Procedimento Operacional Padrão "pop"

Publicado em: 03/11/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 19,293 |

“PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – P.O.P.”

 

 

 Em inglês, Standard Operating Procedure, foi conceituado por Colenghi-1997, como a descrição detalhada de todas as operações necessárias para a realização de um determinado procedimento, ou seja, é um roteiro padronizado para realizar uma atividade. Têm uma importância capital dentro de qualquer processo funcional, cujo objetivo básico é o de garantir, mediante uma padronização, os resultados esperados por cada tarefa executada.

 

O pop é uma ferramenta de gestão da qualidade que busca a excelência na prestação do serviço, procurando minimizar os erros nas ações rotineiras.

 

É uma ferramenta dinâmica, passível de evolução que busca profundas transformações culturais na instituição, nos aspectos técnico e político-institucionais.

 

 

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

 

 

 É a sistematização de todos os Procedimentos Operacionais Padrão, (POPs) de uma organização. Esta coletânea de procedimentos é de responsabilidade da Direção da organização (ou profissionais designados) e deverá estar completa, atualizada e revisada por profissionais capacitados. As organizações, numa visão mais ampla da atividade, tornaram a padronização de seus serviços e produtos como ponto primordial para conquista de novos clientes e sua perpetuação no mercado. O Procedimento Operacional Padrão, seja técnico ou gerencial, é a base para garantia da padronização de suas tarefas e assim disponibilizarem aos seus usuários um serviço ou produto livre de variações indesejáveis na sua qualidade final.

 

PRINCIPIOS A SEREM OBSERVADOS NA ELABORAÇÃO DO POP

 

Segurança= física e jurídica ;

 

  • Física = manter-se vivo, são e salvo;
  • Jurídica= legalidade.
  •  

Simplicidade = fácil entendimento, todos podem fazer.

 

Objetividade= saber o que, como e quando fazer.

 

 

NÍVEIS DE QUALIFICAÇÃO DO POP:

 

 

a) Nível 1 - Técnico do POP: É a pessoa diretamente envolvida na implantação do POP;

 

b) Nível 2 - Multiplicador do POP: É a pessoa formada pelos técnicos/instrutores para difundirem o POP em suas Unidades;

 

 c) Nível 3 - Executor do POP: Pessoas formadas pelos multiplicadores em suas Unidades e que exercem a atividade fim diuturnamente.

 

 

CAPACITAÇÃO DO PESSOAL

 

 

Inicialmente elaborar um plano visando regular as atividades de ensino visando a formação de Multiplicadores e Executores do  Procedimento Operacional Padrão (POP) na empresa, com objetivos de curto, médio longo prazo.

 

Um bom plano de implantação do POP deve considerar dentre outros, os seguintes aspectos:

 

a) Dotar os alunos de conhecimentos relacionados ao Procedimento Operacional Padrão – POP, tornando-os aptos a enfrentar situações de complexidade inerentes a sua área de atuação;

 

b) Formar multiplicadores e executores da doutrina do POP com capacidade de disseminar  e  aplicar o conhecimento no âmbito da empresa;

 

c) Aprimorar o desempenho das atividades prestadas pelos colaboradores, principalmente levando-os à busca pela excelência profissional.

 

Os métodos de ensino devem ser conduzidos de forma a atingir os objetivos das disciplinas do curso, utilizando-se dos seguintes procedimentos didáticos:

 

a) Exposição oral;

b) Debate;

c) Estudo dirigido;

d) Estudo de caso;

e) Estágio (operacional supervisionado);

f) Demonstração;

g) Palestra.

h) Trabalho em grupo.

 

 O conteúdo programático do Curso de executores será conforme o estabelecido no Manual de Procedimento Operacional Padrão a ser aprovado pela direção da organização buscando a aplicar a doutrina do POP no serviço operacional.

 

O Curso de Multiplicadores capacitar para a formação de  executores de acordo com a doutrina do POP, além do conteúdo do Manual do POP, o curso de multiplicadores devera contar com a disciplina de didática para capacitar os multiplicadores a disseminar o conhecimento nas diversas Unidades da organização.

 

EXEMPLO DE ROTEIRO PARA IMPLANTAÇÃO DO POP NA EMPRESA

 

Definição, pelo gerente do projeto, do corpo técnico do POP.

Convocação do Corpo Técnico do POP.

Elaboração dos Processos que constituirão o POP

Distribuição dos Processos aos Técnicos para desenvolvimento.

Desenvolvimento do processo pelo Técnico responsável.

Apresentação do processo pelo técnico responsável aos demais técnicos do POP .

Revisão e Homologação do processo do POP apresentado.

Formatação em Mídia do Manual do POP.

Apresentação do Manual do POP a direção da empresa

Realização do “Seminário para Aperfeiçoamento da Ferramenta POP”

Revisão Ortográfica do Manual do POP

Revisão de Formatação do Manual do POP

Impressão do Manual do POP

Cursos de Qulaificação dos Colaboradores Para Aplicação Pratica do Projeto

 

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/negocios-artigos/procedimento-operacional-padrao-pop-1416353.html

    Palavras-chave do artigo:

    pop

    ,

    qualidade

    ,

    gestao

    Comentar sobre o artigo

    Estamos no ano da Copa do Mundo e posteriormente das Olimpíadas. O Brasil sendo um pais com tantos atrativos turísticos, acredita-se que haverá um aumento significativo da demanda de turistas nas cidades sedes e com isso uma grande movimentação financeira no país que se for bem aproveitada pelas organizações tende a ser grandes marcos no nosso pais. As empresas de micro e pequeno porte são os enfoques desse momento devido a pesquisas indicarem que essa demanda turística opte por utilizar os ser

    Por: Giselle Campanharol Turismo e Viagem> Dicas de Viageml 11/02/2015 lAcessos: 20
    Darci Kops

    Gestão por referanciais uma metodologia capaz de responder com sabedoria aos desafios decorrentes da complexidade da realidade social. A trilogia – ser um referencial, referendar-se e buscar referenciais – passa a ser um imperativo categórico, sem volta, capaz de estabelecer o norte, nos processos de gestão, para as organizações circunstanciadas nas suas tipicidades. A cognição nas organizações tem o potencial de referendar o processo de aculturação das competências referenciais.

    Por: Darci Kopsl Negócios> Gestãol 04/09/2011 lAcessos: 446
    Darci Kops

    O alinhamento organizacional, e a recorrente necessidade do alinhamento dos recursos humanos nos processos de gestão, como metodologias necessárias para assegurar um portfólio diferenciado de competências em congruência com a missão organizacional. Uma pluralidade de alinhamentos organizacionais concorre na busca constante da consistência interna e consistência externa nas organizações.

    Por: Darci Kopsl Negócios> Gestãol 10/07/2011 lAcessos: 986
    mauricio de oliveira

    Muitas empresas que decidem implantar um Sistema de Gestão da Qualidade, com vistas a certificação ISO 9001, o fazem através de seu próprio comitê interno, sem a assistência de uma Consultoria e às vezes costumam esbarrar na comprovação da satisfação de seus clientes, quando instadas a faze-lo pelo Auditor da entidade certificadora.

    Por: mauricio de oliveiral Negócios> Gestãol 17/08/2011 lAcessos: 257
    Darci Kops

    O presente artigo enfatiza a importância das práticas de profissionalismo no cotidiano das organizações por parte do efetivo humano. O paradigma do profissionalismo necessita impactar a cultura organizacional e, de modo decorrente e recorrente, fazer refletir-se nos perfis profissionais, no portfólio de competências, nas práticas profissionais e organizacionais, no portfólio de bens e serviços.

    Por: Darci Kopsl Negócios> Gestãol 16/06/2011 lAcessos: 875

    O processo de desenvolvimento do tecnobrega como música midiática segue, em linhas gerais, um modus operandi criado e permanentemente reinventado a partir do brega paraense. A formação e a difusão regional deste último correspondem ao período entre 1985 e o final da década de 1990. Características específicas de um "modo de fazer" surgiram com o brega e se ampliaram com o tecnobrega, seguindo um percurso em direção a cada vez maior autonomização artística e econômica.

    Por: Maurício Costal Arte& Entretenimento> Músical 23/05/2014 lAcessos: 201
    Fabrício Silva

    Para os bloqueiros de plantão alguma ferramentas são fundamentais para divulgar e manter o blog/site ativo e funcional.

    Por: Fabrício Silval Internet> Blogsl 01/09/2009 lAcessos: 421
    silvio broxado

    Quem não se emocionou com um desses três protagonistas em episódios recentes da vida real, que presenciamos? É intensa as pressões para fazermos sempre o certo, ser o politicamente correto;ter de esbanjar motivação, às vezes nem é por nós, mas exigência do ambiente organizacional, e aí imaturamente reclamamos demais, xingamos os outros, não apreciamos as oportunidades que a vida nos permite. A luta pela vida de Jose de Alencar é uma lição infinita para todos nós.

    Por: silvio broxadol Psicologia&Auto-Ajuda> Auto-Ajudal 29/03/2011 lAcessos: 139
    Josiane Chemin

    O presente artigo tem por objetivo conhecer a análise mercadológica – através de pesquisas que buscaram referências de diversos autores renomados -, e verificar os serviços que os sites de e-commerce de varejo esportivo proporcionam aos seus consumidores - através da análise de conteúdo de quatro sites selecionados. Dentre as contribuições oferecidas por este artigo, está o detalhamento dos serviços oferecidos pelas empresas analisadas.

    Por: Josiane Cheminl Marketing e Publicidadel 29/03/2012 lAcessos: 901
    Gustavo Rocha

    Pelo menos para os trabalhadores de um prédio na Suécia. São 400 profissionais no edifício que aceitaram receber um implante de chip na mão, que substitui o crachá . Será que a moda pega? Já imaginaram usar um chip do Google, outro do Facebook, outro do escritório onde trabalha e por aí a fora? E o chip do governo, chega quando? O que você pensa a respeito? Vejamos a reportagem: Passar o crachá para entrar no escritório é coisa do passado, pelo menos para os funcionários do Epicenter, um no

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 02/03/2015
    Gustavo Rocha

    Muito se fala em inteligência emocional, em querer profissionais que aguentem a pressão, em buscar pessoas que possam ser moldadas conforme o negócio e por aí a fora. Sempre queremos que os outros mudem, que os outros se adaptem, que os outros sejam aquilo que nós não queremos ser e fazer. Difícil de aceitar, mas uma realidade clara e existente no mercado: Queremos inteligência emocional e não observamos o básico do colaborador – como ele está amadurecendo como pessoa. Queremos que ele seja m

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 01/03/2015
    Gustavo Rocha

    Quando o assunto é depressão, parece que as pessoas se escondem, como se fosse algo que devesse ficar fora do cenário de debates. É o contrário: Quanto mais conhecermos, mais poderemos esclarecer esta doença que tanto tem atacado colaboradores e/ou sócios, sem importar camada social ou conta bancária. Muitas vezes confundida com estresse, mas é um diagnóstico que somente pode ser dado por um especialista. Esqueça os especialistas de plantão, como os pais, colegas, amigos e companheiros de bar

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 26/02/2015
    Gustavo Rocha

    Departamento jurídico = estresse. Uma verdade no seu dia a dia? Para a grande maioria, senão absoluta maioria, uma igualdade que não tem solução. E neste sentido, o estresse é confundido com cansaço, se torna um mal que se acostumamos com ele ao invés de tentar rechaça-lo, enfim, ele se torna um amigo que nos apunhala diariamente… Não existe fórmula mágica, obviamente. Mas, analisar alguns pontos é sempre salutar. Uma entrevista auxilia a pensar nestes pontos, acompanhe: Em entrevista a Épo

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 25/02/2015
    Gustavo Rocha

    Já disse Isaac Newton que o que sabemos é uma gota e o que ignoramos, um oceano. Entretanto, para muitas pessoas isto parece exatamente o contrário. E não estou discorrendo da geração tal ou outra qualquer, estamos falando de pessoas, de indivíduos, de seres humanos que sabem um pouco de algum assunto e pensam que dominam aquele tema de tal forma que todos devem reverência a eles. Todos conhecemos pessoas assim, contudo, pesquisas demonstram que isto é uma realidade maior do que podemos imagi

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 23/02/2015
    Gustavo Rocha

    Como diria Oswaldo Montenegro, que não se tente complicar, pois a arte precisa de simplicidade para existir. E para iniciarmos bem o ano de 2015, esta deve ser a nossa regra diária (afinal, agora pós o Carnaval, chega de desculpas, né? 2015 iniciou!). E na vida, no dia a dia, é justamente esta simplicidade que pode fazer a diferença entre o sucesso e a monotonia. Como assim? Nós temos uma tendência natural a complicar as coisas. Não nos satisfazemos em fazer um projeto bem feito, queremos f

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 22/02/2015
    Gustavo Rocha

    Divido com vocês um compilado do livro Know-how: as 8 Competências que separam os que fazem dos que não fazem (Editora Campus/Elsevier) escrito por Ram Charan: 1 – Competência para posicionar a empresa E capacidade para mudar o negócio sempre que o mercado assim exigir O posicionamento é o princípio central da empresa e a base de sustentação que determinará se você irá ou não ganhar dinheiro. O verdadeiro teste de posicionamento é o mundo real. Se os consumidores estiverem confusos sobre o qu

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 11/02/2015 lAcessos: 11
    Gustavo Rocha

    KPI vem do inglês e quer dizer: Key Performance Indicator, ou seja, chave de indicador de performance. Hein? Isto mesmo, um paradigma para criar indicadores. Situações que podemos pensar onde devemos monitorar os resultados para alcançarmos vôos maiores. Um interessante artigo do Ricardo Jordão Magalhães nos brinda com 45 KPI`s utilizáveis no mercado e plenamente capacitados para o mercado jurídico, com poucas adaptações. Divido o artigo: 1. Qual é o Volume de vendas? POR QUE é IMPORTANTE?

    Por: Gustavo Rochal Negóciosl 05/02/2015 lAcessos: 11

    Neste artigo procuramos despertar o leitor para a importância do planejamento financeiro pessoal, abordando aspectos como: Calculo do Valor da divida, como lidar com casos de despesa maior do que a receita, calculo de juros e despesa financeira, comprar parcelado de forma correta e aproveitando oportunidades, bem como a importância da formação da poupança.

    Por: Adilson Kochl Finanças> Finanças Pessoaisl 16/07/2010 lAcessos: 832

    Capital de giro são recursos que as empresas mantêm em caixa para atender suas necessidades operacionais imediatas, como por exemplo, negociar preços melhores com os fornecedores ou aproveitar uma oportunidade de negócio vantajosa, pagar salários e tarifas publica. Fazem parte do capital de giro os recursos em caixa, aplicações financeiras, estoques e duplicatas a receber.

    Por: Adilson Kochl Finançasl 23/06/2009 lAcessos: 42,084 lComentário: 4

    Trataremos de aspectos relacionados à Gestão de Pessoal nas Empresas, discorrendo sobre: A Interação do Homem com as Organizações, Comportamento, Cultura e Clima Organizacional; Recrutamento e Seleção; Cargos, Carreiras e Competências; Avaliação de Desempenho; Salários e Benefícios; Saúde e Segurança no Trabalho; Relações Trabalhistas; Treinamento & Desenvolvimento.

    Por: Adilson Kochl Negócios> Gestãol 31/05/2009 lAcessos: 3,779

    Neste artigo trataremos de temas relacionados aos processos gerenciais dentro das organizações, passando pelos seguintes tópicos: O pensamento sistêmico, fundamentos das organizações, a informação e a tomada de decisão, o planejamento, a organização, a direção, o controle e os fundamentos da estrutura organizacional.

    Por: Adilson Kochl Negócios> Gerêncial 31/05/2009 lAcessos: 18,843 lComentário: 2

    Esta corporação tem sido alvo de inumeros estudos e publicações, que a reconhecem como um dos expoentes mundiais no uso da tecnologia da informação e da terceirização, conjungando dezenas de milhares de parceiros nas mais diferentes etapas de planejamento, produção e distribuição de produtos e serviços.

    Por: Adilson Kochl Negócios> Ger. de Projetosl 10/12/2008 lAcessos: 3,336 lComentário: 1

    Neste ensaio vamos procurar trazer ao candidato a empreendedor vários aspectos que influenciarão significativamente sobre o futuro do negócio, sendo eles: o cenário econômico, o empreendedor e a burocracia, a necessidade de crédito, analise mercadológica, cadeia de suprimentos e modais de transporte, valor presente liquido do projeto, taxa interna de retorno do projeto, administração do capital de giro e o cliente e ações de marketing.

    Por: Adilson Kochl Negócios> Ger. de Projetosl 09/12/2008 lAcessos: 1,211 lComentário: 1

    O sistema de liderança contingencial, foi desenvolvido ao longo da história, a partir de experiência de grandes lideres, os quais foram percebendo que um subordinado bem preparado e devidamente motivado, pode perfeitamente executar as tarefas que lhe forem confiadas a contento, chegando inclusive a superar as espectativas previstas inicialmente.

    Por: Adilson Kochl Carreiral 08/12/2008 lAcessos: 1,626

    Discorremos a respeito da importancia da atividade de armazenagem dentro da logistica, ferramentas de auxilio à correta gestão do estoque e estratégias para melhorar a eficiencia da armazenagen e distribuição de produtos, com o objetivo de dar ao leitor uma noção geral dos assuntos, importantissimos na busca de maior lucratividade e fixação de uma imagem de qualidade e eficiencia da empresa junto ao consumidor.

    Por: Adilson Kochl Negócios> Administraçãol 07/12/2008 lAcessos: 69,953 lComentário: 10

    Comments on this article

    7
    jUÇARA 04/04/2011
    Sou técnica em enfermagem em um hospital no interior do RJ, terminei a graduação em enfermagem em dezembro de 2010 e agora estou fazendo POS em UTI e só agora ouvi falar em POP e estou encantada o dia em que gerenciar uma unidade gostaria de aplicar o POP, por isso quero saber mais sobre ele, se puderem me ajudar, agradeço.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast