Ortodontia - Respiração Bucal

Publicado em: 26/05/2011 |Comentário: 0 | Acessos: 313 |

A Respiração Nasal é um dos reflexos primários do nosso organismo. Nas alterações congênitas ou devido a algum problema respiratório ela pode se transformar em uma respiração bucal.

As crianças e adultos respiradoras bucais apresentam como características:

  • recorrentes alterações respiratórias;
  • dificuldades nas práticas esportivas;
  • alterações no sono;
  • hiperatividade ou sonolência; dificuldades no aprendizado
  • olheiras
  • face longa
  • mastigação ineficiente
  • gengivites
  • cáries

Essas caracterírticas se desenvolvem devido a falta de filtragem e aquecimento do ar respirado, principalmente nas grande metropoles.

Com a diminuição da capacidade e eficiência respiratória, o sono será prejudicado, não fornecendo o repouso necessário ao organismo, desenvolvendo uma hiperatividade, sonolência e olheiras.

Na tentativa de se manter acordado a pessoa tem a necessidade de fazer várias atividades ao mesmo tempo, e quando essas atividades são cessadas, não conseguem se manter acordadas, prestar atenção às aulas ou trabalhos a serem executados.

As atividades físicas também são diminuídas, como não respiram direito, sua resistência e efetividade para as práticas de esportes não se desenvolvem, criando uma apatia ou aversão ao esportes.

A mastigação é ineficiente pois é impossível comer e realizar a respiração bucal, então rapidamente as pessoas engolem os alimentos sem a sua devida trituração.

Normalmente também desencadeará posteriormente, distúrbios no sistema digestório, pois sabemos que a digestão é iniciada na cavidade oral, quando os alimentos são triturados e entram em contato com a saliva.

Durante a respiração bucal os lábios necessariamente estão abertos, favorecendo o ressecamento das gengivas e dos dentes, favorecendo a instalação de gengivites e cáries dentárias. Desenvolverá inúmeros problemas na cavidade oral, avançando para periodontites com o aumento da mobilidade dentária, necessidade de tratamentos endodônticos, reabilitações protéticas e futuramente as perdas dentárias.

Com os lábios entreabertos a musculatura facial exercerá uma compressão lateral no osso maxilar diminuindo o seu crescimento, promovendo uma atresia.

Atresia que pode levar às mordidas cruzadas posteriores com palato profundo e/ou atresia do osso mandibular.

Devemos lembrar que a região do palato (céu da boca) é ao mesmo tempo a base da cavidade nasal, então se o palato se torna profundo e estreito, a cavidade nasal se apresentará diminuída e estreita concomitantemente.

O tratamento ortodôntico nas crianças terá como objetivo o descruzamento das mordidas com estímulo do crescimento maxilo mandibular utilizando aparelhos ortopédicos e/ou ortopédicos funcionais.

Nos adultos a intervenção poderá necessitar de tratamentos ortodônticos associados à cirurgia ortognática, para expansão das arcadas. Extrações dentárias podem ser necessárias em muitos casos.

Os problemas gengivais/periodontais avançados podem ser limitadores do tratamento, devido a falta de suporte ósseo dos dentes, com mobilidades acentuadas.

Acompanhamentos com Fonoaudiólogas, Fisioterapeutas e Médicos sempre serão necessários para uma evolução dos tratamentos.

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/odontologia-artigos/ortodontia-respiracao-bucal-4822259.html

    Palavras-chave do artigo:

    respiracao bucal

    ,

    atresia maxilar

    Comentar sobre o artigo

    Quando se trata de ir ao dentista deve levar em conta muitas variáveis. A primeira coisa que você costuma ver o paciente é o profissionalismo do dentista. Veja algumas coisa que deve ter em conta para contratar um bom dentista

    Por: mijarelal Saúde e Bem Estar> Odontologial 25/02/2015

    Alguns aspectos relevantes da interface entre o cirurgião-dentista e o otorrinolaringologista – médico especializado em ‘ouvido, nariz e garganta' – não costumam ser divulgados, mas sabe-se que é grande o número de pacientes que, por recorrerem com mais frequência a tratamentos odontológicos, acabam descobrindo problemas que nada têm a ver com os dentes.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 18/02/2015

    Usados para afinar o sangue e prevenir a trombose de artérias e veias, os anticoagulantes são fundamentais na rotina dos portadores de arritmias (principalmente a fibrilação atrial), doenças valvares e doenças hereditárias como a trombofilia (propensão a desenvolver trombose). No pós-operatório da cirurgia de quadril e de joelho, o uso dessa classe de medicamento também é uma prática comum.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 11/02/2015

    Em www.fisicomedico.com.br é possível obter um bom texto sobre o assunto: Serviços de radiologia odontológica precisam de cálculo de blindagem? Há uma verdadeira confusão sobre essa necessidade e este se faz esclarecedor.

    Por: rafaell Saúde e Bem Estar> Odontologial 09/02/2015

    Senso comum, 2015 não será um ano fácil para a Economia nacional, a exemplo do aumento dos juros, impostos, combustíveis, água e luz. Ainda assim, o Ministro da Fazenda, Joaquim Levy, defende que as ações assumidas pela Presidente Dilma Rousseff devem reforçar o investimento e assegurar que seja mais fácil fazer negócios no Brasil.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 02/02/2015

    No dia 25 de janeiro, durante o 33º Congresso Internacional de Odontologia de São Paulo, vai acontecer o ‘Meeting de Odontologia do Esporte' no Expo Center Norte. Das 10h às 18h, vários especialistas no assunto vão debater sobre a importância da saúde oral no desempenho dos atletas de várias modalidades esportivas.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 19/12/2014 lAcessos: 14

    A perda de um dente compromete bastante a saúde oral. No Brasil, a necessidade de algum tipo de prótese surge ainda na adolescência – entre 15 e 19 anos. Mais recentemente, a Odontologia passou a explorar as possibilidades da engenharia tecidual na reparação e regeneração de estruturas dentais.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 17/12/2014 lAcessos: 20

    Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam que mais de 35 milhões de pessoas estão infectadas globalmente com o vírus da AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) – doença que pode levar entre dez e quinze anos para se manifestar. Muito já se falou que os meios mais frequentes de se contrair a doença são o sexo desprotegido (incluindo o sexo oral sem preservativo), o compartilhamento de seringas entre usuários de drogas, transfusão de sangue e de mãe para filho durante a gestação.

    Por: Vítor Margatol Saúde e Bem Estar> Odontologial 01/12/2014 lAcessos: 17

    Nas mordidas cruzadas posteriores com atresia da maxilar realizaremos uma disjunção rápida da maxila. Nos pacientes adultos ela deve ser associada á cirurgia ortognática.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 09/06/2011 lAcessos: 354

    Quando ocorrem acentuadas discrepâncias óssseas, o tratamento ortodôntico deve ser realizado associado à cirugia ortognática. Os tratamentos tornam-se mais rápidos e melhor finalizados estéticamente e funcionalmente.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 07/06/2011 lAcessos: 610

    Nas craniostenoses ocorre o fechamento precoce das suturas cranianas, promovendo alterações no crescimento e desenvolvimento craniofaciais.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 04/06/2011 lAcessos: 263

    Apinhamento Dentário, é como são chamados os dentes tortos pelos profissionais da saúde. Muitas Pais perguntam porque as crianças "de hoje em dia" tem mais dentes tortos? As respostas são várias devido às várias etiologias das maloclusões.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 02/06/2011 lAcessos: 302

    Invisalign é a alternativa quase invisível para a correção de dentes desalinhados aos aparelhos ortodônticos convencionais. Algumas pessoas necessitam de tratamentos ortodônticos e eram limitados pelos aparelhos metálicos.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 28/05/2011 lAcessos: 284

    As fissuras de lábio e palato estão entre as quatro formas de anomalias congênitas em recém nascidos, dentre elas os defeitos nas mãos e nos pés, cardiovasculares e sindrome de down. A incidência no Brasil é por volta de 1:673 nascimentos, podendo ser unilateral ou bilateral e acometer a região do palato conjuntamente ou isoladamente.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 26/05/2011 lAcessos: 259

    Diastemas interdentários são espaços entre os dentes anteriores e/ou posteriores, provocando transtornos estéticos, funcionais e emocionais. Podem ocorrer durante toda a vida, dependendo da idade pode ser normal, transitório ou decorrente de alguma alteração na oclusão.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 25/05/2011 lAcessos: 4,684

    O hábito de sucção dá prazer e conforto para as crianças, relatos mostram fotos e ultrassonografias com os bebês realizando sucção dos dedos ainda na vida intra uterina. A amamentação materna alimenta e estimula um melhor desenvolvimento das estruturas cranio faciais e emocionais dos recém nascidos. Mas os hábitos de sucção de chupetase dedos provocam alterações bucais graves.

    Por: Luis Cesar Jum Motoyamal Saúde e Bem Estar> Odontologial 24/05/2011 lAcessos: 369
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast