A Lei Seca

28/06/2012 • Por • 110 Acessos

A Lei seca adotada em nosso país já salvou muitas vidas, desde 2008 vem conscientizando a cada dia a população e alertando seja com divulgações de incentivo, ou mesmo fazendo a aplicação de multas, perdas de CNH, ou até mesmo em caso mais severos, prisões, porém ainda hoje existem pessoas que se negam a fazer o teste do bafômetro.                     

O etilômetro, ou bafômetro digital como é popularmente conhecido, é um instrumento que mede a quantidade de álcool (bebida alcoólica) que há no organismo de uma pessoa, através de um simples teste, pode-se verificar através do ar expirado pelos pulmões a concentração de bebida alcoólica em qualquer pessoa.

Na verdade, o consumo permitido pela lei é praticamente zero, visto que qualquer quantidade de álcool ingerida vai apresentar no bafômetro um índice superior a 0,2, que seria o permitido. Quando se consome bebidas alcoólicas o álcool demora de 6 até 12 horas para ser emininado do organismo, e são nesses casos que seria importante se o motorista tivesse consigo um bafômetro para verificar se o álcool já foi eliminado do organismo se enquadrando então dentro dos parâmetros permitidos.

Para os motoristas que se recusam a fazer o teste, muitos não sabem que podem ter a CNH suspensa por um ano e multa de R$ 957,70. Algumas alterações estão sendo feitas na lei, porém está em aprovação no senado, caso seja aprovado, o valor da multa pode dobrar.

O bafômetro digital pode ser comprado em empresas especializadas em equipamentos de medição como a Enequipa que vende desde bafômetro a dosímetro de ruído, e muitos consumidores compram o bafômetro para seu uso próprio.

Todo o foco voltado à aplicação da Lei Seca tem o fundamento de evitar/prevenir acidentes causados por motoristas embriagados, ou mesmo outras alterações leves devidas ao álcool e outras drogas.

Perfil do Autor

Sonia Sanches

Nasceu em São Paulo capital, formada em Gestão Financeira adora ler e principalmente escrever, para sair da rotina Paulistana, sempre que...