    Gustavo Rocha

    Já disse Isaac Newton que o que sabemos é uma gota e o que ignoramos, um oceano. Entretanto, para muitas pessoas isto parece exatamente o contrário. E não estou discorrendo da geração tal ou outra qualquer, estamos falando de pessoas, de indivíduos, de seres humanos que sabem um pouco de algum assunto e pensam que dominam aquele tema de tal forma que todos devem reverência a eles. Todos conhecemos pessoas assim, contudo, pesquisas demonstram que isto é uma realidade maior do que podemos imagi

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 23/02/2015
    Gustavo Rocha

    Como diria Oswaldo Montenegro, que não se tente complicar, pois a arte precisa de simplicidade para existir. E para iniciarmos bem o ano de 2015, esta deve ser a nossa regra diária (afinal, agora pós o Carnaval, chega de desculpas, né? 2015 iniciou!). E na vida, no dia a dia, é justamente esta simplicidade que pode fazer a diferença entre o sucesso e a monotonia. Como assim? Nós temos uma tendência natural a complicar as coisas. Não nos satisfazemos em fazer um projeto bem feito, queremos f

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 22/02/2015
    Gustavo Rocha

    Divido com vocês um compilado do livro Know-how: as 8 Competências que separam os que fazem dos que não fazem (Editora Campus/Elsevier) escrito por Ram Charan: 1 – Competência para posicionar a empresa E capacidade para mudar o negócio sempre que o mercado assim exigir O posicionamento é o princípio central da empresa e a base de sustentação que determinará se você irá ou não ganhar dinheiro. O verdadeiro teste de posicionamento é o mundo real. Se os consumidores estiverem confusos sobre o qu

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 11/02/2015 lAcessos: 11
    Gustavo Rocha

    KPI vem do inglês e quer dizer: Key Performance Indicator, ou seja, chave de indicador de performance. Hein? Isto mesmo, um paradigma para criar indicadores. Situações que podemos pensar onde devemos monitorar os resultados para alcançarmos vôos maiores. Um interessante artigo do Ricardo Jordão Magalhães nos brinda com 45 KPI`s utilizáveis no mercado e plenamente capacitados para o mercado jurídico, com poucas adaptações. Divido o artigo: 1. Qual é o Volume de vendas? POR QUE é IMPORTANTE?

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 05/02/2015 lAcessos: 11
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast