Dia Da Pátria

Publicado em: 21/06/2008 |Comentário: 26 | Acessos: 19,356 |

INDEPENDÊNCIA

 

 

Ama com fé e orgulho,

O lugar em que nasceste.

Não existe lugar tão lindo,

Na terra como era esse.

 

Matas vivas e céu tão límpido,

Águas limpas que esplendor.

As paisagens e os animais,

Eram livres e sem pavor.

 

Homens livres e independentes,

Começaram a aparecerem.

Ocuparam toda a floresta,

Querendo enriquecerem.

 

Derrubaram toas às matas,

Começaram a queimá-la.

Destruindo as paisagens,

E a fauna desse lugar.

 

Olhai para o céu, rios e paisagens,

Pobres famintos miseráveis.

Os ricos ainda mais ricos,

A injustiça aumenta mais.

 

Quantos morrem de fome,

Sem mesmo saber por quê.

Sem terras são fuzilados,

Tentando sobreviverem.

 

 

Independência é coisa séria,

Difícil de entender.

Não sei se somos libertos,

Se poucos podem viverem.

 

 

Independência é ser livre,

Crianças alegres, sorrirem e correrem.

Alimentadas e educadas,

Ter direito de viver.

 

Autor: e Escritor.  João do Rozario Lima

E-mail. [email protected]

Avaliar artigo
4
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 78 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/poesia-artigos/dia-da-patria-457276.html

    Palavras-chave do artigo:

    independencia fe e orgulho

    Comentar sobre o artigo

    Wilson Lemos Júnior

    Durante as décadas de 30 e 40 do século XX, foi ministrado na escola primária, normal e ginasial brasileira o ensino de Música Canto Orfeônico, tendo o maestro Heitor Villa-Lobos como defensor e percussor dessa disciplina no Brasil. O presente artigo visa analisar o discurso de Villa-Lobos, assim como fazer uma análise do discurso contido em matérias de jornais a respeito de festas escolares envolvendo apresentações orfeônicas em Curitiba.

    Por: Wilson Lemos Júniorl Educaçãol 26/12/2010 lAcessos: 265
    Wilson Lemos Júnior

    Este artigo trata da questão do nacionalismo no Brasil durante o século XX, assim como sua influência na educação, através do ensino de Música e Canto Orfeônico na escola primária. Sendo assim são analisados o discurso de Mário de Andrade e a arte Modernista com seu caráter de preservação nacional, assim como o relato educacional acerca da educação musical propostas por Fernando de Azevedo e posteriormente pelo maestro Heitor Villa-Lobos.

    Por: Wilson Lemos Júniorl Educaçãol 26/12/2010 lAcessos: 2,373

    PAULO analisando sua vida , percebeu que tinha desistidos das coisas de menino e tinha alcancado a maturidade.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Evangelhol 12/02/2012 lAcessos: 236
    raphael de morais dias

    Este trabalho aborda a Festa de São Tiago como possibilidade desencadeadora do Turismo Cultural no distrito de Mazagão Velho – AP. Tem como objetivo estudar a festividade, que acontece anualmente no período de 16 a 28 de julho, analisando-a a partir da perspectiva histórica e cultural da comunidade, aliada ainda, a possível formatação da Festa como produto turístico cultural em nível estadual, nacional e internacional. O primeiro abordando turismo e sua relação com a cultura, o segundo trata da

    Por: raphael de morais diasl Turismo e Viageml 31/03/2014 lAcessos: 44
    Mauro Kiithi

    O propósito do autor é analisar a situação política peculiar do Congo durante a segunda metade do século 19, em especial após a intensificação das conquistas territoriais diretas pelas potências europeias.

    Por: Mauro Kiithil Notícias & Sociedade> Polítical 25/11/2014 lAcessos: 15
    Helena Ribeiro

    Infelizmente, estou passando por um novo período de luto, perdi meu pai há três anos e há três meses minha mãe. A saudade é inevitável, as lembranças serão inesquecíveis e os ensinamentos que eles deixaram são minhas maiores riquezas. Como empresária, ainda me recuperando da crise, estou atolada de trabalho e pouca inspiração para escrever artigos, mesmo adorando dissertar sobre vários temas.

    Por: Helena Ribeirol Carreira> Gestão de Carreiral 23/04/2012 lAcessos: 88

    Muitos vivem DES ESPERADOS , mas os que confiam em DEUS , tem ESPERANCA todos os dias.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Evangelhol 12/09/2010 lAcessos: 423

    Trabalho apresentado pelo aluno Fernando Antonio da Silva e pelas alunas Flávia Geralda Oliveira do Vale e Linalva Maria Barros do 5º período do curso Bacharelado em Ciências Sociais, em nível de graduação do DLCH/UFRPE, à disciplina História da Filosofia sob a orientação do professor Heraldo Pereira.

    Por: FERNANDO ANTONIO DA SILVAl Educação> Ensino Superiorl 08/12/2011 lAcessos: 1,558

    Aproveitando o periodo da copa de 2010 na Africa, convido a todos os meus leitores que ainda nao fazem parte do time de JESUS para aceitar sua convocacao para entrar no reino de DEUS.

    Por: Julio Nerisl Religião & Esoterismo> Religiãol 22/06/2010 lAcessos: 523
    Heloísa Prazeres

    A poética de Herberto Hélder construiu-se "à margem", inovadora, em relação ao momento quando surgiu na literatura portuguesa – nos anos 50 do século XX. Breve estudo em memória daquele que, na contemporaneidade, buscou a singular prática do trabalho intertextual, dentro da própria obra, bem como na incorporação que fez de textos de outros autores.

    Por: Heloísa Prazeresl Literatura> Poesial 29/03/2015 lAcessos: 21
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Existe apenas uma pergunta fundamental. A qual é necessária ser respondida. Como originou o mundo. Descartado a hipótese divina. A indelével constituição. Resta tão somente a Física.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 26/03/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Tudo isso passou e acabou. Como se nada tivesse existido. À distância ficaram os sinais. De um mundo de puro mistério. Sinto no peito a dor. Das coisas imaginadas.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 22/03/2015

    A luz do amor e da verdade está dentro de nossos corações. O calor do amor e os sentimentos amorosos geram a felicidade, o equilíbrio da justiça não pode titubear trazendo reles senões. A ação da liberdade é frutífera, libertadora sem nenhuma maldade... O homem desde o começo do mundo almeja a paz e não ilusões. A paz está dentro de nós mesmos, e nosso coração será isento de vaidade.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 16/03/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    O universo vai desaparecer. Ficará escuro e vazio. Evidentemente. Do mesmo modo as espécies. Inexoravelmente. Uma prova fundamental. Litológica.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 11/03/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Não sei se deveria dizer. Entretanto, o caminho se perde. Na imaginação da essência. No litogenético entendimento. No delírio da magnitude da racionalidade. Na profundidade da loucura. No encantamento das interpretações. Schopenhauerianas. Na ausência das não significações. De Nietzsche.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 08/03/2015
    Edjar Dias de Vasconcelos

    Agora que tenho. O domínio das intuições. O segredo das nossas emoções. Sei como é feito a memória. A forma pela qual. Constituem nossas representações. Compreendo o brilho da luz. Entendo os fótons de hidrogênio do sol. E o silêncio da escuridão.

    Por: Edjar Dias de Vasconcelosl Literatura> Poesial 01/03/2015

    Numa esplendorosa noite de lua cheia, vislumbrei o céu estrelado que nos convidava para uma bela noitada de amor. Olhei para o belo e delicado semblante de meu amor, pisquei os olhos, mas ela sem entender de que se tratava perguntou-me em tom suave, o que eu estaria almejando. Pensei em dizer-lhe que desejaria unir nossos corações naquela noite de luar convidativa para uma sessão de afagos e carinhos.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 19/02/2015

    Estes escritos tem objetivo de despertar o desejo pela leitura e a interpretação de texto.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 06/04/2011 lAcessos: 498

    Alguns comentários que retrata algo sobre a educação, a fome e a injustiças do nosso pais e dos demais paises menos favorecidos.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 04/04/2011 lAcessos: 3,310

    Estes poucos escritos religiosos em forma de teatro tem o objetivo de resgatar algo sobre o diluvio e a arca de No´pe.

    Por: João do Rozario Limal Arte& Entretenimento> Artel 13/06/2010 lAcessos: 1,521 lComentário: 1

    Este simples poema retrata como os filhos devem cultivar o amor a suas mães.

    Por: João do Rozario Limal Literatural 04/05/2010 lAcessos: 727

    Estes escritos retratam o nascimento de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Por: João do Rozario Limal Literatural 20/12/2009 lAcessos: 841 lComentário: 1

    Este pequeno conto tem o objetivo de alertar a juventude sobre a realidade em que vivem.

    Por: João do Rozario Limal Educação> Educação Infantill 10/10/2009 lAcessos: 3,744 lComentário: 2

    Pequena peça de teatro que retrata contos de fadas e a raridade da união da familia.

    Por: João do Rozario Limal Educaçãol 02/09/2009 lAcessos: 614 lComentário: 1

    Pequena peça de teatro voltado para a emotivação e resgate dos sonhos de cada ser neste planeta.

    Por: João do Rozario Limal Educaçãol 30/08/2009 lAcessos: 18,326 lComentário: 8

    Comments on this article

    0
    lays 06/09/2011
    ééééééé legal
    0
    JESSICA 31/08/2011
    Q LEGAL AMEI A POESIA. FAÇA MAIS DESSAS VALEU UM BEIJAO ASS JESSICA
    0
    jesica 24/05/2011
    tudo pode acomtecer na vida
    0
    kelry 06/04/2011
    A patria e tudo para o para o nosso futuro mas o homem esta destruindo tudo com a sua falta de carater esta acabando com a moradia do povo dos animais e de tudo aquilo que precisa de morada e de ar para sobreviver .No comentario todo NÂO coloquei virgula por que se fomos dar pausa para nos conscientizar nao teremos tempo de salvar o nosso BRASIL a nossa PATRIA.
    0
    paula 06/09/2010
    legal gostei
    0
    ariel 02/09/2010
    lesgal cara!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    0
    dani 01/09/2010
    isso é muito lesgal !!!!!!!!!
    0
    Gabriele Correa da silva 01/09/2010
    Eu gostei muito parabéns.
    0
    Lucas Segalla Silva 12/07/2010
    Amei gostaria de receber mais e mais de suas crônicas, poesia, textos emuuito mais.
    No mundo em que estamos vivendo Hoje está tudo muito diferente.
    0
    neto 02/10/2009
    achei o poema muito legal, e vou usa-lo no meu trabalho de escola.
    PARABENSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS1!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    1
    tatiane 08/09/2009
    muito legal
    0
    Anônimo 07/09/2009
    Proferimento espontâneo. Elogiável a reflexão poética.
    1
    tiara 04/09/2009
    a parea fpi em vetada por d.prdro poqe quis sauva o brazil vc qe com mese so www.dia da paátria la vc emcomtra comisa legais tem muitos jogos e falado sobre o d.pedro vai la
    1
    maria gottardo morello 04/09/2009
    Vc nasceu o mesmo estado qe eu e vc dá aula onde meus tios mora estou estudando sobre
    a patria!!!!!!!!!!!
    E quis ler este lindo poema!!!!!!!!!!!!!!!!
    Meu nome:Maria Gottardo Morello
    pai:Marcos Morello
    Mãe:Maristânia Morello Gottardo
    irman:Débora Gottardo Morello
    MEu imaio:[email protected]
    Imaio de irman:[email protected]
    1
    linds 03/09/2009
    lindome ajuydc muitro
    1
    Luiza 02/09/2009
    adorei
    1
    tayy 01/09/2009
    gostei!
    2
    wilma 01/09/2009
    Parabéns, gostei muito.
    2
    anônimo 31/08/2009
    A mensagem está ótima, mas precisa reestruturar questões como concordância verbal e ajustar um pouco mais as pontuações, pois até mesmo no texto poético que se pode ter liberdade na produção, se faz necessária a organização da escrita para que a obra literária não peca a elegância. Você é muito criativo. Parabéns!!!!
    3
    Zeca 27/08/2009
    Muito podre
    0
    Luiza 27/08/2009
    Muito massa adorei a mensagem parabéns
    1
    Brenda De Carvalho Mariano 27/08/2009
    Para mim mesma
    1
    mara marques 26/08/2009
    o meu comentario é que EU gostei muito dessa msg, Eu espero que vc continue assim
    1
    beatriz silva 26/08/2009
    bom d+ essa mensagem da patria
    0
    AMNDA KLEMS 14/08/2009
    EU GOSTEI MUINTO
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast