Dia Da Pátria

Publicado em: 21/06/2008 |Comentário: 26 | Acessos: 19,330 |

INDEPENDÊNCIA

 

 

Ama com fé e orgulho,

O lugar em que nasceste.

Não existe lugar tão lindo,

Na terra como era esse.

 

Matas vivas e céu tão límpido,

Águas limpas que esplendor.

As paisagens e os animais,

Eram livres e sem pavor.

 

Homens livres e independentes,

Começaram a aparecerem.

Ocuparam toda a floresta,

Querendo enriquecerem.

 

Derrubaram toas às matas,

Começaram a queimá-la.

Destruindo as paisagens,

E a fauna desse lugar.

 

Olhai para o céu, rios e paisagens,

Pobres famintos miseráveis.

Os ricos ainda mais ricos,

A injustiça aumenta mais.

 

Quantos morrem de fome,

Sem mesmo saber por quê.

Sem terras são fuzilados,

Tentando sobreviverem.

 

 

Independência é coisa séria,

Difícil de entender.

Não sei se somos libertos,

Se poucos podem viverem.

 

 

Independência é ser livre,

Crianças alegres, sorrirem e correrem.

Alimentadas e educadas,

Ter direito de viver.

 

Autor: e Escritor.  João do Rozario Lima

E-mail. Joanzinhorosario31@hotmail.com

Avaliar artigo
4
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 78 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/poesia-artigos/dia-da-patria-457276.html

    Palavras-chave do artigo:

    independencia fe e orgulho

    Comentar sobre o artigo

    Wilson Lemos Júnior

    Durante as décadas de 30 e 40 do século XX, foi ministrado na escola primária, normal e ginasial brasileira o ensino de Música Canto Orfeônico, tendo o maestro Heitor Villa-Lobos como defensor e percussor dessa disciplina no Brasil. O presente artigo visa analisar o discurso de Villa-Lobos, assim como fazer uma análise do discurso contido em matérias de jornais a respeito de festas escolares envolvendo apresentações orfeônicas em Curitiba.

    Por: Wilson Lemos Júniorl Educaçãol 26/12/2010 lAcessos: 248
    Wilson Lemos Júnior

    Este artigo trata da questão do nacionalismo no Brasil durante o século XX, assim como sua influência na educação, através do ensino de Música e Canto Orfeônico na escola primária. Sendo assim são analisados o discurso de Mário de Andrade e a arte Modernista com seu caráter de preservação nacional, assim como o relato educacional acerca da educação musical propostas por Fernando de Azevedo e posteriormente pelo maestro Heitor Villa-Lobos.

    Por: Wilson Lemos Júniorl Educaçãol 26/12/2010 lAcessos: 2,322

    PAULO analisando sua vida , percebeu que tinha desistidos das coisas de menino e tinha alcancado a maturidade.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Evangelhol 12/02/2012 lAcessos: 223
    raphael de morais dias

    Este trabalho aborda a Festa de São Tiago como possibilidade desencadeadora do Turismo Cultural no distrito de Mazagão Velho – AP. Tem como objetivo estudar a festividade, que acontece anualmente no período de 16 a 28 de julho, analisando-a a partir da perspectiva histórica e cultural da comunidade, aliada ainda, a possível formatação da Festa como produto turístico cultural em nível estadual, nacional e internacional. O primeiro abordando turismo e sua relação com a cultura, o segundo trata da

    Por: raphael de morais diasl Turismo e Viageml 31/03/2014 lAcessos: 18
    Helena Ribeiro

    Infelizmente, estou passando por um novo período de luto, perdi meu pai há três anos e há três meses minha mãe. A saudade é inevitável, as lembranças serão inesquecíveis e os ensinamentos que eles deixaram são minhas maiores riquezas. Como empresária, ainda me recuperando da crise, estou atolada de trabalho e pouca inspiração para escrever artigos, mesmo adorando dissertar sobre vários temas.

    Por: Helena Ribeirol Carreira> Gestão de Carreiral 23/04/2012 lAcessos: 79

    Muitos vivem DES ESPERADOS , mas os que confiam em DEUS , tem ESPERANCA todos os dias.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Evangelhol 12/09/2010 lAcessos: 406

    Trabalho apresentado pelo aluno Fernando Antonio da Silva e pelas alunas Flávia Geralda Oliveira do Vale e Linalva Maria Barros do 5º período do curso Bacharelado em Ciências Sociais, em nível de graduação do DLCH/UFRPE, à disciplina História da Filosofia sob a orientação do professor Heraldo Pereira.

    Por: FERNANDO ANTONIO DA SILVAl Educação> Ensino Superiorl 08/12/2011 lAcessos: 1,477

    Aproveitando o periodo da copa de 2010 na Africa, convido a todos os meus leitores que ainda nao fazem parte do time de JESUS para aceitar sua convocacao para entrar no reino de DEUS.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Religiãol 22/06/2010 lAcessos: 476
    Bruno Lima Rocha

    Quando um jovem tunisiano se auto-imolou como prova extrema de protesto contra a ditadura de Ben-Ali, ascendera uma centelha que uma vez midiatizada, pôs fogo em toda a região. O que começara na Tunísia em 14 de janeiro foi um ato extremo de dizer, Basta!

    Por: Bruno Lima Rochal Notícias & Sociedade> Polítical 15/02/2011 lAcessos: 130

    Assenta tua cabeça no meu ombro, descansa e relembra os momentos felizes que passamos. Esta assertiva faz parte da nossa vida, de nossos sentimentos e do rol de realizações, que planejamos para o futuro. Muitas vezes rememoramos com pensamentos diluidores, com ações um pouco cavilosas, sem descortinar a harmonia do concerto, que traçamos para o teatro da nossa existência. Deter, impedir de avançar nossos momentos de amor, não são medidas contributivas para a felicidade que reina em nossos coraçõ

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 20/10/2014

    A felicidade imanta o meu ser, entro em êxtase vibracional, no entanto, meu ego se altera para todo mundo ver, o meu corpo se altera meio descomunal. Quando um grande amor amadurece, os tremores constantemente se alternam o corpo não resiste e a rosa não floresce, o íntimo se refina e, os desejos jornadeiam. O imã do amor me aconchega delicioso, o carinho e o afago do meu amor se transformam, a minha amada transborda em carinho astucioso e uma entrega sem pudor nos delicia e ...

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 08/10/2014

    A brisa suave nos acaricia e o sol envolto pelo arco-íris, encanta-nos no pingente solar. Buscamos a todo instante a incessante diretriz, altaneira e rediviva. Somos humanos imperfeitos, mas através do amor e do perdão, procuramos alcançar vencendo todos os obstáculos, entre suores, perfumes, barulho, pedras de tropeços, o que mais almejamos o dom de amar. O amor na feição extrema vive em seu próprio lugar e não encontra problema difícil de suportar.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 06/10/2014
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Não existe apenas uma pedra. Concepção axiologicamente pobre. De uma ideologia liberal. São centenas de trilhos cheios de curvas. Com hermenêuticas irracionais. Voltadas para metafísicas transcendentais. Cujo objetivo é impedir as mudanças sociais.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 28/09/2014 lAcessos: 11
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Ist maine dasein. Estar nesse mundo. Por um tempo. E não por outro. Como fantasia. Res extensus cogito. A extensão da inteligência. Die fantasie von zeichen. A fantasia dos sinais O que devo dizer. Dominus sapienitum

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 24/09/2014

    Por ser uma senhora de pura beleza só posso te enviar parabéns. A beleza está presente em muitas mulheres, no entanto, a beleza espiritual tem muito mais valia e engrandecem as aquinhoadas com esse dom. A beleza interior, aquela que vem do coração, vale mais do que a beleza conseguida através de produtos de beleza ou outros apetrechos para esse fim. Todas as flores do mundo valem menos do que a alegria de ter você a meu lado. Estou junto a ti, mas não por sua beleza externa, corporal ou facial

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 17/09/2014
    Edjar Dias de Vasconcelos

    O Significado do Homem. Tudo que restará do homem. Será tão somente a linguagem. O restante a ficção do esqueleto. O invólucro derretido. A linguagem não tem alma. No passado apenas a memória. Solidificada no cérebro.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 17/09/2014
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Como refletiu pessoa. O resto é gente. Que pensa ser alma. Complica, fala e vê. Tira o sonho e a calma.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 14/09/2014

    Estes escritos tem objetivo de despertar o desejo pela leitura e a interpretação de texto.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 06/04/2011 lAcessos: 479

    Alguns comentários que retrata algo sobre a educação, a fome e a injustiças do nosso pais e dos demais paises menos favorecidos.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 04/04/2011 lAcessos: 2,841

    Estes poucos escritos religiosos em forma de teatro tem o objetivo de resgatar algo sobre o diluvio e a arca de No´pe.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 13/06/2010 lAcessos: 1,484 lComentário: 1

    Este simples poema retrata como os filhos devem cultivar o amor a suas mães.

    Por: João do Rozario Limal Literatural 04/05/2010 lAcessos: 712

    Estes escritos retratam o nascimento de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Por: João do Rozario Limal Literatural 20/12/2009 lAcessos: 823 lComentário: 1

    Este pequeno conto tem o objetivo de alertar a juventude sobre a realidade em que vivem.

    Por: João do Rozario Limal Educação> Educação Infantill 10/10/2009 lAcessos: 3,712 lComentário: 2

    Pequena peça de teatro que retrata contos de fadas e a raridade da união da familia.

    Por: João do Rozario Limal Educaçãol 02/09/2009 lAcessos: 603 lComentário: 1

    Pequena peça de teatro voltado para a emotivação e resgate dos sonhos de cada ser neste planeta.

    Por: João do Rozario Limal Educaçãol 30/08/2009 lAcessos: 18,073 lComentário: 8

    Comments on this article

    0
    lays 06/09/2011
    ééééééé legal
    0
    JESSICA 31/08/2011
    Q LEGAL AMEI A POESIA. FAÇA MAIS DESSAS VALEU UM BEIJAO ASS JESSICA
    0
    jesica 24/05/2011
    tudo pode acomtecer na vida
    0
    kelry 06/04/2011
    A patria e tudo para o para o nosso futuro mas o homem esta destruindo tudo com a sua falta de carater esta acabando com a moradia do povo dos animais e de tudo aquilo que precisa de morada e de ar para sobreviver .No comentario todo NÂO coloquei virgula por que se fomos dar pausa para nos conscientizar nao teremos tempo de salvar o nosso BRASIL a nossa PATRIA.
    0
    paula 06/09/2010
    legal gostei
    0
    ariel 02/09/2010
    lesgal cara!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    0
    dani 01/09/2010
    isso é muito lesgal !!!!!!!!!
    0
    Gabriele Correa da silva 01/09/2010
    Eu gostei muito parabéns.
    0
    Lucas Segalla Silva 12/07/2010
    Amei gostaria de receber mais e mais de suas crônicas, poesia, textos emuuito mais.
    No mundo em que estamos vivendo Hoje está tudo muito diferente.
    0
    neto 02/10/2009
    achei o poema muito legal, e vou usa-lo no meu trabalho de escola.
    PARABENSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS1!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    1
    tatiane 08/09/2009
    muito legal
    0
    Anônimo 07/09/2009
    Proferimento espontâneo. Elogiável a reflexão poética.
    1
    tiara 04/09/2009
    a parea fpi em vetada por d.prdro poqe quis sauva o brazil vc qe com mese so www.dia da paátria la vc emcomtra comisa legais tem muitos jogos e falado sobre o d.pedro vai la
    1
    maria gottardo morello 04/09/2009
    Vc nasceu o mesmo estado qe eu e vc dá aula onde meus tios mora estou estudando sobre
    a patria!!!!!!!!!!!
    E quis ler este lindo poema!!!!!!!!!!!!!!!!
    Meu nome:Maria Gottardo Morello
    pai:Marcos Morello
    Mãe:Maristânia Morello Gottardo
    irman:Débora Gottardo Morello
    MEu imaio:maria_gottardo@hotmail.com
    Imaio de irman:deboramorello@hotmail.com
    1
    linds 03/09/2009
    lindome ajuydc muitro
    1
    Luiza 02/09/2009
    adorei
    1
    tayy 01/09/2009
    gostei!
    2
    wilma 01/09/2009
    Parabéns, gostei muito.
    2
    anônimo 31/08/2009
    A mensagem está ótima, mas precisa reestruturar questões como concordância verbal e ajustar um pouco mais as pontuações, pois até mesmo no texto poético que se pode ter liberdade na produção, se faz necessária a organização da escrita para que a obra literária não peca a elegância. Você é muito criativo. Parabéns!!!!
    3
    Zeca 27/08/2009
    Muito podre
    0
    Luiza 27/08/2009
    Muito massa adorei a mensagem parabéns
    1
    Brenda De Carvalho Mariano 27/08/2009
    Para mim mesma
    1
    mara marques 26/08/2009
    o meu comentario é que EU gostei muito dessa msg, Eu espero que vc continue assim
    1
    beatriz silva 26/08/2009
    bom d+ essa mensagem da patria
    0
    AMNDA KLEMS 14/08/2009
    EU GOSTEI MUINTO
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast