A Adolescência E O Estresse Emocional

Publicado em: 19/11/2009 |Comentário: 1 | Acessos: 2,084 |

_____________________________________

Acadêmica do 4° semestre de Psicologia da Faculdade de Quatro Marcos – FQM

 

 

Introdução:

A adolescência é um período de mudanças avassaladoras na vida de um indivíduo, é a transição da infância, que é um período de acomodação e proteção, para a adolescência, que traz consigo várias perdas da estrutura infantil, a mudança de corpo, mudanças psicológicas e sociais. Marcada por ser o período da estruturação da identidade. O adolescente deve ter a ajuda familiar e do meio, pois é um dos fatores que proporcionam uma melhor adaptação emocional.

 

Adolescência Normal

O termo adolescência normal utilizado por Mauricio Knobel, tem um significado excelente para definição da adolescência.

A passagem deste período de vida traz muitas mudanças, que consequentemente alteram as ansiedades e emoções do adolescente, por isso precisam de uma descarga psíquica. Segundo Knobel (1981) a estabilização da personalidade não se consegue sem passar por um certo grau de conduta patológica que, conforme o seu critério devemos considerar inerente à evolução normal desta etapa de vida, ou seja, a normalidade defendida por Knobel é a que muitas pessoas consideram anormal. Mas é normal o comportamento e crises de ânimo e humor desses adolescentes, pois fazem parte desse processo evolutivo.

Levando em consideração as idéias de Aberastury (1981) que o conflito de tornar-se adulto é desenrolado paralelamente ao luto pela perda da estrutura infantil, em que não é possível passar da adolescência sem uma conduta patológica, pois os lutos enfrentados pelos adolescentes são perdas que nunca mais voltarão por isso à adaptação ao novo traz o estresse, angústia.

Para Anna Freud (21) apud Knobel, é muito difícil assinalar o limite entre o normal e o patológico na adolescência, e considera que, na realidade toda comoção deste período da vida deve ser considerada como normal, assinalando também que seria anormal, a presença de um equilíbrio estável durante o processo adolescente.

Para Knobel a passagem por estes estados patológicos é a síndrome da adolescência normal, a qual todos os indivíduos passarão. Este estudo define as manifestações do adolescente como normal ao seu processo evolutivo de adolescente a vida adulta. Qualquer tipo de mudanças abala e desequilibra o ser humano, não é diferente com a puberdade.

 

Principais Mudanças no Adolescente

O adolescente passa por um momento duplo, um de aquisições outra de perdas. A perda do corpo infantil é a mais significativa. O crescimento é rápido, segundo Fiori (1981-1982), além de rápido é desproporcional, os membros se alongam, o corpo emagrece, os ângulos se salientam. A mudança quase que brusca não permite uma adaptação harmônica dos processos. Nesta fase o adolescente se sente desajeitado, e realmente é devido o desequilíbrio do corpo que recentemente ganhou. O autor complementa que ele ama os pêlos que lhe dão status de adulto, mas apavora-se com as alterações que o jogam num caminho ainda desconhecido.

Essa mudança traz a bissexualidade perdida, voltando a fases anteriores do desenvolvimento, as crianças por volta de três anos de idade, segundo a teoria Freudiana, vivem a fase fálica, que não caracteriza a presença de dois genitais, o masculino e o feminino, mas a presença ou a ausência de pênis, ou seja, o menino tem a menina não tem. A vagina continua sendo desconhecida por muito tempo. Neste contexto o adolescente terá que se adaptar e aceitar-se com somente um dos lados e a sua reconstrução num mundo de sujeito.

Neste período a busca da identidade é fator de tensão porque é feito de maneira agressiva, o contato com seus amigos tem a intenção de uma nova identidade, ele procura se desprender de tudo que é infantil, por isso o clima com os pais fica abalado. Os pais antes eram os que davam rumo à identidade do filho, impondo gostos de acordo com a sua própria visão e o que deveria ser feito, agora o adolescente precisa se desprender de tudo que é infantil, ele tem o próprio gosto e já é capaz de fazer escolhas.

 

A Influência Social e Cultural na Adolescência

A adolescência como já disse tem suas mudanças, mas de certa forma é muito dependente dos fatores genéticos, sociais e culturais, cada um com suas peculiaridades e vulnerabilidades, esses fatores possivelmente transformam-se nos hábitos e comportamentos deste público.

Segundo Maria Ignes Saito (2008), a adolescência aparece como resultante da interação constante entre os processos do desenvolvimento biológico e psicoemocional, intimamente relacionados às tendências socioeconômicas e subordinadas à evolução de normas e valores dentro de culturas específicas.

A cultura segundo Salazar (apud) Saito, tem a propriedade de ser criação humana, sendo por sua vez criadora das condições do mundo humano. A cultura à qual o adolescente faz parte são determinantes específicos para a estruturação do pensamento, enfim das vulnerabilidades, que o emocional deles atinge e que dependem da sua realidade. As famílias “desestruturadas” consequentemente, estão sujeitas a tornar os adolescentes frágeis e vulneráveis, favorecendo os riscos emocionais. A família tem como principal identidade a proteção, amor, compromisso, respeito.

 

Considerações Finais:

Como vimos ao longo deste artigo foram citadas várias mudanças, que o adolescente encontra ao se deparar com a puberdade, que o levará por caminhos ainda desconhecidos e que farão mudar toda a estrutura, fisiológica, psicológica e social, a adaptação ao novo não é tarefa fácil para este indivíduo.

O estresse emocional é conseqüência sem escapatória, as dificuldades, humor, convivência familiar e social mudam seus valores, as situações criadas por estes adolescentes são muitas vezes contra a estrutura familiar, mas antes de qualquer coisa, eles devem ser aceitos conforme são, pois a principal busca destes é a própria identidade, que antes era papel dos pais, mas agora, necessitam ser indivíduos com próprias capacidades, e os seus comportamentos adversos, são forma de mostrar para as outras pessoas que são diferentes, são únicos, as atitudes rebeldes faz parte da construção da sua personalidade e deve ser aceito de forma normal, o que nem sempre é sabido por seus familiares e grupo social.

 

Bibliografia:

ABERASTURY, Arminda; Knobel, Mauricio. Trad. Suzana Maria Garagoray Balve. Adolescência normal: um enfoque Psicanalítico. Porto Alegre: Artes Médicas. 1981.

RAPPAPORT, Clara Regina; FIORI, Wagner Rocha et AL. A idade escolar e a adolescência. São Paulo: EPU, 1981-1982. p.11-45.

SAITO, Maria Ignez et AL. Adolescência: Prevenção e risco. 2.ed. São Paulo: Atheneu, 2008. p. 41-46.

 

 

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/psicologiaauto-ajuda-artigos/a-adolescencia-e-o-estresse-emocional-1478168.html

    Palavras-chave do artigo:

    adolescencia busca da identidade mudancas

    Comentar sobre o artigo

    Entrar no mundo dos adultos – desejado e temido – significa para o adolescente a perda definitiva de sua condição de criança. É o momento crucial na vida do homem e constitui a etapa decisiva de um processo de desprendimento que começou com o nascimento.

    Por: Alexandre da Silva Schornl Relacionamentos> Sexualidadel 05/08/2010 lAcessos: 566

    Na tentativa de se encontrar, de construir a sua própria identidade, os adolescentes criam os seus estilos, as suas regras, suas expressões e padrões de comportamento. Na maioria das vezes, indo contra tudo que os adultos ditam, num ímpeto de desafiar a sua aprovação...

    Por: Denise Sallesl Psicologia&Auto-Ajudal 27/11/2010 lAcessos: 2,730
    NÚCCIA GAIGHER MAGALHÃES

    O presente trabalho pretende então expor pontos observados em estudo sobre uso de drogas e a violência na adolescência, apresentando definições e características marcantes desta complexa fase do desenvolvimento humano, relacionando com a temática em foco. Este trabalho foi desenvolvido pela equipe de graduandos no 5º período do curso de Psicologia pela Faculdade Pitágoras, sob a orientação da Professora Mestre Ana Carolina Zeferino.

    Por: NÚCCIA GAIGHER MAGALHÃESl Psicologia&Auto-Ajudal 27/06/2009 lAcessos: 5,473 lComentário: 2

    O estudo a ser desenvolvido cujo tema será Gravidez na adolescência: depressão, ansiedade e fatores psicossociais, pretende responder a seguinte problemática: adolescentes grávidas que apresentam transtornos psicológicos, tais como a depressão e a ansiedade? Quando presentes, esses transtornos estão relacionados com a gravidez precoce ou à variáveis psicossocias da própria vida da adolescente, como história de abuso sexual, de agressão física, situação conjugal e apoio social?

    Por: Albertol Psicologia&Auto-Ajudal 30/11/2012 lAcessos: 143
    Profª Bia Senday

    Alice no país das maravilhas, de Lewis Carroll, é um romance inglês moderno extremamente complexo que propõe as mais variadas interpretações por abordar em seu contexto assuntos de diferentes temáticas. Através deste artigo, por meio de uma pesquisa bibliográfica, pretende-se fazer uma análise de caráter interpretativo do romance Alice no País das Maravilhas.

    Por: Profª Bia Sendayl Literatura> Ficçãol 13/03/2010 lAcessos: 9,283 lComentário: 3
    Vallace ChricianoSouza Herran

    A adolescência é um período da vida do sujeito no qual acontecem diferentes transformações no campo físico, social e psicológico. E ententender como se dá esse processo é fundamental para se pensar em uma prática educativa que venha colaborarar efetivamente para o pleno desenvolvimento desse indivíduo.

    Por: Vallace ChricianoSouza Herranl Educaçãol 15/07/2011 lAcessos: 165

    Este artigo apresenta uma discussão acerca da Psicologia Clinica com o adolescente portador de transtornos da imagem corporal, tais como anorexia, bulimia e obesidade, contemplando, numa ótica psicanalítica, aspectos inconscientes que dinamizam essas perturbações emocionais.

    Por: VANESSA PEDROSAl Psicologia&Auto-Ajuda> Psicoterapial 04/11/2009 lAcessos: 2,336
    Hellen Bessa de Oliveira

    Este trabalho tem como objetivo apresentar uma leitura sobre como está sendo tratada a questão da sexualidade na escola.

    Por: Hellen Bessa de Oliveiral Educação> Educação Infantill 28/05/2013 lAcessos: 127

    Este artigo tem por objetivo compreender como a política do Sistema Único da Assistência Social tem refletido na Instituição de Acolhimento de Crianças e Adolescentes (Casa-Lar) e assim identificar como o assistente social atua neste território. Mesmo que se trate de uma política voltada à um publico em vulnerabilidade social, as crianças tem sido assistidas em sua integralidade, buscando reintegrá-las a um lar que possa amá-las e respeitá-las como crianças e adolescentes portadoras de direi

    Por: Agta Amoriml Lar e Família> Adolescentesl 05/09/2014 lAcessos: 22
    Tiago

    O mergulho interior é o caminho para a descoberta a que todos necessitamos e batalhamos em desvendar, a essência e parte desta descoberta surge quando a pessoa se dá conta que as respostas se encontram nela mesma, ou seja dentro de você!

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 18/10/2014
    Tiago

    Aprenda a transformar e manifestar seus poderes únicos sobre qualquer área de sua vida, envie luz e amor para qualquer local do mundo,intensifique a alegria e a felicidade de viver, proporcione a diversão e tranquilidade a si mesmo.

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 15/10/2014

    A ansiedade é um sentimento caracterizado de desconforto ou tensão decorrido da antecipação de perigo, de algo desconhecido. Um estado de humor desconfortável, gerando inquietação e apreensão interna em relação ao futuro. Quando muito exacerbada, causa prejuízo na vida do indivíduo e desenvolve o Transtorno de ansiedade Generalizada, que é uma ansiedade crônica, que geralmente leva o paciente a sofrer com exagero estado de ansiedade durante muito tempo. Objetivo principal foi pesquisar se o Tra

    Por: ELIZETE RIBEIRO SALESl Psicologia&Auto-Ajudal 14/10/2014 lAcessos: 11
    Tiago

    Chega de falsos conceitos, aproveite a vida e realize seus sonhos como sempre almejou ,agora é o momento entregue-se ao seu poder de criação!

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 14/10/2014
    Tiago

    Há reservado o momento em que os caminhos se liberarão e cada um e acordo com suas consciência escolhera qual melhor seguirá.

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 11/10/2014
    Tiago

    Ajude na cocriação de um ambiente onde a ajuda mútua, o carinho, a compreensão e a gentileza façam parte de sua vida seja da melhor forma que preferir...

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 07/10/2014
    Tiago

    Há muito mais em nosso grandioso planeta Terra que ainda é mantido em segredo, assim como alguns portais de transporte dimensional que estão abertos e revelados para quem quiser aventurar-se basta apenas elevar a consciência e descobrir os muitos mundos existentes pelo maravilhoso Universo.

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 06/10/2014 lAcessos: 13
    Tiago

    Cada passo dado uma conquista inesperada,a alma de um guerreiro é cercada de mistério com desafios e ações de seu aprimoramento natural...O guerreio já está desperto!

    Por: Tiagol Psicologia&Auto-Ajudal 06/10/2014

    Comments on this article

    0
    Reginaldo Rodrigues 11/01/2010
    Parabéns pelo texto!
    Fase difícil, ainda mais pra quem é pai... Abraço!
    PS: Se tiver um tempinho faça uma visita aos meus textos.
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast